História Irmãos? Ou Namorados? - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias O Incrível Mundo de Gumball
Personagens Anais Watterson, Darwin Watterson, Gumball Watterson, Nicole Watterson, Personagens Originais, Ricardo Watterson
Tags Gumballxdarwin, Gumwin
Exibições 61
Palavras 1.009
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Lemon, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


mais de 400 exibições *chora* obg a todos sem vcs eu não seria nada
agr tenho uns avisos a dar :v
nas notas finais vai ter alguns spoilers dos próximos caps então caso vc não goste de spoiler nem leia elas :v só isso mesmo bora ler o esse cap maravilindo ;-; :P

Capítulo 7 - Eu...Eu Estou Oque?!


Fanfic / Fanfiction Irmãos? Ou Namorados? - Capítulo 7 - Eu...Eu Estou Oque?!

"-Oxe cara! Pensei que você já tinha ido pra escola com a Anais então fui sozinho -disse o azulado me abraçando.

-Pelo menos ele ta vivo, não é senhor Gumball? -disse a rosada olhando para Gumball com uma cara maliciosa.

-Sim. Bem vamos para a nossa sala eu tava vendo os horários e vi que nós pegamos a mesma sala. -disse o azulado alegre.

Fomos até a sala e sentei atrás de Gumball." 

Pov's Darwin On 

Dois meses tinham se passado, Gumball e eu estávamos em casa jogando video-game até ele queimar. Nossa pra que isso? Após ele queimar nós colocamos um pano em cima do aparelho e saímos correndo pro nosso quarto.

-Espero que ninguém perceba que quebramos o aparelho -diz o azulado rindo.

-Também espero -eu disse agarrando ele pelo pescoço. -lembra que você tinha uma surpresa pra mim?

Um mês atrás Gumball me pediu em namoro e eu aceitei, após me pedir em namoro ele disse que teria uma surpresa pra mim mas nunca me mostrou ela. Eu sempre enxia o saca dele perguntando sobre ela.

-Ah é! Eu tinha esquecido disso -disse o azulado me pegando no colo e me levando a cama dele.

-O-o que vai fazer? -eu disse olhando ele tirar sua camisa e logo após a minha.

-Shhh - disse o azulado levando um de seus dedos a minha boca com um olhar malicioso - você não queria uma surpresa?  

-Sim mas... Ah entendi a surpresa -eu disse.

-Entendeu? -disse o azulado confuso.

-Não na verdade -eu disse rindo. 

-Ah menino mal -disse o azulado com uma cara maliciosa tirando sua calça em seguida subindo em cima de mim.

-G-Gumball -eu disse tentando sair de baixo dele.

-Shhh fica quietinho... só vai doer um pouco... -disse o azulado tirando minha calça com a cueca junto.

Após ele tirar minha cueca ele tira a dele e coloca dois dedos em minha entrada. Eu gemia de dor, mas me acostumei.

-Calma garoto, esse é só o começo... vou começar agora -disse o azulado colocando seu pênis em minha entrada. o azulado estocava cada vez mais rápido. Quando achei que tinha acabado ele levou sua mão a meu pênis e começou a me masturbar 

-G-Gumball e-eu acho que vou... -eu disse me desfazendo na mão dele, logo senti um líquido entre minhas pernas. 

Ele se jogou em meu lado e ficamos nos encarando até adormecer. 

Um Mês Depois...

-Crianças desçam para tomar café! -gritou meu pai lá de baixo, acordando Gumball e eu.

-Já vamos! -disse o azulado levantando e indo ao banheiro. Logo após ele sair do banheiro eu entrei, escovei os dentes e desci para tomar café, eu estava meio enjoado e nem quis comer.

-Filho você está bem? -disse mamãe colocando uma  mão em minha testa. 

-Só estou enjoado, nada de mais -sorri forçado mas ela fala que eu não poderia ir a escola assim então ela pegou um remédio de enjoo e me deu. Eu fui até o sofá e sentei, peguei um livro e comecei a ler. 

