História Jamais te esqueci (jikook) - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Taeyoonseok
Exibições 751
Palavras 467
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 18 - Lacraia amada


   *Jimin's POV*
   Depois de tudo que aconteceu a vó-jeon me levou para casa. Eu não parei de chorar por nenhum momento, eu não poderia mais vê-lo, estou muito triste. Desço do carro e saio correndo para minha cama, eu só queria ficar chorando sozinho.
   A vó-jeon entra no quarto e se senta na ponta da minha cama.
   - Não se preocupe, vai passar- ela fala fazendo carinho no meu cabelo, mas eu não paro de chorar.
   -Co.mo-voc.ê-s.abe?- não conseguia parar de chorar e soluçar.
   -Eu só sei- ela, diz me puxando para um abraço e eu desabei de vez.
   Quando estava um pouco mais calmo, mas ainda triste, vejo o urso que o kook me deu no meu aniversário de 5 anos.
    -Vó-jeon... Você pode dar isso para o kook– digo entrega do o urso para ela.
   -Posso sim querido- ela diz em abraça de novo.
   Eu realmente vou sentir muita saudade do kook.
~~~~~~~~~~ 6 anos depois ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
   Já estou no colegial, nunca mais falei com o kook, as vezes a vó-jeon me trás cartas que ele escreve para mim, mas não tenho forças para responder. Não eu ainda não fui adotado e já perdi a esperança de encontrar meus pais biológicos, daqui a pouco vou ser maior de idade e responsável por mim mesmo.
   Na escola sou praticamente um fantasma, não falo com ninguém, nem muito menos olho para as pessoas. O Jimin sociável morreu a algum tempo.

   *Jungkook's POV*
   Ainda estudo no internato, tenho que admitir que é um inferno com todas essas regras, mas a pior coisa é estar 6 anos sem ver ou escutar o Jimin. Bom isso ira acabar logo, já tenho 17 anos e estou no último ano do colegial, quando eu acabar meu pai não mandará mais em mim.
    Estou no refeitório com meus amigos, parecia-mos umas gralhas de tanto que gritávamos, mas somos interrompidos.
    -Jungkook, a diretoria mando você  ir para sala dela agora.-o que será que aconteceu agora? Isso só acontece quando eu escrevo e mando algo para o Jimin (mesmo nunca tendo uma resposta eu nunca parei de escrever).
    -Ok, já vou.
   Me levanto e vou em direção a sala da Lacraia da diretora.
    -Oi, mandou me chamar- eu já sento, estou acostumado a vim aqui.
    -Sim, eu tenho um assunto muito delicado para falar com você...
    -Ué, então eu não fiz nada?
   -Não... Jungkook seu pai morreu- ela fala com tristeza no olhar, mas para mim é a melhor notícia que essa Lacraia podia me dar.
    -Sério!?- tento fingir não estar feliz, afinal mesmo ele sendo uma péssima pessoa ele ainda era meu pai.
   - E a sua mãe pediu sua transferência para o colégio #####. - eu te amo sua lacraia essas eram as melhores notícias que você pode dar para mim na vida.
 


Notas Finais


Espero que tenham gostado 💜 💜
Os meninos finalmente estão mais velhos <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...