História Intrigas - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Assassinatos, Misterios, Romance
Exibições 5
Palavras 386
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Sofrimento


Fanfic / Fanfiction Intrigas - Capítulo 7 - Sofrimento

Douglas abraça Diogo

Douglas - Calma irmão, estamos juntos.

Diogo - (choro) Irmão eu não entendo como isso ocorreu, a Marcella sempre teve uma maravilhosa saúde, sempre se cuidou muito e nessa gravidez redobrou os cuidados. Por que isso ocorreu?

Eleonora - Meu filho, Deus sabe o que faz, sei que dói perder alguém que nós passamos por uma perda muito grande e mais essa e duro mesmo. Mas agora tem que pensar nesse filho lindo que ela deixou. 

Diogo - É verdade! Meu filho agora precisa de mim! 

Tamara - Vamos lá conhecer Irmão.

Douglas - Vamos gente, vamos irmão

Diogo - Vamos, vocês tem razão!

No berçário

Diogo - (pegando o bebê) nossa, como é lindo! Como é a cara da mãe!

Douglas - É lindo irmão, seu filho, meu sobrinho é a coisa mais linda do mundo!

Algumas semanas depois. Quarto de Douglas.

Douglas - Olha paloma, está aqui a quantia de dinheiro. Uma boa quantia. E tem aqui tem uma passagem só de ida pro interior de São Paulo! Suma daqui com esse feto dentro da sua barriga e nunca ouse voltar!

Paloma - Ta ok Douglas! Estou indo! Mas o mundo dá voltas e o destino fará de tudo pra te deixar frente à frente com essa criança! 

Douglas - Eu não quero mais saber nada sobre essa criança e nem você. Agora suma, se não perderá o ônibus.

Paloma - Tchau Douglas!

Paloma sai, Cléo entra

Cléo - Douglas posso saber o que aquela empregadinha estava fazendo aqui? 

Douglas - Ela veio se despedir, está indo pro Interior. 

Cléo - Ah sim. Amor seu irmão chegou com o Max. Se mudaram de vez pra cá! 

Mateus e Nathália entram

Nathália - Cléo querida, podia deixar eu e meu irmão sozinhos com o Douglas. Precisamos conversar sério! 

Cléo - Claro gente. Vou lá paparicar o Max, ele é uma gostosura gente. Não vejo a hora de ter meu bebê com o Douglas! 

Douglas - Vai lá amor. 

Cléo sai.

Mateus - A gente tem que conversar sério Douglas! Precisamos da sua ajuda!

Douglas - O que houve gente? 

Mateus - O Alvarenga, parece que tem alguma prova que fui eu que matei o vô! Aquele advogado desgraçado contratou um detetive! E de acordo com informantes, sei que hoje a noite eles se encontrarão para entregar essas provas.

Douglas - Então hoje vamos matá-los

Douglas olha sério pra Nathália e Mateus.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...