História Irmã perdida - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, JR, Jungkook, Mark, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Bangtan Boys, Bts, Jeon Jungkook, Jungkook, Namjoon, Rap Monster
Exibições 110
Palavras 2.269
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fantasia, Hentai, Lemon, Romance e Novela
Avisos: Cross-dresser, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


E AÍ AMOREEEES ?
E depois de um tempinho, trago pra vocês um novo capítulo.

(Depois de muita pressão de uma amiga.. Né Samy e.e)

Enfim, espero que gostem ! Fighthing !

Boa leitura ❤

Capítulo 28 - Os três


Fanfic / Fanfiction Irmã perdida - Capítulo 28 - Os três

                     JUNGKOOK ON

Depois de receber um fora, fiquei estático ali no quarto da YangMi por alguns minutos. Suspirei. Claro, eu não gostei nada daquilo, ela podia ter me dado pelo menos um beijinho né ? Quando estava prestes a sair dali, vi uma saia, daquele tipo colegial em cima de uma mesa. Fui olhar, e vi o resto do uniforme, a blusa branca e o casaco amarelo, a gravata preta. Era o uniforme da minha antiga escola, YangMi iria usar aquilo ? Sorri. "Essa eu quero ver" pensei. Saí do quarto indo em direção as escadas.

                     JUNGKOOK OFF

"Namjoon ! Que saudades !" depois de gritar isso pra Coréia toda ouvir, pulei no colo de Namjoon que me recebeu com um sorriso no rosto.

- Mi ! - disse gritando de forma manhosa.

Ficamos abraçados por um tempo, até que ele me colocou no chão e me encarou.

- O que foi ? - perguntei.

- Você chegou ontem nessa casa e já transformou meu futuro estúdio em uma sala de dança !

- O que ?

- Eu disse a omma e ao appa que faria meu estúdio naquele espaço - bateu o pé no chão. "Parece uma criança, que ridículo" pensei - E você a transformou.

- Aah oppa ! Eu nem transformei taaanto assim. Apenas coloquei uns espelhos, umas caixas de som e o chão está limpo ! Se quiser você pode usar um canto da sala.

- O que ? "Um canto" ?

- Namjoon-ah ! Mal chegou e já está brigando com sua irmã ? - A omma apareceu segurando um livro.

- Omma.. ! - ele começou e foi cortado.

- Eu ouvi tudo. Anos atrás você disse que faria um estúdio lá e nada. Tem tantos outros quartos nessa casa e você vai implicar logo com aquele ? - ela o encarou séria.

- Mas.. - ele suspirou - Ok.

E eu o olhei com uma cara de "Chupa !" logo ele sorriu e foi abraçar a omma e a dizer o quanto sentiu a falta dela.

- Já contou a ele a novidade filha ?

- Que novida.. Que ela vai ser trainee ? Eu já sabia omma.

- Quem vai ser trainee ? - perguntou aquele ser que descia as escadas, vulgo Jeon Jungkook.

- Pois é.. Quem ? - disse Yoongi aparecendo do além. "Onde você tava Min Yoongi ?" pensei.

- A Mi gente. ChungHo a convenceu ontem.

- Jungkook-ah e Yoongi-ah - omma disse sorrindo - Quanto tempo hein meninos.. Deviam aparecer mais - ela foi até Jungkook e apertou suas bochechas. "Era só o que me faltava.. A omma adora Jungkook" revirei os olhos mentalmente.

- Como está senhora Choi ? - Yoongi perguntou.

- Muito bem, obrigada por perguntar. Onde estão os outros ?

- Já estão em casa noona - respondeu Jungkook.

- Ficam pra jantar ? Devem estar cansados. Depois voltam pro apartamento de vocês.

- Eu aceito - Yoongi disse.

- É.. - me encarou - Eu também - Jungkook disse.

- Ficamos aqui então. Mi, vai com a gente ? - Namjoon perguntou.

- O que ? Pra onde ? - perguntei.

- De volta pro dormitório - ele disse.

- Sobre isso.. - Yoongi começou - Acho que deve ir conosco, já que vai ser trainee na Big Hit e sem falar que moramos perto da sua escola até.

"Que droga hein Yoongi ? Como consegue ser tão cínico ? Vou querer explicações, aah se vou" pensei.

- Certo. Depois arrumo as minhas coisas - o encarei.

- Vou até a cozinha preparar tudo. Namjoon e Yoongi que tal vir comigo ? - omma perguntou.

- Tá - Yoongi foi na frente e Namjoon o seguiu.

Suspirei. Que desgraça... Caminhei até o sofá e me joguei no mesmo fechando os olhos.

- Você não me respondeu... - senti um peso perto dos meus pés, abri os olhos e vi Jungkook sentado na ponta do sofá me encarando - Se me desculpa ou não.

- Eu desculpo, já que não foi de propósito - disse seca - Mas não sou obrigada a te tratar bem - cruzei os braços, ainda estava deitada - Você que não me respondeu - ele me olhou confuso - Qual seu problema ? Você tem algum distúrbio de bipolaridade ?

