História It's My Fate - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Black Pink
Personagens Jennie, Jisoo, Lisa, Rosé
Tags Chaelisa, Jensoo, Jisooxjennie, Orange, Roséxlisa
Exibições 266
Palavras 1.525
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Primeiro eu queria avisar que não estou confiante nesse cap, então por favor deixem suas opiniões nos comentários. Eu queria conversar um pouquinho com vocês nas notas finais, vocês me encontram lá como sempre, não é? <3.

Capítulo 5 - Declaração?



- Queria que vocês me mostrassem a escola.- Eu disse, simples.
- Ok, vamos...- Lisa me puxou e Jennie veio atrás de nós.
- E a Jisoo?- Perguntei ainda tentando me equilibrar, Lisa estava me puxando muito forte e estava andando rápido.
- Deve estar transando online.- Quando Lisa disse isso Jennie fechou a cara na hora.
- Lisa, um pouco mais devagar por favor.- Ela parou e me soltou, eu parei pra descansar.
- Quer dizer que Lisa é a ativa da relação?- Jennie recebeu um tapa de Lisa logo depois de soltar o comentário e eu dei risada.
- Vamos logo.- Lisa revirou os olhos e pegou na minha mão, dessa vez estávamos andando lado á lado, ela não estava quase correndo.
- Rosé?- Senti alguém me cutucar mas estava ocupada com alguma coi...- ROSEANNE!- Jennie me balançava enquanto gritava.
- O QUE FOI JENNIE?- Me virei pra Jennie, que estava dando risada da minha cara.
- Você tá gostando da Lisa?- Lisa tinha entrado no banheiro, aish, eu não prestei atenção em nada mesmo.
- Q-Quê?- Corei na mesma hora que ouvi a pergunta.
- Você acha que eu não vi os olhares que você lança pra ela?- Cocei a nuca enquanto Jennie falava, eu estava tentando desviar o olhar mas ela estava se aproximando, então estava quase impossível.
- P-Porque eu gostaria dela?- Sorri sem mostrar os dentes e Jennie sorriu maliciosa.
- Ta bom, me fala o que você viu nela.- Jennie me desafiou, confiante e cruzou os braços.
- Nada de mais.- Eu ainda estava corada, eu podia sentir minha orelha esquentar.
- Okay, então me fala.- Jennie ainda me encarava.
- Aish...Tá bom, eu gostou dela.- Revirei os olhos e Jennie me olhou, surpresa.
- O que aconteceu?- Jennie me encarou e eu lancei aquele olhar que dizia "não fala nada se não eu te mato".
- A Rosé disse que...- Pisei no pé de Jennie.
- Eu disse que quero ver onde fazemos aula de dança.- Soltei qualquer coisa que me viesse na cabeça, mas Lisa parecia feliz com o que eu tinha dito.
- Você gosta de dança?- Ela sorriu, me fazendo quase babar ali mesmo.
- Rosé, você tá babando, limpa aqui ó...- Pisei no pé de Jennie de novo, que me deu um tapa em troca.
- EU JÁ ME ARRISQUEI UM POUCO.- Falei um pouco mais alto do que o normal.- Mas não danço mais.- Lisa parecia empolgada quando eu falei sobre "dança".
- Oh, porque?- Ela me encarou e eu puxei Jennie.- A sala onde fazemos aulas de dança é pra lá.- Lisa apontou pro lado contrário do que eu e Jennie estávamos indo, eu só segui porque se não minha desculpa não ia funcionar.
- Okay...- Puxei Jennie e segui Lisa até a sala de dança.
 O lugar era lindo, o chão era de madeira e as paredes eram espelhos. Eu estou apreciando cada pedaço dessa escola, mas acho que aqui foi o lugar que eu mais gostei.
- Gostou?- Lisa me observava pensar o quanto aquele lugar era lindo.
- Ahn?- Me virei pra ela, que deu risada.
- Seus olhos brilham quando você vai em um lugar pela primeira vez.- Ela sorriu e eu corei. Bom, não era a primeira vez que notaram isso em mim, na verdade já aconteceu muito. O problema é que eu faço isso involuntariamente, eu aprecio os lugares e as pessoas e quando eu gosto, noto uns detalhes que eu nem sabia que tinha prestado atenção.
- Eu também te olhei assim quando te encontrei na escola...- Eu não queria falar, mas simplesmente saiu e ela ficou ali, me encarando sorrindo e corada, fofa.
- Desculpa cortar o clima do casal masAI ROSEANNE!- Pisei no pé de Jennie, interrompendo a mesma, e Lisa começou a dar risada.- Eu só ia falar que vou voltar pro quarto porque Jisoo está me chamando.- Ela disse fazendo biquinho e passando a mão no pé, isso me fez ficar culpada.
- Desculpa...- Ela me ignorou e saiu andando.- Ignorante.- Revirei os olhos e Lisa ainda me encarava.
- Sério que você olhou pra mim do mesmo jeito que olhou pra esse lugar?- Ela parecia estar lisonjeada, mas eu acho que se eu pudesse escolher não ter reparado nada eu... Okay, eu teria reparado.
- Olhei, mas acho que eu te admirei um pouco mais... É, na verdade, eu te admirei muito mais do que esse lugar.- Eu estava tentando ser sincera comigo mesma mas acabei sendo sincera até de mais com Lisa.
- E porque faz isso?- Ela parecia curiosa, ainda me encarava, parada no mesmo lugar.
