História Irmãs Sakamaki-interativa - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Tags Irmãs Sakamaki
Exibições 37
Palavras 1.240
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ecchi, Escolar, Hentai, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Adultério, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


GENTE, eu amei escrever esse capítulo, treta!!
Amaya: cala a boca autora!!
Eu: é assim? Então, se prepare pro pior Amy querida

Capítulo 19 - Vampiros vs Demônios


Fanfic / Fanfiction Irmãs Sakamaki-interativa - Capítulo 19 - Vampiros vs Demônios

Anteriormente em Irmãs Sakamaki

Cap 18

Vamos brincar (parte 2(parte final))

Laito: bitch-chan, eu adoraria ter a sua presença em uma floresta escura e só nós dois sozinhos nela, invés deles, mas é perigoso de mais, não quero que se arrisque

Hana: ah, corta essa Laito!! Eu vou e estou pouco me fodendo para o que querem, acham ou façam

Reiji: quer saber, vocês podem vir, mas a Ana volta para a mansão

Ana: ACHO QUE NÃO MEU AMOR- diz entrando na floresta sendo seguida por Akilla, Mari e Hana

Ayato: vem princesa- diz segurando a mão dela e perguntando se estava bem, se tinha algo doendo e tals

Logo todos já estavam dentro da floresta e...

Atualmente em Irmãs Sakamaki

Cap 19

Vampiros vs Demônios

E mais um estrondo é ouvido, seguido de um clarão. Todos correm para o local da onde vinha o barulho é ao chegarem lá todas as árvores estavam queimadas, mas não de qualquer forma.

Subaru: será que dá para alguém explicar o que ouve aqui?

Laito: não é óbvio? As árvores pegaram fogo- diz como se fosse a coisa mais óbvia do mundo

Ana: errado! As árvores não pegaram fogo, olhem para seu entorno, é um círculo, elas não pegariam fogo em uma área determinada, elas...- faz uma pausa pensativa

Estranho1: elas foram incendiadas- diz se aproximando

Ayato: Mukamis! O que fazem aqui?- diz indo a frente do grupo e encarando Ruki

Estranho6: Carla, acho que estamos sendo ignorados

Laito: Tsukinamis! Que foi? Resolveram se juntar para nos atrapalhar?

Shin: acha realmente que perderíamos nosso tempo para vir atrapalhar vocês

Laito: acho, na verdade acho sim- diz revirando os olhos

Shin: ah, cala a boca!

Laito: vem calar- desafia

Shin: ora, se...

Carla: SHIN

Reiji: LAITO

Kanato: calem todos a boca! Temos mais com que nos preocupar- diz aborrecida

Azusa: cale a boca você também, o que mais teríamos para nos preocupar?

Mari: a-acho que com e-elas- diz apontando para as sombras que se aproximavam dos três grupos.

Akilla: o que são aquilo?- diz se agarrando ao braço de Subaru

Yuma: demônios!- diz calmamente

Hana: demônios, tipo, demônios?- diz dando ênfase ao segundo"demônios"

Shin: não, demônios, tipo, zumbis! É claro que são demônios

Laito: olhe bem como fala com minha bitch-chan

Shin: olha quem fala, não percebeu que está a chamando de puta?

Laito: claro que já, mas ela é a minha puta

Hana: LAITO!!- da vários tapas em seu braço

Amaya: PAREM OS TRÊS, NÃO PERCEBERAM AINDA?? NÓS...

Demônio 1: vocês vão morrer!- diz já bem próxima a eles

Ana: espera, eu conheço você, você estuda na nossa escola, Yumi- diz apontando para a segunda demônio

Yumi: meus parabéns, hahaha, não esperava que me reconhecesse, mas já que o fez, talvez eu te mate mais rápido e menos doloroso, mas só, talvez- diz com um sorriso psicopata

Ana: você não conseguiria me matar nem que tentasse- diz impedindo que Reiji ficasse a sua frente para a proteger

Yumi: hahaha, está me desafiando?- pergunta olhando para ela perturbadoramente

Ana: se assim quer interpretar?- diz sorrindo de canto erguendo as sombrancelhas

Reiji: Ana, pare antes que se machuque, você não sabe do que elas são capazes- diz pondo a mão em seu ob

Ana: e você do que EU sou capaz- diz um tanto aborrecida

Pov Shu

Depois de ter saído da sala eu fui para o meu quarto, deitei na cama e do nada comecei a pensar na pergunta do Subaru. Eu não sai por não querer resposponder, quer dizer, eu não sabia bem a resposta, ou será que sabia? Não, claro que não, ou sim? Acho que estou ficando louco.

Eu... Eu PRECISO saber o que sinto em relação a Kalidya.

