História It's a secret - Capítulo 11


Escrita por: ~

Exibições 1.654
Palavras 1.440
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


boa leitura

Capítulo 11 - Parabéns ela é linda


-Posso falar com você ? -eu perguntei sentando ao lado de Lucy no intervalo.

-Claro Mila -ela disse e nos levantamos para ficar longe das meninas- o que foi ?.

-Me escuta tá legal ?.

-Tá.

-Eu sei que você achou que estávamos tendo algo, mas Luh eu sempre deixei claro de quem eu gosto e também sempre deixei claro que somos amigas.

-Mas Camila, da última vez que fizemos amor foi algo tão intenso.

-Luh, realmente foi algo intenso, mas é porque nós nos gostamos demais, mas nos gostamos como amigas, não misture os sentimentos.

-Eu acho que tô apaixonada por você -ela disse com uma cara de desesperada engraçada.

-Lucy -eu disse suspirando- não vamos acabar com a nossa amizade, por favor esquece isso.

-Mila...

-Lucy...

-É foda viu -ela disse nervosa- cara eu gosto de você.

-Luh, você gosta de estar comigo, você não está apaixonada por mim, está confundindo as coisas.

-Como tem tanta certeza ?.

-Porque eu sou apaixonada por alguém e seus olhos não demonstram paixão quando você olha pra mim, é algo de amizade.

Ela pareceu pensar um pouco até que finalmente falou.

-Você deve ter razão -ela disse meio nervosa- vamos esquecer tudo isso é deixar rolar, ainda podemos ficar ?.

-Melhor não né ? -eu perguntei com medo de sua reação.

-Por favor Mila, eu gosto de ficar com você.

-Tudo bem vai -eu disse vencida- mas não com tanta frequência.

-Fazer o que né, -ela disse dando de ombros- a festa vai começar as nove, te espero lá.

-Serei a mais linda.

-Não tenho dúvidas disso -ela disse e me deu um selinho para depois sair andando.

Eu fiquei ali parada absorvendo a informação de que Lucy provavelmente está apaixonada por mim e não vai desistir disso tão cedo.

Lauren pov.

-Hey -Vero disse aparecendo do meu lado comendo um sanduíche- troquei as flores, gostou ?.

-Ficaram lindas -eu disse adimirando as rosas- obrigada.

-É meu trabalho -ela disse rindo- como você está ?.

-Bem, e você ? melhorou depois de ontem ?.

-Sim, obrigada por estar do meu lado, eu sei que a gente não conversa muito mas você é minha única amiga.

-Você também é minha única amiga, planos pro sábado ?.

-É minha folga, eu pretendo ficar o dia todo jogada na cama.

-Me chamaram pra uma festa, eu não quero ir sozinha e bom, você é minha única amiga -eu disse e ela pareceu pensar.

-Lauren eu tenho trinta e cinco anos, você dezesseis, vou em festa de velhos não de jovens -ela disse rindo.

-Ah qual é, por favor Vero.

-Eu vou pensar -ela disse terminando de comer seu lanche- são quase sete, quer jantar ?.

-Adoraria -eu disse e ela me deu um espaço pra poder me despedir de meus pais- tchau família, até amanhã. 

Sempre que me despeço dos meus pais eu posso senti-los me dando um abraço.

-O que temos para o jantar ? -eu perguntei abrindo a porta da casa da Vero.

-Macarrão -ela disse concentrada- sabe Lauren, eu estava pensando, você nunca foi em uma festa, qual o motivo para querer ir nessa ?.

-Eu não sei -disse verdadeira- mas acho que vai ser legal.

-E porque você nunca foi ?.

-Nunca me convidaram -respondi dando de ombros.

Camila pov.

-Passo na sua escola pra te pegar Sofi -eu disse enquanto tomávamos cafe.

Hoje é aniversário do nosso pai e nos combinamos de ir até o cimiterio para levar flores, como fazemos todos os anos.

-Vai conhecer a Gabriela -ela disse meio envergonhada- tudo bem ela ir conosco ?.

-Tá namorando -eu falei brincando com a cara dela- que bonitinha, quando vai trazer ela pra conhecer a mamãe ?.

-Para Kaki, nos não estamos namorando, somos apenas amigas.

-Sei -eu disse rindo- tô indo meu amor, até de tarde -disse dando um beijo na testa de Sofi- boa aula.

-Boa aula Kaki -ela disse terminando de comer.

Quando cheguei na sala de aula, Lauren e Lucy estavam conversando, deixei as duas e fui se sentar no meu lugar, minha paz não durou muito já que logo Lucy sentou na minha frente.

-Você vai amanhã né ? -ela perguntou me assustando.

-Claro -eu disse tirando meus fones- o que estava falando com Lauren ?.

-Só perguntando se ela realmente vai.

-E ... ?.