- É involuntário.- Ela estava prestando atenção até nos meus batimentos cardíacos, se isso fosse possível no momento.- Quando eu vou ver eu já sei tudo sobre a pessoa só de olhar.- Okay, eu falei de mais.
- Ahn...- Ela travou, e eu devia estar mais vermelha que um pimentão (foi a única coisa vermelha em que eu pensei, não me julguem).
- É, eu sei, é estranho.- Tentei quebrar o clima tenso que estava, mas Lisa parecia ter gostado do clima, ela me fez corar de novo:
- Na verdade eu achei fofo.- Ela deu risada.- Você faz isso com tudo e com todo mundo?- Eu não sei como responder essa pergunta...
- Eu não sei como responder essa pergunta...- Eu falei a primeira coisa que me veio na cabeça, ou seja: Ou eu falei merda ou... É, eu falei merda.
- Seja sincera.- Ela parecia ter gostado de mim, mas eu ainda não estava totalmente confortável. Lisa ainda me encarava, esperando uma resposta... Eu já fui sincera até demais, não vou começar a mentir agora.
- Eu faço isso com tudo e em todo mundo.- Ela parecia frustrada com a minha resposta.
- Ah...- Ela nem tentou esconder a tristeza, e se tentou, ela mente mal.
- Mas...- Pausei um momento, eu não ia falar aquilo.- Deixa pra lá, vamos voltar por quarto.- Cocei a nunca, provavelmente ela ia me implorar pra terminar o que eu ia falar.
- Fala...- Ela pegou na minha mão e eu fiquei paralisada por um momento.
- Eu vou ser breve...- Suspirei e ela assentiu com a cabeça.- Sempre tem alguém que o meu cérebro julga "interessante" e eu acabo percebendo até que o número do tênis que ela está usando agora é 36.- Lisa ainda me encarava, parecia mais feliz, mas ainda estava parada.
- Meu Deus...- Ela finalmente se mexeu.
- Era 35 não era? Aish, não sou muito boa com sapatos.- Revirei os olhos e ela deu risada.
- Como você faz isso?- Ela recebeu toda a minha atenção naquele momento.
- Eu não sei...- Ela me encarou, ainda com um sorriso de lado.- Minha mãe dizia que eu conseguia reparar em tudo só de olhar.- Fiquei meio triste ao citar minha mãe.
- Você não quer falar sobre isso, não é?- Ótimo, ela entendeu.
- É...- Suspirei e continuei.- Vem, vamos voltar pro quarto.- Saí andando na frente mas ela logo correu e entrelaçou nossas mãos, eu corei.- Porque faz isso comigo?- Ela me encarou, confusa, mas ainda com um sorriso no rosto.
- Isso o quê?- Ela parou e eu parei junto.
- Você mexe comigo.- Pela primeira vez eu não desviei o olhar quando disse o que sentia pra alguém.
- Como assim?- Ela sorriu, maliciosa.
- Você tá se fazendo de lerda só pra eu falar o que eu sinto por você ou é impressão minha?- Ela deu risada.
- Não, não é nada diss...É sim, vai, fala.- Que direta ela né.
- Olha...- Olhei em volta pra ver se tinha alguém nos observando.- Eu sou bem lerda mas se eu fosse você eu já iria saber que eu estou apaixonada por você, no caso por mim? Não, espera, buguei.- Ela deu risada mas pareceu surpresa.
- Eu não esperava que você fosse falar...- Ela sorriu e os olhos dela brilharam.
- O que mais quer me ouvir falar?- Ela não estava satisfeita, ainda, e eu pude perceber.
- Você sabe...- Ela sorriu maliciosa de lado e voltou a me encarar.
- Seus lábios são perfeitos...- Me senti arrepiar ao dizer isso, eu estava fitando os lábios da garota á minha frente.- Seu corpo é lindo e você é maravilhosa...- Desviei o olhar, mas ela ainda me encarava.
- Eu queria saber os detalhes que reparou em mim e você sabe disso.- Revirei os olhos e voltei á encarar a mesma.
- Reparei que sempre balança o pé em um ritmo qualquer enquanto espera respostas.- Ela me olhou, surpresa, de novo.-  Reparei o jeito fofo que você dança sem perceber, também reparei o jeito que seus olhos brilham quando é elogiada. Ahn... Quase me esqueci: Eu reparei o jeito fofo que você coloca uma mecha qualquer do seu cabelo atrás da orelha quando está com vergonha, você gosta de criar ritmos até com a respiração. Por último e não menos importante: Você sempre mexe na pulseirinha com pingente de cachorrinho.- Eu falei tudo isso com os olhos fechados e quando abri ela estava se aproximando e...
 


Notas Finais


Como eu disse lá em cima não estou muito confiante com esse cap e eu preciso da ajuda de vocês com isso adhsudhuasd.
Bom, hehe, eu queria agradecer á todos vocês que leem todos os caps, ou que favoritam e comentam, enfim: OBRIGADÃO. Eu só vou escrever isso porque a minha cachorra está devorando a minha mão, ou seja, tá bem dificil de escrever.

LEMBRANDO: Meu twitter é @IlyLalisa caso vocês queiram conversar ou trocas ideias, ou me cobrar caps udhsuhdaus.

Como sempre um beijão de glitter pra você que leu até aqui e nos vemos no próximo cap <3.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...