História Jade a pedra do gelo - Steven Universo - Capítulo 69


Escrita por: ~

Postado
Categorias Steven Universe
Personagens Ametista, Connie, Garnet, Jasper, Lápis Lazuli, Lars, Leão, Malaquita, Mr. Smiley, Opal, Peedee Fryman, Peridot, Pérola, Personagens Originais, Richard Fryman, Ronaldo Fryman, Rose Quartzo, Rubi, Sadie, Safira, Sardonyx, Steven Jr., Steven Quartzo Universo, Stevonnie, Sugilite
Tags Steven Universo
Exibições 17
Palavras 1.766
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Violência, Yuri
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi Genteeeeeeee, mais um cap pra vcs, espero que gostem ^3^

Capítulo 69 - Problemas na floresta.


Fanfic / Fanfiction Jade a pedra do gelo - Steven Universo - Capítulo 69 - Problemas na floresta.


Abri meus olhos sentindo meu rosto ser tocado e dei de cara com os lindos olhos azuis de Katy.
-Oi.- Cumprimentei e ela abriu um lindo sorriso. Olhei em volta mas não vi Jade nem Taz.
Uma pontada de desespero tomou conta de mim, levantei pegando Katlyn no colo e indo para o corredor e lá eu vi Jade apoiada em pé na parede tentando passar por Tanza que tentava empurra-la de volta pro quarto.
-Posso saber onde a senhorita está indo ?- Perguntei chegando por trás dela silenciosamente o que fez ela levar um susto. Admito ter me segurado pra não rir, eu estou com raiva, não posso rir.
-Lá pra baixo.- Ela respondeu virando de frente pra mim.
-Não, você vai pro quarto.- Antes que ela tivesse tempo de protestar a peguei no colo voltando pro quarto e a colocando na cama.- Jade, Fica.- Brinquei como se falasse com um cachorro.
-Eu não quero ficar aqui o dia todo!
-Problema é seu. Tanza, não deixe Jade sair do quarto.- Pedi e o cão latiu.- Bom garoto.
-Até parece que manda no meu cachorro.- Ela disse e já ia se levantar mas Taz deitou as patas dianteiras e a cabeça em cima dela.- Traidor.- Disse para o cão e ajeitou melhor o travesseiro, em desistência.
-Vou trazer seu café da manhã.- Avisei rindo da cena.- Onde estão aqueles três Idiotas ?- Murmurei pra mim mesmo descendo as escadas.
Cheguei lá em baixo e vi Steven, Charlie e Jack entrando pela porta da frente.
-Deixaram a Jade sozinha ?- Perguntei meio bravo.
-Não, deixamos com um cachorro gigante e um assassino... E você também estava aqui.- Respondeu Lie.
-Sabem que eu acordo tarde, e se não fosse o Taz Jade teria descido a escada sozinha.- Briguei.
-Harry, para de drama.- Pediu Steven.
-É, a garota sabe andar.- Defendeu Eyeless Jack.
-Ela está fraca, poderia ter caído.- Disse preocupado.- O que trouxeram pro Café ?- Perguntei pensando no que fazer pra Jade.
-Pão... Ovos.... Queijo... Presunto... E tinha mais alguma coisa.- Respondeu Steven contando nos dedos.
-Requeijão!- Terminou Charlie.
-Isso! Requeijão.- Disse Steven.
-Jade tem alergia a alguma dessas coisas ?- Perguntei pegando o saco das mãos de Charlie.
-Intolerância a lactose.- Respondeu Lie.
-Não, nós tomamos sorvete.- Contrariei confuso.- Ela tomou uns três sabores.
-Ela me disse que quando fica doente, parece que num passe de mágica ela não pode beber ou comer nada que contenha Leite.- Explicou Lie.
-Então nada de queijo ou requeijão.- Disse pra mim mesmo.- Onde vão botar o presunto e o queijo?  Essas coisas estragam rápido.... Aliás... Usam leite pra fazer pão? 
-Trouxemos um isopor e Botamos gelo.- Steven respondeu minha primeira pergunta.
-E sobre o pão....- Charlie Disse e olhou para Steven e Jack que levantaram os ombros e negaram com a cabeça.- Não fazemos ideia.
-E nesse lugar não tem sinal nenhum... Tsc.- Pensei um pouco.- Será que ela vai dar chilique se eu só levar café? 
