História Invading My Dreams - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais, Suga
Tags Bts, Sook, Suga, Yoongi
Visualizações 26
Palavras 1.963
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


+1!! \o/

To com sono, então não tá 10/10
Eu daria um... 7/10
Mas ficou da horinha :p
Boa leitura!

Obs: a capa do cap. é um gif, se ela não estiver mexendo, desculpem, mas sabem como é....

Capítulo 7 - Dream 6 - I Want My Dreams to Come True!


Fanfic / Fanfiction Invading My Dreams - Capítulo 7 - Dream 6 - I Want My Dreams to Come True!

Pov’s Yoongi


Por pouco não conseguimos entrar na escola, saímos correndo para nossa sala e parecia que estávamos com sorte pois o professor ainda não havia chegado.


~ Uou, pura sorte - fala Sook me dando um sorriso e vamos para nossos lugares.


Se passam 10 minutos e nada de algum professor, a sala estava começando a fazer bagunça. Então, a coordenadora entra e todos se calam indo para seus lugares.


~ Bom dia, pessoal. Bem, o professor de matemática de vocês sofreu um acidente e infelizmente está internado no hospital.


~ Foi grave? - alguém pergunta.


~ Felizmente, não. Mas ele precisa de um bom tempo de recuperação. Então durante essa semana, enquanto procuramos por um professor para substitui-lo, vocês estarão dispensados das aulas de matemática.


~ Oh, mas oque vamos fazer?


~ Não queríamos fazer isso, mas, vão ter aula vaga, porém estaremos disponibilizando algumas atividades especiais para quem não quiser ficar desocupado.


Todos comemoram e a coordenadora nos libera, alguns saem da sala e outros ficam. Eu olho para Sook e pergunto oque ela quer fazer.


~ Porque não vamos jogar alguma coisa na quadra? - ela diz e os garotos concordam.


Ao chegarmos na quadra, ela está vazia. Começamos a decidir oque vamos jogar.


~ Basquete? - sugere Tae.


~ Aah, Handebol é legal, que tal? - fala Hoseok e todos desaprovam.


~ Já sei! - Jimin diz - Vamos jogar Vôlei!


Todos concordam e nos separanos em dois times pequenos:


Time Alpha:


Taehyung, Jin, Sook e Jungkook


Time Beta:


Namjoon, Jimin, Hoseok e eu



Arrumamos a rede na quadra e nos alongamos, minha atenção e chamada quando vejo Sook se alongando, a mesma tira sua blusa de frio e fica apenas com a camisa do uniforme, mesmo sabendo que está bem frio, depois começa a se alongar e bem… a saia do uniforme não é muito curta, mas é, hum… sugestiva, digamos assim, e mesmo estando de meia calça, foi difícil não olhar para a bela bunda de Sook quando a mesma se abaixou para tocar a ponta dos pés.


~ Vamos lá! Time Alpha, aqui! - Jungkook chama seu time e Jimin faz o mesmo com o time Beta.


Jimin como líder do time nos sugere algumas estratégias que parecem muito boas, ele tem uma boa experiência com basquete. Cada time vai para seu lado e o jogo se inicia com Sook sacando, um ótimo saque por sinal.


O jogo vai se desenrolando muito bem com o passar do tempo, ter Jungkook e Sook num mesmo time é difícil, ambos dão seu melhor, oque torna difícil marcar pontos. Mas após 20 minutos de jogo, minha equipe está, milagrosamente, na frente por apenas 1 ponto.


~ Hey, Kook! - Sook o chama e faz alguns gestos que não consigo decifrar - Fighting!


Todos do time deles também gritam e iniciamos o segundo tempo, marcamos um ponto mas após um tempo, Kook e Sook se unem e começam a mostrar sua força, marcam 4 pontos seguidos e ainda ganham um ponto a mais por causa de um saque torto de Namjoon, e o saque dele por um acaso rebate na parede e acerta Tae na cabeça.


~ Aww…! - o mesmo exclama enquanto esfrega a cabeça.


~ Ohh, desculpa, Tae! - Namjoon se desculpa e nós rimos.


Depois de apenas alguns poucos minutos, paramos de jogar a vamos beber água. Vejo Sook dar um abraço no Jungkook e fazer um toquinho com ele, eles conversam animadamente, oque me deixa um pouco incomodado, é… acho que seria ciúmes, mas não vou admitir isso (sorrisinho amarelo).


Após bebermos água, cada um resolve ir fazer alguma coisa diferente, eu vou atrás de Sook para saber oque ela quer fazer.


~ Oppa… não me sinto muito bem… - ela diz e cambaleia um pouco.


~ Sook! - eu corro para segurá-la antes que a mesma caia - Oque você tem?


