História It has always been you - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Orange Is the New Black
Personagens Alex Vause, Piper Chapman
Visualizações 61
Palavras 1.692
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Voltei mais um capítulo leve.
Desculpem qualquer erro.

Capítulo 8 - Amor


Fanfic / Fanfiction It has always been you - Capítulo 8 - Amor


Sai do escritório fui direto pra faculdade, assim que estacionei meu carro eu vi  Alex no campus sentada e fui em direção a ela que estava com a Nicky.
- Fala ai meninas.
-Oi Piper
- disse a Nicky-
- Me conta a novidade, sua mãe parecia bem contente com oque seu pai iria lhe falar.
- A Novidade é que eu vou pra Londres, assumir a filial de lá para o meu pai.
- OQUE? COMO ASSIM VAI PRA LONDRES?- Disse gritando
- Que foi Al? Meu pai ja tinha me feito essa proposta npo inicio do ano eu decidi que queria ficar, mais agora eu decidi que vou preciso ficar um tempo longe para pode rever algumas coisas.
- E porque você não foi no inicio do ano e vai agora? você ja está acabando a faculdade não acha loucura fazer isso.
- Eu não fui no inicio do ano por que eu estava encantada com uma pessoa, na verdade eu ainda estou mais pude perceber que o encatamento é só da minha parte e então eu decidi ir pra ver se também eu consigo esquecer essa pessoa. Mais enfim eu sei , eu vou daqui a 1 mês e meio e vou estudar na UCL o meu último período,meu pai vai ajeitar tudo para mim lá e daqui a um mês e meio eu estou embarcando rumo a Londres.

- Que Foda Piper, te desejo todo o sucesso do mundo pra você. - Nicky me disse me dando um abaraço.
Já a Alex saiu andando e me deixou lá sozinha com a Nicky.
- Se eu fosse você Chapman iria atrás dela, ela não parece nada feliz com essa sua decisão.
- Vou lá Nicky...

Sai andando atrás da Alex e e ela entrou no banheiro se trancou na cabine e eu a chamei.
.- Al que foi? Porque você está assim, era pra você está feliz por mim.
- Feliz por você eu estou Piper, não estou feliz por mim, porque você vai me deixar aqui, você não pode fazer isso comigo.
- Porque não Alex? Não estou te entendendo,você sabe que pode ir comigo, meu pai vai deixar  um apartamento pra mim
- Eu não posso pipes, você não entenderia os meus motivos.
- Eu juro que não entendo mesmo,mais ficar longe de você um tempo vai ser bom pra mim, eu vou poder pensar em tudo que aconteceu entre nós... 

- É isso que você quer fazer fugir?
- Fugir não eu não estou fugindo,quem está fugindo é você que decidiu fingir que nada aconteceu entre a gente mesmo sabendo que aconteceu sim, ah não mais deixa eu pensar, pra você não foi nada né? Foi só um beijo que não vai mais acontecer,pelo menos comigo não né?

- Paraa,chega não é nada disso você não sabe da metade das coisas que eu penso, e é justamente disso que eu tenho medo, disso abalar a nossa amizade que a gente construi em todos esses anos, esse nosso laço eu tenho medo disso Pipes,medo de te perder, de perder tanto na amizade tanto quanto no amor,porque eu Piper eu não sei viver sem você então você chegar em mim e falar oque você pensa não vai adiantar de nada.
Fiquei em silêncio sem reação,não esperava por esses argumentos da Alex que faz todo o sentido, realmente se isso seguir a diante e não der certo a nossa amizade nunca vai voltar a ser a mesma.
- Ta Bom Alex você ta certa.- Me virei e sai do banheiro sem olhar pra trás.
Fui para a sala de aula e quando as aulas do dia acabou fui direto para casa,totalmente balançada, aparentemente a Al estava tão balançada quanto eu, mais oque me pergunto sempre é já que ela quer o mesmo que eu porque não deixar esse medo de lado e viver oque queremos ?
- A
Essa noticia que a Piper vai pra Londres sem duvida acabou comigo, eu não esperava por isso, e agora eu me sinto responsavél por fazer parte disso também, porque talvez se eu não tivesse pedido pra ela esquecer oque rolou entre a gente ela talvez ficaria aqui,meu maior medo é ela encontrar alguém, eu queria que ela ficasse comigo, eu bem que poderia ir com ela mais é melhor assim lá ela pelo menos pensa, mais vou tentar consertar ao máximo as coisas no decorrer desses 45 dias. Assim que a Piper saiu do banheiro eu lavei o rosto para me recuperar um pouco e fui pra sala,quando acabou minhas aulas fui procurar por ela e não achei provavelmente ela deve ter ido pra casa então eu decidi ir também, cheguei la vi o carro dela e percebi que ela estava mesmo em casa subi e fui para o quarto dela e quando cheguei la ela tava deitada de costa pra porta lendo um livro entrei e tranquei a porta ...
- Posso deitar ai com você?
-Já disse que não precisa pedir Alex.
- Você tá chateada comigo?
- Não Alex, eu estou bem.
- Não está, eu te conheço, sei que está com raiva de mim por conta as minhas atitudes
.
- Você quer que eu tenha raiva,então eu estou morrendo de raiva Alex, porque eu te amo e te odeio pra caralho.
- Pipes...

