História Jayoncé - Capítulo 48


Escrita por: ~

Postado
Categorias Beyoncé, Jay-Z
Tags Beyoncé
Exibições 72
Palavras 4.646
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Romance e Novela, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


O que eu nao faço pela minha fic favorita ???
Está aí sem revisao..
Espero que gostem !!
Beijoooos

Capítulo 48 - Me livrando do peso..


Fanfic / Fanfiction Jayoncé - Capítulo 48 - Me livrando do peso..

Gritei enquanto ele dava as costas pra mim, corri até alcançar seu ombro. 

- James ! 

- Por que não me contou ? 

- Contar o que ? Voce sabe qud sempre faço isso !! 

- Mas nunca é pra valer, você só os excita e brinca com a sua língua mas agora você transou com o Erick. 

- Você conhece ele ?? 

- Ele é meu ex namorado. 

Fiquei em estado de choque. Ele era gay mas tinha se transformado comigo, percebi que nenhum homem aguentava ser extimulado por mim. 

- Eu não sabia, me desculpa.

- Ta tudo bem, eu ainda gosto dele mas acho que ele não corresponde. 

Abracei ele e voltei pro escrito, sentei na mesa e esperei aquele filhp da puta chegar pra conversar comigo. 

Pov Kanye

Me arrumei correndo e fui pra empresa saber o que tinha acontecido de tão importante com a Bey. Entrei e todos ficaram me olhando como se eu fosse o centro das atenções, estranhei.
Subi e fui em direção pro escritório da Bey, entrei e o James estava parado na sua mesa como se esperasse a minha vinda.

- Eu posso entrar ? 

- Ela já está te esperando.

Entrei e fui sendo o mais gentil e amoroso com a minha mulher.

- Bom Dia meu amor !! 

Me aproximei e beijei seus labios que hoje não estavam vermelhos do batom. Ela me agarrou tirando todo o ar dos meus pulmões, beijar aquela mulher era uma experiência nova a cada instante. A Bey me empurrou como se eu fosse um intruso.

- Eu não entendo qual o meu problema. Kanye, nós já temos uma história juntos mas parece que você não me dá valor. 

- Do que se ta falando Bey ? 

Perguntei me aproximando dela, novamente seus braços fortes me afastaram no seu corpo.

- Do que eu estou falando ?? Pergunta pra Sophia ou se não, olha pra essas fotos..

Ela jogou as fotos soltas no ar, peguei uma. Ela tinha descoberto a pegaçao com a minha secretária.

- Por que não me disse que não tava satisfeito com a nossa rotina ?? Eu poderia ter dado um jeito pra te agradar, mas não !! Você preferiu ir procurar com outra mulher. 

- Bey deixa eu me explicar. Ela me agarrou mo elevador, por favor não acredita nessas imagens bobas !! 

- Ela te agarrou ?? 

Ela perguntou e procurou o controle da Tv na mesa, ela apontou e o video das câmeras de segurança já tinham sido espalhados. Agora seria difícil de controver essa bagunça.

-  Bey me perdoa, você sabe que eu sou o homem que sempre te apoiou em tudo.. Eu não queria que fosse assim mas a culpa foi minha e eu não quero que se afaste de mim.. 

De forma devagar minhas pernas me levaram pra perto dela,me agachei e estendi o seu presente dr aniversário. Um anel de noivado pra selar oficialmente nossa relação, prabpassarmos de "amigos = namorados quase noivos."

- Eu não sei se você é burro ou se gosta de ser rejeitado. Como pode pensar que eu vou aceitar me casar contigo pra depois ser traida com uma qualquer da empresa?? Você tinha tudo o qur mais queria, você tinha meus filhos te chamando de pai.. mas agora.. Você estragou tudo e eu espero que esteja disposto a procurar outra família pra você porque de baixo do meu teto e da minha empresa, você não fica mais. 

- Bey pelo amor de Deus !! Você não pode me perdoar ?? Você sabe o tamanho do amor que sinto por você, não se esqueça das joites em que eu te fiz dormir por conta da chuva.. Eu te amo. 