-Ela ama café.- Respondeu Lie.- E presunto também.
-Valeu Lie.- Deixei o pão que tinha cortado ao meio em cima da mesa e fui fazer o café.- Esse café tá aqui há muito tempo, ou compraram ontem ?
-Ontem.- Responderam os três ao mesmo tempo. Quando eles compraram isso, que eu não vi ?
-Ok.- Enrolei o Quatro fatias de presunto e esperei o café ficar pronto.- Aí... Agora que a Jade é humana de novo, vai ter aqueles trecos chatos de TPM... Querer chocolate?- Perguntei pensativo e vi que a expressão dos três ali mudou pra pânico enquanto paravam abruptamente o que estavam fazendo. Até no Eyeless Jack era possível ver o medo, e olha qur usa máscara.
-Amanhã vou comprar uma loja de chocolates.- Disse Eyeless saindo do transe.
-E como vai fazer isso ?- Perguntou Steven enquanto mordia um pedaço de pão.
-Acho que o dono da loja não se importaria de perder um rim ou dois né?- Ela perguntou em tom de brincadeira.
-Mas ela não pode ingerir lactose.- Lembrou Charlie.
-Como se agrada uma mulher de TPM se ela não pode comer ou tomar nada que tenha lactose?- Ele perguntou e todos rimos. Ouvi um “pin” avisando que o café estava pronto e fui pegar um copo.
-Me pergunto de onde vocês tiraram esses copos... E pratos.- Disse saindo da cozinha com o “Café da manhã” de Jade e subindo as escadas.
-Demorou.- Ela disse emburrada.
-Desculpa. Tava fazendo o seu café e deu... um pouco de trabalho.- Me referi ao fato de não poder ter leite em nada.
-Como assim ?
-Desculpe responder a pergunta com outra pergunta, Mas... Pão é feito com leite ?- Perguntei sentando em minha cama que arrastei pro lado da sua, onde Katy dormia.
-Não o leite em si... Mas tem margarina, por quê?- Ela parou um pouco e refletiu.- Tsc, a Charlie te contou da minha intolerância a Lactose né?- Eu assenti entregando o café pra ela e depois o prato com presunto.- Vadia...- Ela xingou baixinho. Não pude deixar de rir.
-Faria mal pra você, foi até bom ela ter me contado.
-Mas é pouca margarina.- Ela disse com a voz chorosa.- Não vai me matar.
-Vai piorar o seu estado.
-Réwiiiiii Pufavooo.- Ela pediu com uma voz infantil. Sorri pra ela e fui até a porta do quarto, olhei pra ela que estava com um sorriso de orelha a orelha crente que eu iria pegar o pão pra ela.
-Não.- Respondi simplesmente e vi ela ficar emburrada de novo. Parece criança. 
Saí do quarto e ouvi ela gritar: “Vou arrancar seu fígado enquanto dorme.”, como pode uma pessoa tão fofa ser tão psicopata? 
Cheguei na cozinha e todos me olharam de cima a baixo.
-Que foi ?
-Nenhum hematoma..- Disse Lie me analisando.
-Nem cortes.- Continuou Steven.
-E todos os membros do corpo estão presentes.... Eu acho.- Terminou Jack. Revirei os olhos e fui fazer o meu café dessa vez.
-Tá com todos os membros do corpo aí né?- Perguntou Charlie.
-Claro que eu tô, deixem de ser retardados.- Ouvi um barulho de motosserra.- Vocês ouviram ?- Sussurrei.
-Sim.- Disseram todos juntos e no segundo seguinte a porta era arrombada.
Olhamos pra figura na porta e saímos correndo.
-PUTA QUE PARIU, VIROU SEXTA FERREIRA TREZE ?- Gritou Jack.
-ALGUÉM AVISA PRA ELE QUE AQUI NÃO É O ACAMPAMENTO CRYSTAL LAKE!!Gritou Charlie. Subimos a escada que nem uns loucos e fomos para o nosso quarto. Olhamos pra Jade e Tanza que nos olhavam curiosos com a gritaria.
-Vamos sair daqui. Tanza leva a gente ?- Pedi.
-Por quê?- Perguntou Jade ainda confusa.
-E como ele vai aguentar todos nós?- Perguntou Steven.
-Vamos surfar na Floresta.- Disse olhando pra cama.- Cadê a corrente que usamos pra amarrar o Jack ?
-Aqui comigo!- Jack me entregou e ouvimos passos subindo a escada.
-Gente o que tá acontecendo?- Perguntava agora Jade agora aflita e confusa. 
