História Jade a pedra do gelo - Steven Universo - Capítulo 63


Escrita por: ~

Postado
Categorias Steven Universe
Personagens Ametista, Connie, Garnet, Jasper, Lápis Lazuli, Lars, Leão, Malaquita, Mr. Smiley, Opal, Peedee Fryman, Peridot, Pérola, Personagens Originais, Richard Fryman, Ronaldo Fryman, Rose Quartzo, Rubi, Sadie, Safira, Sardonyx, Steven Jr., Steven Quartzo Universo, Stevonnie, Sugilite
Tags Steven Universo
Exibições 21
Palavras 2.991
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Violência, Yuri
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi Genteeeeeeee, Olha que surpresa!! Postei na hora :v kkk
Espero que gostem desculpe os erros e
AVISINHO: Pulem o início se não curtirem tortura e.e
Tô muito psicopata esses dias :v

Capítulo 63 - Vingança.


Fanfic / Fanfiction Jade a pedra do gelo - Steven Universo - Capítulo 63 - Vingança.


Uma semana. Tenho que admitir que não esperava isso, ela durou até uma semana da Terra sem mostrar qualquer resquício de insanidade. Como é possível?  Torturas mentais e físicas e ela não enlouquecia de vez, que ódio. Yellow Diamond começava a ficar impaciente mandando eu acabar com isso de uma vez. Primeiro: Não se apressa a arte, Segundo: Essa semana foi a melhor da minha vida, podia passar minha vida inteira torturando ela e Terceiro: Yellow Diamond engana-se se acha que vou seguir suas ordens quando ela me fundir com Jade, vou é  me mandar pra Terra, tenho poder suficiente pra isso, junto com os de Jade então.
Sempre que colocava Ice Heart de volta em Jade, ela pufava. Esperava em torno de um dia pra ela se recuperar e meio que ameaçava quebrar sua pedra se não saísse logo, sei que se dependesse dela ficaria dentro da pedra pra não ter que sofrer em minhas mãos.
Nesse exato momento estava forçando minha garra em sua pedra para que ela que ela saísse e assim que saiu eu tirei Ice Heart dela e o prendi na parede. Ele nem relutava mais, acho que abelei o coração dela (Bam dum tss).
-Jade!! Bom dia.- Disse a ela e a prendi na cadeira. Ela estava com a cabeça caída como se estivesse morta.- Como eu consegui te deixar louca lá na Terra ? Aqui está sendo tão difícil.- Resmunguei e peguei um prego e um martelo fornecidos por Y.D.- Pronta pra mais uma ?
-Não me importo.- Ela sussurrou e eu sorri, sabia que estava acabando com ela pouco a pouco. Mas bem pouco mesmo, ô dificuldade pra acabar com sua sanidade.
-Ok, então vamos começar.- Botei o prego em baixo da unha de seu dedão e dei com o martelo nele. Vi escorrer uma lágrima de seus olhos mas ela não gritou.- Tsc, assim não tem graça…. Faz uns três dias que você não demonstra dor além de lágrimas. Cadê os gritos ? O desespero?- Peguei uma substância ardida de Homeworld era tipo um álcool. Nem sei que porra era aquilo mas arde pra caralho. Testei nela no segundo dia de tortura.- Você não vai mesmo gritar ? Espernear?  Implorar pela morte ? Você fez isso das outras vezes…. Era mais divertido.- Disse e fiz minhas unhas crescerem se tornando garras e cortando seu antebraço em corte profundo.
-Não tenho motivos pra isso.- Ela disse calmamente enquanto chorava silenciosamente. Que chatisse, nem pra chorar soluçando ou com o rosto transbordando desespero. Qual era a graça de torturar se a pessoa aparentava não sentir dor ?
Joguei a substância na ferida e ela só cerrou os punhos mas logo relaxou a mão.
-Tsc, vou ter que apelar pras partes do corpo humano onde mais dói?
-Faça o que quizer.- Suspirei e me levantei.
