História Jade a pedra do gelo - Steven Universo - Capítulo 70


Escrita por: ~

Postado
Categorias Steven Universe
Personagens Ametista, Connie, Garnet, Jasper, Lápis Lazuli, Lars, Leão, Malaquita, Mr. Smiley, Opal, Peedee Fryman, Peridot, Pérola, Personagens Originais, Richard Fryman, Ronaldo Fryman, Rose Quartzo, Rubi, Sadie, Safira, Sardonyx, Steven Jr., Steven Quartzo Universo, Stevonnie, Sugilite
Tags Steven Universo
Exibições 17
Palavras 3.131
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Violência, Yuri
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi Genteeeeeeee, beleza ? Olha que novidade postei adiantado em vez de atrasado :v
Espero que gostem, porque eu devia estar estudando mas tô aqui agradando vocês ;-;

Capítulo 70 - Jogando com Slender.


Fanfic / Fanfiction Jade a pedra do gelo - Steven Universo - Capítulo 70 - Jogando com Slender.


Uma coisa é certa: nunca mais entro em uma floresta na minha vida, depois que sairmos daqui. As coisas estavam complicadas, Jade quase desmaiou umas duas ou três vezes alegando só ter ficado tonta mas que estava bem, não achamos mais nenhuma página e já topamos com Slender duas vezes desde a primeira vez. Não sei quanto tempo ainda vamos aguentar assim o coitado do Tanza já estava exausto, e pode parecer loucura, mas realmente paramos pra descansar e fizemos uma fogueira... Mas também, do jeito que as coisas estavam não dava pra ficar.
Jade dormia em meu colo, antes ela estava só com a cabeça apoiada em meu colo mas alegou sentir um besouro subir em sua perna.
-Nunca pensei que fosse morrer assim.- Admitiu Steven e Charlie jogou um graveto nele.- Ai!
-Para de falar merda! Não vamos morrer!- Ela brigou.
-
-Parece uma mistura de Sexta-Feira Treze, O jogo do Slender, A Bruxa de Blair e Harry Potter.- Disse Jack olhando pra trás e si. Apenas revirei os olhos enquanto os outros concordaram.
-Para de olhar pra trás, vai chamar o Slender.- Briguei com ele.
-E se ele estiver atrás de mim eu faço o que ?- Ele perguntou em tom de desafio.
-A pessoa que estiver a sua frente vai ver o Slender e te avisar.- Expliquei e olhei pra Jade com pena de acorda-la mas já estávamos há bastante tempo ali.
-E se não der tempo de fugir ?- Eyeless insistiu.
-Ai, pelo amor de Deus, você é um assassino, psicopata, Serial Killer que rouba Rins! Não acho muito possível que sua reação seja lenta!- Exclamei já irritado com a insistência dele.- Temos que ir. Pode continuar Taz ?- Ele Latiu pra mim e levantou do chão, cheio de energia correndo até a corrente que estava amarrada na cama e puxando a mesma para que alguém colocasse em volta de seu pescoço de novo.
Todos sentaram na mesma ordem de antes e Freddy voltou pra dentro do meu moletom enquanto eu apagava o fogo com o pé.
-Jade, acorda.- Chamei ela que apertou um pouco os olhos e logo os abriu mostrando lindos olhos azuis, quase brancos.
-Não acorda ela.- Repreendeu Lie, ajeitando Katy em seu colo.
-Eu não vou conseguir me segurar no Taz e segurar ela ao mesmo tempo.- Me Expliquei  e subi em Taz com Jade no colo e logo ela se espreguiçou e se ajeitou em cima de Taz.
-Bom dia.- Ela disse sorrindo e recebeu um olhar assassino de todos, logo tirando o sorriso do rosto.- Piada em má hora ?
-O que você acha ?- Perguntou Charlie irônica.
-Acho que o Taz deveria sair daqui.- Ela disse virando pra frente assustada e o cachorro começou a correr.
Olhamos pra trás e vimos Slender, Jane, Ben, Selly e Masky atrás de nós.
-Fudeu!- Disse baixinho e olhei pra frente também.- Pra que existe tanta Creepypasta?
-Ou.- Gritou Eyeless Jack fingindo estar ofendido.
Olhei pra trás e vi Jack tacando a faca que tinha pego de Jade, na barriga de Bem.
-Se fode aí Zelda possuído!- Gritou Eyeless.
