História Interchange of Hearts. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Personagens Originais, Youngjae, Yugyeom
Tags Bambam, Got7, Jackson, Jaebum, Jinyoung, Jyp, K-pop, Mark, Romance, Seoul, Viagem, Youngjae, Yugyeom
Exibições 59
Palavras 1.124
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Visual Novel
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá!
Sejam bem-vindos à minha nova fanfic. Espero que gostem! Ela é totalmente focada no Jaebum do GOT7 e no universo que os garotos estão inseridos. Tento ao máximo manter a realidade - fatos como localização ou lugares específicos, assim como horários e informações educativas.
Perdoem os erros ortográficos!
Ps: os dois primeiros capítulos são introdutórios :3

Capítulo 1 - 1st Chapter: Travelling Through Time


Fanfic / Fanfiction Interchange of Hearts. - Capítulo 1 - 1st Chapter: Travelling Through Time

Eles sempre dizem: “Estude e conseguirá ir longe”.

Nunca imaginei que isso fosse real nesse nosso sistema, até me ver sentada no aeroporto, aguardando o próximo voo para o Rio de Janeiro.
Meu nome é Gabi, moro em São Paulo e estudo Ciências Sociais.

Graças ao meu longo projeto de iniciação cientifica com a Srª Cecília sobre as influências das culturas ocidentais na população coreana, a Universidade Nacional de Seoul se interessou pelos meus estudos e, através do contato com a minha professora, decidiu que gostariam de me ter na Universidade. Ao receber a notícia fiquei milagrosamente sem expressão. Com toda a certeza, minha professora tava zoando com a minha cara. Não pode ser.

A Universidade Nacional de Seoul é uma das, se não a melhor, universidade da Coréia do Sul. Eles me convidaram após a minha professora publicar um dos meus artigos. Então, 6 meses depois, me encontrei em um aeroporto, tremendo de medo e completamente sozinha.

E não, eu não sabia nada de coreano.
“Embarque para o voo 727 de São Paulo para o Rio de Janeiro” Iniciou-se uma enorme fila nos portões. Seu entrasse no avião meia hora antes do voo, eu iria ficar sem Wi-fi. Então, esperei até o último minuto. O voo para o Rio não demorava quase nada.

Como eu mesma que tive que comprar a passagem de avião, acabei optando por aqueles cheios de escalas, afinal, eram os mais baratos. A iniciação cientifica me deu um pouco de dinheiro, mas tudo na Coréia seria pago, com exceção dos voos, o que me tranquilizou bastante, já que a condição financeira da minha família definitivamente não eram as melhores – eles colocaram todas as esperanças no meu futuro.

Já no avião, coloquei os fones e respirei fundo – começaria ali uma longa viagem.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

“CARNE???” gritou Jinyoung, confirmando o que o Manager acabou de dizer.
“CARNEEEEEEEEEEEEEEEE” repetiu BamBam, dando pulinhos desesperados atrás de seu Manager. Eles finalmente ganharam um churrasco pago pela empresa, após trabalharem tanto pelo Comeback.

Jaebum estava exausto e a única energia que restava em seu corpo era para se alimentar. Foi lavar o rosto e tirar a maquiagem para ir jantar com os garotos. Olhou no espelho, pensando: “Que bom que teremos um tempo livre antes do Comeback. Eu preciso respirar”. E saiu, pensando em quantos pedaços de carne ele conseguiria colocar na boca de uma vez só.

A janta, que não durou muito (pois os garotos estavam exaustos e esfomeados, então comeram rapidamente), foi maravilhosa. Provavelmente a melhor dos últimos meses. Todos eles levaram “lunch boxes” pra casa.
“Manager, vamos precisar acordar cedo?” Mark pergunta, antes de todos saírem da van.
“Não... GAROTOS, VOCÊS ESTÃO LIVRES POR UMA SEMANA! Aproveitem! Lembrem-se que não podem sair de Seoul e nem visitar sua família!” o Manager diz.
“Yaaaaaa” Todos dizem dessincronizada e exaustamente. O dia havia sido longuíssimo e todos só pensavam em banho e cama.
“EU SOU O PRIMEIRO NO BANHO!” grita Jackson
“Não se eu chegar lá mais rápido” falou Yugyeom baixinho, e saiu correndo com Jackson atrás.
“De onde essas crianças tiram energia?” disse JB

