História Jeff horror or love? - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lendas Urbanas
Tags Jeff
Exibições 73
Palavras 622
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Luta, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas da Autora


Boa leitura!
Gente foi mal eu não ter postado antes é que eu vou fazer 15 anos terça feira, aí você sabe né...
Mesmo assim valeu pelo apoio.
Bjs :3

Capítulo 14 - Voltando!


Fanfic / Fanfiction Jeff horror or love? - Capítulo 14 - Voltando!

Então jeff começou à dar estocadas mais fortes, à medida que eu gemia ele acelerava.
Até que eu gozei.
Mas jeff não satisfeito, me colocou de quatro e penetrou fundo, gemi e ele riu perverso.

JEFF- está gostando. (disse diminuindo à velocidade e pondo mas força).
ISA- .... (não conseguia parar de pensar na vergonha que eu estava passando, mas também não queria que ele parasse).

Até que jeff gozou e se deitou do meu lado.
Me abraçou e começou à dormir.

Pouco tempo depois senti meus quadris doerem.
Resolvi dormir para ver se passava.
Pela manhã acordei e percebi que jeff não estava mas lá.
Deixei isso de lado pois estava atrasada...
Voltei para casa e jeff não estava lá!
Lógico que ele não estaria...

Fui para faculdade e como estava feliz resolvi, sair com as garotas que queriam ser minhas amigas fomos ao shopping.
Foi até divertido!
Voltei para casa, nada de jeff.

Se passou uma semana e jeff nem deu sinal...
Depois de um mês comecei à mudar.
Voltava ainda mas cedo na esperança de o velo em casa, mas nada...

Me perguntava o que teria acontecido?
Será que tudo não passou de uma brincadeira para ele?

....

Hoje domingo, resolvi sair e esfriar à cabeça.
Voltei do parque de diversões que havia abrido perto da cidade...
Quando estava voltando ouvi no rádio que havia um engarrafamento próximo à passagem da minha casa.
Resolvi cortar caminho por uma pista um tanto vazia e escura mas era bem "aconchegante" dirigir por ali.
Sem nenhum carro com apenas o barulho do motor.
Apesar de parecer perigoso era legal...

Fui dirigindo até encontrar algo parado na pista...
era um homem frei o carro, e fiquei assustada quem era?
O que queria?

Não sai do carro, buzinei.
Então ele começou à se aproximar até que o facho de luz  que vinha do meu carro o iluminou seu rosto.
Era...






Ben?
Era Ben quem estava ali.
Porque,, o que ele queria?
Se aproximou do meu carro e eu continuei ilesa!
"Múmia súbita".

Toc toc

Não abri à porta, foi quando ele deu um murro no vidro do carro!

ISA- que porra é essa?!
(ele rio com meu comentário).

O vidro era blindado. Como ele pode ter feito aquilo?!

À mão do mesmo sangrava, e alguns cacos de vidro voaram para cima de mim, não me cortei gravemente foi só alguns cortes pequenos.
Então ele abriu à porta do carro. E se sentou no banco do carona, fechando novamente à porta do carro.
Eu estava assustada.
O que iria acontecer?

BEN- oi ISA!
ISA- o...oi be... Ben!
BEN- não fique assustada! (disse pegando uma mecha do meu cabelo e à beijando).

Quem era aquele?
Aquele olhar à voz, me davam medo me intimidavam!

BEN- você só precisa dirigir, siga reto depois vire na segunda virada.
Sabe oquei acontece se não me obedecer!

Então apenas obedeci.
Continuei até que...
Aquela casa...
Não pode ser era,
À MANSÃO CREEPY!

Como assim?

BEN- estacione aqui.
ISA- mas a casa ainda está longe. O que você pretende? (disse assustada).
BEN- (riu maliciosamente).
Não confia em mim?

Não!
Eu realmente não confiava naquele ser!

NARRADORA
ENTÃO BEN APÓS SAIR DO CARRO JUNTAMENTE COM ISABELA POIS FOGO E SAIU DALI CARREGANDO NO  ISABELA NO COLO, QUE SE DEBATIA EM SEUS BRAÇOS!

BEN- você não queria voltar?
Então!...
ISA- ...
BEN- isabela!
Confie em mim sei o que estou fazendo.
Posso consertar à burradas de jeff.
Não vou te machucar, apenas confie em mim! Por favor!

Agora ele parecia mas humano!
Eu estava mesmo com medo , mas piorou quando ele
Entrou me carregando, na mansão creepy.
Jeff estava entre os que nos esperavam.
Ele parecia furioso!

O que exatamente estava acontecendo?


Notas Finais


Desculpem pelo cap pequeno.
Bem obrigada bis :3
Espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...