História Irresistible - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato, Fifth Harmony
Tags Derliah, Gauren, Imagine Lovatic, Lesbian For Demi
Exibições 87
Palavras 1.166
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá.

Capítulo 12 - I think love you and Work From home


Demi Lovato  Point of view

Beijava  Merliah com todo o amor do mundo, eu tirei seu vestido com um certo cuidado, pois eu não tinha pressa alguma.

Demi -Mel, tem certeza que quer fazer isso? Se você não quiser, eu posso parar  - Ela me interrompeu  sorrindo

Mel  - Quando você vai entender que eu te amo e te quero aqui e agora, hum? - beijou meu pescoço e eu suspirei.  - Eu sei que você também quer isso, então pra quê fugir? -acariciou meu rosto -parece até  que vai ser a sua primeira vez e não a minha -Eu não me contive e acabei gargalhando com aquele comentário.-Seja confiante, baby.

Demi -Eu vou tentar. -Sorri, e puxei Mel para um beijo,fazendo a minha namorada colocar suas pernas na minha cintura -Eu te amo - Murmurei entre os seus lábios e ela sorriu

Mel - Eu te amo muito mais. -sorri com aquilo e subi as escadas, indo para o meu quarto, enquanto Mel dava beijos molhados em meu pescoço e digamos que aquilo me deixava muito excitada.

Abri a porta do quarto com um pouco de dificuldade, já que Merliah rebolava em meu colo. Fechei a porta com os pés e andei lentamente até a minha cama.

Mel -Você tem roupas demais, Demi. -Suspirei fundo,ao ouvir sua voz carregada de excitação

Demi - Por quê você não me ajuda a tirar? -perguntei sorrindo safada e ela mordeu os lábios

Mel - farei isso com muito prazer, senhorita Lovato. - Ficou de joelhos na cama e praticamente rasgou meu vestido - pronto, estamos quites agora.

Deitei - me encima de Mel cuidadosamente e beijei seus lábios levemente, sem pressa.

Merliah, agarrou minha nuca arranhando levemente o local,fazendo - me arrepiar.

Minha língua deslizou facilmente por sua boca, de forma lenta e  torturante,me fazendo gemer seu nome, entre seus lábios e ela sorriu. Poucos minutos depois o ar fez falta e eu mordi seus lábios, deixando beijos por toda a extensão do seu pescoço, enquanto Mel puxava levemente meus cabelos.

Parei o que fazia e olhei para ela. Seus olhos verdes, tinha um tom de verde musgo,repleto de desejo, amor e  luxúria e aquilo fez o meu corpo esquentar .

Mel -Eu te amo, Demi. -eu sorri e beijei seus lábios expressando todo o amor que eu jamais havia sentido por outra pessoa.

Sua língua serpenteou meus lábios e eu logo cedi, suguei sua língua e ela gemeu. Suspirei, quebrando o beijo logo em seguida.

Voltei meus lábios para o seu pescoço, dando pequenas mordidas e chupões ao mesmo tempo e  logo os gemidos da minha namorada cortaram o quarto.

Desci os beijos para seus seios, ainda cobertos por seu sutiã, tirei o mesmo lentamente e sem me conter,abocanhei seu seio esquerdo fazendo movimentos circulares e dando pequenas mordidas e chupões em seus seios, fazendo-a se arrepiar e gemer meu nome novamente.

Mel -D-Demi. -gemeu com os olhos fechados. Puxando o meu cabelo sem pudor algum.

Minhas mãos vagavam pelo seu corpo, enquanto ainda tinha minha boca em seus seios.

Parei de brincar com seus seios  e desci meus beijos para a sua barriga e ela se contorceu na cama e eu arranhei a parte interna de sua coxa, tirando sua calcinha logo em seguida.
Logo coloquei minha língua ali, fazendo movimentos lentos e torturantes Mel, segurou meus cabelos enquanto gemia, não demorou muito para que ela logo tivesse seu primeiro orgasmo.

Merliah me puxou para cima e me deu um beijo apaixonado, eu suspirei.

Aquela noite seria longa.

Merliah Haverlly Jauregui Point of view

Os primeiros raios solares, bateram na janela do quarto de Demetria,abri meus olhos com uma certa dificuldade e deixei um largo sorriso escapar dos meus lábios assim que lembrei da noite de ontem,Demi  era incrivelmente encantadora. Suspirei alto antes de sair da cama e logo comecei a sentir o meu corpo todo dolorido.

Entrei debaixo do chuveiro, sentindo minhas costas arderem, gemi de dor. Aquela filha da... minha sogra me paga e muito caro. Tomei banho e lavei o meu cabelo, troquei de roupa e logo sai do banheiro, encontrando Demi deitada na sua cama e ao seu lado, havia uma bandeja com café da manhã, porque ela tem que ser tão perfeita?

Demi - Bom Dia, amor da minha vida. - Disse sorrindo e me deu um selinho. - Você dormiu bem?

Merliah - Bom Dia, mi amor. Eu dormi muito bem, mas a minha manhã está sendo um pouco dolorida. - Ela riu e eu bufei irritada. - Você vai pagar por isso, Demi. -Vociferei e ela assentiu rindo da minha cara.

Tomamos café da manhã entre risos e Beijos, mas eu sabia que Lauren me mataría quando visse todas as marcas que estavam no meu corpo.

Demi - Eu acho que te amo. - Disse com voz doce e havia um brilho intenso nos olhos dela.

Merliah -  A única certeza que eu tenho na minha vida é o meu amor por você, Demi. - Demi me olhou com os olhos marejados e eu puxei seu corpo para perto do meu, na intenção de abraçá-la.

Ela era a única pessoa que eu amei a minha vida inteira e se ela quiser, eu posso amá-la para sempre. Porque ela é meu tudo, sempre será.

Lauren Jauregui Point of view

Gabe, estava enlouquecendo. Desde que eu mostrei pra ela o clipe de Work From Home, ela não parou de colocar o clipe para repetir e eu já estava terrivelmente preocupada com ela. Tudo bem, que ela era uma Harmonizer, mas isso era assustador. Ela estava surtando e eu só conseguia observar sem fazer absolutamente nada. Ou seja, eu nunca mais faço um clipe dançando desse jeito porque minha namorada não para de babar por mim. Bufei e fui para a cozinha pegar um copo de água porque estava morrendo de calor, por um motivo desconhecido por mim, porque Los Angeles fazia frio. Senti alguém beijar meu pescoço e eu suspirei alto. Gabrielly,só podia ser ela ou seja lá quem foi o demônio que possuiu minha namorada.

Lauren - Gabe, é melhor você se controlar, amor. -Disse mordendo os lábios ao sentir um longo chupão em meu pescoço.

Gabe - Que se dane o controle, Lauren. - Disse baixo em um tom rouco e eu me arrepiei toda. - Eu quero você agora. -Disse baixo e eu assenti suspirando e ela me soltou.

Lauren -Certo, eu estou indo. -Disse baixo e ela sorriu travessa.

Deus, cadê a minha namorada? Quem é essa garota? Eu estou perdida.

Gabe - Acho melhor você se preparar, mi amor, porque definitivamente vamos trabalhar em casa hoje -Disse sorrindo, enquanto subia as escadas - ou melhor... Na cama. -Disse me arrepiando por inteira.

Mordi os lábios tentando conter o gemido de excitação e rapidamente subi as escadas, indo para o nosso quarto.

E de uma coisa eu claramente posso ter certeza : Aquela manhã seria longa e eu mal posso esperar para começar a trabalhar com casa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...