História Instagram of Jariana - Capítulo 125


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Justin Bieber
Personagens Ariana Grande, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Justin Bieber
Tags Gr33dy, Instagram, Jariana
Visualizações 320
Palavras 1.316
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Poesias, Romance e Novela, Saga, Suspense
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


POR FAVOR NÃO IGNOREM!

1) Olha de tantas outras contas que eu fiz fanfics, esse foi o meu "melhor" hot que eu pude criar. Eu não achei tão legal assim, mas gostei um pouquinho.
2) É meio constragedor eu escrever hots, pois vira e mexe sempre tem alguém me perguntando o que eu faço tanto no PC e eu tenho que dar aquela mentira...
3) Eu me inspirei na minha imaginação, tentei imaginar como seria e fui escrevendo. Se ficar muito confuso me perdoem.
4) Acho que fazer P.V.O's/Hots nunca foi o meu forte.
5) Conteúdo explícito +18.

É isso, fiquem com o cap.

Capítulo 125 - Point Of Vision Hot


Fanfic / Fanfiction Instagram of Jariana - Capítulo 125 - Point Of Vision Hot


P.V.On Justin Bieber

03:26 AM,  Sexta-Feira.

Um sorriso forma em meu rosto com a seguinte resposta que a mesma me enviou. Guardo meu celular no bolso e abro uma cerveja tomando a mesma apreciando a rua deserta. Beber na calçada virou um dos meus hobbies ultimamente, me faz esquecer alguns problemas em minha vida e me afastar de tudo e todos.

- Eae cara, o que ela respondeu pra você dar esse sorriso de quem peidou em público e saiu baixo? –  diz Chaz fazendo Chris e Ryan rirem com a pergunta. As vezes eu esqueço que eles também estão aqui.

- Não interessa pra você, palhaço. - digo rindo tomando outro gole da mesma cerveja.

- Ele ta pistola, ele! Que foi, a patroa mandou você voltar pra casa? – Ryan fazendo comentários desnecessários.

O encaro fechando meu punho indo em direção a cara dele o deixando assustado, mas paro e mostro meu dedo do meio fazendo eles rirem.

- E o cu ficou como Ryan? Assim ó...-  forma com uma das mãos Chris formando um “o” bem pequeno.

Me levanto acabando com todo o liquido da garrafa de cerveja em minhas mão, indo em direção ao meu carro. Despeço-me dos meninos e dou a marcha indo para a casa.

No caminho lembro-me daquela mensagem pensando sobre essa tal surpresa que a mesma mencionou... Ah quantos pensamentos indecentes me vêm a cabeça.  Passo a língua em meus beiços e acelero o carro.

P.V.On Ariana Grande

03:40 AM, Sexta- Feira.

- Aonde será que ele está? – bato meus dedos na cama.

Pego o meu celular vendo as “nóticias” da qual eu e Justin havíamos terminados.

“Esse povo não tem o que inventar...”- penso.

Ouço de fundo um som estrondoso de porta batendo, pego um hobby de seda preto e corro até a entrada. Olho ao redor não vejo ninguém, apenas uma porta abrindo com o vento que sopra por fora. Confusa e ao mesmo tempo assustada, subo indo ao quarto de Jaxon observando por um tempo Jazmyn que se voluntariou a dormir no berço com seu irmão. Deposito um beijo de leve na testa de ambos quando de repente sinto um vulto correr atrás de mim, na mesma hora me viro e vou de encontro ao meu quarto.
Novamente não era nada. Frustrada, me observo no espelho vendo minha lingerie preta, solto meu cabelo deixando as mechas caírem sobre os meus ombros.

- “Nada mal.” – penso e ao mesmo tempo ouço uma voz dizer a mesma coisa.

Olho para a porta através do espelho vendo Justin escorado na porta, me viro para encarar o loiro e sorrio para o mesmo.

- Você gosta do que vê? – digo jogando meus cabelos para trás deixando a alça do hobby cair deixando meu ombros a mostra.

Ele apenas molha seus lábios como sempre, me olhando como se eu fosse uma obra de arte em exposição. Adoro receber sua atenção, caminho até ele envolvendo minhas mão em seu pescoço e começo a encarar o garoto.

- Já vi que sensualizar não é muito o seu forte...- diz rindo me contagiando também, desço minha mão sobre seu abdômen e volto a observar-lo.

- Não é o que seu amiguinho de baixo diz. – falo e ele fica sem graça rindo comigo.