Ela paralisou e relembrou daquelas cenas em que viviamos no escuro quando a chuva forte atrapalhava o sono dela. 

- Eu não sei se te amei... Você é otimo na cama, mas não sabe se relacionar como realmente deveria ser com uma mulher. Você não é fiel Kanye !! 

- Bey eu errei e te peço perdão por isso, nós podemos recomeçar a nossa história com as crianças. 

- Você nunca mais vai ver meus filhos !! Você tem 30 minutos pra esvaziar seu escritório.

Eu tentei me explicar novamente mas ela já estava pra chamar os seguranças, desci indo pra minha sala. 

- QUE DROGA, HA ALGO DE ERRADO COMIGO PRA VOCÊS FICAREM ME OLHANDO ? NUNCA TRANSARAM NÃO ? BANDO DE DESOCUPADOS !!!! 
 

Disse para aqueles idiotas que me encaravam me julgando da minha atitude. Procurei pela Sophi mas não tinha nem sinal dela no prédio, arrumei minhas coisas pensando na burrada que tinha feito. Perdi a melhor mulher do mundo por causa de sexo !! Nós tinhamos uma amizade e uma família incrivel juntos.. Eu realmente amava ela mas não era um amor forte, era apenas um breve sentimento momentâneo. Terminei e desci, passei por aquelas portas de vidro pensando que nunca mais entraria naquele local outra vez. Aquilo me angustiava tanto.. Peguei o carro e retornei pra casa, não me deixaram passar pelo portão alegando ser ordens dela. Me zanguei e fui pra uma lanchonete próximo de casa, uma daquelas bem simples de família. Fiz um pedido de almoço porque já era 11:30h, comi enquanto mandava mensagens de desculpas a ela pelo whats. Ela vizualizava mas fingia que não sabia.. 

" Socialite Beyoncé Knowles está solteira !! Indícios comprovam que Kanye, o ex noivo da empresária a traiu com sua secretária no elevador do prédio. O casal tinha uma relação intima meio duvidosa por conta dos flagras ao ar livre mas sempre foram vistos como exemplos de riqueza no mundo econômico. Hoje podemos afirmar que a mulher mais linda do mundo, está solteira !! " 

Como tinha chegado tão depressa nos programas de TV ?? Todos me olhavam porque me reconheciam facilmente.. Joguei umas notas na mesa e sai limpando minha boca com o guardanapo.

Pov Bey

Eu tinha falado tanta coisa pra ele que até não estava me auto conhecendo, eu nunca tinha tido uma briga como aquela, aliás eu sempre perdia por falta de argumentos mas desta vez eu me superei. Eu necessitava de um tempo sozinha pra aproveitar com as minhas crianças ao invés de ter que trabalhar e aturar aquele homem. Mrus bebês eram minha ujica preucupaçao e nessa semana teriam toda a minha atenção.

Call ON

- Mãe ?? 

- Oi Beyoncé, tudo bem filha ? 

- Tudo sim. Onde se ta ? 

- Em casa por que ? 

- Vamos pra Houston ? 

- Vamos, quando ? 

- Agora. 

- Nas agora ?? 

- É, o avião dai as 14:40h esteja pronta ou fica !! Chama o papai também.

- Vou tentar seguir as regras da mulher mais importante do mundo hoje !! Parabéns minha querida. 

- Obrigada mãe !! Bjos

- Bjoo

Call OFF

Nem terminei a ligação e já liguei pra Kelly.

Call ON

- Oi gata !! 

- Fala gostosa, a mais importante de todas !! 

- Ah, nem me lembrava...

- Sua humildade me motiva !! 

- Haha, onde se ta ?? 

- Em Nova Orleans como sempre,por que ? 

- E a Chelle ?? 

- Ela ta no Equador.

- Equador ?? Quem vai pro Equador ? 

- A Chelle UE ! Ela trabalha sabia ..??

- Respeito é bom né ??! Já ta sabendo o que aconteceu ?? 

- Você, o Kanye.. isso ?? 

- É.

- Já passou em todos os canais !! 

