História Island - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais, The 100
Personagens Bellamy Blake, Clarke Griffin, Dra. Abigail "Abby" Griffin, Indra, Jasper Jordan, John Murphy, Lexa, Octavia Blake, Personagens Originais, Raven Reyes, Roan
Tags Alycia Debnam-carey, Clexa, Devon Bostyck, Eliza Taylor, Fanfiction, Originais, The 100
Exibições 14
Palavras 1.049
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Misticismo, Universo Alternativo, Violência, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Minha gente linda, voltei
Primeiro deixa eu esclarecer minha ausência.

Meu pc queimou ;u;
Essa semana eu andei ocupada pra caraleo tipo eu tinha um trabalho de escola e milhares de provas, hoje tive um desfile na escola com o tema afrobrasileiro com recicláveis, ou seja, eu usei sacolas no lugar de roupas, mas pelo menos fui uma das ganhadoras (Se bem que eu ganhei no desfile de Halloween)
Resgatei uma gatenha fofinha que nomiei de Lexa :3
Tenho saresp semana que vem e apresentação amanha, campeonato de handebol amanha, ou seja essa semana foi fodidamente corrida.
Enfim esse cap foi desenvolvido em três dias então não esta 10/10 como eu queria.

Obs: Qualquer erro de ortografia relevem.

Capítulo 13 - And we here go


* Clarke, 12:00, Trigeda *

Eu de fato estava devastada, não imaginava que Lincoln fosse o assassino, porém mais devastada que eu estava Lexa. Saber que Lincoln tentou acabar com a aliança, Victória saiu do nada sem explicação e a resistência de Lincoln ficar em silêncio estava acabando com ela.

Passou uma semana desde que Victória saiu de Trigeda, Lexa estava apenas preocupada em saber notícias da tal, e eu? Desisti de procurar tecnologia, então eu e todo meu "clan" veio para Trigeda.

Bato na porta do quarto de Lexa, depois de um tempo curto sou atendida.

- Então, estava pensando em você esvaziar a cabeça - Levanto a garrafa de vinho - Se fosse nossas vidas normais poderiamos assistir Netflix. - Eu rio e logo sou acompanhada pela figura.

- Aceito seu convite - A tal diz dando espaço para passar.

Segundos depois adentro o quarto.
Me sento na cama e abro a garrafa de vinho, bebo um gole e dou para a tal. - Sabe - Inicio a conversa - Estava pensando em visitar Iroquios, disseram que lá vende roupas lindas.

- Com certeza - Ela sorri e vai pegar uma peça de roupa, estica a peça e uma espada cai.
A reação da Lexa doeu meu coração,  ela pegou a espada e tirou-a da bainha, fez uma expressão de magoa.

- Iroquios é um ótimo lugar - Ela sorri meio cabisbaixa, eu automaticamente me levanto e abraço-a - Ela está bem -Sussuro.

Ela me aperta no abraço - Eu sei, apenas queria entender o que está acontecendo.

Eu olho-a e sorrio - Logo ela estará de volta e te explicará tudo.

Eu ajeito alguns fios que escorriam em seu rosto - Agora vamos nos divertir -

Puxo-a até a cama e sento em seguida, pego a garrafa de vinho e ofereço para a tal.

No mesmo instante a tal pega e bebe um gole.

Ficamos por horas rindo e conversando, me sentia mais proxima dela e eu estava feliz.

* Lexa next day, 6:00 *

A ressaca tinha me pego de jeito, eu não lembrava de quase nada na noite anterior, só sei que estava com a Clarke e...

Olho para o lado e vejo uma Clarke adormecida... na minha cama?

Eu me levanto com uma puta dor de cabeça sem acordar a loira e vou para o salão.

Tinha alguns papeis pra organizar, eu fico algum tempo organizando o mesmo, assim que termino eu olho para a minha frente e vejo um belo par de olhos azuis.