- O que ? - eu descofiava que ele não lembraria disso, afinal eu perguntei a mesma coisa em nossa última briga. Bem, ele demorou um pouco, até que fez aquela cara de alguém que lembrou de algo.

- Idiota - bufei e me levantei, até que senti um puxão e eu caí em cima de Jungkook - Aish ! Me solta !

- Não !

- Isso é assédio sabia ? Você vai pra cadeia ! - ele riu

- Quem vai denunciar ? Você ? - disse ele me apertando contra seu corpo.

- Não duvida ! Me solta Jungkook !

Ele inverteu nossas posições e eu já estava por baixo dele no sofá. Minha respiração acelerou, mas de raiva, odiava ser forçada a fazer algo que não queria.

- Eu vou te chutar - o encarei.

- Ah não vai mesmo - ele se sentou em cima das minhas pernas.

Eu me debatia, mas como eu já sabia Jungkook era muito forte, o jeito era não resistir. Parei de me mexer e tentei controlar a respiração.

- Que droga viu ?! Tá ! Desisto !

- Até que enfim hein ? - disse ele - Agora sim vou sair de cima de você.

- Fez tudo isso pra que ?

- Só pra te ver assim, irritada - ele sorriu daquele jeito fofo - Ai ai.. - suspirou - Então quer dizer que você vai estudar na minha antiga escola.

-  E daí ? - disse eu me sentando e amarrando o cabelo.

- Nada.. Só acho que você vai ficar uma maravilha naquele uniforme.

- Uma maravilha ?

- Sim, uma mistura de tudo: Fofa, linda, gostosa, sexy.. Pode escolher.

- Não sei porque ainda perco meu tempo te escutando - revirei os olhos e saí da sala, indo em direção a cozinha.

- Ya ! Vai me deixar aqui sozinho ? - Jungkook gritou

- Isso mesmo ! - gritei de volta em português.

- O que disse ? - ele perguntou.

...

Depois do jantar silencioso, fui pro meu quarto arrumar minhas coisas, já que teria que voltar pro apartamento. "Aish !" pensava. Nem precisaria levar muita coisa, só levaria meus sapatos e o uniforme e algumas roupas do closet, já que trouxe apenas 1 mala do Brasil.

"Brasil... Meus pais.. Estou esquecendo deles. Preciso falar com eles".

Enquanto pensava nisso estava alheia ao que acontecia. Até que uma voz grossa me tira desses pensamentos.

- Pronta para trabalhar ?

Me virei. Yoongi estava encostado na porta do quarto me olhando. Não respondi, apenas continuei a arrumar minhas coisas e quando acabei, senti a respiração de Yoongi na minha nuca. Me arrepiei.

- Quero explicações sunbaenim, mas aqui não, as paredes tem ouvidos - consegui dizer.

- Eu sei. Todas as suas perguntas serão respondidas. Vamos.

Me virei e ele estava a centímetros longe de mim. Estendeu a mão e eu a segurei. Quando estávamos indo em direção as escadas, vi Yongnam se aproximar.

- Yongnam ! - a chamei.

- Sim unnie ?

- Que ? Sou sua unnie ?

- Não sei - ela riu.

- Depois vemos isso. Me dê seu número, tô voltando pro meu apartamento. Se quiser usar a sala enquanto eu estiver fora, pode usar.

- Sério mesmo ? - Ela se animou. Até que se deu conta de quem estava do meu lado. Assim que o viu, Yongnam imediatamente corou e se curvou. Yoongi apenas riu.

- Vamos - o puxei pela mão - Tchau Yongnam ! Até outro dia - sorri. Ela sorriu e acenou.

- Aaah aí estão vocês ! - Namjoon disse assim que nos viu descer da escada - Vamos logo, tô cansado.

- Tem certeza que não querem dormir aqui ? - Omma perguntou - Seu appa ainda nem chegou.

- Não dá omma - Namjoon a beijou na testa - Precisamos mesmo voltar.

- Foi muito bom vê-la novamente senhora Choi - Yoongi disse fazendo uma curta reverência.

- Digo o mesmo noona - Jungkook disse.

- Quando os documentos chegarem venho aqui ok omma ? - disse eu a abraçando.

- Está levando o uniforme ? Seus materiais ? - disse ela.

- Sim omma, estão todos aqui comigo.

- Cuide dessa saúde e cuide do seu irmão - ela sorriu.

- Vou cuidar - eu ri.

- Quem precisa de cuidados ? Eu que vou cuidar de você sua baixinha - disse Namjoon.

- Me chama de baixinha de novo e eu retiro tudo o que eu disse e te bato.

- Shhh - ele colocou o dedo indicador na boca e sorriu.

...

Chegando no prédio. Eu estranhamente me senti em casa, deve ser porque vim pra cá logo que cheguei, devo ter me apegado ao lugar. Jungkook e Yoongi se manteram longe de mim, o que foi um alívio, só Namjoon estava mais grudento que o normal. Pegamos o elevador e subimos. Chegando no nosso andar Jungkook e Yoongi foram entrando. Namjoon me desejou boa noite e me abraçou.