-Se o Darwin não vai eu  também não vou! -disse o azulado batendo na mesa.

-Não senhor! -disse mamãe - o senhor vai a escola e ponto final! Aliás, você está atrasado! Vá direto ao ponto de ônibus agora! - nunca vi mamãe tão brava fiquei tão assustado que me encolhi no sofá mas pioro meu enjoo e corri até o banheiro vomitar. 

-Filho, está tudo bem? Precisamos conversar. - disse papai entrando no banheiro e colocando uma de suas mãos em meu ombro.

-S-sobre o que? -disse puxando a descarga -é sobre meu enjoo?

-Quase isso filho -disse papai enquanto me virava para encara-lo - Bem digamos que você... é hermafrodita.

O-o que isso significa? -eu disse confuso 

-Filho isso significa que você tem os órgãos sexuais femininos então se você tiver relações sexuais você pode engravidar. -quando ele disse isso eu quase desmaiei e ele me segurou - filho você por a caso tem uma relação com o Gumball?

-O-o que quer dizer com isso papai? -eu disse me apoiando na parede para não cair.

-Filho eu não vou te julgar se você for gay e... -ele foi interrompido por Nicole entrando no banheiro.

-Ah desculpe... Ricardo, já contou a ele? - ela disse nervosa.

-Sim, eu já contei -ele disse - e acho que o Gumball abusou dele e... -ele foi interrompido novamente por Nicole.

-E ele está grávido?! -disse Nicole aflita - Temos que fazer o teste agora! 

-P-pera! C-como assim teste? -eu disse confuso. 

-Filho, é o teste de gravidez. -disse Nicole tentando me acalmar. Mas não funcionou muito.

-E se der p-positivo? O que ele fará com o bebê? E quem será o pai? -disse Ricardo aflito.

-Espere Ricardo, vamos pensar nisso depois, primeiro vamos fazer o teste ai veremos o que fazer. -disse Nicole acalmando Ricardo.

Uma Hora depois...

Lá estava eu no meu quarto andando de um lado pro outro com o teste cor de rosa na mão esperando o resultado meus pais estavam sentados na cama de Gumball aflitos e olhavam para mim nervosos. Tínhamos que esperar 10 ou 15 minutos. Sei lá eu não vi quantos minutos era. Isso parecia uma eternidade. Finalmente deu os minutos e... puta que pariu deu positivo. E cai de joelhos no chão não acreditando no que tinha acontecido. Minha mãe ficou nervosa e pegou da minha mão o teste e sorrio e meu pai me abraçou chorando de... alegria? Eu não entendia nada apanas olhava eles chorarem e rir ao mesmo tempo.

-Eu vou ser vovó! -disse Nicole pulando de alegria - filho estou tão feliz que você terá um filho!

-I-isso não é ruim? -eu disse olhando para minha barriga e olhando para ela - se eu ter um filho e... minha barriga crescer vão me zoar na escola...

-Filho não se preocupe com isso enquanto você estiver grávido você não vai a aula e também Gumball te ajudará nos deveres de casa. -disse Ricardo.

Gumball... como ele reagirá quando eu contar a ele sobre isso?


Notas Finais


Bem gente eu vou dar alguns spoiler dos próximos caso vc não queira ver os spoilers não leia isto


" -Meu pai falou que antes de me adotarem eles viram na minha ficha lá no orfanato que eu era de um caso raro de "hermafrodita" eles não sabiam o que isto então procuraram na internet e viram que eu tinha órgãos sexuais femininos e se eu tiver relações sexuais eu posso engravidar."
" - Então... Gumball eu...
-Você o que? -disse o azulado me olhando confuso.
-Eu estou... grávido de você e...- fui interrompido pelo azulado desmaiando na cama."

Vejo vcs no próximo cap até


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...