-Você sabe quais são as partes do corpo onde mais dói?
-Não.- Ela respondeu simplesmente e sem ânimo. Será que ela já estava insana mas não demonstrava por simplesmente saber que não tem como escapar ?
-Em cima dos olhos, dentro da órbita ocular, acima da cintura e os tímpanos…. Qual você quer primeiro? 
-Tanto faz, não importa pra mim.
-Tudo bem… comecemos pelos tímpanos.- Disse e fui ao lado de sua cabeça onde fiz minha mão virar a gosma preta e logo depois fazer virar algo fino e pontudo e logo adentrei o “espinho” em seu ouvido sentindo seu tímpano.- Vai doer.- Sussurrei antes de furar. Ela ofegou e soltou alguns gemidos de dor.- E se eu furar o outro ? Vai querer que eu continue decidindo ?
-Os… pregos.
-Ah, claro…. Bem melhor pregos em baixo das unhas do que os tímpanos furados né?- Perguntei rindo e fui pegar a caixinha de pregos. Botei um em baixo do dedão do pé direito e fui martelando lentamente fazendo o prego afundar na carne bem devagar. Fiz assim com todos os outros dedos.- Já está chato né? 
-É.- Ela respondeu com a cabeça baixa e convulsionando os ombros. A desgraça estava rindo ?
-O que é tão engraçado ?
-Você não sabe mais o que fazer.- Ela disse rindo um pouco mais auto.
-Como assim ?
-Você não tem ideia de como me causar dor.- Ela deu uma longa gargalhada sinistra levantando a cabeça.- Você Ahahahahaha você falha miseravelmente tentando me fazer gritar por misericórdia.
-Bingo.- Disse e sorri.- Que tal voltarmos pra Terra ?
-Terra ? Ah não, tenho coisas pra resolver aqui.- Ela disse sorrindo de um modo bizarro. Admito que ela estava me assustando, será que exagerei? 
-Você vai me obedecer.- Disse séria e seu sorriso aumentou.
-Se não o que ? Vai jogar ácido no meu braço ? Fique a vontade, estou ao seu dispor.- Confesso ter me irritado com sua ousadia e ajeitei um prego em minha mão dando um peteleco no mesmo e fazendo ele voar em sua testa. 
-Ficou quieta de repente.- Ela me olhou com certa raiva mas logo depois sorriu.- Vamos dizer a Yellow Diamond que você enlouqueceu, ela vai nos fundir e então voltamos pra Terra.- Disse calmamente. Consegui deixar ela ainda mais sinistra com o sangue escorrendo por entre o cabelo e pingando de seu queixo.
-Correção: Você vai dizer que eu enlouqueci, Yellow Diamond vai nos fundir, nós vamos mata-la e depois, só depois, voltamos para Terra.- Ela sussurrou sorrindo.
-Acho que não vai ser preciso nos fundir. Ah uma coisa, não encoste no líquido que sair de Yellow Diamond quando mata-la, vai curar você de mim.
-E perder a chance de ganhar novos poderes?  Nunca! Vamos matar Yellow Diamond. Três anos esperando por isso.
-Sei… mas não seja inconsequente, ela é uma Diamond… Não sabemos nem metade de seus poderes e ela sabe todos os seus.- Avisei.
-E ela sabe os meus e os seus combinados? 
-Como pretende fazer isso ?- Perguntei e segui seu olhar até ver Ice Heart.- Você é doente.
-Você me fez doente. Ice Heart está fraco, pode me corromper de vez agora né? 
-Meu Deus, eu criei um monstro. Não vou te corromper, sabe-se lá o que você faria com meus poderes, vou só corromper Ice Heart.- Ela estreitou os olhos pra mim mas não questionou. Me aproximei de Heart e soltei ele dos tentaculos e o mesmo caiu no chão. Ok, admito que senti pena sim, ele estava deplorável. 
Toquei em seu focinho que logo foi escurecendo e mudando um pouco sua forma. Sussurrei um “me desculpe” apesar de odia-lo por sempre me atrapalhar, eu admirava ele por usar suas últimas forças pra salvar quem ele mais amava. Era engraçado pensar que o coração de Jade a ama. 
