História Is it worth taking the risk? (Imagine Sehun) - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, BLANC7, EXO, MASC
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Heejae, Jean Paul, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, K-Kid, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Seungri, Shinwoo, Spax, Suga, Suho, T.O.P, Taeyang, Taichi, Tao, Teno, V, Woosoo, Xiumin
Tags Imagine Sehun
Visualizações 124
Palavras 2.008
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Ficção, Hentai, Mistério, Orange, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha eu aqui novamente!!!
Estou aqui com mais ele capítulo de vocês! (Dessa vez eu postei no prazo).
Mas além do capítulo fresquinho, eu também tenho uma coisa a falar... (NOTAS FINAIS)
Uma ótima leitura!❤

Até lá em baixo *evaporei*

Capítulo 12 - 12


Fanfic / Fanfiction Is it worth taking the risk? (Imagine Sehun) - Capítulo 12 - 12

 

Meu coração disparou e eu comecei a suar, estava super nervosa e morrendo de medo de algo dar errado.

 

-Amor? Você está bem?- Perguntava o Sehun me olhando.

 

-Q-quê? Há, estou s-sim.

 

-Sei que não está, vem vamos logo para o Poço do Sangue.

 

Ele me pegou no colo e saiu correndo comigo nos braços, alguns segundos depois ele parou em um lugar onde tinha um poço no centro.

 

-É aqui?

 

-É sim, os outros já estão vindo.

 

-Há.

 

-Sei que você está nervosa e com medo, mas...- Ele segurou meu rosto e me fez olhar nos olhos dele.- Não precisa ficar assim, vai dar tudo certo, apenas fique calma tá? Eu estou aqui com você, não vou deixar que nada de mal te aconteça.

 

Fiquei calma com aquelas palavras, o abracei e ele retribuiu o meu abraço e ficou fazendo cafuné em minha cabeça, senti alguém tocar o meu ombro e não era o Sehun pois uma mão dele estava na minha cabeça e a outra na minha cintura, saí do abraço e vi o T.O.P olhando para mim.

 

-Vá para perto do poço, falta apenas um minuto para que o processo comece.

 

Olhei para o Sehun e o mesmo fez um sinal com a cabeça para que eu fosse, dei um selinho nele e fui para perto do poço, quando fiquei bem no centro do local, o meu corpo começou a flutuar, a minha visão ficou em preto e branco, acho que meus olhos estão negros, algo começou a entrar dentro mim, presas começaram a nascer em minha boca, e alguns grunhidos começaram sair da minha boca, a sensação de algo entrando dentro de mim não parava e meu corpo estava começando a fraquejar. Até que depois de alguns segundos algo como uma explosão de vento saiu de mim e eu simplesmente apaguei.

 

(Sehun.On)

 

Estava correndo tudo corretamente, até que uma explosão saiu da mesma o que fez com que todos que estavam no local irem de encontro com o chão, ela apagou e aí caindo então eu corri e a paguei e fui até o T.O.P e os meninos.

 

-Como ela fez isso?- O Chen perguntou para o T.O.P.

 

-Uma explosão de poder. Ela será mais forte do que nós pensávamos.- O T.O.P respondeu.

 

-Quanto tempo foi?- Perguntou o Xiumin olhando para o T.O.P que estava com um cronômetro na mão.

 

-5 minutos, ou seja, deu tudo certo.- O T.O.P respondeu.

 

-Há, que bom!- Eu disse.

 

Se o processo durar mais ou menos de 5 minutos é por que deu alguma coisa errada, mas quando dura exatamente 5 minutos é porque deu tudo certo.

 

-Se eu não me engano agora ela vai ficar desacordada por 12 horas não é?- Perguntou o Namjoon.

 

-É, e quando ela acordar vai está morrendo de sede, temos que achar sangue para ela ou então ela vai atacar alguém, e não vai ser um de nós, e sim um humano.- Disse o T.O.P preocupado.

 

-O pior é que hoje é sábado/domingo e a parte de bolsas de sangue do hospital está fechada, ou seja alguém vai ter que dar do próprio sangue para ela.- Disse o Kris.

 

-Eu vou dar.- Eu me pronunciei.

 

-Pronto, tudo resolvido agora é só esperar as 12 horas para ela acordar. Vamos, Sehun coloca ela na cama dela e deixa ela descansar, o processo acabou com a energia e força dela, ela precisa descansar.

 

-Tá bom.

 

Levei ela para o quarto dela coloquei ela na cama e fiquei a observando.

 

"Tão linda. Agora irá começar uma nova fase em sua vida minha bebê, com certeza essa fase não será fácil, mas eu vou está contigo para tudo que precisar."

 

Depositei um selinho seus lábios e depois saí do quarto, fui até o meu, deitei na minha cama e fiquei fitando o teto pensando em tudo o que tinha acontecido a alguns minutos atrás.

