História It's Never too late for Love. - Capítulo 62


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camren, Sexo
Visualizações 330
Palavras 810
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 62 - Choices


Lauren acaba de desembarcar no aeroporto. Ar novo, vida nova... A empresa? Estava nas mãos de Dinah e Verônica, Lauren tem a sua total confiança nas duas então...

Do outro lado, Camila observava um álbum de foto do casamento, no álbum, tinha algumas fotos de antes do casamento. A latina olhava todas as fotos e lembrava de todos os momentos que vivera com Lauren, todos os sorrisos, brincadeiras, beijos, momentos.... Saber que tudo isso acabou, doía muito, para as duas. Independente dos erros, o tamanho da saudade é surreal. 

- Amiga..- Mani aparece do lado da porta do quarto. A latina enxuga as lágrimas que caíam dos seus olhos. 

- Eu fui muito rígida com ela Mani? - pergunta. Normani se aproxima, sentando ao lado dela. - Se eu não tivesse feito o que fiz, ela estaria aqui comigo, não estaria?

- Camila, sabemos muito bem quem foi a culpada dessa história. 

- Mas eu também fui uma filha da pu*a com ela. - rebate a latina. Normani assente. - O que me magoa mais ainda, é saber que ela desistiu de nós. 

- Quem sai perdendo é ela, pois você é uma mulher incrível,e ela sabe disso.

.......

Lauren terminava de por uma roupa quando seu celular tocou, era Dinah. Um sorriso animado brotou no rosto da morena, que foi correndo pra perto do aparelho.

- Que demora pra atender essa droga!

Lauren sorri, estava com saudade da amiga. Dinah bufa do outro lado da linha. 

- Oi DJ. Como estão as coisas aí? 

- Lauren, ainda dá tempo de você voltar. 

Escuta um som de algo caindo e a loira xingando. 

- Como está Camila? E meus pequenos?

- Seus filhos estão bem Lauren. E sobre Camila..não te interessa. 

Lauren rola os olhos. 

-...mas irei falar. Camila está bem, agora que está seguindo em frente. 

Deixou no ar, Lauren não fala nada, não sabia se aquelas palavras significava mesmo o que ela estava pensando. Mas era o que ela queria não era? Que ambas seguissem em frente, era isso mesmo?

- Ela...está? - sussurra pra sim mesmo.

[...]

Camila termina de arrumar Michelle, quando um corpinho entra no quarto correndo. Nícolas vinha todo feliz por saber que iria passar um dia inteiro com suas madrinhas, porém, não muito feliz por causa de uma certa pessoa. 

- Mamã, vamos logo! - Camila solta uma risadinha e coloca Michelle no chão, que agora tinha seus três anos. 

- Que animação é essa?? 

- Tô com saudades da Dinda Mani e da Dinda Dinah. - cruza os bracinhos e se senta na cama. Michelle fica o olhando. 

- Você é tão idiota. - diz a menina com dificuldade é claro. Assim que ela terminou de falar, Camila parou o que fazia pra olha-la. 

- Onde você aprendeu isso?

A garotinha nada diz pois estava ocupada rindo da carinha raivosa do irmão. 

.....

- Cheguei! - uma voz grossa ecoa da porta da área da piscina, atraindo os olhares de todos que estavam ali. Imediatamente, Nícolas fecha a cara e vai pra perto da mãe, como se quisesse protege-la. 

O homem de pele escura entra pela porta trazendo em suas mãos uma garrafa de vinho branco seco, um sorrisinho de lado e seu estilo peculiar. Se aproxima do pessoal que o cumprimenta menos Dinah, Michelle e Nícolas, aqueles três o odiavam , era real oficial. 

- Está linda Camila. - elogia enquanto sorria grande para a mesma. A latina enrubece de vergonha e o agradece. 

- Gentileza sua, Ty. 

Ao fundo, Dinah, Michelle e Nícolas cruzavam os braços e encaravam aqueles dois com uma expressão nada boa. Sophia estava bem plena sentada  ao lado de Normani, que ria do que via. 

- Chega mais Ty! - Troy chama perto da churrasqueira junto a Harry. 

Falando nele, parece que Alexa e o advogado estão tendo um caso, mas nada concreto ainda. 

Verônica que até então estava no banheiro, estanca no lugar ao ver quem havia chegado, o cara era realmente odiado. Ty era um cara legal, Camila e ele se conheceram numa saída que fizera com Normani, ele foi muito gentil com as duas, sem contar que, era divertido, mas...para algumas pessoas, ele não passa de um falso que "se passa", como diz Verônica. 

- Não acredito que você chamou esse cara. - resmunga Dinah. 

- Dinah...- repreende Normani.

A loira rola os olhos. 

- Eu não sei o porquê que você não foi com a cara dele. - fala Camila. 

- Não só ela, eu também. - fala Verônica. Nícolas aproveita e ergue a mão também, e aproveita pra erguer a de Michelle, que olhava Sophia brincar. 

- Seu lugar não é com esse cara, é com a Palmito. - Camila respira fundo. 

- Lauren não entra nessa conversa Verônica, ela fez a escolha dela, não fez? Agora eu estou fazendo a minha. - olha pra Ty e sorri fraco. 

- E parece que acertei..



Notas Finais


Esse saiu pequeno..


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...