História Iron Love - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Acnologia, Aquarius, Carla (Charle), Droy, Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Happy, Igneel, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Levy McGarden, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Makarov Dreyar, Metalicana, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Pantherlily, Rogue Cheney, Taurus, Wendy Marvell
Tags Fairy Tail, Gale, Gruvia, Jerza, Nalu, Romance, Shoujo
Visualizações 150
Palavras 1.010
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi gente linda <3
Espero que gostem do capitulo de hoje, não serei tão malvada como no outro eu acho...
Beijos e boa leitura :3

Capítulo 8 - Motivos


Fanfic / Fanfiction Iron Love - Capítulo 8 - Motivos

*******************************Lucy*************************************

-Aí minhas costas.

Eu tentei me levantar e sentir algo me puxando...

-Luce.

Olhei para o rosado que parecia está tendo um ótimo sonho, então isso significava que a noite passada realmente aconteceu, comecei a sorrir e ele acordou.

-Luce, minhas costas doem.

Falou sonolento.

-Deve ser porque dormimos no chão Natsu, vamos descer para...

Antes que finalizasse ele me puxou para um beijo demorado e quente, quando nos separamos eu disse sem jeito...

-Vamos tomar café.

Ele sorriu e nós fomos em direção a cozinha, estávamos passando pela sala quando ele me parou e disse:

-O que é aquilo?

-Do que está falando Natsu?

Perguntei assustada.

-Aquela bolinha azulada...

-Ah Meu Deus.

Sair correndo.

-Levy-chan acorde.

Ela abriu os olhos lentamente.

-Bom dia Lu-chan.

Falou sem ânimo.

-Me desculpe Levy-chan eu esqueci, nós caímos no sono e por isso o Natsu estava no nosso quarto.

-Do que está falando Lu-chan?

Ela parecia confusa                       

-Luce acho que ela não sabe o que aconteceu...

Ele falou de modo distraído e eu dei um beliscão discreto nele.

-Lu-chan eu vou tomar um banho.

Levy-chan falou sem ânimo e se levantou.

-Tudo bem, eu e Natsu vamos te esperar para tomar café.

Sorri, mas ela pareceu não perceber e saiu sem dizer mais nada.

-Luce, porque a Levy estava chorando?

Natsu perguntou e eu o olhei confusa.

-Do que está falando?

-Você não percebeu?

Ele falou distraído.

-Natsu espere aqui.

Sair correndo atrás da Levy-chan, quando eu entrei no quarto ela estava sentada na cama pensativa.

-Levy-chan você está bem?

-Ele... Ele é um idiota Lu-chan.

Ela começou a chorar e eu a abracei.

-O que aconteceu Levy-chan?

Perguntei, mas ela não falava nada apenas chorava.

-Vou pegar água para você, não sai daqui.                       

Fui correndo na cozinha e quando cheguei Natsu estava fazendo café.

-O que aconteceu Luce?

-Você tinha razão Natsu, a Levy-chan não está bem, ela não para de chorar, não sei o que fazer...

Ele foi em direção ao quarto e eu o seguir.

-Levy posso sentar aqui?

Ele falava com um tom sério e ela apenas confirmou com a cabeça.

-Eu não sei o que ele fez, mas quero que saiba que estou ao seu lado, afinal sou seu amigo, não é?

Ele sorriu e contou algo para ele, mas eu não conseguir ouvir pois ela falava muito baixo e eu estava encostada na porta do quarto observando a cena. Depois disso ela o abraçou e começou a chorar.

-Porque você não toma um banho e a gente toma café?

Ele disse de forma calma, enquanto segurava a mão dela. Ela me olhou e eu dei um sorriso encorajando ela a se levantar.

-Tudo bem.

Finalmente ela se levantou e foi em direção ao banheiro.

-De quem vocês estavam falando?

Perguntei curiosa, mas Natsu pareceu não ouvir nada.

-Cuide da Levy.

Ele saiu e parecia muito irritado.          

**************************Gray*************************************

Acordei com o som do despertador do meu celular, me virei e vi uma garota de cabelos azuis que dormia tão bem que não ouviu o despertador, queria poder ficar ali, mas tínhamos aula e eu não queria que a Juvia levasse uma bronca da Charle, fui até a cozinha fiz um café e quando entrei no quarto Juvia estava sentada na cama com cara de espanto.

-O que houve Juvia?

Perguntei enquanto colocava as xicaras com café em cima do criado mudo.

-Nós fizemos aquilo Gray-Sama?

Ela me perguntou sem jeito.

-Você não lembra de nada? (Ela ficou mais espantada ainda e eu me apressei para explicar) -Não fizemos nada do que você ta pensando, a gente apenas assistiu uns filmes aqui no quarto e cochilamos só isso,

-Tudo bem.

Ela disse mais calma.

-Vamos nos arrumar para sair Juvia, temos aula hoje.

-Ela sorriu e concordou.

Terminamos nosso café e fomos para casa, quando cheguei em casa, vi uma cena interessante, Erza descia as escadas devagar, estava com os cabelos bagunçados e segurava os sapatos assim que me viu ficou espantada.

-Bom dia Erza, sua noite parece ter sido muito boa.

Estava me preparando para correr caso ela quisesse me bater, mas ela apenas corou e disse:

-Vo... Você não me viu aqui.

Comecei a rir e ela passou por mim, ia fazer mais uma piada, mas de repente Natsu invadiu a casa e passou pela gente, ele parecia com raiva.

-Ei Natsu, também não dormiu em casa?

Perguntei com um tom brincalhão, ele se virou e perguntou:

-Cadê o Gajeel?

-O que? Eu não sei.... Está fugindo da minha pergunta?

Ele subiu correndo sem dizer nada e eu sabia que tinha algo errado, procurei pela Erza, mas ela já subia as escadas novamente.

-Vamos Gray, algo não está certo.

Ouvimos um barulho e corremos quando chegamos no quarto vimos Natsu brigar com o Gajeel...

-Eu não quero nem saber os seus motivos, você a magoou muito seu idiota, ela chorou a noite toda e agora está depressiva...

Ele estava tão furioso, que achei que falava da Lucy.Jellal apareceu e se juntou a nós que apenas observávamos ele estava com cara de sono e parecia tentar entender o que acontecia.

-Você é meu amigo e sabe que eu odeio que machuquem meus amigos, o que você fez com a Levy foi horrível.

Gajeel se mantinha de cabeça baixa e apenas ouvia o que ele dizia, ele parecia não ter dormido direito, seus olhos estavam inchados.

-Eu poderia socar sua cara agora.

Disse Natsu por fim.

-Então me bata Natsu.

Gajeel falou sem ânimo e se levantou esperando pelo soco, Natsu já ia partir para cima quando eu, Jellal e Erza o seguramos.

-Você acha que uma garota daquela realmente ia querer algo comigo?

Gajeel falou meio triste e não olhava para nenhum de nós nos olhos.

-Eu apenas a livrei de uma noite de arrependimento.

Ele falou e sentou na cama, Natsu pareceu se acalmar e nós o soltamos.

-Saiam daqui por favor.

Gajeel disse e todos saímos, Natsu nos contou tudo o que ele sabia e Erza foi para casa mandando que nos arrumássemos para aula.

          


Notas Finais


O que vai ser do nosso casal favorito?
Aguardem e saberão.
Beijos e até a próxima. :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...