História Jamais te esqueci (jikook) - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Taeyoonseok
Exibições 771
Palavras 582
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpe 😁, ficou meio ruim. Mas no próximo eu prometo que melhoro.

Capítulo 23 - Meu novo amigo


*Jungkook's POV*
 
    Tentei convencer min~min se acalmar mas não deu certo, nem eu estava calmo. Depois de um tempo o resto dos meninos entraram no vestiário e nó ainda estávamos abraçados, eu não conseguia soltar o mesmo, na verdade eu nunca mais ia solta-lo.
    Os meninos nos encaravam e nos chamavam, mas nem ligávamos, estávamos somente curtindo o momento um com o outro. O professor viu a cena e desistiu de nos chamar, acabamos cabulando a última aula.
    Decidi que ia acompanhar ele até sua casa, nós não conversamos, só andamos de mãos dadas. Sinceramente não sei se alguém nos encarou feio, pois fui ando totalmente desatento ao caminho, só pensava nas nossas mãos que estavam juntas. Até que Jimin para.
    -Chegamos.- ele fala olhando para o chão.
    Quando eu vi aquela casa de novo fiquei nervoso, era como se fosse a minha primeira vez aqui. Várias crianças passavam cumprimentando o Jimin, eu não reconhecia nenhuma, então ficava encarando-as quando elas passavam.
    -A maioria das crianças que você conheceu foi adota, transferida para outro orfanato ou já moram sozinhos agora.-ele fala ainda olhando para o chão.
   -Mas você ainda está aqui, depois de tanto tempo você ainda está aqui-falo puxando ele para um abraço, mas sou interrompido.
   -Jimin, você trouxe alguém para almoçar que legal. Entre antes que a comida esfrie.- fiquei olhando a mulher que gritou da porta.
   -Quem é ela?
   -É a nova diretora, ela entrou faz pouco tempo. A vó-jeon me disse que tinha que cuidar de um problemas familiares, alguém que estava doente... não era você, né?
   -Não, era o meu pai.
   -Ata o seu pai... E ele melhorou?
  -Na verdade n....-sou interrompido de novo.
  -Andem logo meninos! Depois vocês conversam.
  Decidimos entrar para almoçar, isso não havia mudado, era uma mesa cheia de crianças conversando e brincado mais do que comendo. Depois que acabamos ajudei o min~min a arrumar a cozinha (agora que ele cresceu isso se tornou sua obrigação).
  Fomos para o quarto dele, a cama ainda era a mesma, só que sem o urso grande que estava comigo. Sentamos, contei para ele tudo e ele fez o mesmo, estávamos conversando tão bem que nem parecia que não nos víamos a 6 nos.
  Já estava ficando tarde, eu infelizmente ia ter que ir embora, minha mãe queria sair para jantar em comemoração a minha volta para casa. Chamei o min~min para ir, mas ele não quiz, falou que não ia ficar confortável em um restaurante e que já era informações de mais para um dia. Tive que concordar com esse último argumento, eu também me sentia assim.
   O jantar foi muito bem, me diverti muito com a minha família, nunca pensei que ia dizer isso, mas é verdade, minha mãe melhorou muito. Voltamos para casa e eu foi dormir, na verdade quase não consegui, estava ansioso para ver o meu min~min de novo.
   ~~~~quebra de tempo~~~~
    Estou na aula de história, a professora mandou fazer  duplas, os meninos que conheci ontem ja estavam discutindo quem ia com quem então a professora me colocou em outro grupo. Comum menino que eu acho que ele mandou eu chamar ele de Tae, se eu não me engano.
    Ele é bem legal, já temos um fato em comum, ele namora um menino do segundo colegial (quer dizer, eu não namoro o min~min... Mas pretendo), marcamos de fazer o trabalho hoje na casa dele. Eu queria ficar hoje com o Jimin, mas o trabalho é grande e o prazo é pequeno.
 


Notas Finais


Espero que tenham gostado 💜 💜
(Mesmo sabendo que ficou ruim)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...