Quando terminei, Ice Heart estava Negro, com os espinhos da cauda e pelo corpo cinzas e os olhos completamente vermelhos e sem retina.
-Seu Dragão.- Disse olhando pra Jade.
-Ficou Foda…. Pode fazer isso com o Tanza também?- Eu pensava de vez sm quando “o que foi que eu fiz ?” mas logo passava ao lembrar que eu tinha uma das criaturas mais fortes e amigáveis na palma da minha mão e a transformei em uma psicopata que faz tudo que eu mando. Fiz o mesmo com o cachorro e de Castanho seu pelo ficou cinza com as patas e a barriga brancas, ele aumentou consideravelmente de tamanho e seu olhou azul ficou vermelho como o outro. O bicho ficou muito grande, antes ele batia na minha cintura se estivesse em pé, e agora de quatro ele é maior que eu.
-Que fofo…. Parece um cão do inferno.- Ela disse acariciando o cachorro. Vou nem procurar o que ela viu de fofo nesse bicho porque lembrei que praticamente reduzi o cérebro dela a amoeba de tanto que ela deacaiu.
-Se prapare… são 15:45 na Terra, Yellow Pearl vem aqui pegar o relatório 16:00 na Terra. Seenta na cadeira e finge que estava sendo torturada.... O problema vai ser o Cão e o Dragão.
-O Heart eu faço voltar e o Tanza pode ficar invisível.- Nem parecia mais aquele cãozinho brincalhão, tava mais pra um lobo sedento por sangue. 
Assim que Jade chamou o Dragão de volta e o Diabo da TAZ mania (Ba dum tss, tá parei ;-;) ficou invisível. Jade sentou na cadeira, nem havia tirado o prego da testa. Além de maluca e psicopata, eu transformei ela em masoquista também? 
-Como estão as coisas ?- Perguntou Yellow Pearl do lado de fora da cela.
-Nada fora do comum. Nem expressando dor ela está…. Olha.- Disse e peguei o ácido jogando em seu braço. Notei que ela se segurou pra não rir por que ter realmente jogafo ácido em seu braço.
-Humanos são nojentos.- Ela disse fazendo careta.
-É, são sim.- Diss olhando pro agora visível osso de seu braçoe logo depois para o chão onde havia restos de pele e sangue. Ah é mesmo, desde que meus poderes aumentaram e eu pude torturar Jade não só mental mas também fisicamente eu consigo fazer com que os outros me vejam, mas só me vê quem eu quero que me veja.
-Vou informar minha Diamante. Ela certamente virá aqui tirar satisfações.- Terminou Y.P e saiu apressada. 
-Yellow Diamond vem aqui ? Perfeito.- Ouvi Jade sussurrar e logo se levantar.- Tsc, isso tá começando a me incomodar.- ela disse e puxou o prego com tudo.
-Eu não vou nem dizer como isso foi bizarro e nojento.- Disse e ela riu.- Com o Heart dentro de você, você não deveria pufar em vez de sangrar ?
-Não sei o que aconteceu, será que o sistema é diferente com esse novo Ice Heart?  
-Pelo visto, mas você se regenera rápido.
-Tipo um Deadpool da vida.- Ela disse rindo.
-COMO ASSIM AINDA NÃO CONSEGUIU NADA ?- Ouvimos a voz de Y.D e eu vi um sorriso psicotico surgir no “lindo” rosto desfigurado de Jade que se recuperava aos poucos.
-Ela tá vindo, bota o prego de volta e senta na cadeira!!- Sussurrei/gritei.
-Bota você o buraco na minha testa já fechou!!- Ela disse fazendo o mesmo que eu.
-Não dá tempo, anda logo.
-Aff.- Ela disse e foi forçando o prego em sua testa até estar como antes.
-Se eu não fosse torturadora e assassina proficional eu vomitaria.- Disse plerplexa.
-Tanto faz. Me amarra.- Ela pediu sentando na cadeira e abaixando a cabeça como estava antes de pirar. Parece que o “Respira, inspira não pira” não funcionou.
-EVIL, QUERO JADE FORA DE SUA SAÚDE MENTAL AGORA!! Gritou Yellow Diamond entrando na cela.