-O nome do jogo é Zelda, do personagem é Link.- Corrigiu Steven.
-Foda-se, da no mesmo.- Respondeu Jack.
-Dá pra pararem ?- Pedi.- Jade me diz que você ainda tem várias facas.
-Eu sou uma psicopata meu bem, claro que tenho.- Ela disse e ficou em pé nas costas de Taz.
-VOCÊ VAI CAIR SUA MALUCA!!- Gritei preocupado.
-Não vou não.- Ela contrariou enquanto pegava no ar uma faca que vinha em direção ao seu rosto.- Ow!.- Ela gritou e eu olhei pra trás vendo Jane furiosa.- Deixou cair isso!- Ela falou e jogou a faca de volta acertando na perna de Selly que caiu no chão segurando a própria perna.
-Como você errou ?- Perguntei confuso. Com os reflexos de Jade ela poderia muito bem ter acertado Jane.
-Não errei, quero diminuir o número de assassinos atrás de nós.- Ela explicou e eu lembrei que ainda estava em pé ali, sem segurar em nada. Mesmo com vergonha não hesitei em segurar sua cintura.
-Agora quem tá olhando pra trás?- Zombou EJ.
-Não posso olhar pra frente!- Disse corando até a raiz do cabelo.
-Por quê?- Perguntou Charlie confusa.
-A Jade tá de saia.- Expliquei e todos reviraram os olhos.
-É as nossas vidas ou o cú doce de vocês?- Perguntou EJ e eu suspirei fundo voltando a olhar pra frente mas com olhos fechados.
-Jack tem mais alguma faca ?- Ouvi a voz de Jade e senti ela abaixando e voltei a abrir os olhos dando de cara com ela me olhando.
-Não! Só tinha uma sua que joguei no Ben.- Respondeu Jack.
-Que droga... Só sobrou uma. A Jane é muito rápida e o Slender....- Ela foi começando a falar baixo e devagar.- defendia com os tenta... culos.
-Jade ?- Vi os olhos dela fechando lentamente.- Ei, Jadezinha.... Não desmaia não! Jade.- A cabeça dela caiu em meu peito por pouco não esmagando Freddy que saiu rápido dali e foi para o meu Capuz.
-Freddy não olha pra trá- UMA PÁGINA!!- Ouvi Charlie gritar.
-Eu pego!- Senti um empurrãozinho em minhas costas imaginando ser o impulso que Freddy deu pra voar.
-FREDDY NÃO!!- Gritou Steven mas o ratinho ignorou.
-Freddy volta pra cá.- Falei sem olhara pra trás e tentando achar um jeito de segurar Jade sem que eu caísse.- Algum sinal dele ?
-Eu tô aqui!- Ele disse voando do meu lado me dando um susto tão grande que quase caí.- Foi mal. Eu trouxe!!- Ele me entregou a página e eu li rapidamente guardando em meu bolso depois.
-Qual era ?- Perguntou Steven.
-“Don’t Run”.- Respondi.
-Fudeu então porque correr é o mais estamos fazendo e.....- Disse Jack parando do nada.- Cadê eles ?
-Olhem pra cima, nas árvores... podem ter subido lá.- Sugeriu Lie.- Harry....- Ouvi sua voz amedrontada.
-O que foi ?- Perguntei me preocupando.
-Agora é com você.- Ela disse e eu não entendi nada.
-Charlie para de enrolar e fala logo.- Pedi impaciente e preocupado.
-Conjura um Patronum aí por favor.- Ela disse e eu olhei pra cima.
-Não tem graça! Eu não sou Harry Potter!- Disse e notei que estávamos começando a ir devagar.
-FALA ISSO PROS DEMENTADORES!!- Ela gritou de volta.
-Tanta coisa pra dar vida...- Ouvi Eyeless dizendo.
-Bateu uma saudade da Evil.- Admitiu Charlie.
-Pensei que odiasse ela.- Disse Steven olhando pra cima.
-Odeio, mas ela tiraria esses bichos daqui rapidinho.- Explicou a loira.
-Mas se ela não pode sair de perto da Jade, ela está com a gente né?- Perguntou EJ.
-Não vi Jade falando com ela desde que começaram a aparecer os sinais de fraqueza por ice estar tanto tempo aqui fora.- Observei.
-Será que ela tá fraca e só pode falar com a Jade, como era antes ?- Supôs Steven.
-Vi ela olhando pro nada antes de dormir quando paramos, pode ter sido Evil ou ela só estava pensando.- Disse Lie.
-Por que a velocidade tá diminuindo ? Aqueles bichos estão na nossa cola!- Perguntou Ej.
-Talvez porque um Cachorro esteja nos puxando.- Disse irônico.
