História Jeff the killer em amor ou ódio? - Capítulo 77


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jeff The Killer
Tags Diabolik Lovers, Jeff The Killer
Exibições 142
Palavras 1.848
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Canibalismo, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


E aqui estamos com mais um especial! Espero que gostem!

Capítulo 77 - Especial Nightmare Ally


Fanfic / Fanfiction Jeff the killer em amor ou ódio? - Capítulo 77 - Especial Nightmare Ally

Em uma menina pequena cidade vivia, garota comum ...

- Ally! Venha para o jantar! - Mãe chamou da cozinha. 

- Estou indo, mãe! - Corresponde à menina de 13 anos de idade, alto, magro e não muito bonita, em seguida, desceu.

O jantar foi, como de costume, batatas, massas e água para lavá-lo para baixo. Alice vive com seus pais no passado - 10º andar no bloco gaiola 9. Em cada quadro é apenas uma janela, assim que a casa, muitas vezes há um crepúsculo, e as janelas do lado norte exacerbar este efeito. Em frente do bloco é idêntico, mas ambos estão completamente abandonado. Sua família se mudou para cá recentemente, o motivo foi a falta de dinheiro para pagar a casa velha.

Aqui, ninguém sabe sobre sua existência. Ou assim eles pensam ... Depois de comer uma refeição, Alice foi para uma pequena sala com uma janela em um bloco adjacente compartilhada com o mouse inquilino indesejado. Cansado vai dormir. Ela ajudou o meu pai hoje para trazer o gabinete do aterro para o corredor. Mama Alice tomou-se de tricô tampas para o inverno que se aproxima.Finalmente, quando a vela é queimada havia escuridão total. 

- Caps vai ter que esperar - mulher suspirou. 

Ela foi para o quarto, com certeza, que encontra o seu reparador marido vazamento de tubulação acima de suas cabeças, mas ela não estava lá. Um pouco assustada decidiu procurá-lo no peito. Ela não quer falar sobre sua filha para que ela gritou para ela apenas que ele estava indo para ir. Ally murmurou algo półsnem e mais meditou, se fosse para ter o que as outras crianças.,. Eu nunca sequer tocou um computador. Mãe deixou. A menina estava sozinha no apartamento. De repente, Alice viu uma estranha luz vermelha vindo da janela. Ela se levantou, e olhou através deles e ficou imóvel. No bloco 9 na frente das janelas, na linha 7 pisos algo brilhando na cor vermelho-sangue, como um laser. 

- M-mamãe?! - Ele gaguejou, mas a mãe não voltou e ela não estava no apartamento. 

Alice estavam cheios de medo, ela escorregou sob as cobertas e tentou dormir, mas não teve êxito. Cerca de quatro horas ela ouviu a alça grosa e uma mãe chorando.    

- O que aconteceu? - Alarmado.   

- Seu pai ... - tentou dizer a sua mãe, e Ally estava esperando o pior   

- ... Está morto - ela terminou, em seguida, cobriu o rosto com as mãos. Com uma lágrima Alice olho correu ... Eu não tenho a força para perguntar, não tinha energia para qualquer coisa. Este superou ela e ela perdeu a consciência. Mãe incapazes de acordá-la, ela a levou para o hospital. Já está sendo no lugar estranhamente parecia que foi observado ....  

Depois de esperar uma enfermeira entrou, então sua mãe Alice acalmou um pouco.  

- Bem-vindo para o escritório - disse ela.Mulher surpreendida mais como ela estava vestida enfermeira do que as palavras que falavam uma voz masculina pouco. Por que ela foi máscara sobre a boca eo nariz, SLR azul e amarelo? Depois que o hospital não era claramente ... Ela tinha luvas até os cotovelos e um joelho na coxa. No total, havia lugares onde era ver sua pele.   

- Isso não é minha coisa é, minha filha desmaiou. - Mãe disse que desmaiou Ally.  

- Mas primeiro eu preciso de você.  