- Eu quero fugir disso.

- Não vai me sequestrar né ?? 

- Não idiota !! Vamos comigo pra Houston, to com saudade dos meus parentes e daqueles bofes que ainda são solteiroos ! 

- Porra Beyoncé, acabou de largar e já quer farra de novo ?? 

- Quero mostrar pra ele que não estou ligando pra essa bosta que ele fez.. Não quero saber do Kanye nunca mais ! 

- Decidida !! Haha, ok eu vou com você.. 

- Ok gata, passo pra te pegar as 16:25h. Esteja no aeroporto nesse horário !! 

- Pode deixar gostosa!! Beijoos.

- Beijoo

Call OFF

Sai da empresa levando as toneladas de papel novos pra ser analisados, eu começava daqui a um mês mas já tinha que estar a par dos assuntos inportantes. Dei tchau pro James que ficava babando nas minhas pernas qie realmente estavam grossas e perfeitas, entrei no carro e comecei a chorar do nada. Eu estava fragil e nem sabia o por que daquela bobagem mas entrei em casa já sem as gotas escorrendo. Me vi sozinha e sai novamente de casa, fui na escola dos meus pequenos e os tirei das aulas, fomos pro mercado e pela primeira vez juntos. Soltei os dois no chão mas não deixei de levar a Rose, ela levava o carrinho enquanto eu corria atrás dos meus bebês que escolhiam o que queriam no mercado. Saimos de lá com 2 carrinhos lotados de gostosuras que particularmente me faria sair da dieta.

Sai do mercado e levei os dois pra um restaurante e nós almoçamos, eu nunca tinha ido lá mas era muito simples e ficava bem longe do centro comercial de NY. A Rose se divertia mais do que eu e eles juntos, ela não teve essa oportunidade com os filhos e aproveitava pra faze los com os meus. Eu amava... 
Saimos dali e fomos numa sorveteria, enorme, que ofuscou os olhos dos meus pequenos pelas cores dos cartazes. Eles escolheram os maiores e comeram menos da metade mas ve los felizes era meu maior presente. 

- Onde querem ir agora meus amores ?? 

- Mamae, podemos ir no campo grande ??

- Onde fica isso Blue ? 

- Lá longe perto das árvores, a gente ia pra ver o papai. 

Paralizei ao ouvir aquelas palavras. Ela se lembrava de tudo e principalmente do pai. Quando o Jay morreu e eu estava grávida eu a levava comigo pra conversar com o Jay. Eu tinha um hábito estranho de gravar nossos momentos em família ou as vezes apenas eu desabafando e sem razão mandava pro e-mail do Jay. Sei que era em vão mas eu gostava, foi a minha terapia, a melhor que eu já fiz. 
Meus olhos se encheram de lagrimas e não consegui conter meu sorriso, os seus olhos grandes indagavam minha ação. 

- Não chora mamãe. 

Eu a peguei no colo e a abracei tão forte que pude ouvir seu corpo estralar, ela era incrivel !! 
Beijei sua testa e ela sorriu. Saimos dali e já era 13h, fomos pra casa e eu postei todas as nossas fotos que tinha tirado do nosso passeio. Pensei em leva los pro campo grande como a Blue queria mas seria muito pra mim, eu iria leva los, mas não agora. 
Entramos em casa.

- Peguem a mochila de vocês com o que quiserem levar e desçam que nós vamos viajar !! 

Eles sorriram e subiram com a Rose, eu fui pro quarto procurar nossos passaportes. Peguei os nossos e no fundo da gaveta o do Jay ainda estava como ele deixou, meu rosto se fechou querendo chorar mas eu já tinha o presente perfeito que ele me deu ; meus filhos e isso sempre me fazia esquecer da dor. As crianças entraram correndo no quarto

- Já pegamos mamãe !! 

Eles vieram com as mochilas coloridas já nas costas. 

- Estão prontos ?? 

- Estamos, quer ver nossa mala ? 

- Ta, vem cá ! 

