História Into You (Jooheon- Monsta X) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias A.C.E, Monsta X
Personagens Donghun, Hyung Won, I'M, Joo Heon, Jun, Ki Hyun, Min Hyuk, Personagens Originais, Show Nu, Won Ho
Tags Imagine, Jooheon, Monsta X, Romance
Visualizações 36
Palavras 895
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Parte 3


Changkyun espera Hyungwon chegar para sentar em seu lugar, pois a qualquer momento Tayeon poderia aparecer e fazer algo contra Sohyun. Enquanto isso, a mesma estava vermelha de raiva, tentando se acalmar enquanto inspirava e suspirava devagar.

Jooheon entrou na sala junto com Hyungwon, batendo o pé fortemente. Ele estava furioso, assim como Sohyun. Antes de todos os professores chegarem, Jooheon vai até onde Sohyun estava sentada, chega bem perto de seu ouvido e sussurra.

JH: você ainda vai se arrepender muito de ter se metido comigo, garotinha.

Ele foi para longe da novata, fazendo-a se arrepiar com sua voz, por fim, ela finge não se importar, mesmo sabendo q se importa.

...

O sinal de saída finalmente toca. Sohyun precisava desesperadamente ir embora, ficar longe do alcance de Jooheon e seus amigos, apesar de se sentir segura perto de I.M e Hyungwon. Ela se levantou rápidamente de sua carteira, arrumou a mochila e saiu andando em direção à porta da frente, tentando passar despercebida pelo garoto das covinhas. Mas quando iria sair da sala, um aviãozinho de papel a acertou na cabeça, caindo no chão. Sohyun o abriu e se deparou com a mensagem.

"Pra que tanta pressa? ainda nem comecei".

"Okay, eu estou com medo" pensou a mais nova. Não se atreveu a olhar para o aluno, simplesmente saiu andando, jogando o papel no chão amassado.

Andando em direção ao seu colégio, sentiu que alguém a seguia, "Jooheon não, Jooheon não" pedia mentalmente. Virou-se pra trás, era ele, porém não estava sozinho, todos os 4 garotos que estavam no intervalo estavam lá também, mas ele estavam bem longe dela e pareciam não a ver, ou só fingiam.

Nesse mesmo momento, no grupo dos 5 amigos. Hyungwon puxou Changkyun para falar com ele enquanto os outros andavam.

HW- vc realmente acha que o Jooheon vai fazer algo contra Sohyun?

IM- Não é com ele que estou preocupado...

Chegando na rua de sua casa. Sohyun olha para trás e não vê ninguém. "Ótimo, eles sumiram". Pegou se computador e foi ver seu chat com Jun, havia uma mensagem.

Jun- Son, dsclp meu celular quebrou, vou comprar um novo amanhã.

SH- tudo bem.

Jun- como foi seu 1º dia?

SH- olha... não foi normal.

Jun- se meteu em encrenca no 1º dia? Pensei que quisesse ficar em paz.

SH- não previ isso. Mas foi necessário.

...

Mais tarde, Jooheon estava em sua casa, ele mora junto com seus 6 melhores amigos, no qual 5 fazem escola com ele e 2 estão na faculdade. Ele vai até o mais velho, Shownu, e fala que vai dar uma volta.

Andando pelas ruas com seu moletom e fone de ouvido, acidentalmente encontra a novata andando na rua. Pensa em ir até ela, mas ela estava mais esquisita que o normal. Estava com um casaco escuro e de capuz, andava rapidamente como se estivesse se escondendo de alguém. Ele decide segui-la. Só para quando ela chega em frente à prisão.

Jooheon de primeira acha q ela vai mudar seu caminho e ir pra outro lugar, mas depois percebe que é lá o seu destino mesmo. Ele fica totalmente confuso, observa de longe, atras de uma árvore, Sohyun entrando na penitenciária, os guardas acenando com a cabeça para ela, como se ja a conhecessem.

JH- mas que droga ela ta fazendo na prisão? - Ele pensa um pouco - Logo vou descobrir.

...

Sohyun entrou de novo em casa, dessa vez desanimada. Acabava de voltar da sua visita ao seu pai, na prisão. Ela sempre fazia isso 3 vezes ao ano, em 3 dias especiais. No aniversario dele, no dia dos pais e no natal. Odiava ir para a prisão visita-lo, mas não tinha como negar: apesar de tudo, ele aunda era seu pai, e ele ainda a amava, assim como ela. Ela não o culpa pelo ocorrido a uma ano atrás, e sim sua mãe, aquela vadia fez isso.

"Tudo bem, Sohyun, agora é seguir em frente, as coisas vão dar certo dessa vez." Passou a noite toda falando com seu amigo, Junhee, até não aguentar mais de sono e dormir.

(Outro dia)

Sohyun entrou na escola, ainda um pouco desacordada, procurando Changkyun ou Hyungwon, ou as meninas para dar um oi, mas percebeu que no seu caminho, os alunos a olhavam de cara feia e cochichavam algo, como se estive algo enorme escrito na sua testa. Continuava andando, sem entender nada, até que viu um cartaz grande, com sua foto nele e a foto de um homem... seu pai. Sohyun arregalou os olhos, o cartaz dizia:

"Yoo Sohyun, é filha de Yoo SangHyun, assassino preso há um ano." Um pouco mais embaixo, contava detalhadamente o crime cometido por seu pai. Sohyun, quando percebeu, estava com os olhos marejados, sentiu que todos a olhavam. Imediatamente, arrancou o cartaz, rasgando-o e amassando. Mas quando olhou ao redor, tinha vários iguais. Mas quem poderia ter descoberto isso?

SH- Lee Jooheon.

A Raiva consumiu a menina, sem duvida nenhuma, ignorou as pessoas falado dela e os cartazes por toda os corredores, só pensava em procurar uma pessoa, e sabia onde ela estaria.

No centro do colégio, la estava ele com seu grupo de amigos, rindo e se divertindo. Sem pensar duas vezes, Sohyun chegou neles, quando ele virou o rosto em sua direção, ela deu um tapa bem forte nele.

SH- seu cretino


Notas Finais


O que acharam? :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...