- Por favor ...?    

Antes que ela pudesse dizer mais alguma coisa, a enfermeira agarrou a mão dela e arrastou à força para dentro do escritório.mulher aterrorizada sentou-se no canto, a mando de uma pessoa estranha. Enfermeira e trancou a porta, que embolsou. Voltou-se para a mulher, ela tirou a máscara e óculos de proteção, e para espanto de medo paralisou peruca mãe. Seu cabelo castanho era curto e destruídos.   

Então ela pegou algo do armário sem se virar para a mulher. Era algo azul escuro, como uma máscara. Lentamente, com a ferramenta na mão sendo virou para ela e ela caminhou em sua direção. A mãe de Ally estava à beira das lágrimas.  

A enfermeira usava uma máscara semelhante com órbitas vazias. Um fluiu líquido preto grosso. Mulher com medo apenas pensei que era uma máscara.Naquele tempo, esse "algo" teve tempo para se aproximar dela. Ele tinha chegado a um rosto de mulher bisturi e przyłożyło.  

- Você tem olhos lindos - sussurrou uma voz masculina ...    

---  

Ao mesmo tempo, Alice despertou. Ela não tinha idéia de onde ele está, porque eu nunca estive no hospital, eo edifício onde foi localizado, mas sim não parecia. No quarto, mas não havia um, então ela deixou o prédio e dirigiu-se caminho para a frente. Depois de um momento, a marcha chegou à igreja. Ela abriu a porta e entrou. No altar orando padre.Além dele e Alice não havia ninguém lá. Ele bateu seis horas, então o sacerdote trotou em direção ao púlpito e tentou em celebrar a missa. Em seguida, Alice entrou em colapso por fadiga ... No final, ela não tinha comido nada durante três dias. padre Aterrorizado arrastou-a para a casa paroquial, onde ele colocou Ally na cama, preparou um sanduíche e chá fabricado. Ele ajudou a menina se levantar e bebeu a bebida preparada.  

- Obrigada ... - ela disse fracamente.   

- Filho, você não tem muito a agradecer. - Disse o padre, que nunca ninguém se preocupou. É sempre tudo servido por ele.  

- Se você não fizer isso, você provavelmente teria morrido de fome.   

O padre ficou em silêncio embaraçado.   

- Você me acompanhar a casa? - A menina perguntou.  

- Claro, eu não posso deixá-lo sozinho nessa condição ... - o padre ficou entupido   

- A menos que você está ocupado. Há então um problema, eu posso ir sozinho ...   

- Não! - Protestou o padre rapidamente - você vai andar, eu posso até agora ...  

Depois destas palavras, eles pegam a estrada. Alice disse a ele onde ele morava.   

- Minha mãe provavelmente seria morto! Eu não sei como eu me encontrava naquele lugar ...   

---  

Já vestido com suas roupas, Jack saiu para o corredor. Ele ficou surpreso que não há meninas. Mas ele não vai facilmente perdoar a algum moleque. Ele deixou o hospital seguindo os passos de Alice. Seguindo os passos de descobri onde a menina vive. Ele sabia que um atalho para os blocos, então não foi mais rápido ...   

---  

Quando Alice veio para o apartamento, agradeceu o sacerdote, que seguiu seu próprio caminho. Já era 20:12 horas. Ela entrou no cage, esquecendo-se da morte de seu pai e luzes vermelhas misteriosas das janelas do bloco na frente de ...   

Depois de entrar no salão, para sua surpresa, ela percebeu que o apartamento está completamente vazio ...  

Quando entrei no quarto, ela viu na inscrição parede: Eyeless Jack.  

"Talvez seja uma piada que? Eyeless Jack? O que é isso?!" - Ela pensou, olhando para a caligrafia desequilibrada.  

Depois de um momento, ela se deitou para dormir. Ela foi acordado por uma luz vermelha. Ela arregalou os olhos e tudo lembrou. Ela queria se levantar e ver o que acontece. Custou-lhe muito esforço, porque ela estava muito cansado duram horas.  

