História Jazzghost e Spok-(Jazzpok) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Andrei Soares "Spok" Alves, Cauê "BaixaMemoria" Bueno, Malena "Malena0202" Nunes, Marco Tulio "AuthenticGames"
Personagens Andrei Soares "Spok" Alves, Cauê Bueno, Malena0202, Marco Tulio "AuthenticGames", Personagens Originais
Tags Jazzghost, Jazzpok, Spok
Visualizações 27
Palavras 383
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Esse é o último capítulo do nosso especial do Dia das Crianças, espero que gostem!

Capítulo 9 - Especial: Baixathentic (Parte III)


Fanfic / Fanfiction Jazzghost e Spok-(Jazzpok) - Capítulo 9 - Especial: Baixathentic (Parte III)

Cauê Pov's

Quando eu desço, eu vejo nada mais nada menos que Authentic Games.

Authentic: -Eu preciso que você me escute, eu tenho algo muito importante para te falar. 

Cauê: -Eu não quero te escutar. 

Jazz: -Cauê esculta ele, por favor, por mim.

Cauê: -Fala seu...

Authentic: -Eu quero te pedir desculpas por tudo que houve entre eu e a ...

Cauê: -Não fale o nome daquela putinha, vagabunda! 

Jazz: -Perdoa ele, ele é seu melhor amigo. Apesar que ele é um sem rola, que magoa as pessoas que mais amam ele.

Authentic: -Eu entendo a raiva de vocês, mais eu só quero que vocês me perdoem.

Cauê: -Só essa fez!

Ele vem em minha direção para um abraço, quando eu empuro ele.

Cauê: -Sai daqui, eu não estou 100% perdoando você, agora eu só quero ficar sozinho!

Então eu subo para o meu quarto, e começo a chorar lá mesmo. Eu não sei por que eu amo ele tanto assim. Eu sei uma maneira de passar a minha raiva, me cortando.

Quando o Dodô chega que me ver com o braço todo cortado, ele surta.

Dodo: -Que porra é essa Cauê!?

Cauê: -Não é nada de mais.

Dodo: -Então se cortar não é nada de mais. Você pode pegar tétano, você está se cortando por causa dele, né?

Cauê: -E se for, qual é o problema nisso?

Dodo: - Que você vai se matando aos poucos, eu te amo muito. Então pare de fazer isso por causa de pessoas idiotas.

Então eu começa a chorar mais ainda. E ele começa a me consolar.

No outro dia...

Meu Deus do céu! Que dia maravilhoso para ir ao cinema. Será que eu chamo o Authentic? Vou ligar para ele.

Ligação on

Cauê: - Oi Authentic você gostaria de ir ao cinema comigo!?

Authentic: -Claro! Que horas?

Cauê: -As 19:00.

Authentic: -Tá bom, beijão! 

Cauê: -Beijão. 

Agora eu sei que ele vai comigo no cinema hoje a noite. Eu acho melhor eu comer alguma coisa. Eu desço para ir até a cozinha encontrar com o meu irmão.

Dodo: -Huuu! Que alegria é essa?

Cauê: -Eu vou pro cinema com TT.

Dodo: -Pelo visto vocês já estão bem, né?

Cauê: -É isso ai! Mas eu to com fome, o que tem pra comer?

Então o Dodô me dar um sanduíche bem elegante, e eu agradeço. E vou para o meu quarto e começo a conversar com Jazz e falar tudo que ocorreu no meu dia.




Notas Finais


Gostaram!?
Eu posso continuar com o especial no dia 12/11-14/11, ele volta com um capítulo.
12/11 -> tem um capítulo.
13/11 -> tem mais um capítulo.
14/11 -> tem o último capítulo do especial baixathentic.
Jazzpok continuará no dia 15/10.
Espero que tenha gostado do capítulo!
E defuguem para todos seus amigos que shippam jazzpok, beijão!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...