~ Não consigo… respirar…


Eu a levo para sentar num lugar arejado, vamos para o lugarzinho especial dela, eu me sento e recosto-me na árvore, ela se senta entra minhas pernas e encosta em meu tronco, repousando sua cabeça em meu ombro.


~ Respire calmamente… - digo e seguro suas mãos, acariciando-as.


~ Esqueci que não podia jogar demais… - diz lentamente.


Eu beijo sua cabeça e abraço. Ficamos ali juntos durante um tempo, em silêncio, apenas aproveitando o momento.


~ Está melhor? - eu pergunto depois de um tempinho.


Ela assente.


~ Yoongi… Posso te perguntar uma coisa?


~ Claro - respondo.


~ Oque você pensou quando eu apareci aqui no dia em que nos conhecemos?


Eu paro para pensar. Naquele momento eu nem tive uma reação ao certo… Apenas fiquei petrificado pela beleza absurda da garota com quem andei sonhando nas últimas semanas.


~ Sendo sincero?


~ Ye - ela diz.


~ Hum… Eu apenas pensei em quão sortudo eu fui por conhecer uma garota tão linda.


~ Ah, para, você não está sendo sincero, Suga.


~ Estou sim. Pra falar a verdade, eu ficava te observando na sala, sem perceber, mas ainda assim, ficava te olhando… Depois, comecei a ter sonhos com você, eu achei estranho mas claro que por serem sonhos, eu não pude parar…


~ Isso… Isso é verdade? - ela olha para cima encarando meu rosto e eu afirmo.


~ Eu acordei várias vezes durante a noite por causa dos sonhos, ma nunca tive coragem de falar com você. Até que naquele dia, nem foi necessário, quem diria que estar no lugar errado poderia me fazer conhecer uma garota tão linda.


Ela ruboriza e dá um sorriso, suas mãos seguram as minhas e seus dedos se entrelaçam nos meus.


~ Suga, você gosta de mim? De verdade?


~ À princípio, quando comecei a pensar em você, antes de te conhecer, achava que era alguma loucura da minha mente. Mas agora, depois de ter conhecer, eu posso dizer que sim, eu gosto muito de você…


Ela abaixa o rosto, mas posso um enorme sorriso aparecer nele.


~ Me promete uma coisa, Suga?


~ Oque?


~ Que sempre vai estar ao meu lado?


~ Não importa oque for, Sook. Sempre vou estar ao seu lado - eu a faço olhar para mim e beijo sua testa, depois dou-lhe um selinho nos lábios.


Ficamos conversando sobre coisas aleatórias até que o sinal bate, indicando que as duas aulas de matemática acabaram e que agora seria outra matéria, então precisamos voltar pra sala.


~ Qual aula é agora? - pergunto.


~ Hã… É biologia!


Sook adora biologia e filosofia. Sempre fica empolgada quando temos essas matérias e tira as melhores notas nelas.


Vamos andando devagar até a sala, de mãos dadas, e quando chegamos na porta, Sook me para e me olha, ela abre a boca para dizer algo mas fecha e olha para o chão com receio.


~ Oque foi? - resolvo perguntar.


~ Hã… Não sei se devo perguntar… Você pode achar que sou estranha ou apressada…


~ Diga.


Ela me olha e então pergunta:


~ Oppa, se você gosta tanto de mim, porque não me pediu em namoro ainda?


Eu me surpreendo com sua pergunta, é uma boa pergunta, mas também não fico tão surpreso assim. Por fim, sorrio e respondo:


~ Não sei… Acho que pensei que se pedisse agora, você não iria aceitar, já que nos conhecemos à pouco tempo…


Uma de suas sobrancelhas se levanta enquanto a outra se abaixa, ela cruza os braços e me encara, séria.


~ Depois de tudo que fizemos juntos, você acha que isso importa?


Eu dou risada.


~ Okay. Me perdoe por não ter a pedido em namoro ainda, Sookie.


~ Não vai pedir agora?


Dessa vez eu a encaro seriamente, então olho para cima fazendo uma cara de pensativo e digo:


~ Não - entro na sala e a deixo ali.


Dou uma olhada para trás e a vejo me olhando de olhos arregalados, ela vêm atrás de mim.


~ Mas, oppa! Você disse que gosta de mim!


Seguro seu rosto entre minhas mãos.


~ Eu gosto muito, muito, demais, de você, Sookie. Mas não vou te pedir em namoro agora, não ainda.


Ela faz um beicinho triste e depois uma cara emburrada que me faz rir, ela é tão fofa!


~ Então… você não vai poder me tocar até me pedir em namoro! - ela diz e eu arqueio as sobrancelhas, que golpe baixo! - Sem namoro, sem beijo, sem ajuda especial, sem dormir na sua cama! Pronto!


~ M-Mas…! Sook! - ela sai andando e senta em seu lugar, ainda com uma cara séria.