-hum...- Olhei pra baixo e vi Jade acordando.
-Tá tudo bem ?- Perguntei preocupado.
-Eu... Tô bem.- Ela disse calma mas logo desespero tomou seu rosto.- A JANE E O SLENDER!!
-Calma, eles sumiram.- Avisou Jade.- Manda o Harry fazer o Expecto Patronum.- Pediu Charlie.
-EU NÃO SOU O HARRY POTTER!- Gritei com raiva.
-Conjurar o Patronum ? Por quê? Só serve para afastar dementad.... Não acredito!!- Ela olhou pra cima e seus olhos brilharam.- DEMENTADORES!! Harryyyyy!!! 
-Por que toda a animação?  Se te pegarem vão roubar sua felicidade e te lembrar do momento mais triste da sua vida.- Disse estranhando a reação dela.
-A Evil já fez isso....- Ela sorriu olhando pro lado com o rosto corado.- e você me ajudou.- Foi a minha vez de ficar vermelho.
-É né.....- Disse envergonhado.
-Se o casalzinho aí já acabou, temos que dar um jeito nos monstros ali, o Tanza tá cansando.- Brigou Steven.
-Vamos ter que correr.- Disse Jack rasgando o lençol que usava como cinto.
-É né, correr de dementadores deu muito certo pro Harry e pro Sirius.- Disse Charlie Sarcástica.
-E eu lá já vi Harry Potter ? O Único Harry Potter que eu já vi tá montado em um lobo.- Se defendeu Jack.
-Cachorro.- Corrigiu Jade.
-E eu não sou o Harry Potter.
-Eu matei Sirius Black, Eu matei Sirius Black, Vem me pegar Harry!- Disse Jade imitando Bellatrix.
-Nossa, nessa parte deu vontade de estrangular ela.- Disse Charlie fazendo gestos e estrangulando o nada.
-O Harry também ficou com raiva, né?- Perguntou Jade.
-Fiquei, mas fiquei super feliz quando Bellatrix morreu.- Admiti.
-Dá pra parar de falar sobre Harry Potter como se um monte de mortes feiosas não estivessem querendo nos matar ?- Perguntou Jack.
Taz começou a andar mais do que correr e todos nos entre olhamos com medo. Era agora que a gente corria ou nunca. A louca da Jade pulou do Taz pra cama pegou sua faca cortando os lençóis que prendiam Charlie, Steven e Katy que olhava pros lados assustadas. Eu soltei a corrente do pescoço de Tanza e ele parou de vez ofegante.
-Vamos Taz, tem que correr só mais um pouquinho.- Pediu Jade apoiando em uma árvore mal se aguentando em pé. Peguei ela no colo e enquanto corríamos senti ela se esticar e ouvi um barulho de papel.-“ No,No,No,No,No...” que página mais tosca..- Ela disse colocando o papel em meu bolso.
-Boa Jade!!- Comemorou Steven.
-Só faltam três!- Disse Jack.
-Ali tem uma casa!- Gritou Lie ofegante.
-Nem fodendo que eu entro ali.- Protestou Jade, mas como estava no meu colo não teve muita opção.
Entramos na casa e fechamos a porta e quando me apoiei em uma parede senti um papel.
-Mais uma.- Sorri colocando Jade no chão.
-O que diz ?- Perguntou Freddy saindo de dentro do meu capuz.
-Nada, é só um desenho do Slender na floresta.- Disse indiferente mas logo todos nos olhamos assustados e corremos pra Janela.- Ele tá ali!! O resto das páginas tem que estar aqui dentro!
-Não tenho tanta certeza.- Disse Jack apontando pra uma árvore atrás de Slender.
-Que merda!- Disse com raiva.- Ele vai sair dali uma hora né? 
-O que foi Taz ?- Perguntou Jade vendo o Cachorro com o focinho em baixo de uma mesa de centro quebrada.
Steven se abaixou ali e pegou alguma coisa logo mostrando outra página.
-É, só mais uma.- Disse Jack.- Foi bom conhecer vocês.
-Já disse que não vamos morrer.- Brigou Charlie.
-Fala isso pro Slender que tá vindo pra cá.- Disse Jack ainda olhando a Janela.
-O QUE?- Gritamos juntos e eu me abaixei para que dessa vez Jade subisse em minhas costas em vez de eu carregar ela.
Mal levantei e vi a porta ser escancarada com tudo e mal o Slender botou um pé dentro da casa e já estava lá fora com um Cachorro mágico de dois metros em cima dele. Slender tentava tirar Taz de cima dele, mas o mesmo mordeu seu ombro e não soltava mais.