-Depois te explico, prometo.- Amarrei a corrente na cama e dei para Tanza. Ouvimos passos se aproximando.- Todo mundo pra cama!- Gritei e pularam na cama enquanto eu subia nas costas de Tas junto com Jade. A porta foi arrombada e vimos Jason ali.
-TAZ VAI!!- Gritou Charlie e ele correu em direção a Janela. Quase morremos?  Sim, são dois andares, mas fazer o que né? 
-Todo mundo Bem ?- Perguntei olhando pra trás e todos estavam embolados um em cima do outro e Katy chorava.- Se ajeitem logo.- Pedi e Jack ficou na ponta da cama, com Steven logo atrás dele e Charlie ficou na outra ponta protegendo Katy. Vimos Freddy vir voando de uma árvore.
-O que tá acontecendo ?- Ele perguntou inocentemente e logo depois Jason pulou a Janela. Peguei Freddy colocando dentro do meu moletom.
-Tanza corre!- Pediu Jade e o cachorro obedeceu. O único problema é que só tínhamos como ir pra dentro da floresta.
-Vai dar merda, vai dar merda.- Cantou Charlie.
-Faz de conta que Slender não vive na floresta.- Pediu Jade olhando pra frente e vendo por onde Taz corria.
-Aquilo é uma folha de papel ?- Perguntou Steven apontando pra uma árvore.
-A filha da puta fez o Jogo do Slender virar realidade ?- Perguntou Jade.
-Freddy, pega a folha pra gente.- Pedi e ele saiu de dentro do meu casaco voando até lá e voltando com a folha na boca me entregando.-“Don’t look... Or it Takes you”.- Li em voz alta.- É estamos jogando Slender.
-Tsc, odeio esse jogo.- Se queixou Jack.
-Acho que o Jason era só pra nos trazer até aqui.- Supôs Steven.
Freddy entrou em meu moletom de novo e ficou só com a cabeça pra fora causando cócegas em meu pescoço, mas ignorei.
-Todos olhando pra frente.- Pedi e todo mundo virou pra frente. Steven e Jack improvisaram Cintos de segurança com o Edredom e o lençol da cama. Tiraram alguns parafusos botaram o lençol ali e aparafusaram de novo, a cama já nem tinha mais os pés.
-Isso tá muito quieto.- Observou Charlie.
-Ali! Outra página!- Apontou Jack.
-Vamos até lá, não quero Freddy se afastando.- Chegamos lá e Jade pegou a página.
-“Leave me Alone”.- Ela leu e me entregou para que guardasse e assim o fiz botando no bolso da minha bermuda.
-Elas podiam ter deixado Lápis e Peridot com a gente.- Disse Charlie olhando Katlyn dormir. Quem me dera estar dormindo agora e nada disso acontecendo.
-Será eu o Jason foi só pra nos trazer pra floresta ?- Supôs Steven.
-Provavelmente.- Respondi pensando na hipótese.
-Vamos sair dessa floresta... Quanto mais Páginas acharmos mais o Slender vai apare.- Jade parou de falar do nada e eu olhei pra ela.- TIRA A GENTE DAQUI TAZ.- Ela gritou e eu olhei pra onde ela olhava vendo Slender.
-Ai meu Deus!- Disse Charlie fechando os olhos. Tanza correu bastante até nos afastarmos daquele lugar.- Eu quero a minha mãe.
-Já foram três, só faltam cinco.- Disse Freddy.
-Na verdade só foram duas.- Corrigi.
-Três.- Ele botou a patinha pra fora e apontou pra uma das páginas em um caminhão.
-Jadeíte caprichou no cenário né ?- Disse pegando a página.
-Se aparecer uma casa aqui, não vai ter como Taz entrar nos carregando.- Disse Charlie.
-Nossa... Que merda... Tsc..- Lamentei tentando pensar em alguma coisa.- Vão ter que entrar Steven e Jack, são os únicos não-Humanos aqui e Steven tem o escudo.- Disse e eles ficaram se lamentando.
-O que tinha escrito nessa ?- Perguntou Lie curiosa.
-“Help Me”.- Respondeu Freddy antes de mim.
-Que saudade da minha cama.- Disse e Taz começou a andar de novo. Vai ser uma noite longa...

 

CONTINUA!!


Notas Finais


E então? O que acharam? Espero que tenham gostado.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...