Mark e Youngjae riram. O primeiro foi para seu quarto e o segundo ficou na sala junto com JB, que esticou-se no sofá após largar os tênis na porta.
“Cansado?” perguntou Youngjae.
“Exausto. Se eu cochilar, você me acorda quando todos estiverem tomado banho? Eu sei que não vou conseguir entrar no chuveiro antes de todos irem primeiro mesmo...”
“Ta bem. Bom sonhos, hyung. Já, já te acordo”
“Ok” disse JB, que apagou segundos depois.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ficar no aeroporto é algo bem entediante. Havia separado algumas séries e filmes para assistir no caminho, a maior parte coreana. Apesar de ter um conhecimento muito grande sobre a cultura do país, a língua era algo que nunca fui boa em aprender. Como é tão diferente do português?

Comprei uma Sprite e coxinha. Resolvi aproveitar o restinho do Brasil enquanto podia. Comia enquanto assistia as pessoas pelo lugar.
“Oi. Posso me sentar aqui?” uma mulher bem mais velha pergunta, encostando na cadeira. Estranhei, mas concordei. “Meu nome é Julliana... Você também está esperando o voo para Roma?”
“Sim, como sabe?” perguntei, instigada
“Pela quantidade de coisas que você tem... Como dos próximos voos o mais longo é para Roma, imaginei que iria pra lá. Vai passar as férias?” ela pergunta, tirando o celular da bolsa e sentando-se. Fiquei me perguntando o motivo dela estar falando comigo. Era uma mulher bonita, com o cabelo feito e salto alto. Usava um vestido azul bem rente ao corpo, mostrando curvas bem... brasileiras. Enquanto eu parecia que ainda tinha 15 anos, com calça jeans, tênis e regata.
“Ah, não. Vou pegar uma escala para a Coréia do Sul para um intercâmbio. E você?”
“Nossa! Coréia do Sul? Que diferente! Vou para Roma sim, tenho família lá. Quanto tempo vai ficar na Coréia?”
“Dois anos! E você, na Roma?”
“Apenas três semanas... Nossa, dois anos? Você parece tão nova pra ficar longe por todo esse tempo... Não tá com medo?”
“Tô morrendo de medo! Nem me fale...” falei, olhando pra baixo. Julliana aproximou sua cadeira da minha e segurou minhas mãos. Aquela intimidade me assustou um pouco, então a encarei.
“Não se preocupe. Não tem forma melhor de crescer do que vivendo coisas completamente diferentes” ela disse, sorrindo. Seu sorriso era de alguém sábio. Eu correspondi o sorriso desconfortavelmente.
“Embarque para o voo 1084 para Roma” Quis sair correndo em direção aos portões nesse momento, mas fiquei ali segurando as mãos daquela mulher completamente desconhecida.
“Hey, vou embarcar agora. Sou da primeira classe... tenha um bom voo, criança. Te vejo lá! ” Ela disse e me fez um cafuné na cabeça, pegando a bolsa e indo confiantemente em direção aos portões. Fiquei a observando e me perguntei se realmente a veria novamente. Julliana...

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
“Hyung... Hyung... Acorda hyung!” Yugyeom sacudia JB como um saco de batatas na tentativa de acordá-lo, sem sucesso “JAEBUM HYUNG!” grita desesperadamente no seu ouvido.
“O QUEEEEEE?” JB levanta assustado, como se estivesse pegando fogo. Yugyeom cai na risada.
“Já tomamos banho. Você tá fedendo muito. Por favor, vá logo! ” Mark fala em tom de deboche.
“Oosh, que falta de consideração pelo Lider. Já vou, já vou” JB diz, mal abrindo os olhos.

Ouvem-se batidas fortes na porta do banheiro.
“DE NOVOOOO?” Jb grita debaixo do chuveiro.
“Hyuuung, VAMOS VER UM FILME, ANDA LOGO!” Bambam diz aos gritos. JB desliga o chuveiro e sai do banho apenas de cueca, secando o cabelo com a toalha.
“Sexy JB” diz Youngjae, e o líder dos garotos dá-lhe um golpe com a toalha molhada, que então dá risada e resolve ficar quieto.
Após 30 minutos de filme, todos os garotos caem no sono, espalhados pela sala.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...