História Internato Sobrenatural - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cara Delevingne, One Direction, Zayn Malik
Personagens Louis Tomlinson, Zayn Malik
Tags Internato Sobrenatural, Louis Tomlinson, Vampiro, Zayn Malik
Exibições 11
Palavras 1.134
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Tá meio bostinha na minha opinião

Capítulo 17 - Oh


ANNE S. POINT OF VIEW 

Zayn chegou cambaleando no corredor e eu o levei para seu quarto.
- Eu sinto tanto ódioooooo, ela é uma vadiaaaa. Como o Louiii foi gostar dela Anne? 
- Eu não sei ué
- Ela disse que ele ainda gosta dela -riu- Aquela putinha disse que ele tá comendo na mão dela - Disse levantando as mãos e eu senti um nó na barriga - Masssss eu duvido que o meu Loui seja idiota, não é Ann? 
Será que Zayn estava mesmo bêbado a ponto de dizer isso sem pensar ou estava dizendo querendo me magoar?
- Eu não sei Zayn!
- Você é uma tonta - Fez cara de nojo
- Sou?
- É. Vamox tirar ela daquiiiiiii 
- Me dê mais uns dias só. 
- Tá. 
Joguei Zayn em baixo do chuveiro e ele começou a tirar as suas roupas. 
- Não faz isso Zayn...
- Você já me viu pelado
- Sei disso, mas eu não tinha namorado na época - Bufei 
Deixei ele acabar seu banho sozinho e fiquei observando seu quarto. 
- Gostou da decoração? 
- É a igual à de todos os outros meninos ué
- Eu sei - Riu 
- Você podia me dizer por quê você a odeia 
- Não vai rolar gatinha 
- Então diz porque me odeia 
- Não odeio você. Só não vou com a sua cara.
- E meu pai? 
- O que tem ele? 
- Não se faz de desentendido Zayn 
- Ele é um idiota. Sem mais. 
- Só isso? 
- É só o que te interessa saber, que saco!
O mesmo se joga em sua cama. 
- Eu acho que vou voltar para o quarto do Louis....
- Voltaram a se falar? 
- Sim
- já conversaram sobre ela? 
- Hm.... Não, ele não quer
- Quer que eu fale com ele? 
- O que? Você vai me ajudar? Não acredito 
- Por favor não começa 
- Se você puder falar eu aceito. 
Voltei para o quarto de Louis e antes que pudesse entrar, Pattie sai do mesmo
- Olá querida
- O que você faz aqui? 
- Visitinha. Já que ele não foi lá no pub então eu vim vê-lo 
- Você sabe que não pode não é? Você não pode ficar em cima de um cara que tem namorada.
- Acontece que tanto eu como ele não estamos nem aí pra você meu amor. 
Sinto um ódio quando ouço suas palavras e minha vontade é voar em seu pescoço. Porém Louis não me perdoaria. 
- Se me dá licença vou entrar - Caminho para a porta de Louis e ela entra em minha frente
- Você sabe que esse namoro não vai durar muito. Não é?
Antes que responda, Zayn sai de seu quarto e nos vê. 
- Ia te procurar, esqueci de te dizer uma coisa - Ele diz se aproximando 
- Zayn, você veio embora mais cedo querido? 
- Não me faça bater em você Pattie, estou tentando ser civilizado ultimamente - Ele a olha e vejo o corpo de Pattie vacilar. Ela tinha medo dele. 
- Então você estava no quarto do Zayn? Louis vai adorar saber disso - Fala abrindo a porta porém Zayn a empurra.
- Você ficou louco? Não estava tentando ser civilizado? 
- Mudei de ideia
- Maldito! Você me odeia por que eu troquei você, pobrezinho 
- Pattie - Ele passa a mão nos cabelos dela - Eu gostava de foder você, gostava de como você era iludida por mim a ponto de deixar eu tirar sua virgindade porque estava entediado - Ele beija o pescoço dela - Só isso. Mas você nunca foi nada amor. E nunca vai ser. 
- Você não tem o direito de falar assim comigo! 
- TENHO! - Grita- Por que eu nunca obriguei você a nada, fez tudo porque queria e depois foi se fazer de vítima pro Louis. E ele, te deu atenção, e você o iludiu. 
- Eu vou matar você
Pattie pula em Zayn distribuindo tapas e ele a joga pro lado.
- Sua sorte é que Anne está aqui. Se não eu matava você.
- Que droga é essa? 
Todos nós olhamos para Louis parado, olhando tudo.
- Essa vadia quem começou - Pattie aponta pra mim
- Eu?
- Ela estava dando para o Zayn Louis, debaixo do seu nariz!
- O que?- Zayn e eu soltamos 
- Como assim?
- Ela estava saindo do quarto dele
- Anne - Ele me olha - É?
- Eu fui lá sim. Porque o Zayn me ligou bêbado. E não pra fazer sexo. 
- Eu não acreditaria nisso - Pattie diz 
- A qual é - Me pronuncio - Ninguém quer saber o que você faria, que saco!
- Então- Louis começa - Eu vou voltar a dormir 
Louis entra em seu quarto e nos 3 ficamos parados olhando
- Amanhã conversamos Anne - Zayn diz 






•••••••••••••••••••
        NARRADORA POINT OF VIEW      

 


Pattie passou a noite com Joseph. Quando Zayn lhe disse aquelas palavras, ela se sentiu um lixo, e instantaneamente precisava se sentir amada. Então procurou Joseph, que a tratou da melhor maneira possível Enquanto aproveitava o sexo.
Pattie pensou o quanto ainda gostava de Louis e se valia a pena destruir o relacionamento dele somente por dinheiro. Mas era uma promessa que ela havia feito pra ela, nunca mais amar ninguém, nem se importar com alguém. Ela precisava focar nisso, então não deveria fazer a mínima diferença se Louis se magoaria ou não.
Enquanto Joseph passava a mãe pelo corpo de Pattie contendo e tentando não pensar o quanto sua felicidade era imensa ao saber que tudo daria certo, o namoro de Anne com Louis estava com os dias contados. 
Joseph beijou a intimidade de Pattie e nessa hora ela se lembrou dos toques de Zayn, quando Joseph passou deus dedos, a mesma começou a imaginar as mãos de Zayn, maravilhosas como sempre foram. 
Joseph apertou sua bunda enquanto focava no que fazia, e ela não conseguia tirar Zayn de sua cabeça.
- Caralho - Disse gemendo 
Zayn estava mais presente nela do que deveria. 

 

••••••


Zayn se deitou devagar, lembrando todos os motivos que o fez odiar Pattie e todos os motivos que ele odiava Anne.
Puta merda
Elas eram tão diferentes 
E não havia motivos para que ele odiasse Anne, mas ele se sentia estanho na presença dela, presumiu que era ódio. 




-LOUIS VOCÊ TEM SIDO UM IDOTA - Anne gritou nervosa - Eu quem sou sua namorada, eu que você tem que defender. 
- Mas eu te defendo
- Não. Você não era assim quando eu te conheci - Lembrou - Por que você está diferente?
- Que exagero. O que quer que eu faça? Por um acaso você quer terminar?
 


Notas Finais


POR FAVOR COMENTEM :(


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...