- Não me venha com Pipes Alex, você sabe que o motivo de eu estar indo também é por sua causa, você sabe que eu gosto de você porque você é idiota, você sabe e é por isso que você fica fugindo, só não entendo o porque de você fugir justo de mim,sendo que com a Silvie você parecia bem a vontade e .... - A calei com um beijo..
Um beijo que começou lento e cheio de carinho,nesse beijo pude demonstrar todo o sentimento que eu venho tentando esconder e lutar comigo mesmo que não existe,mais só eu sei o quanto ele é real aqui dentro,mais uma vez um turbilhão de sentimentos dentro de mim começou e nesse momento eu tive medo de perder ela pra qualquer outra pessoa, e sabe que ela me ama me deixou mais tranquila e ao mesmo tempo mais confusa, mais de uma coisa eu tinha certeza, era do lado dela que eu queria ficar. O beijo foi ficando cada vez mais quente e  a mão dela veio passeando pelo meu corpo, e quando estávamos totalmente ofegantes e sem folego encerrei o beijo com um selinho... -Eu também te amo, de todas as maneiras possíveis.- Ela me deu um selinho e eu me aconcheguei em seus braços
- Tem certeza do que você tá fazendo ? Se você virar pra mim amanhã e disser que é melhor eu esquecer isso eu juro que eu não vou te perdoar.
- Eu tenho certeza,eu te amo e não quero ficar longe de você, mais isso não quer dizer que eu vá pra Londres com você.
- E porque não ?
- Por que eu tenho uma vida aqui e não posso simplesmente largar tudo aqui,então eu prometo que sempre que eu puder eu vou te ver. Mais enquanto você não viaja podemos pensar somente no agora?

- A Senhorita quem manda. - Me deu mais um beijo e permanecemos ali agarradinha no nosso mundo  e logo eu peguei no sono, esse era o começo de uma grande história...
-P
Acordei com a Alex aconchegada em mim, então logo comecei a dar uns beijinhos nela e então ela acordou e me sorriu com um sorriso lindo, ela lavantou o rosto para pode me beijar  e então eu a beijei,um beijo que começou lento e calmo que logo foi se intensificando, e conforme o beijo ia acontecendo minhas mãos foram passear pelo corpo dela, desci minha mão para sua bunda e dei um leve apertão ali,minhas mãos logo subiram para seu seio e eu comecei a apertar de leve e a brincar com seus mamilos que a essa altura já estavam rijos e  logo tratei de desabotoar seu sutiã e tirei sua blusa, deixando aqueles lindos seios totalmente a mostra pra mim, dei atenção a cada um deles chupando,lambendo e mordendo intercalando entre um e outro,enquanto eu chupatava seus seios minhas mãos foi descendo em direção ao botão da sua calça que logo foi aberto, eu subi para os seus lábios e lhe beijei novamente enquanto dava da leves apertões por cima da calça ainda,logo coloquei minha mão por dentro e pude sentir a sua umidade e então comecei a brincar com seu clitóris ainda por cima da calcinha, a respiração de Alex estava ficando ofegante e então eu interrompi o beijo e vim descendo,beijando seu pescoço, ombro,seios,barriga e logo arranquei a calça e a calcinha junto, pude ver seu sexo totalmente exposto para mim e dei um beijo em cima do clitóris e comecei a intercalar os beijos entre sua virilha e coxas.
- Me Chupa Logo. - Dei uma risadinha e passei a língua pelo seu sexo e pude sentir seu maravilhoso gosto e então cai de boca,começando com chupadas leves que depois ficaram intensas, abri seus grandes lábios e a penetrei com a minha língua, pude ouvir seus gemidos baixinho e timido então a chupei com vontade logo Alex chegou ao orgasmo e eu subi pelo mesmo caminho que fiz,beijando sua barriga,seios,ombro,pescoço e por fim sua boca, dei um beijo intenso nela que segurou na minha nuca e mordeu meu lábio, logo desci minha mão para o seu centro úmido e penetrei 2 dedos nela que gemeu entre o beijo,e eu fiquei penetrando nela devagar.- Você é tão apertadinha.- Ela me deu um sorriso lindo e eu continuei.- Me fode vai amor,me fode mais rápido.- Logo intensifiquei meus movimentos e ela chegou ao orgasmo pela segunda vez,enxendo meus dedos com seu liquido, a beijei com vontade...
- Horrível não?!
- Péssimo
- Rimos.
- Eu te amo Al.
- Te Amo mais.
- Promete que não vai me esquecer enquanto eu tiver longe?
- Eu nunca vou te esquecer...

Me agarrei nela e abracei de conchinha, logo peguei no sono e não poderia dormir de forma melhor doque do lado dela...
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...