História Jamais te esqueci (jikook) - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Taeyoonseok
Exibições 800
Palavras 373
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Eu não fui para escola hoje porque estou doente, então pretendo tarazer muitos capítulos hoje.

Capítulo 10 - Melhores amigos


*Jungkook's POV*
   Acordamos com a movimentação das outras crianças no quarto, descemos e tomamos café da manhã, não conseguia parar de encarar o Jimin, como ele pode ser tão fofo mesmo com sono. Entramos na van e sou o primeiro a descer.
   -tchau kook!-o motorista fecha a porta da van.
   Entro na escola e o dia é como sempre. Desta vez o motorista vem me buscar com o carro de sempre e fomos para casa. Quando entro escuto minha mãe gritando.
    -FILHINHO!! VEM VER O QUE EU COMPREI PARA VOCÊ!- tento fugir mas não deu muito certo, e passamos o resto do dia experimentando roupas horrível.
    No jantar o meu pai voltou para casa e nós saímos para comer em um restaurante, minha vó preferiu ficar em casa. Mas eu não tive essa mesma sorte, meu pai me obrigou a ir junto.
   Passaram o jantar inteiro falando do trabalho do meu pai e da viajem com as amigas da minha mãe, o bom disso é que eles esqueceram da minha existência naquela mesa. Só lembraram de mim quando meu macarrão que eu tinha pedido chegou.
   -Então filho como foi o seu fim de semana- meu pai perguntou me encarando.
   -Normal, fiquei assistindo alguns filmes e jogando video game- é eu menti, se eu falasse a verdade eu não estaria mais vivo agora.
   -Então tá- minha mãe falou como se nem lembrasse do meu escândalo no aeroporto.
   Eles voltaram a conversar se esquecendo novamente da minha existência. Acabei o meu macarrão e voltamos para casa.
    Fui rapidamente dormir para tentar evitar conversar com meus pais.
    As semanas foram passando e minha vó me levava no orfanato aos fins de semana para brincar, aproveitando que minha mãe sempre saia e meu pai trabalhava. Estava acostumado com a presença de Jimin e cada vez que eu ia embora eu sentia saudades.
    Com passar dos anos não estava mais tão dependente da minha vó e meus pais não ligavam para onde eu ia (isso porque meu pai ainda não sabe que eu vou no orfanato, acabou virando um segredo meu e da minha vó). Agora eu já estou com 11 anos e Jimin com 10, podemos ser comiserados melhores amigos, sabemos e contamos tudo um ao outro.
 


Notas Finais


Espero que tenham gostado 💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...