-Como se fosse fácil. Vem tortura-la no meu lugar então.- Disse e botei as mãos atrás das costas com 3 dedos levantados, avisando Jade que era pra ela atacar no quando eu fechasse a mão completamente.
-Ora, sua isolante.- 2 Dedos.- Quem você pensa que é ?- Ela crusou os braços. Tsc a pedra tinha que ser no peito ?- Eu poderia destruir você quando quisesse.- Bingo!! Ela descrusou os braços e apontou pra mim.
-O mesmo pra você.- Disse abrindo um sorriso diabólico e fechando a mão.
-O que você disse.- Soltei as mãos de Jade fazendo a gosma preta voltar pra mim.
-Que eu posso fazer isso.- Disse botando uma mão na cintura e com a outra estalando o dedo e nesse momento Jade saltou por cima de mim em direção à Y.D.
-Sua… PÉROLA CHAME OS GUARDAS!!- Ela gritou e na hora que Yellow Pearl correu pra um transmissor na parede vi ela parando bruscamente e olhando pra trás onde Tanza surgiu moderdendo de seu ombro até a barriga. Logo Y.P pufou e Taz destruiu sua pedra com uma poderosa mordida.
Olhei para Jade de novo e vi ela toda suja de um líquido amarelo. Revirei os olhos, eu pedi para que ela não fosse inconsequente, vou perder metade dos meus poderes agora. Ainda bem que Blue Diamond também usou o Dano das Diamonds se não eu morreria agora.
-Jade, o que eu disse sobre não encostar nisso ?- Vi ela acertar um arranhão no rosto de Yellow Diamond e pular do meu lado ficando de quatro e olhando pra mim com um sorriso até que fofinho, tipo aquele Emoji que usa dois pontos e três.
-Evil!! Se sangra… Eu posso matar não é?
-Não se você ficar enrolando e deixar se regenerar.- Disse dando o mesmo sorriso pra ela que me olhou assustada e logo depois olhou pra frente onde um belo chute de Yellow Diamond acertou sua cara. Estava invisível para Y.D então não me importei muito de ela estar bem na minha frente cheia de raiva.
-Porra Evil!!- Gritou Jade com raiva por não ter dito à ela sobre a regeneração. Mas o que eu podia fazer ? Eu também acabei de descobrir isso.
-Detalhes Jade, sinto muito.- Disse rindo. Jade montou em Tanza e foi em direção à Y.D que disparava lasers amarelos de sua pedra em direção aos dois.- Outro pequeno detalhe, se ela te acertar com isso você explode.. e não explode de pufar, explode de “Tchau eu nunca mais vou te ver”.
Ela olhou pra trás com raiva e Taz teleportou ficando bem em frente à pedra de Yellow Diamond. Mas os dois receberam um lindo tapa e logo em seguida Yellow Diamond clicou em outro comunicador e chamou Guardas e logo os corredores estavam lotados de Rubis, Mega Rubis, Ametistas, Jaspers e etc.
-Tsc, que pena. Você nem chegou perto.- Disse e Jade me olhou com raiva.
-Vai se foder.- Ela disse desviando o olhar para Tanza que rosnava pra alguns soldados Quartz que chegavam perto. Era visível o medo deles para com Tanza.- Tanza.- Jade chamou sorrindo e o cachorro olhou pra ela na hora parando de rosnar.- É sua.- Ela disse apontando pra uma Rubi que tentava segurar o animal. Tadinha era quase do tamanho da pata dele, nem pra mandarem uma Jasper.
Taz olhou para a Rubi e avançou nela pufando a mesma e pegando sua pedra e logo em seguida deitando-se ao lado de Jade.
-Muito bem.- Ela bateu palma e o cachorro a entregou a pedra babada. O senso de hunor dela ficou sinistro “de repente” um mistério como isso aconteceu…
-Levem ela para a cela na ala A47B ordenou Yellow Diamond e os soldados Quartz agarraram Jade e tentaram conter Tanza, mas os dois pufaram umas dez Gems juntos e depois cansaram.