Sentei no chão e eles ao meu lado, peguei a mochila do Arthur e abri. A unica coisa que tinha era brinquedos, chupeta e algumas balas vermelhas. Abri a da Blue e tinha de tudo, brinquedos, doces, um pé de uma sandalia dela, uns lacinhos de cabelo, uma blusa que eu acho que seria usada sem calça, uma calcinha e uma foto. Era a foto que ficava ma cômoda do quarto dela ao lado da cama, a Blue era apaixonada pelo quadro dela e dos pais juntos. Olhei pra ela e pra Rose 

- Ela pegou e colocou sozinha. 

Ela disse e a cada momento eu me impressionava com a esperteza da minha pequena !! Ela é a minha vida e o Arthur é o meu sustento, sem eles eu não teria nada pra me relembrar do que vivi com o meu homem. Dei as mãos pros dois e nós descemos, não peguei nada só as mochilas deles e os nossos documentos. Tive que ir no escritório pra buscar uns trabalhos que tinham chegado pra mim por fax e eu aproveitaria pra ler no caminho. 

- Com licença Srta. Knowles !

- Que susto IGORTH. 

- Desculpa de assustei a senhorita. 

Igorth era o meu segurança e morava na casa, ele era demais só porque era um negão que tinha 2m e 25cm e parecia um poste quando estava perto de mim. Eu já tinha falado mas ele não perdia o respeito e a formalidade. 

- O Sr. Kanye está lá fora e pediu pra falar com a Srta. imediatamente. 

- Igorth fale pra ele que eu não quero mas saber dele e que eu estou exausta das bobagens.. Mande o embora. 

Ele saiu seguindo minhas ordens e eu voltei pra sala, peguei as crianças no colo e nós saimos pro carro. Vi o carro dele ainda lá fora e deduzi que ele não iria embora, o Igorth precisava sair dali pra acompanhar nos e eu fui até lá.

- Pode deixar.

Disse colocando as mãos nas costas do Igorth que logo se virou e me deixou passar. 

- O que quer na minha casa ? 

- Quero você de volta, por favor Bey ! Que isso ?? Você sabe que eu te amo e eu fui o homem que te ajudou na sua gravidez arriscada e na criação dos seus filhos. Me perdoa ? 

Ele me entregou um buquê de rosas brancas e meu rosto fechado foi o mais grosso com ele. 

- Eu não quero saber de você. Suma da minha vida, da minha casa e nem pense em falar com os meus filhos. Você não mereceu meu corpo ao lado do teu na mesma casa. Eu te odeio. 

Joguei as rosas no chão e voltei pra dentro, esqueci aquilo quando entrei no avião. Colei as crianças nas cadeiras que estavam mais eletricas que tudo, mas não durou muito pra desmaiarem de cansaço, era começo de semana e aquilo era normal. Minha mãe foi dormir com o meu pai no quarto e eu prometi pra mim mesma que trocaria aqueles lençóis quando pousassemos. 
Fiquei grudada no notebook e nas pastas a viagem toda, pousamos em Nova Orleans e eu desci correndo pra encontrar a Kelly. Eu não a via desde o nascimento do Arthur, no aniversário das crianças ela estava viajando com a Michelle. Abracei aquela gata como se fosse a unica pessoa do mundo

- Aaai minha gostosa !!! 

Ela gritou correndo com as malas, parecia uma louca no meio da pista. 

- KELLY !!! Ai meu deus, não aguento ficar muito tempo longe de você.

Disse agarrando o corpo dela e abraçando a

- Como você ta meu amor ?? 

- Eu to bem Bey, mas melhor agora !

Subimos e ela sentou ao meu lado, ela conversava comigo enquanto eu tentava prestar atenção nas escalas do porcentual anual dos últimos anos. Ela percebia que eu não estava muito ligada nas suas palavras 

Pov Kelly

- Olha, eu acho que estou gostando de uma menina, sério de verdade ela é muito gostosa e se chama Fire. 

- Nossa, que legal. Eu te apoio..

- Apoia ?? Ai que ótimo porque vou entrar pra Ku Kus Klan. 

- Boa sorte !! 