Aproveitei a ajuda de Taz e desci Jade de minhas costas correndo até a árvore pra pegar a última Página. Estava quase lá mas Jane pulou na frente da árvore e me olhou com um sorriso sinistro e levantou a faca em minha direção. Fechei os olhos esperando que a faca se chocasse contra mim, mas não aconteceu.
Abri os olhos e vi Jade segurando a mão de Jane com a faca atravessada na sua própria e na outra mão perfurando o coração de Jane com uma pequena faca que ela disse que havia sobrado.
A expressão de Jade era de ódio, sem falar que seus olhos que eu tanto amava, naquele tom de azul quase branco, estavam vermelhos. Mas como era possível?  Era apenas uma humana, não estava com Ice Heart.
-Não chegue nem perto do que eu amo, seja o que for.- Disse Jade por fim soltando Jane que caiu morta logo em seguida. Olhei pra Jade que olhava pra própria mão com a faca atravessada, fazendo uma cara de dor.
Ouvi Taz chorando e nem olhei pra trás, peguei a página que faltava da árvore e olhei para Slender que emitiu uma luz negra e sumiu na mesma. Voltei a fitar Jade com preocupação ouvindo passos em noção direção.
-Jade! Ai meu Deus!! O que vamos fazer ? Não tem nada pra prevenir uma hemorragia interna.- Disse Charlie preocupada.
-Vamos até a cama pegar um lençol pra amarrar aqui, eu vou ficar bem... É Só parar a hemorragia externa... Não tem nenhuma mancha roxa o suficiente pra ter certeza de que cortei alguma artéria ou veia.- Ela disse calma e fomos andando na direção que viemos. 
Quando chegamos na cama cortamos uma tira do lençol e demos pra Jade que respirava fundo cse preparando pra puxar o cabo da faca.
-1....2- Ela começou a contar até dez.
-Jade eu achava melhor....- Chegando no 7 ela puxou o cabo da faca de uma vez só.- Deixa.- Disse e olhei enquanto ela limpava na medida do possível o ferimento e depois encaixava com o lençol.
-Eu tô bem... Depois compramos um kit de primeiros socorros e eu costuro isso.- Jade disse e se levantou cambaleando até Taz com um outro pedaço do tecido pegou um galho no chão e amarrou à pata de Taz por conta da pata quebrada. Cortesia de Slender.- Você é muito corajoso.- Ela elogiou o cão e beijou sua testa e o mesmo lambeu seu nariz. Suspirei cansado.
-Vamos voltar.- Chamei e todos assentiram e começamos a seguir os rastros deixados pelas patas de Tanza e pela cama.
-Já notaram que os dementadores sumiram.- Observou EJ.
-Eu notei... Acho que foi a mesma coisa que o Jason, só serviu pra nos levar até a armadilha.- Disse Charlie.
-Jason! E se ele ainda estiver lá?- Perguntou Steven assustado.
-Sinceramente?  Eu não tô afim de mais nada hoje, se ele estiver lá vai voltar com o rabo entre as pernas para Jadeíte.- Disse Jade meio irritada e todos rimos.
Passei Jade que estava na minha frente e depois me abaixei um pouco a sua frente de costas para que ela subisse em minhas costas. Era notável o esforço dela pra ficar em pé, quem dirá andar.
-Ai, que loucura... Meu sonho era jogar um jogo na vida real.- Eu disse rindo.- Acho que consegui né? 
-Pois é.- Concordou Lie rindo.- Harry.
-Presente e inteligente.- Disse convencido, podia até imaginar Charlie revirando os olhos.
-Em fim, Tá ficando escuro... Pega sua varinha e faz o Feitiço “Lumus”.- Ela pediu em zaundo.
-Vou nem dizer nada.- Respondi já cansado de dizer várias vezes no mesmo dia que eu não sou Harry Potter.
-Por que Potter ?- Perguntou Jade.
-Você pode.- Respondi sorrindo pra ela. 
Saímos finalmente da floresta e achamos a nossa casa entramos bem devagar pela porta de trás que ainda estava arrombada e ouvimos a voz das Gems.
-CHEGAMOOOOS!!- Gritou Freddy voando do meu capuz para a sala.