 

"Agora a minha bebê também é uma de nós, será que isso vai mudar alguma coisa na nossa relação?"

 

Depois de algum tempo pensando sobre aquilo acabei dormindo.

 

(...)

 

Acordei olhei a hora e era [09:39], nossa eu dormi bastante não costumo acordar a essa hora. Levantei da cama e fui ao banheiro, fiz a minha higiene matinal, tomei um banho e depois fui tomar café da manhã.

 

-Bom dia!- Disse para as pessoas que se encontravam no local.

 

-Bom dia.- Falaram desanimados, pareciam tristes fui para perto do Xiumin e sentei as ao lado dele.

 

-Aconteceu alguma coisa? Está todo mundo tão desanimado, parecem tristes.- Falei para o Xiumin.

 

-Para falar a verdade não é tristeza e sim preocupação.

 

-Preocupação? Preocupação com o quê?

 

-Eu não queria te falar e deixar você preocupado também mas de qualquer forma você vai saber mesmo então eu vou contar... O Kwan veio aqui hoje mais cedo.

 

-QUÊ?- Todo mundo olhou para mim então eu tentei disfarçar.- O que ele veio fazer aqui?

 

-Ele estava procurando a S/N, ele quer ela para a Clã dele.

 

-NÃO ISSO NÃO.- Me descontrolei e voltei a a gritar, novamente todos estavam olhando para mim.- Eu não acredito nisso, eu não posso ficar sem a S/N... E agora? O que vamos fazer?

 

-Calma cara, o T.O.P chamou ele para conversar e ele disse que deixa a S/N aqui com a gente com uma condição.

 

-E qual é essa condição?

 

-A condição é um dos vampiros especiais da nossa Clã ir no lugar dela.

 

-Eu não acredito.

 

Meu coração estava partido ao meio, minhas mãos suavam como nunca, eu estava realmente arrasado, se ela for para a Clã inimiga o que eu vou fazer? Não posso perdê-la assim tão fácil, ela é minha, ela tem que ficar comigo, na nossa Clã e não na Clã daqueles idiotas desgraçados.

 

-Não precisa ficar assim Sehun, nós vamos dar um jeito e ela vai ficar aqui conosco.

 

-E se nós não dermos um jeito Xiumin? E se ela for para a Clã inimiga o que eu vou fazer?

 

-Não pense pelo lado negativo, pense sempre pelo lado positivo. Vai dar tudo certo sim, eu tenho fé que vai.

 

Não falei nada apenas tentei tirar aquilo da cabeça. Tomei meu café e depois fui correr um pouco pois ainda não tinha tirado aquilo da cabeça, corri pela floresta. Estava correndo na normalmente até que escutei uma conversa, mesmo sabendo que é feio escutar as conversas dos outros eu parei para escutar.

 

-Você vai se infiltrar lá dizendo que é irmão da S/N.- Eu não acredito que eu ouvi isso. Tenho certeza que conheço essa voz, só pode ser o Kwan.

 

-Mas é muito arriscado, e se eles me descobrirem?

 

-Não vão, eles são um bando de trouxas. 

 

-Mas...

 

-Mas nada, você vai sim, se você não for você sabe muito bem o que vai acontecer com você.

 

-Tá bom.

 

Tentei ver quem era a outra pessoa que estava conversando com o Kwan mas eles já tinham saido.

 

"Preciso contar isso para o T.O.P, ele precisa me ajudar a impedir isso."

 

Voltei o mais rápido possível para a Clã, quando cheguei na mesma eu fui procurar o T.O.P, fui até a sala dele e bati na porta, ouvi alguém responder um "entre" mas não consegui reconhecer aquela voz, entrei na sala e me deparei com o tal G-Dragon.

 

"O que esse cara faz aqui?"

 

- O que você está fazendo aqui? E ainda mais na sala do T.O.P?

 

-Hey, calma rapaz.

 

-Estou calmo, eu apenas quero saber.

 

-Eu estou aqui porque o T.O.P viajou e pediu para que eu cuidasse de tudo por aqui e como eu sou um bom amigo estou aqui atendendo o pedido dele.

 

-Aí que droga.

 

-O que você queria?

 

-Você não pode me ajudar mas mesmo assim obrigado pela a atenção.

 

Saí sem esperar ele falar alguma coisa, olhei a hora e já era [12:03], nossa o tempo passou rápido, nem percebi. Lembrei que a S/N iria acordar então fui correndo para o quarto dela, cheguei lá abri a porta e a mesma do mesmo jeitinho que eu tinha a deixado. Peguei uma cadeira que tinha no local coloquei ao lado dela e me sentei, fiquei a observando enquanto a mesma dormia, ela é tão linda, não me canso de olha-lá, comecei a mexer em seus lindos cabelos e logo ela começou a se mexer.