Na nova cela Jade brincava com Tanza de “pegar a bolinha” com as pedras das Gems e quando alguma quebrava por ser jogada com excesso de força ou por Tanza pisar/morder muito forte, Jade pegava outra Gem da pilha que tinha ali.
-E agora vai fazer o que ?- Perguntei me cansando de ver a brincadeira doentia.
-Brincar. Depois penso em alguma coisa.- Ela disse jogando a pedra de uma Ametista que quebrou na parede.- Tsc.
-Essa “brincadeira” não vai durar muito tempo.
-Tenho várias Rubis aqui.- Ela disse apontandopra pilha de pedras de Rubis que era a de mais quantidade ali.- Além do mais o que poderíamos fazer agora ? Os servos nojentos de Yellow devem estar cuidando de tudo lá fora, sem falar nas câmeras que esse lugar deve ter.
-Aqui deve ser o lugar de maior proteção… O que será que prendem aqui ?
-Vamos descobrir… Será aue dá pra quebrar a parede ?
-Pode ter desestabilizadores de Gem.
-E se usarmos um “Esfera Flamejante” ou “Frenesi das Trevas” ?
-Não estamos jogando Grand Chase.
-Mas pslosso fazer uma esfera de fogo negro, não posso ?
-Pode. Pior que pode.
-E ainda enho meu Bastião aqui.- Ela disse e Abraçou o braço de Tanza. Parecia crepúsculo… a Renesmee quando criança perto do Jacob.
-Ele não parece o Bastião.
-Não te perguntei nada.- Ela disse e Taz fez barulho de choro como se tivesse se machucado. Até o cão gigante zomba de mim agora ?!!- Vamos sair daqui logo.
-Siga em frente.
-É pra olhar pro lado depois ?- Ela zombou e eu revirei os olhos.
-Sabe que pode tirar esse prego da sua testa e de baixo das suas unhas né? 
-Ah, eu tinha esquecido.- Ela disse rindo e tirou o prego dee uma vez e abaixou pra tirar de baico das unhas do pé.- Tem um aqui que não quer sair…. Será que eu vou ter que arrancar a unha do pé? 
-Não acho necess…..- Antes que eu terminasse de falar ela já tinha jogado a unha ensanguentada longe e agora tirava o prego de dentro do osso. Consegui atravessar o osso dela ? Nossa!- Além de louca virou masoquista.
-Vai se ferrar.- Ela disse se levantando e indo quebrar a parede. “Tomara que leve um lindo choque” pensei rindo.- Além da forma sinistra, o Tanza ganhou mais algum poder ?
-Uhum, é tipo um Pokémon né?  Ele evoluiu!- Respondi rindo.
-Pior que é…. EU TENHO UM POKÉMON!! QUE FODA!!- Ela gritou e pulou em cima de Taz.- Vamos quebrar a parede.- Ela disse e já iam ela e Taz com tudo pra cima da parede.
-ESPERA AÍ!!- Grtei com eles a centímetros da parede.
-O que é agora ?
-Taz não tem poderes de Teletransporte?- Disse e eles se entre olharam.- Dois idiotas. Tanza, teleporte lá pra for a e quebre o que quer que seja que está fazendo o “campo de força”.- Ordenei e assim ele fez. Vi ele do lado de for a olhando em volta da cela e logo fixando seu olhar em alguma coisa do lado direito da cela e indo até lá e quebrando. Na mesma hora o campo de força amarelo sumiu.
-Muito bem Taz!!- Elogiou a retardada psicopata.- Vamos!!
Estávamos correndo até ouvir uma voz nos chamando olhamos em volta e vimos uma cela maior que as outras com uma Gem metade humanoid da cintura pra cima e o resto era de algum monstro sei lá, algo bizarro. 
-White Diamond?- Perguntou Jade perplexa. e eu olhei melhor para a Gem.
-Não pode ser.- Disse arregalando os olhos e levando a mão a boca.

CONTINUA!!


Notas Finais


E então? O que acharam? Jade pirou de vez e virou psicopata '^' como será que vai ser quando voltarem pra Terra ? ;-;
Só vão saber amanhã e dessa vez não tem Troll :v


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...