-Ah, graças a Deus. Vocês estão bem ?- Perguntou Pérola entrando na cozinha as pressas.- Fiquei tão preocupada!! Jade o que houve com a sua mão? 
-Longa história, tem um kit de primeiros socorros ?- Jade perguntou e Pérola correu até um armário na cozinha mesmo, enquanto Garnet e Amy entravam.
-Foram pra Guerra e nem nos chamaram ?- Perguntou Ametista rindo.
-Eu e Peridot estávamos quase projetando um robô pra ir atrás de vocês.- Pérola disse entregando o kit à Jade.
-Segura a Katy.- Pediu Lie entregando a criança para Jack. Era segura deixar Katlyn com um assassino ?
-Vai doer.- Afirmou Charlie.
-Eu sei.- Disse Jade um pouco nervosa.
-Quer ajuda ?- Ofereceu Charlie e Jade aceitou.
-Pega dois garfos... Com cuidado Lie, por favor.- Pediu Jade desenrolando o lençol já encharcado de sangue, de sua mão.
-Garfos pra que ?- Perguntei curioso.
-Temos que ver se cortou alguma veia ou afins.- Respondeu Lie e eu já até imaginava o que iriam fazer.
Minhas suspeitas foram confirmadas quando Lie enfiou dois garfos um de cada lado na ferida e puxou cada um pra um lado oposto com delicadeza.
-Não parece ter nada cortado.- Disse Charlie enquanto Jade gemia de dor mordendo o próprio dedo da outra mão.- Só temos que limpar e depois costurar.- Continuou Lie e tirou os Garfos dali fazendo a expressão de dor amenizar no rosto de Jade.
-Como você não tava sentindo tanta dor assim antes ?- Perguntou Steven tampando os olhos.
-Quando o sangue aquece de mais, qualquer lesão que você sofra não vai doer na hora, mas depois, quando o sangue volta à temperatura normal começa a doer.- Explicou Charlie.
Eu estava quase indo abraçar Jade, ver ela chorando partia meu coração. Vi Charlie passar álcool ali e Jade contorceu ainda mais o rosto em dor mordendo mais forte seu dedo.
-Alguém da alguma coisa pra Jade morder... Ela tá quase arrancando o próprio Dedo.- Disse Jack.
-Ai, Desculpa irmãzinha... Eu esqueci de te dar alguma coisa pra morder.- Se desculpou Charlie e Jade fez uma carinha brava muito fofa... Apesar de estar chorando e ter sangue saindo da sua boca de tão forte que mordeu seu dedo.- Toma.- Lie entregou seu sinto para Jade e ela o mordeu tirando o dedo da boca.
-Caralho... Seu dente é o que ? Uma estaca ?- Perguntou Jack vendo o pequeno buraco que se formou pela mordida.
-Meus dentes não voltaram ao normal... Continuam afiados.- Ela explicou falando meio engraçado pelo cinto em sua boca.
Depois que Charlie limpou costurou e encaixou fomos para sala e contamos pras tudo o que aconteceu.
-Ela esperou que nós saíssemos.- Disse Lápis.
-Jadeíte sabe onde estamos, e isso não é seguro.- Disse Garnet pensativa.
-Olha pelo lado bom.... Já se foram muitos Creepys e monstros.- Observou Jack.
-Não foram não.... Não foram nem metade.- Contrariou Charlie.
-Só matamos, Jeff, Jane, Ticci Toby e Slender.- Continuou Jade.
-Ah, é.... Não sabemos se Ben, Selly e Masky sobreviveram.- Lembrou ele.
-Temos que ir direto na fonte.- Disse Ametista.
-Concordo matar um por um, sendo que alguns são imortais não vai dar certo.- Concordo P.
-Verdade, Tem uma infinidade de Creepypasta e filmes de Terror... Sem falar nos monstros de desenhos e filmes.- Lembrou Steven.
-Temos uma longa batalha pela frente, descansem.- Aconselhou Garnet.- E sabem como Jade é teimosa, não deixem que ela se meta em confusão.
-Pode deixar Garnet.- Disse fazendo cafuné em Jade e pensando em como ela ficou quando foi me salvar. Será que devia contar isso aos outros ? Ou manter como segredo, que nem Evil... Vou esperar ela acordar e se sentir bem, então conversamos.

 

CONTINUA!!
 


Notas Finais


E então? O que acharam? Espero que tenham gostado ^-^
Até amanhã.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...