Ele me aperta contra seu corpo, acaricia meu queixo passando seu dedo indicador em meus lábios. Sinto seu hálito de cerveja... “ Outra vez com seus amigos...” penso. O loiro aproxima minha boca na sua iniciando um perfeito beijo para o momento, era como se nossas línguas estivessem em uma dança bem decorada. O ar foi o único problema, mas iniciamos outros e mais outros beijos.

Justin tira meu hobby me pegando no colo e me jogando na cama em seguida, encara meu corpo de cima a baixo enquanto sobe na cama ficando por cima de mim vindo com seu beijos viciantes.

- Eu amo o gosto dos seus lábios. – digo e ele sorri.

 Começou  beijando meu queixo, descendo para o meu pescoço o que me fez arrepiar, seguido pela barriga, e por último foi o fino tecido que cobria minha intimidade.
Levantou-se o olhar para mim, vendo minha reação “parou porque?” eu a descrevia. Ele abre minhas pernas carinhosamente e tira minha calcinha. Sinto seus dedos brincando com meu clitóris em seguido penetrando minha entrada, arfo baixo e mordo meu lábio inferior ao senti que o mesmo mordia e sugava o bico do meu peito esquerdo. Justin para tudo e me beija com todo o seu calor, ele tira sua blusa e eu sento na cama para desfazer de seu cinto abaixando suas calças em seguida admirando sua cueca da Calvin Klein, a marca que o mesmo usa sempre.

- Novo modelo? – me refiro a cueca.

- Sim, gostou?

- Meh... Prefiro sem. – digo abaixando a mesma revelando seu membro duro.

Justin solta uma risada nasal e volta para o que estávamos fazendo enquanto põe a camisinnha em seu membro.  O sinto me penetrar com movimentos leves, como ele sempre faz, acho que ele não se toca que já passou duas cabeças por aqui e movimentos calmos quase prando não iram me satisfazer.

- M-mais rápido! – digo e ele na mesma hora atende meu pedido.

Arqueio minhas costas e gemo seu nome meio alto, cravo minhas unhas em suas costas mordendo seu ombro de leve, enquanto o mesmo geme baixo segurando a almofada que impedia a cama de fazer barulhos altos voltando a dar chupões em meu pescoço. Minutos se passaram e senti que já estava chegando o meu ápice.

- J-jus...tiiin... – mal cabiam palavras na minha boca, o que se ouvia eram gemidos abafados.

- Isso baby, se entrega... Se entrega para mim...- diz mordendo minha orelha me fazendo arrepiar com tal ato e palavras.

- Mmm... – isso foi o que saiu de minha boca antes de chegar ao ápice.

Justin  continuou um pouco mais rápido e profundo, para ele o jogo não acaba até ele ser o último até o mesmo ser o último a gozar. Eu seguro seu cabelo com força para achar um meio de descontar todo o prazer que eu estou sentindo.
Ele acalma um pouco os movimentos devagares, provavelmente já soltou tudo o que tinha pra soltar. Sinto o mesmo sair de mim e amarrar o que sobrou na camisinha e jogar no banheiro do quarto.
E como sempre depois de uma das nossas transas, ele sempre sai sem dizer nada e vai para a banheira tomar seu banho. Meu celular vibra, provavelmente era Scott para dar detalhes sobre a próximo single. Ignoro e vejo que são  4:59, ouço Justin me chamar pedindo uma toalha, pego a mesma e me enrolo nela com meu celular na mão. Caminho até o banheiro e ele se encontrava admirando o teto.

- Bieber, sempre pensativo... – ele volta a sua atenção a mim. – Eu gosto de caras misteriosos. – digo e o mesmo sorri.

- Eu não gosto de garotas que atrapalham meus pensamentos. – ele diz irônico não tirando seu sorriso do rosto.

- Idiota. – digo tirando a toalha que cobria meu corpo nu jogando na cara dele enquanto eu entro na banheira.

- Quem te chamou pro meu banho?

O ignoro enquanto desbloqueio meu celular tirando uma foto do momento e publico no Instagram Stories.

- Sério quevai me ignorar? Nossa vou até terminar meu banho. – ele diz se levantando, rapidamente eu agarro sua mão e coloco meu celular num canto aleatório e seco.

- Já vai terminar seu banho? Mas ele nem começou, honey. – digo enquanto o loiro se senta abrindo um de seus sorrisos maliciosos.

Justin me puxa pela cintura e a água me faz ficar sentada em cima dele roçando em seu membro.

- 2º round? – ele pergunta me dando um selinho seguido de uma mordida no meu lábio inferior.

- 2º round. – confirmo sua pergunta sussurrando em seu ouvindo.

Por mais noites seguidas de banhos assim.


Notas Finais


Leiam as notas iniciais.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...