- Quando vai começar seu treinamento ? - ele perguntou.

- Não sei, ChungHo não me disse nada.

- Que estranho Mi.. Bem, acho que ele vai te ligar.

- É, preciso mesmo falar com ele. Preciso dizer que vou estudar.

- É bom mesmo. Mas como o ano já está acabando e só agora você vai começar a treinar, acho que vai dar sim - sorriu - Vou indo. Amanhã de manhã nos falamos.

- Tudo bem.

- Venha tomar café conosco ok ?

- Ok.

Entrei em meu apartamento. Saí ligando todas as luzes e fui direto pro quarto deixar minhas coisas, coloquei um chinelo e fui pra sala assistir televisão. Estava no comercial, algum drama devia estar passando. Me deitei no sofá e peguei o celular. Pela primeira vez desde que cheguei na Coréia, abri minhas redes sociais e fiquei boquiaberta com o que vi. Todas as minhas contas, Facebook, Twitter, Instagram.. Estavam lotadas de mensagens, solicitações, meus seguidores... Antes eu não chegava a 1k, agora... Já estava batendo os 10k. "Céus..." pensei. Havia muitos comentários em fotos antigas, e iam de frases de apoio e elogios à frases de ódio e hates eternos. E iam só aumentando, até que chegou em um ponto que meu celular travou.

Depois de um tempo, ele voltou ao normal e recebi uma mensagem.

Mensagens on

Yoongi: "Não durma. Só vou dar um tempo aqui e daqui a pouco vou aí com você".

Mensagens off

"Ainda tem você.." pensei. Já vi que aquela conversa ia virar a madrugada. Eu só podia esperar né, e enquanto fazia isso resolvi escutar música. Enquanto procurava qualquer uma que me agradasse, começou a tocar "Cypher pt. 2 Triptych".

"Nugu ttaemune? J-hope ttaemune

(Por causa de quem ? Por causa do J-hope)

Nugu ttaemune? Rapmon ttaemune

(Por causa de quem ? Por causa do Rapmon)

Dasi nugu ttaemune? Suga ttaemune

(Mais uma vez, por causa de quem ? Por causa do Suga)

Modeun seutailgwa heureumeun da Bangtan ttaemune

(Todo estilo e fluxo é por causa do Bangtan)

21segi hallyureul ikkeul

aedeurui tto sijakdoen nori

(As crianças que vão liderar a Hallyu do século 21 começaram a brincar)

Urin ilgop mari neukdae

hamseongiran yangdeureul mori

(Somos sete lobos reunindo os cordeiros com uma armadilha)

Jigeumbuteo boineun gojang

nan raepdeul gyeonin

(Arrasaremos com todo o rap ruim a partir de agora)

Haegaji urin gyesok jingyeok

biteu wiui geoin

(Continuamos dirigindo para frente os gigantes nas batidas)"

Sorri com esse começo. Continuei escutando. Nem percebi que havia adormecido, até Yoongi me balançar e me chamar.

- Acorda YangMi !

- O que ? Eu dormi ?

- Dormiu. E você tem o sono pesado. Levou um tempo até você acordar - me olhou com cara de bravo.

- Parece alguém que conheço - joguei a pequena indireta - Como entrou aqui ? Deixei a porta aberta ?

- Deixou - disse ele se sentando na ponta do sofá, perto da minha cabeça.

- Sim.. Quem vai começar a falar ? - disse eu me sentando de frente pra ele.

- Depende de por onde vamos começar - disse ele.

- Que tal.. Como você pode estar envolvido em tudo isso ?

- Uma coisa de cada vez.. Pra te contar tudo, vou ter que te contar uma parte da minha vida e isso vai levar tempo.

- Ok. Temos a madrugada toda.

- Ya ! Eu prezo muito o meu sono ok ? Não pense que vou ficar acordado todo esse tempo, preciso trabalhar pela manhã.

- Acha mesmo que você vai sair daqui tão cedo Min Yoongi ?

- Não me provoque falando informalmente comigo.

- Ninguém aqui quer te provocar - disse eu sorrindo.

- Sei - ele desviou o olhar - A propósito, abaixe essa blusa, não consigo me concentrar com essa mancha roxa me encarando.

- O que ? - baixei o olhar até minha barriga e realmente minha blusa estava levantada, deve ter enrolado enquanto eu dormia, a abaixei rapidamente e encarei Yoongi - ChungHo me disse que não foi só ele que pensou em mim, foi você que me indicou pra porra toda lá ?

- Não - ele sorriu - Eu apenas concordei com tudo.


Notas Finais


Hmmmm... EU E MEUS SUSPENSES MUHAHAHAHAHAHAHA !

E então gente ? O que acham ? Comentem !

Obrigada a todos os favoritos, já está chegando nos 100 *-*

Até o próximo cap. ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...