Pov Mari

Sabe aquele pequeno ino?

Aquele: vai dá merda, vai dá merda.

Pois é, eu estou agora mesmo o cantando mentalmente, vai dá merda, se já não deu ainda, claro.

Eu: hei, garoto!- diz me jogando em cima de um dos garotos a qual o Ayato chamou de Mukami, para desviar de uma bola de fogo lançada pela... Meg? Sim, pela Meg. Eu não acredito que ela seja uma demônio também, mas ok, preciso tomar cuidado, mesmo que eu possa controlar o fogo e todos os outros elementos, é melhor me previnir, pois, ela pode ser mais forte do que parece.

Pov Akilla

Cristal? Não, não pode ser ela, ou pode? Sim, é a Cristal, minha parceira na aula de ciências. Mesmo sendo parceira dela, nós mal nos falamos, assim como eu, ela é bem fechada.

Logo uma lança feita de raios é lançada contra mim e eu rapidamente desviu dela logo me concentrando em invadir a mente da mesma.

Pov Hana

Eu não acredito! Essa vadia, oferecida é uma demônio? Fala sério! Além de dar em cima do MEU Laito, ainda vem querer me matar? Ah, essa eu não vou deixar barato.

Eu: ACHO BOM TAPAREM OS OUVIDOS!- digo para os Sakamakis, Mukamis e Tsukinamis e depois todos o fazerem, eu dou um grito tão alto que as demônio caém ajoelhadas no chão, com as mãos nos ouvidos e se contorcendo de dor

Hana 1 X demônios 0

Pov Ana

Não vou mentir dizendo que não ouvir o grito da Hana, mas com o poder de cura foi bem fácil fazer a dor acabar .

Então eu me transformou em um dragão dourado, usando meu poder de transformação.

Logo utilizo minhas garras para esmagar todas elas e ouvindo em seguida seus gritos de dor e que depois certa forma, me agradou (Kanato Laito da vida)

Pov Kalidya

Eu corrir para o meu quarto, as lágrimas caiam dos meus olhos sem sesar, eu não conseguiria as segurar mais, nem que eu quisesse.

Porque ele não respondeu? Porque não disse? Será que ele me ama? O que ele sente por mim?

Voz: ora, para de chorar sua idiota, você ainda não percebeu? Ele não te ama e NUNCA vai te amar!- soa uma voz no canto do meu quarto

Eu: q-quem está aí?

Voz: ora, não me reconhece- diz saindo das sombras- Kalidya?

Eu: Ui?

Ui: pelo visto não é tão burra quanto pensei- diz de certa forma brincalhona

Eu: mas... O que está fazendo aqui?

Ui: o que mais eu poderia ter vindo fazer aqui? Eu vim fazer meu trabalho- diz divertida se aproximando de Kalidya, até que seu sorriso some e ela corre em direção a Kalidya com suas garras para fora- EU VIM TE MATAR!!

Pov Amaya

Dizem que assumir o medo é uma coisa heróica e corajosa, mas me julgando agora, acredito que não seja bem isso.

Eu corria pela floresta, a Sakura estava me perseguindo, qual é a dela, é porque eu consegui em menos de um ano o que ela não conseguiu em quinze? Se for isso ela deveria desistir de uma vez

Então do nada sinto algo dentro de mim ganhar vida, eu já não conseguia mais me controlar, aos poucos uma aura vermelha me cercou e eu estava dominada pelo poder.

Eu paro de correr e me viro para encarar aquela demônio, assim que me viu parar, ela parou também, me olhando de forma maliciosa.

Sakura: resolveu parar de brincar de pega pega?

Eu: QUEM DISSE QUE ESTAMOS BRINCANDO!!!- grito correndo em sua direção ganhando impulso e logo fazendo uma Zanpakutou aparecer na minha mão e eu a perfuro, infelizmente não foi no coração, foi na barriga e após tirar a Zanpakutou dali, eu caio em pé, dobrando o joelho um pouco apenas.

E após me divertir vendo ela se contorcer ali, dou um chute nela fazendo a ficar com as costas no chão e olhar diretamente para mim.

Sakura: p-parabéns, você ve-venceu des-ta vez, ma-mas, essa n-não será a última vez que me ve-vera... Princesa A...ki...ra!- diz e depois acaba por desmaiar

O que? Princesa? Akira? Do que ela estava falando?

Ok, ela devia estar delirando.

Logo todos nós já tínhamos nos reunido em frente à floresta


Notas Finais


O que irá acontecer com Kalidya?
Qual o real sentimento de Shu pela Kali?
Qual o segredo por trás do que Sakura falou?
Vamos, façam suas apostas!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...