História Intrigas - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Assassinatos, Misterios, Romance
Exibições 8
Palavras 624
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 19 - À Procura da Verdade


Fanfic / Fanfiction Intrigas - Capítulo 19 - À Procura da Verdade

Nathália - Estranho isso. Será que ouvi bem? Ah, acho que estou ficando maluca. Bom vou lá ver os bebês da minha priminha.

No quarto onde Tamara está

Tamara - Ai gente estou louca pra ir pra casa, ter que ficar aqui durante um dia inteiro. Ninguém merece.

Mateus - Calma prima. É só um dia. Passa rápido.

Nathália Entra

Nathália - Licença. Cadê os bebês?

Tamara - É só um bebê. Uma menina Nathy. Nos enganamos. Não veio duas, apenas uma princesa. Thayane

Nathália - Poxa, trouxe tantos presentes. 

Rafael - Obrigado Nathy.

Nathália - Deixa eu ver essa coisa linda. Nossa. Sua cara Tamara. Tem nada do Rafa. 

Tamara - Sim, linda né?

Pouco tempo depois. Nathália, Mateus e Douglas estão lá na cantina

Nathália - Gente. Quando estava chegando eu vi o Doutor que tratava da Tamara durante a gravidez falando no celular sobre um sequestro de uma recém nascida, e que foi sorte os pais não querer saber antes se eram gemeos ou o sexo das crianças. E gente a Tamara e todos nós estávamos praticamente certos que ela estaria esperando gêmeos. E por fim vemos que é só uma menina.

Douglas - Você está querendo dizer que o médico veio e nos falou que era só uma menina e sequestrou a irmã da minha sobrinha?

Mateus - Nathy, tem certeza que você ouviu bem? Será que você se enganou?

Nathália - Também achei que estava enganada quando escutei, mas depois de ver que a Tamara só está com uma menina eu tenho quase certeza que ouvi muito bem.

Douglas - Vamos investigar isso. Por que se for verdade eu juro que mato esse desgraçado!

Mateus - Vamos investigar isso gente. Mas como?

Douglas - Eu tenho um plano pra começarmos.

Nathália - Qual? Fala!

Douglas - Amanhã a Tamara recebeu alta, com certeza o Marco Antonio estará aqui amanhã...

Nathália - ( interrompendo) Sim e daí.

Douglas - Porra deixa eu termimar de falar.

Nathália - Ai credo. Ta bom

Douglas - Ai você Nathália vai até o consultório dele e dá uma prensa no malandro! E tenta jogar um verde sacou? Enquanto isso fica Mateus na porta do consultório, caso dê ruim.

Nathália - Entendi. Ok, que horas a Tamara tem alta?

Diogo chega

Diogo - Mano, fica com o Max? Tenho reunião com aqueles clientes etc. 

Douglas - Pow mano, daqui vou pra empresa, mas fico com ele sim. Eu levo ele. Hoje só vou lá pra assinar uns documentos. 

Diogo - Tranquilo. Toma ele.

Douglas - (pegando Max no colo) Vem cá molecão com o titio mais gato que alguém podia ter.

Diogo - Egocêntrico! Bom vou lá gente. Toma a bolsa dele. Cuida dele hein.

Douglas - Pode deixar mano. Tá comigo, tá com Deus.

Mateus - Ah claro.

Diogo - Valeu. Tchau filhão

Diogo da um beijo em Max e sai.

Douglas - Então Nathy, chega aqui cedo você e Mateus. Eu estarei na empresa logo cedo, tenho reunião do fechamento da revista desse mês. Mas me mantenham informados de tudo.

Mateus - Pode deixar primo. Deixaremos você sempre informados.

Douglas - Bom pessoal vou indo com esse muleque aqui pra empresa. Vamos trabalhar com o titio? 

Max sorri. Douglas deixa dinheiro na mesa pra pagar a conta na cantina e sai com Max. Nos corredores

Cléo - Amor, estava te procurando. O que está fazendo com o Max?

Douglas - Diogo deixou comigo, ele foi para uma reunião. Estou indo pra empresa com ele só assinar uns documentos.

Cléo - Ah sim amor, posso ir com você? Ai ajudo você com o Max?

Douglas - Sim amor, vamos. Vou passar lá no quarto pra falar com a Tamara? 

No dia seguinte no consultório do Marco Antonio. Nathália entra

Marco Antonio - Pois não?

Nathália - Olha, vou direto ao ponto Dr. Ontem no estacionamento eu ouvi você falando de um sequestro de uma recém - nascida. Que história é essa?

Marco Antonio fica assustado




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...