História Isto (NAO) é um diário ~Jensoo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias 2NE1, Black Pink, K.A.R.D, TWICE
Personagens B.M, Chaeyoung, Cl, J.Seph, Jennie, Jihyo, Jisoo, Jiwoo, Lisa, Mina, Minji, Momo, Nayeon, Park Bom, Personagens Originais, Rosé, Sana, Sandara Park, Somin, Tzuyu
Tags Clichê, Escolar, Esporte, Família, Jensoo
Visualizações 179
Palavras 929
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Escolar, Famí­lia, Fantasia, Lemon, Shoujo-Ai, Universo Alternativo
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii! Essa é minha fic de Jensoo espero que gostem.
Aviso: os pensamentos da Jisoo são em itálico e entre aspas.

Capítulo 1 - O N E ~Happy Birthday Jisoo


03 de janeiro de 2017 

- Faça um pedido antes de soprar as velas Jisoo!- ouço minha mãe falar. Eu queria desejar que voltássemos imediatamente para Busan, mas como aquilo não seria possível, achei melhor fazer pedido nenhum e ficar quieta.

- o que você desejou?- perguntou Somin, minha prima.

-isso é ridículo.- eu digo indignada, me servindo com um pouco de Coca-Cola - Eu já tenho 17 anos.

- E com 17 anos você deveria entender que nós não vamos voltar pra Busan.- disse Dona Kim, quase adivinhando meus pensamentos.

- você estragou minha vida- eu disse indo pro meu quarto. 

Sentei na cadeira da escrivaninha, e fiquei olhando pra aquele quarto rosa. Eu simplesmente não gostava da cor rosa. Olhei em volta e tive uma visão panorâmica do quarto desarrumado, caixas que precisavam ser desencaixotadas, coisas que precisavam ser arrumadas, e alguns presentes que eu havia ganhado. Resolvi abrir um, o de Somin. Somin era como uma irmã pra mim. Abri o embrulho em minhas mãos devagar, e vi um caderno.

-Porra, o que eu vou fazer com um caderno?- eu disse.

-Anotar coisas, talvez.- disse Somin, entrando no meu quarto sem permissão.

-AIN POHA. SOMIN, EU AINDA TE MATO. - eu disse jogando almofadas nela.

-Somin, pra que você me deu um caderno.- eu perguntei, incrédula. 

- isto não é um simples caderno. Isto é um diário.- ela disse, abrindo o cader- quero dizer, o diário. Que era até bem bonitinho. A capa era preta com alguns detalhes rosa. Apesar de serem bem clichês, Somin sabia exatamente qual presente me dar.

-então, o que eu faço com isso?- perguntei.

-Você anota seu dia à dia. É como conversar com você mesma. É uma auto terapia.- ela respondeu

"Só Somin mesmo pra me dar uma coisa dessas."  

- Vamos ver Grey's Anatomy agora?- perguntei, tentando tirar o foco dela daquele caderninho. Eu decidi que vou chamar de caderno, por que aquela merda é minha e eu decido como eu chamo.

-Vamos. Liga o ar condicionado- ela disse sentando ao meu lado na cama bagunçada

(...)

DIA SEGUINTE 

Acordei com os olhos doloridos. Esfreguei os mesmos pra ver se ajudava. Nada. Foda acordar com dor de cabeça. Olhei as horas no meu celular e vi que eram 8:53, e vi também que tinham mensagens de Somin

×××

 Somin: Jisoo, eu e umas amigas vamos pra um clube, você quer ir junto?

Eu: Pode ser, já que eu não moro mais em uma cidade com praia, tenho que me contentar com as piscinas.

Somin: Okk! Passo aí pra te pegar umas dez horas. Tchau!

Eu: Tchau. 

×××

Quando deram dez horas em ponto, Somin estava na portaria do meu prédio.

-É pontual mesmo você hein?- eu disse entrando no banco da frente e fechando o cinto.

- É. Não gosto de atrasos.- ela diz apertando o cinto também 

- Jisoo, essa é minha amiga Jiwoo. Aii,  sempre quis apresentar vocês duas, Jisoo, Jiwoo, aí que legal!- Somin disse apontando pra uma menina com cabelos rosa. Eu dei um sorriso pra ela e disse 

- Caralho, seu cabelo é muito Foda.- eu disse me esticando até o banco de trás pra mexer no cabelo da Jiwoo. 

- ela é boca suja assim mesmo- Somin fala.

- Tudo bem. Eu também sou- diz Jiwoo.

-Jisoo, essas são a CL e a Dara.- Somin fala apontando pras outras duas meninas no banco de trás. Mesmo sem ela ter dito nada, eu já pude perceber que ali se tratava de um casal. Achei melhor não olhar muito o corpo da loira, que meu deus, que corpo.

- Elas são um casal? - perguntei querendo matar minha curiosidade, mas também fiquei com medo de ter feito uma pergunta boba. Mas rodas começaram a rir, em quanto CL e Dara escondiam os rostos vermelhos. Wtf,  alguém me ajuda.

- Tá vendo CL? Até minha prima, que é lerda, percebe.- minha prima diz 

- Cala boca- a menina Loira diz escondendo o rosto. Então a loira era a CL, e a morena a Dara,  entendi.

- aonde você vai estudar Jisoo? - pergunta Jiwoo

- Seoul High school- eu respondo - vou fazer o terceiro ano- 

- Não brinca!- diz CL - Eu e Dara também vamos fazer o terceiro ano. Vamos ser coleguinhas eeee- diz a CL batendo palminhas.

- Só cuidado pra não ver elas se engolindo no meio da aula.- diz Somin. Dara só faltou desmaiar no colo da namorada (?) De tão vermelho que o rosto dela ficou. 

- Eu e Somin vamos fiar em outra sala. Nos vamos fazer o segundo ano- diz Jiwoo. 

E o resto do caminho foi assim, conversas paralelas sobre a escola, Somin envergonhando cada vez mais a CL e A a Dara, e eu me sentindo deslocada. Eu não conhecia ninguém ali, a não ser se Somin, claro.

(...)

Quando chegamos no clube, deitamos nas espreguiçadeiras e eu coloquei meus fones e óculos de sol. Eu estava ouvindo Dollhouse da Melanie Martinez em quanto minha pele branca tostada no sol. Depois de e um tempo, Dara perguntou quem estava a fim de dar um mergulho. Topei na hora. Eu não queria ficar mais um minuto naquele sol, e estamos na Coréia do Sul! 

Fui apenas com Dara em direção à piscina, as outras meninas quiseram ficar lá mais um pouco. Puleu na piscina e comecei a olhar em volta. Eu olho todas aquelas pessoas,e não vejo ninguém interessante. mas então de repente, uma menina me chamou a atenção. Seu corpo escultural, seus cabelos castanhos presos em um rabo de cavalo, no alto da cabeça, e o seu modo de andar... ela pode ia ser até uma manequim.

Por que meu coração de repente bateu mais forte agora?


Notas Finais


Se ficou uma bosta podem falar ok
Bye unicórnios


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...