Ainda incrédulo, eu sento em meu lugar e a professora de biologia chega.


~ Hey - Jin me chama sussurrando - Por está com essa cara?


Me inclino até ele.


~ Sook quer que eu a peça em namoro, mas eu não quero fazer isso agora, quero fazer de um jeito especial. Então ela ficou emburrada e disse que vou ficar em abstinência até que eu a peça em namoro!


Jin segura o riso, mas não consegue totalmente, dando o privilégio de toda a sala ouvir sua risada de limpador de janela (N/A: Aaah, como eu adoro essa risada do Jin! Tão amável! ♥).


Os outros garotos ficam curiosos e perguntam pro Jin o motivo dessa gargalhada. Mas o mesmo não responde, sabe que eles irão me irritar se souberem.


(...)


As aulas terminam e vamos embora. Eu e Sook andamos juntos, porém ela mantém uma certa distância.


~ Acha mesmo que vai aguentar ficar sem meu toque, Sook? - pergunto com um sorriso malandro.


~ Sim, eu vou.


~ Lembra de hoje de manhã? De como nós quase…


~ Shh!! - ela faz me impedindo de terminar, seu rosto esta está corado.


~ Lembra de ontem, quando te encurralei na parede? - me aproximo dela e sussurro em seu ouvido: - E como eu te fiz gozar só apertando meu pau contra sua intimidade…?


Ela arregala os olhos e fica mais vermelha, e também morde seu lábio inferior. Minha provocação está funcionando.


~ Ah, e quanto à ontem a noite, quando entrou no meu quarto e chupou meu…


~ Aigoo!! Pare de dizer essas coisas!! - ela diz e sai correndo.


Eu gargalho e corro atrás dela, que corre mais rápido. E correndo, nós chegamos mais rápido em casa, mas Sook entra voando pela porta e foge de mim, ela corre para seu quarto e quando vai fechar a porta, eu seguro a mesma e entro no quarto.


~ Y-Yoongi, você não vai… - ela recua até o canto do quarto.


Eu fecho a porta e tranco, com um sorriso malicioso nos lábios. Vou caminhando até ela lentamente. Sook encosta na parede e não tem mais pra onde ir, então encurralo-a e a beijo, com voracidade e intensidade. Sinto que ela fica excitada apenas com o beijo, sinto seu corpo ficar mais quente.


Descolo nossos lábios e volto para a porta, destrancando a mesma e saindo, mas digo algo antes de sair:


~ Boa sorte em ficar sem mim…


Vou para meu quarto e troco de roupa, coloco apenas uma calça de moletom e desço para a cozinha, encontro um bilhete no balcão, é da mãe da Sook:


Sook e Suga, tive uma emergência no trabalho e terei que ficar até mais tarde no trabalho, não esperem por mim, não deixem de comer e não vão dormir tarde!

Beijos,

Omma Minhyoon.


Eu sorrio ao ler o bilhete, nunca recebi um desse dos meus pais, eles são bons pais, mas nunca foram de dar muita atenção e afeto. Abro a geladeira e pego uma caixa de leite, coloco sobre a mesa e vou até um armário do outro lado pegar uma caixa de cereal, ouço a geladeira se abrir e me viro para olhar, me deparando com a linda bunda de Sook dentro de um short curto de malha, ela está inclinada olhando dentro da geladeira. É um jogo, já entendi.


~ Sook pode pegar uma colher pra mim? Ali na primeira gaveta - digo e a mesma se levanta para me olhar.


Seus olhos se arregalam ao ver meu tronco desnudo, ela não consegue disfarçar suas reações, oque é engraçado.


Ela pega uma colher e me dá, eu encho uma tigela com cereal e coloco leite. Nós comemos em silêncio e depois que terminamos arrumamos.


~ Que tal se jogarmos um jogo? - Sook pergunta com um sorriso levado no rosto.


~ Que jogo?


~ Twister…




(Continua…)


Notas Finais


Eaí? 10/10? 7/10? 0/10?
Espero que tenha ficado bom ^-^
Desculpem se tiver algum erro.
É só isso! Beijoos!! Até mais!

Ps.: Me dêem ideias de como pedir alguém em namoro! Não sou romântica então sou péssima nisso 😪

Ps2(não, não é o videogame :p): Me adicionem no Twitter ou Instagram se quiserem! Eu to tentando usar mais as redes sociais... Não sou uma pessoa muito sociável, então... sacomé ;u;

Twitter: @Little_Emmy16 (criei o twitter hoje, então não vão achar muita coisa se fuçarem, sorry!)

Instagram: @little.emmy16

Ps3: Não me julguem pela cara de novinha, sou uma pessoa muito madura (quando devo ser) 😌😌

Byyee!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...