 

"É agora, vamos lá Sehun, você vai ter que domar essa fera."

 

(Sehun.Off)

 

Acordei e vi o Sehun sentado ao meu lado me olhando atentamente, estava me sentindo estranha e também estava com muita sede mas não era uma sede normal, era sede, mas não de água e sim de outra coisa, a sede só aumentava, parecia que eu estava morrendo e dependia daquilo para sobreviver. Comecei a dar uma crise, levantei da cama e comecei a gritar, eu não estava conseguindo me controlar, minha visão mudou, acho que meu olho estar de outra cor, senti presas nascerem em minha boca, eu estava ficando louca, cheguei a até derrubar um vaso que estava no local. Olhei para o Sehun continuava sentado do lado cama me olhando incrédulo.

 

-S-Sehun tem algo acontecendo comigo, por favor me ajuda.- Eu estava com medo de mim mesma.

 

"O que está acontecendo comigo?"

 

-Calma S/N, se aproxime mais.- Fui até ele e ele virou o rosto para o outro lado deixando a mostra o seu pescoço.- Morda e tome todo o sangue que precisar.

 

-Tá bom.- Me aproximei daquele pescoço suculento e já estava quase mordendo o mesmo até que algo dentro de mim meio que me impediu de fazer aquilo.- Eu não posso, isso pode te machucar e eu não quero fazer isso.

 

-Relaxa, isso não vai me machuca, agora me morde logo.

 

Não falei nada apenas me aproximei dele e abocanhei seu pescoço, há, aquela sensação era maravilhosa, ouvi o mesmo arfando enquanto eu o mordia, como ele ainda estava sentado então por impulso eu acabei me sentando no colo dele, apoiei a mão do outro lado do seu pescoço, cada vez mais ele arfava, ele apoiou a mão na minha cintura e começou a massagear o local. Aquilo estava muito gostoso e excitante, senti algo criar vida em baixo de mim mas não dei importância.  Depois que eu já estava satisfeita, parei de chupar o sangue dele e passei a língua pelo "ferimento" que eu tinha acabado de fazer nele. 

 

-Satisfeita?

 

-Muito.- Sorri e ele retribuiu.

 

-Que bom!- Me levantei e vi que ele estava super excitado.- Está vendo o que você fez comigo? Agora eu vou ter que aliviar isso.

 

-Desculpinha.- Sorri sem graça.- Quer que eu te ajude a aliviar isso?- Sorri maliciosa.

 

"Oh my God. O que está acontecendo comigo? Eu não tenho todo esse fogo não... Mas se bem que fazer um boquete no Sehun deve ser muito bom... Meu Deus, não estou me reconhecendo."

 

-Wow, não conhecia a S/N maliciosa, conhecia apenas a S/N fofa, educada e inteligente.

 

-Não acha que já está na hora de conhecer a S/N maliciosa não?- Alguém apaga esse fogo do meu rabo por favor.

 

-Acho sim.

 

Sorri maliciosa novamente e comecei a me aproximar dele, até que ouvi o barulho da porta sendo aberta, me virei e vi a Hyumi. O Sehun pegou uma almofada e rapidamente colocou em cima das pernas para esconder o seu amiguinho querendo atenção.

 

"Nossa que constrangedor. Vamos S/N, bote a sua especialidade de atriz em prática."

 

-Oi Xurubela! O que faz aqui?

 

-Só vim ver se você já tinha acordado. Estou atrapalhando algo?

 

-Não, não. O Sehun só veio me alimentar, não é Sehun?

 

-É sim.

 

-Há entendi. Venham, o almoço está pronto.

 

-Eu já vou, vou tomar banho primeiro.

 

-Tá bom, vou esperar vocês lá. Até daqui a pouco.- Ela saiu e o Sehun suspirou aliado. Me apromei dele novamente e sentei em seu colo.

 

-Descupa pelo o que aconteceu agora a pouco.- Me aproximei do o ouvido dele.- Deixa que na próxima eu vou te recompensar Hunnie.- Soltei uma risadinha safada e ele riu sacana, saí do colo dele peguei a minha toalha e fui para o banheiro.

 

 


Notas Finais


Bom gente esse foi o capítulo de hoje espero que tenham gostado.
Desculpe qualquer erro ortográfico.

E o que eu queria falar era... Eu queria agradecer os 64 favoritos, muito obrigado, de verdade, cada favorito é uma explosão de alegria para mim.❤
Já tinha tempo que eu vinha querendo agradecer a vocês na verdade desde os 40 favoritos, mas e nunca lembrava, mas hoje eu lembrei, eu vou parar por aqui se não as notas do autor vai ficar grande de mais.
Até o próximo capítulo babyz!👋❤

Bye Bye.💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...