História Ironia do destino-SeokJin - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Jay Park
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Jay Park, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin
Exibições 22
Palavras 966
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Luta, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Homossexualidade, Mutilação, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Faltam só 6 provas para acabar!! Entro de férias dia 2 de dezembro e prometo que postarei com mais frequência!! Bjs! Aproveitem a história!

Capítulo 9 - Minha nova maninha! ( Ou não)


Fanfic / Fanfiction Ironia do destino-SeokJin - Capítulo 9 - Minha nova maninha! ( Ou não)


1 mês depois

As coisas vem dando muito certo desde  a o dia em que fomos para o parque de diversões.  Eu e o Jin só ficamos juntos o dia inteiro, um fofo. Minha mãe começou a namorar o senhor Min, e eu vou conhecer a filha dele em duas horas. Neste momento estou terminando de lavar a louça.  Passei a noite passada na casa do Jin, foi Hilário.  Hoje nós fizemos o almoço juntos, eu e os meninos temos ficado muito mais juntos. Tudo está realmente perfeito! Nada pode estragar isso tudo!

Subo para me arrumar. Tomo um banho, me visto e me maqueio.  Visto um vestido bege com um salto preto e desço as escadas.

- Mãe!!! Cadê você?

Não encontro minha mãe em lugar nenhum. Eu saio para olhar se ela está lá fora e a vejo encostada no carro falando no telefone. Pela cara dela, deve ser o senhor Min.

- Claro... Sim amor.... Chego aí em, 30 minutos. Beijos. Te amo!

Ela desliga e eu vou até ela.

- Oi mãe! Vamos?

- Sim filha! Uau! Esta linda meu bebê!

-Obrigada. 

Entrei no carro em silêncio.   Estava sorrindo, pensando nos momentos em que Jin e eu passamos... Como nos conhecemos, o primeiro beijo...

- Filhabo que tanto passa nessa sua cabecinha?

- Nada não.... Estava pensando em como será a minha irmã.

- Ah! Não se preocupe amor! Ela é linda, uma gracinha! Educada! Tenho certeza que vão se dar bem!

Depois dessa frase sorri e continuamos caminho ouvindo músicas da Beyoncé.  Depois de uma 7 músicas chegamos à casa do senhor Min. Agora meu padrasto. 

- Chegamos!- Ela diz feliz. É bom ver ela assim. Sorrindo feliz- Espero que se dê bem com a Li Sue.

Descemos do carro. Minha mãe tocou a campainha.  Logo o Song Min abriu a porta. Ele logo tratou de dar um abraço na minha mãe e eu o comprimentei ele com um aperto de mãos. 

- Olá! Que bom que vieram! Entrem! 

Pedi licença e entrei. Era uma casa elegante. Assim que parei de reparar na beleza da casa, olhei para uma garota no meio da sala, me olhando. Sorrio para ela, mas a mesma vira o rosto. Pelo visto ela não gostou de mim. Nos sentamos e senhor Min apresenta sua filha.

- Querida Heloisa, esta é a minha filha, Li Sue.  Li, essa é a filha de Helena, Heloisa.

- É um prazer te conhecer!

- O prazer é meu.

Ela diz, me olhando de cima a baixo, com o olhar raivoso. O clima entre nós duas ficou mais tenso depois que minha mãe se ofereceu para ajudar o senhor Min na cozinha. Ela me olhava com raiva, o que eu não entendi.

- Quantos anos você tem?- Ela diz arrogante. 

- Tenho 20. E você?

- 20.- Diz e vira a cara. - tem namorado?

 Diz ríspida e arrogante.

- Noivo.

Ela se calou e me olhou agora realmente com fúria no olhar.

Do nada ela levantou bruscamente do sofá e subiu as escadas batendo os pés. O que deu nela? É so isso que se passa na minha cabeça. Fiquei uns três minutos com cara de tacho até que minha mãe volta.

- Heloisa! Li Sue! O lanche está pronto!

A olho com medo.

- O que foi bebê? Onde está a Li?

- Ela foi para o quarto dela. Retocar a maquiagem.

- Ah sim. Chame ela por favor. O quarto dela é o terceiro à esquerda. Tem o nome dela é impossível errar.

- Ok...

Me  levanto e vou andando. Até qua acho. Era uma porta branca com uma plaquinha rosa escrito Li Sue com branco. Bato duas vezes.

- Li! O seu pai está te chamando para o lanche. 

- Já vou descer.

Depois de mais uma frase arrogante, eu desço meio culpada. Será que eu fiz algo errado ou estou tomando o lugar de alguém? Me sento na mesa. E logo Li Sue desce as escadas. Ela senta ao lado do pai e o abraça.  Agora entendi. Ela deve ser do tipo mimada ou ciumenta.  Como sem dizer uma palavra. Depois do lanche, o Song Min sugere:

- Heloisa.

- Sim?

- Sabe dançar?

- Sim porque?

- Você e Li poderiam fazer uma batalha de dança, enquanto eu e Helena vamos até o m... mercado.

- Por mim tudo bem senhor!

- Me chame apenas me Min. E você Li?- ele a olha fom um olhar ameacador e a mesma concorda com a cabeça. 

 -Ok. Amor pegue suas coisas e vamos sim?

- Claro amor!

 Eles se beijam e minha mãe pega a bolsa e eles vão para o carro.

- Então? Vamos jogar-pergunta novamente rude.

- Vamos.- respondo sem emoção. 

Tiramos os sapatos e colocamos para tocar Crazy, do 4minute. Confesso,ela se achava, mas dançava  feito uma galinha destroncada. Descobri que ela fez dois anos de dança. Com certeza jogados fora.

Depois de umas cinco músicas, ela já estava com raiva por não conseguir fazer as coreografias, que eu completava com facilidade. Ela ia subir quando seu pai  chegou a sala de estar, fazendo a mesma tirar a cara de má para de anjo bom.

- Oi papai! Nos divertimos muito!

Falsa....

- sim! É verdade! Dou meu melhor sorriso. Minha mãe estava do lado de braços cruzados. Ok. Eu não consigo mentir pra ela. Ela sempre descobre no final. Ah, como eu queria o Jin aqui comigo!

- Amor! Eu presciso ir!

- Mas já? Ainda são só 7:00 da noite! Jantem conosco!

- Fica para a próxima, eu tenho muito trabalho a fazer!

- Tudo bem amor. Nos vemos amanhã? 

- Amanhã- eles se beijam.

-Até Min! Até Li! Foi realmente muito bom passar a tarde com vocês!

- Volte sempre que puder heloisa.

Ok. Isso foi estranho. Já vi que não vai ser fácil. O pior é que amanhã o senhor Min e ela virão aqui para casa para conhecer o MEU noivo. Acho que só posso estar com ciumes. Não ! Sem sentimentos negativos. Relaxa. É melhor ela passar bem longe do Jin.


Notas Finais


Que comecem as tretas!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...