História Jamais te esqueci (Jikook 2ª temporada) - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), DAY6
Personagens Dowoon, Jae, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Junhyeok, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Young K
Tags Jikook, Namjin, Taeyoonseok
Exibições 130
Palavras 330
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Interrompido


{Jae's POV}

      Estava deitado na cama com o Dow assistindo TV, até que ele envolve a minha cintura e começa a distribuir beijos pelo meu pescoço.
Dow: Jae..eu quero você.
      Ele continua dando beijos que descem até a minha camisa que é rapidamente retirada. Mesmo depois de anos juntos o único sentimento que eu tenho por ele é nojo, só cedo o que ele quer por falta de opção, por ser obrigado.
      Ele joga o seu corpo inteiro sobre o meu e retira a minha calça, me deixando apenas de box. Logo  percebo ele está igual a mim. Arranca a minha box e a dele em um movimento rápido.
       Sinto ele me penetrar, ele é tão viciado em sexo que nem sinto mais tanta dor. Quando ele começa a se movimenta é possível escutar batidas na porta e a mesma é aberta pela diretora.
Dir: Eu arranjei um novo bar Men, ele está esperando para te conhecer.
Dow: Ok só viu terminar aqui e já vou.
      Não sinto mais vergonha, depois.de tanto tempo me acostumei com pessoas abrindo a porta e me vendo pelado ou até mesmo sendo fudido pelo Dow (como nesse caso), e a conclusão para isso é que esse definitivamente não é um ambiente para uma criança crescer.
      Depois de terminamos fui junto com ele conhecer o bar mem, ele diz que eu sou como um teste. Ele sempre me põe para fazer Polidance em uma das barras da boate, bem enfrente ao bar, para ver se o barista se distrai, se isso ocorrer ele é demitido na hora.
       Chegamos lá e o novato está com o outro bar Men secando uns copos. Vou até meu posto, ou melhor dizendo poste e começo a fazer o que eu era obrigado.
        O novato passou, ele não me olhou nenhuma vez e isso é difícil de acontecer, digamos que eu danço muito bem. Vou até perto deles o cumprimentar.
Dow: Esse é o...
       Somos interrompidos pela porta sendo arrombada.


Notas Finais


Espero que tenham gostado💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...