-Calma Mila, ela vai -Lucy disse rindo- ela me perguntou se pode levar alguém.

Isso acabou com minha felicidade, como assim ela tem alguém.

-Alguém tipo namorado ?.

-Não sei, ela disse, "posso levar alguém ?", só isso.

-Ah -eu falei triste- enfim, eu vou, vai ter bebida ?.

-Claro, acha mesmo que vou fazer uma festa sem bebida ? qual é Mila sou eu.

-Você tem razão -eu disse rindo- por um segundo esqueci que você é Lucy Vives a bêbada.

-Vou beber muito -ela falou animada- vai ser incrível.

-E seus pais ?.

-Eles vão viajar.

-Se eu ficar muito bêbada vou dormir lá.

-Claro, na minha cama -ela disse e eu revirei os olhos- amigas dormem na mesma cama sabia ?.

-Tá bom Lucy, agora vai pro seu lugar porque o conde Olaf chegou -eu disse rindo.

Temos um professor que é a cara do conde Olaf de desventuras em série.

Hoje o dia até passou rápido, não tive muito contato com Lauren, mas ficamos um bom tempo nos olhando durante o intervalo e sorrimos uma pra outra, ganhei meu dia.

-Mila quer carona ? -Ally perguntou.

-Não precisa baixinha, eu vou sair com a minha irmã.

-Tudo bem então, te busco as nove pra irmos a festa amanhã.

-Tudo bem, até amanhã -eu disse dando um beijo na bochecha da minha amiga.

Fiz o caminho até a escola da minha irmã e quando cheguei lá ela estava conversando com uma menina linda, minha irmã tem bom gosto !.

-Hey Sofi -eu disse do outro lado da rua.

-Kaki, oi -ela disse e me abraçou- Gabi essa aqui é minha irmã Camila, Kaki essa é a Gabi minha... minha... minha amiga.

-É um prazer Gabi -eu disse sorrindo- Sofi fala muito de você.

-É um prazer Camila, Sofi também fala muito de você.

-Eu sou uma irmã incrível -eu disse sorrindo- vamos ?.

-Vamos -minha irmã disse- tchau Gabi.

Elas deram um beijo rápido e eu fiquei sorrindo feito idiota, estou feliz pela minha irmã.

-Foi um prazer Camila -Gabi disse envergonhada e saiu andando.

-Tá de parabéns, ela é uma gata -eu disse rindo quando nos afastamos da menina.

-Para Kaki -minha irmã disse com vergonha.

-Ela não vinha com a gente ?.

-Vinha, mas o pai dela marcou de almoçar com ela agora pouco.

-Vocês ficam fofas juntas -eu disse e minha irmã revirou os olhos pra ir andando na frente.

-Sofia -eu falei e corri atras dela.

Antes de irmos para o cemiterio nos compramos flores para o nosso pai, fomos conversando mais um pouco até chegarmos lá.

-Kaki me da a mão -minha irmã disse com medo, Sofi não gosta de cemitérios, confesso que também não sou fã.

-Eu tô aqui -eu disse segurando na mão dela.

Fomos até o túmulo do nosso pai e assim que chegamos lá Sofia e eu desabamos, é sempre assim, vemos a foto dele sorrindo e começamos a chorar, quando conseguimos nos controlar começamos a falar.

-Sofi arrumou uma namorada linda pai -eu disse- você adoraria conhecer.

-Ela me faz feliz papa -Sofi disse sorrindo.

Depois de contarmos tudo que aconteceu durante o ano nos resolvemos ir embora, estávamos saindo do lugar quando eu escutei alguém me chamar e sorri ao constatar quem era.

-Camila ?.

-Lauren ? -eu perguntei virando pra trás e encontrando a morena dos olhos verdes.

-Oi -ela disse sorrindo.

-Oi -eu falei também sorrindo- tudo bem ?.

-Claro, e você ? estava chorando, quer um abraço ?.

Céus eu quero sim.

-Eu vim visitar meu pai, já estou melhor.

Sofi forçou uma tosse e Lauren a olhou.

-Lauren essa é Sofia, minha irmã, Sofi essa é Lauren minha amiga.

-É um prazer Lauren -Sofi disse- vamos Kaki ? já está tarde.

-O prazer é todo meu -Lauren disse- tchau Camila, até amanhã.

-Tchau Lauren -eu falei boba- até amanhã.

Sofi e eu saímos em silêncio enquanto a morena continuou lá dentro, quando estávamos longe do lugar Sofi soltou uma gracinha.

-Você estava chorando, quer um abraço -ela disse brincando e começou a dar risada.

-Qual a graça ?.

-Você tá apaixonada por ela -ela disse rindo- parabéns ela é uma gata.

Revirei os olhos e comecei a andar na frente.

-Camila... -Sofi gritou rindo e veio correndo atrás de mim.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...