- Vou aproveitar pra liderar um projeto pra matança de geral dos negros lá pros lados do bairro da sua mãe 

- Que bom meu amor !!

- BEYONCÉ !! 

- Fala Kelly, eu estou te ouvindo. 

Ela disse olhando pra mim.

- Mentirosa, você não ouviu uma palavra do que eu disse. 

- Desculpa gata. Eu realme te quero conversar contigo.. 

A Bey abaixou a tela do notebook e colocou os cotovelos sobre prestanto atenção em mim. 

- Pode falar ! 

Ela sorriu, voltei a tagarelar e ela se levantou quando o Arthur acordou. Nós estavamos rindo tanto que ela não conseguiu faze lo dormir e o deu pra Rose. Terminamos nosso bate papo quando pousamos em Houston, fazia uns bons anos que eu não ia pra lá e a Bey sentia falta da família mais do que eu. 
Pela janela enchergavamos alguns parentes da Bey, ela desceu sozinha porque as crianças estavam nas cadeirinhas dormindo. O fortão, delicia, maromba, gostoso do Igorth desceu os bebês como se estivesse pegando penas, desci em seguida pra apreciar aquelas pernas do segurança da B'. 
Entramos no carro eu e ela e as crianças, os pais dela ficaram de ir com o outro carro. Meu corpo pedia uma cama e foi a primeira coisa que eu fiz quando cheguei na casa dos meus pais que remeteram a minha infância. 
Olhei para aquela parede cinza e lembrei das brincadeiras que eu e a Bey faziamos: como apresentações sendo que aquele era o nosso estúdio particular haha. Eu sempre tive tanta inveja da Beu !! Ela é perfeita !! 
A mulher mais linda do mundo, rica, sortuda, além da família maravilhosa que ela construiu; ela sempre foi meu exemplo de mulher mesmo sendo alguns meses mais nova que eu. 

Pov Bey

Deixamos a Kelly na casa dela e nós fomos rever meus parentes, dei oi pra todos e fizemos a maior festa na casa da minha avó ! Conheci meus dois primos gêmeos filhos da filha da minha tia, uns amores aqueles dois pequenos morenos idênticos. O dia se passou e a Kelly veio jantar conosco

- O que acha de sairmos hoje ?? 

- Já ta querendo badalar Kelly ? 

- Eu quero, vamos comigo hoje tem uma balada no centro da cidade e todo mundo vai !! Vamos por favor Bey !! 

- Ta bom mas para de falar um pouco.. 

Jantamos juntas e a Rose levou as crianças pra dormir porque elas estavam extremamente cansadas depois de comerem metade do carrinho de doces que trouxemos. Fui pro meu quarto e a Kelly ne seguiu, só que eu não tinha nada pra vestir eu teria que fazer uma compra na manhã seguinte.

- Então, o que vai usar gata ?

- Eu não tenho nada, não trouxe malas.

- Isso não é problema !! Toma banho que a gente se arruma em casa. 

Fiquei com medo do que a Kelly me empurraria pra vestir mas ela me mostrou muita coisa bonita. Eu queria causar então escolhi o mais brilhoso, curto, decotado possível !! Era todo branco de renda, manga comprida e com as costas inteira de fora, coloquei umas puseiras e um salto verde escuro, prendi meu cabelo com um rabo abaixo da orelha estendendo o no meu ombro. Eu estava mais gostosa do que nunca, olhei a Kelly e aquele vestido azul dela me deixava meio invejosa. Saimos de casa com o carro do meu tio e fomos até a tal festa, estava lootadoo !! A maior farra do lado de fora pelos menores e a maior pegaçao do lado de dentro entre os mais velhos !! Eu me lembrava daquele local, antigamente era um cabaré e a coisa mais atrativa eram os quartos do prazer.. era uma bobeira mas os menores de idade entravam e acabavam perdendo a virgindade nos quartos e isso era a conversa que rodavam nos colégios. Ninguém sabia mas a minha primeira vez foi naquele lugar terrível, o cara era o meu namoradinho fazia quase 2 anos e ele chorava sempre que estavamos juntos pedindo pra transarmos. Depois de tomar todas juntos ele conseguiu um passe pra nós e rolou ali mesmo, que nojo. Mas já passou e eu não gosto de lembrar, prefiro os momentos com o Jay que foram incríveis !! 
Entramos e como sempre era no começo bem calmo, depois que percebiam carne nova os meninos rodavam pra cima e aquilo era hilário. A Kelly passou a mão pelo braço de um aue estava próximo de nós e o levou pro meio do salão, eu fiquei de longe olhando as loucuras que ela fazia dançando.. coitada, ela nem sabia dançar !! Eu gargalhava enquanto meus braços apoiados no bar me levavam a beber alguns copos de vodka, pelo menos uns 6 caras vieram até mim me pedindo pra dançar mas eu estava só curtindo ver a desajeitada da Kelly. 

