História It's Me - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 83
Palavras 457
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OIIINNN
Me desculpem se a capa não estiver pegando ainda ! Estou remodelando ela .

Capítulo 1 - Piloto


Mãe...Pai...

Porque não cumpriram o que falaram ?!

Porque não ficaram comigo ?!

Vocês prometeram!

Eu odeio vocês !


Eu tinha apenas dez anos, não que exista uma boa data para perder quem ama, mas foi bem pior naquela idade. Tive de tomar rumo na adolescência sozinha, sofrer os xingamentos sabendo que ao chegar em casa ainda estaria sozinha . Sim eu tinha amigos, mas eles tinham a vida deles para cuidar, sei que se importavam comigo, mas na sociedade você próprio sempre estará em primeiro lugar . Exceto pra mim, a trouxa do mundo, de todo mundo, sempre se ferrando pra ajudar os outros… Não entenda mal, só não consigo perder mais ninguém, e não quero, foi muita dor para uma garota que tinha a coisa mais bem feita do mundo e a perdeu em apenas quatro segundos. Ainda me lembro das palavras que mais adorava ouvir …


-Juliette eu te amo minha filha .


Nunca mais essa frase fez sentido para mim, era como se eles soubessem o que estava para acontecer, mas por causa disso, hoje eu sequer consigo dizer “Eu te amo” é como se a parte que eles preenchiam em meu coração fosse essa frase, e agora ela não sai mais na minha lingua, posso dize-la várias vezes em pensando, mas não consigo faze-la sair de minha boca . Hoje em dia eu não os culpo, mas na época eu os odiei, estranho odiar os próprios pais não ? Porém eles tinham prometido que iam ficar comigo e não cumpriram a promessa . Uma bobagem agora, mas para uma criança era uma grande coisa.


Eu também fiz uma promessa a eles naquele dia, e ao contrário deles eu pretendo cumprir a minha.


Amanhã começo em uma nova escola, da qual eles sempre sonharam que eu pudesse cursar, é um campos bonito e muito concorrido, porém nem sempre quem merece entra, por sorte (ou azar) amanhã parto para lá, amanhã eu digo olá para uma conquista nova, e para uma nova história.


E antes que pense “Já sei ela é a friona que não tem amigos “ pal no seu cuzinho mano.  Eu tenho amigos sim caralho só não sou muito boa de socialiazar, tem diferença porra.


Foi meio difícil olhar na cara deles depois do acontecido sabe, eles não me tratavam normalmente, eram muito mais carinhosos que o normal, sei que era por consolo, mas preferiria que eles tivessem tentado me fazer esquecer em vez de perguntarem a cada cinco minutos se eu estava bem, caralho velho eu tinha dez anos óbvio que eu não tava bem. Mas mesmo pequeno a gente mente né? Afinal eu não queria ser preocupação pra ninguém .


Queria poder contar mais, porém tenho que arrumar minhas coisas para amanhã, afinal não quero chegar em cima da hora .


Notas Finais


Tá pequeno porque é piloto gente
Calma aí
Vem bomba


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...