- Wow que garota séria - A loira diz.
Admito que ela ficava linda quando acordava

- A serenidade no olhar de quem nunca vai precisar correr atrás dos crushs - Rio lembrando quando essa palavra era usada que nem água.

- Parece que vou precisar - Ela diz baixo quase inaudível, porém eu havia escutado, admito que me deixou um tanto intrigada, o que ela quis dizer com isso?

- Então,  está com fome? - Digo desviando o assunto.

- Na verdade vim avisar que estou indo encontrar o Devon e os outros - Ela diz sorrindo.

- Ah sim - Eu não estou com ciúmes, eu não estou com ciúmes, não estou com...

- Então? - Ela me expulsou dos meus pensamentos.

- Oi? - Digo olhando-a confusa.

- Eu perguntei se queria ir junto. Você não prestou atenção né?  - Ela me olha indignada.

- Desculpe, acho que será bom pra me distrair.

- Show, vamos? - Ela diz sorrindo.

- Ok - Me levanto e acompanho a tal.
Tempo depois chegamos onde estavam os outros.

Murphy foi o mais receptivo, estavam preparando uma espécie de churrasco, se julgar pelo fraco raio de sol era umas 9:00.

Eu e Clarke se acomodamos e começamos a comer.

- Sabe Clarke - Octavia começa a falar - Acho que se tivéssemos continuado achariamos como restaurar a tecnologia.

- Acho que não, estamos em uma dimensão alternativa, se encontrassem a causa que nos trouxe aqui, poderiamos reverter a situação. - Mount diz.

- Tipo um objeto? - Clarke pergunta.

- Talvez - É a vez de Devon responder.

- E se ao invés de um objeto fosse uma pessoa? - Bellamy chega na conversa trazendo mais uma bandeja de carne.

- Pela lógica teriamos que matar essa pessoa pra voltar. - Eu digo me interessando na conversa.

- Não somos assassinos!  - Aby diz.

- Quantas pessoas eu ja sentenciei? Não será nenhum problema. - Olho para a tal.

- Vamos mudar de assunto, provavelmente será um objeto. - Clarke diz com a mão em meu ombro.

- Certo - Devon começa - Verdade ou desafio? - O tal pega a garrafa e coloca no chão, ele olha um por um e roda a garrafa.

A garrafa cai com o bico virado pra Clarke, Devon pergunta - Verdade ou desafio Liza? - Eu não realmente não suportava a intimade dos dois, eram enojante.

Eu não estou com ciúmes, eu não estou com ciúmes, eu não estou...

- Desafio - Ela diz cortando meus pensamentos, a loira sempre fazia isso.

Eu observo Devon atentamente pra ver qual será o desafio que ele ira propor.

- Fechado Loira oxigenada. - Ele diz rindo.

- Vai se foder Devon Bostyck - N/A Erro proposital pra juntar as palavras Bosta e Boystick - Pare de enrolar e manda o desafio logo. - Eliza diz rindo.

- Que palavreado ein Clarke Grifinoria - Todos sabiamos que Devon era um grande fan dos livros de Harry potter, e um fan ilustre da autora J.K, ou pelo menos era, mas admito que foi criativo, bem criativo.

- Para de enrolar Devon caralho - A loira tentava se alterar mas sempre falhava com seus próprios risos.

- Desafio você sair correndo dizendo que ama alguém dessa roda, porém a pessoa que você tem que gritar o nome vai ser decidido na garrafa.

Clarke diz incrédula - Puta sacanagem Devon - Puta sacanagem Devon/2.

O moreno ri divertido e começa a girar a garrafa

A garrafa gira por alguns segundos, quando a garrafa para eu apenas não tinha reação, não,  não poderia ser, tínhamos mais de 8 pessoas naquela roda, e justo ai que foi parar.

Bellamy olha pra Clarke e diz - Foi azar ou sorte?


Notas Finais


As bellarkes piram e as clexas me matam, enfim guys, procurem no fc Crie seu anime - CSA
É um grupo de fic, sou adm la, bora la guys
Comentem o que acharam.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...