História Interview with one direction - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Harrystyles, Imagine
Visualizações 29
Palavras 942
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ooooooiie OBG PELOS FAVSSSSSSSSS E COMENTÁRIOS KRLLLLLLLL 👌❤❤❤❤❤❤❤❤
Música=WHAT MAKES YOU BEAUTIFUL (oh oouu 😂❤)
SORRY PELOS ERROS!
BUOUA LEITURA 📖.

Capítulo 18 - Mesmo que pareça difícil


Fanfic / Fanfiction Interview with one direction - Capítulo 18 - Mesmo que pareça difícil



            -Agora, é só você ficar de repouso em casa. Tome esse remédio até acabar, e quando se sentir melhor com o braço, volte para tirar o gesso! okay? - O médico olha minha fixa. 


              - Okay... - olho para baixo. 


                 - Hm, você já pode ir. - ele sorri saindo do quarto. 


             - Obrigado doutor! - Harry agradece acompanhando o mesmo até a porta.- Pronto, podemos ir embora agora! - Harry fecha a porta caminhando até mim. 


     - Tá, só irei trocar de roupa, estou de camisola outra vez. 


      Ri de lado -Tá bom. Vou te esperar lá fora. - assento e ele sai.


       Me sento na cama pegando minha bolsa com roupas. Coloco uma jardineira de calças e um casaco de leve. Penteio meu cabelo os amarrando com um rabo de cavalo. Calço um tênis da Adidas e pronto.


         Ouço duas batidas na porta. E Harry diz:

         -Está pronta? - abro a porta e Harry quase cai. (por que estava encostado na mesma) seguro o riso mas não deu por muito tempo) Hahaha. - ri irônico-  


          - Okay, me desculpe não pude segurar. Mas vamos então?! - sai do quarto passando por ele. 


          - Vamos, tá bonita em! - Harry entrelaça nossas mãos caminhando até a o elevador. Fico meio desconfortável com seu ato, então por impulso tiro sua mão da minha. 

Entro na elevador e Harry em seguida, ficando ao meu lado e aperta o botão para descer. 

          

      - Obrigada por... Ter me ajudado! - mordo meu lábio tímida. 

          

       -Não é nada! Mas me deve uma em! - empurra com ombro a ombro. 


           -Aaai HARRY! Meu braço!!! - gemo de dor. 


       - Que?- pergunta confuso. Depois faz uma cara de tonto- Aah me desculpe (s/n)! Doeu muito? - tenta pegar mas o olho com cara de:Você aceita morrer? 


       -Sério essa pergunta Styles? - reviro os olhos. Sinto uma respiração quente perto do meu ouvido e nem vou ousar de olhar. 


          - Você está com o braço quebrado! Mas assim irá ficará com sua boca na minha. Que por a caso vai ficar meio que torta né. Por que vou te beijar tanto que mal vai se ver na minha cama. - Congelado ao ouvir aquilo. E por que gostei de ouvir isso? Ooh Harry começa a cantar baixinho - Você é insegura, não sei por quê

As pessoas olham quando você passa

Não precisa de maquiagem, não precisa se esconder

Sendo da maneira que você é, é suficiente

Todo mundo na sala consegue ver

Todo mundo, menos você

Baby você ilumina o meu mundo como ninguém

A maneira que você joga seu cabelo me deixa dominado

Mas quando você sorri para o chão, não é difícil adivinhar

Você não sabe

Você não sabe que você é linda

Se você visse o que eu posso ver

Você entenderia porque eu te quero tão desesperadamente

Agora eu estou olhando para você e eu não posso acreditar

Você não sabe

Você não sabe que você é linda

Mas é isso que te torna linda

Então vamos lá, você entendeu errado, 

Para provar que estou certo, coloquei isso na canção

Eu não sei por que você está tímida

E se virando quando eu olho em seus olhos... 

 

          -É minha música preferida de vocês... - comento para descontrair. 


            - Eu sei, por isso estou cantando. - Wow, agora com certeza estou igual uma pimenta



*******

      

         Saindo até estacionamento do hospital damos de cara com vários paparazzis (claramente a espera de Harry Styles), começamos a andar o mais rápido possível até chegar no carro, mas cada corridinha que dávamos os paparazzis chegavam mais perto de nós.  


         - Harry eles estão chegando mais perto! - aviso com pouco de medo. Já viram quando alguma mulher esta com algum famoso, as fãs ou paparazzis atacam os. Principalmente a pessoa que está com ele, e eu não quero meu rosto linchado!. Ele me olha nos olhos segurando minha mão com força. 


      -Não se preocupe, eu estou aqui com você! - assento me perdendo em suas esmeraldas brilhantes e hipnotizante olhos perfeitos. Nunca tinha percebido isso antes? O quão é lindo? MEU DEUS, O QUE ESTÁ ACONTECENDO COMIGO? 


         Corremos até o carro, Harry abre a porta para mim, entro rapidamente do banco de trás, foi quando alguém me puxa pelo braço quebrado me arrancando do carro e me jogando no chão. Olho do lado e parece que tudo está sobre câmera lenta, Harry correndo até mim, afasta a garota dos meus cabelos ele grita para eu entrar no carro. Me levanto as pressas, entrando no mesmo e fechando os vidros. Meu coração está à mil. Agora além do meu braço está doendo, minha cabeça também está. E isso foi a menina quase me mata. Ainda levou meu casaco. Não estou brincando! Parece que tudo ainda está em câmera lenta. Os flashs os fotógrafos com suas câmeras todos desesperados por uma foto, que possa desgraçar com a vida de quem é famoso. Isso não é vida para mim. Não mesmo...


          - Você está bem (s/n)? - sua voz parece estar longe, abafada. Mas na mesma hora tão perto. E tudo volta ao normal.


          - Es... Estou, bom... Eu acho. - sacudo minha cabeça tentando ficar melhor. - vamos pra casa Harry, por favor... - ele assenti se virando para dirigir. Encosto minha cabeça e tento esquecer do que houve à minutos atrás. (mesmo que pareça difícil). 


       Eu nunca passei por isso, nem mesmo quando trabalhava como jornalista. Se eu tirasse fotos com pessoas famosas e postasse nas redes sociais apenas ganhava alguns comentários maldosos. Mas nunca me passou pela cabeça que um dia aqueles comentários estariam tão claros para mim. 

      Era uma fã, me desculpe mas se todas forem assim eu não quero chegar perto de Harry nem morta. 

   






Notas Finais


Comenteweeeeeee. Favoritemmmmmmw


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...