Pov Kelly

Dancei a noite toda com aquele cara, de longe via os risos que a Bey dava olhando pra mim. Vi um cara chegando nela quando parei pra beber alguma coisa, ele nem conversou muito quando eu vi ele já tava agarrado a ela. Os dois estavam na maior pegaçao, rolou até mão boba da Bey na calça dele e como o cara não é trouxa já empurrou a minha gostosa pro corredor.. Espero que ela esteja lucida o bastante pra não ir se deitar com esse qualquer.
Voltei a dançar, a festa estava incrível. Bebi tanto que de vez em quando percebia alguns olhares estranhos pra mim de alguem que eu nem sabia quem era. Olhei no relógio e já era 2h da manhã e nós tinhamos chegado as 11h, comecei a me preucupar porque fazia muito tempo que não via a Bey pela boate. Fui procura la, peguei um passe pro corredor e andei caçando aquela vadia que tinha sumido do nada, abri umas portas, levei quase um tapa na cara de umas mulheres mas nada muito sério. Abri uma e vi a Bey. Os dois estavam extremamentes bêbados e eu nunca tinha visto ela daquela forma. Ele estava jogado na cama e ela rebolava só de calcinha ofuscando a visão do bof. E que bof, Beyoncé tinha bom gosto, um branquinho, moreno de cabelo liso, olhos castanhos e corpo de modelo. Eles estavam ainda de roupa íntima então não achei que algo pudesse ter acontecido, entrei parando aquela bobeira. 

- BEYONCÉ !! 

- Kelly, que bom que apareceu.. Não quer fazer uma homenage com a gente ?? 

- Que porra de homenage o que Beyoncé, nós vamos embora.

- Embora ?? Mas eu acabei de chegar e olha esse gostoso na cama !! Ele é só meu.. 

Ela disse piscando e mandando beijos pro homem deitado, revirei o olhar pra não ver aquela idiotisse 

- Beyoncé se vista, nós vamos pra casa. 

- Que pra casa Kelly, eu ainda não transei com esse gato.. Não vou perde lo por sua causa ! 

- É a última vez que te chamo pra voltarmos, vamos Beyoncé para de coisa. 

- Pode ir, eu vou ficar !! 

Olhei fixamente pra ela, forca la a sair não iria adiantar em nada porque sua decisão era de permanecer. Ela nem sabia o nome daquele homem com quem ia se deitar mas pouco importava, joguei uma camisinha pra ela do meu bolso e sai fechando a porta. Voltei pra minha casa e revi meus pais já estavam dormindo, fui pro meu quarto em silêncio e dormi até por algumas horas restantes..

Pov Bey

Acordei com uma puta ressaca, não aguentei nem abrir os olhos. Eu tava num lugar que não parecia ser nem a boate, nem minha casa. Sentei tentando me acustumar com a claridade que doia meus olhos. Olhei pro lado e tinha um copo de água com um comprimido, bebi na confiança de ser algo que me fizesse melhor. Me levantei meio banba e fui ao banheiro, fiz minhas necessidades e voltei pra cama. Dormi por mais umas 3 horas e despertei as 11h com o meu celular tocando.

Call ON

- Oi.

- Oi Kelly 

- Onde se ta? Como esta ? E o que fez na noite anterior ? 

- Eu to num hotel eu acho, eu to bem mas de ressaca e.. e na noite anterior eu transei com aquele cara. 

Disse tentando relembrar mas a dor não deixava. 

- Ele ta ai ? 

- Eu acho que não, é eu to sozinha.

- Sabe onde é ? 

-Não, pode deixar que eu volto quando me sentir melhor eu preciso dormir ! 

- Ok, se está bem então confio em você. Me liga quando chegar em casa. 

- Pode deixar, obrigada por se preucupar comigo.

- Eu sou sua amiga!! 

- Tchau meu amor..

Call OFF

Desliguei e voltei minha cabeça pro travesseiro, peguei meu celular no bolso do meu vestido. Do meu vestido ? Olhei por debaixo da coberta e eu estava nua ! Eu tinha ido da boate até o hotel nua ?? Não queria nem fazer esforços pra ne lembrar daquilo..
Descidi levantar e me arrumei, peguei meu celular e desci, aproveitei pra tomar o café no hotel mesmo e fui fechar a conta. 

- Bom Dia. 

- Bom Dia Sra. Knowles.

- Me conhece ? 

- Quem não a conhece ? Foi um prazer hospeda la no nosso hotel !! 

- Ah, eu que agradeço. Mas.. você viu que horas eu cheguei ? 

- Por volta das 7h da manhã. 

- E eu vim sozinha ? 

- Não, um homem a trouxe e a deixou aqui. 

- Sabe detalhar quem era ? 

- Não, ele estava de moletom e seu rosto nem sua pele eram visíveis

- Ok, fecha minha hospedagem.

- Já foi acertada.

- Já ?? 

- O mesmo homem que te trouxe pagou sua estadia. Esta tudo certo !! 

- Obrigada então !

Sorri ainda tentando me livrar da dor. Entrei num taxi e fui pra casa, passei numa farmácia no caminho e comprei todos os tipos possíveis de remédios pra que aquela dor se amenizasse. Tomei uns 3 e voltei pro carro, cheguei em casa e desci correndo. Subi as escadas e fui ao banheiro e vomitei tudo que revirava meu estômago. Meus pais e outros parentes observavam de longe minha atitude, escovei os dentes e sai reparando neles. 

- Por onde andou Beyonce ?? 

- Eu dormi na casa da Kelly depois que voltamos da boate ? 

- Você foi pra uma boate ? 

- Fui. Eu vou dormir.

- Mas esta na hora do almoço.

- Depois eu como. 

Fui pro meu quarto e me joguei na cama. Acordei quase as 17h, minha barriga estava roncando e minha dor já tinha passado, levantei e desci as escadas normalmente.

- Oi meus amores !!! 

Disse pros meus pequenos que estavam no quintal de casa brincando com a Rose. 

- Mamaaae !! 

O Arthur correu pra me abraçar e euno peguei e rodei ele no ar fazendo o corar suas bochechas. 

- Aai meu pequeno !! 

Disse enchendo ele de beijos, olhei pro sofá e a Blue estava sentada e sua expressão era como se alguém tivesse brigado com ela. Coloquei meu bebê jo chão e fui conversar com a minha princesa. 

- Vem cá Blue ! 

Disse puxando ela pela mão até a outra sala, ela se sentou com o olhar baixo.

- O que foi meu amor ? 

- Nada mamãe 

- Blue me fala o que aconteceu !!

- Mamae eu falei que não foi nada.

- Blue eu não estou brincando, me fala. Alguem brigou com você ? 

- O papai veio falar comigo. 

- Quando ? 

- Hoje a tarde quando você taba dormindo. 

- E o que ele te disse  

- Ele falou que estava com saudades de você e que queria seu perdão. 

- Só isso ? 

- Só, ele deixou aquelas flores ali.

Me levantei olhando para a rosas brancas idênticas as outras da manhã. Li o cartão.

" Preciso do seu perdão, você sabe onde me encontrar. É só me ligar que eu corro de volta pra você ! Eu ainda te amo " 


 

 

 


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...