Ela levantou-se. Ela olhou para fora da janela. Nove não ver as luzes. Agora era apenas cinco.   

Alice colocou de volta na cama. Mais uma vez não conseguiu adormecer. Ela estava deitada de costas e olhou para o teto.   

Horas esticado até o infinito. Passaram triste e sozinho, e as luzes se apagaram. Houve uma hora de atraso. Era apenas uma luz.Exausta, ela adormeceu. Depois de um tempo, ela acordou. Eram seis horas da manhã. A casa ficou sem comida por isso decidi procurar algo ... Saindo da serra bloco na distância uma pessoa enforcada em uma árvore, e abaixo dela jazia o corpo de alguém. A árvore foi baseado em um personagem estranho, mastigando alguma coisa e olhando na direção da menina.Cuspiu o objeto, algo ocorreu ao rosto e começou a se aproximar.  

A menina ficou paralisado. Ela estava à beira do colapso, e em pé segurando seu medo.   

A figura encapuzada estava perto o suficiente para que ela viu a máscara, e o lamaçal negro fluindo de suas órbitas. Havia um buraco no nariz ou boca. A pele era cinza e cabelo castanho. Alice assustou maior do estranho mão.   

- Part-o que você quer? - Ele perguntou, horrorizada.   

A figura não respondeu, apenas correu uma faca em volta do pescoço, aproximando-se para dentro de um metro. Ela podia olhar para ele mais de perto. Em seu Hoodie estava cheio de sangue, calças estavam rasgadas e destruídas. Não havia tempo para observação. Ele é balançada. Ally milagrosamente ela se esquivou e correu lentamente, ela chegou ao lugar onde ela estava pá.   

A máscara de monstro caminhou tranquilamente com uma faca, como se ele estivesse em uma caminhada normal. Ele está caminhando em direção a ela.  

Alice tirou uma pá na frente dele e perguntou novamente:   

- Quem é você?! O que você quer?!   

Ele parou. Ela ouviu uma risada estridente. O coração de Alice estava batendo mais rápido e mais rápido. A criatura atacou, vendo que ela inadvertidamente deixou a pá. Ele conseguiu esfaqueá-la dolorosamente na mão. Ally ele uivava de dor, mas em breve.Assustada, ela viu o personagem como ela caiu. Ele queria brincar com uma menina, ele não iria sentir a satisfação de matar sua consciência perdida.   

- Vejo você amanhã! - Ele zombou e se afastou.   

Algumas horas mais tarde, Alice acordou. Ela ficou chocada. Ela sabia que ele tinha de defender antes da criação. Mal chegou ao apartamento ... Nas prateleiras de cozinha puxou uma faca ... Todos estavam sem corte, exceto um ... Isolated tomou um curativo em sua mão. Era noite. Apenas a última janela piscou. Raz. Ally sabia que isso deve significar alguma coisa. Mas eu não sei o que ...   

Ela afirmou que ela não conseguia dormir.Ela tentou tão difícil, mas depois de um tempo esgotado deslizou do parapeito da janela para o chão. Ela dormiu até 20:09. Ela foi acordada por uma voz que vem do fundo.   

- Eu estou esperando!   

Não era um sonho ... acordou. Ela pegou uma faca e com medo desceu lentamente, sem saber o que ela espera. No fundo era o que ela esperava, que o homem da máscara.Eu acho que um homem ... Mas ... o que ia fazer?   

- Bem, finalmente! - Ele disse.

- O que você quer de mim?! - Gritou menina desesperada. 

- Eu quero a sua morte ... 

Foi a penúltima frase, que ela ouviu. O relógio marcava 20:13. Todas as janelas no bloco oposto iluminada em vermelho. A figura ficou renunciou e disse calmamente: 

- Bem ... alguém. Veja - ele disse e desapareceu. 

- O quê?! Como assim? - A última coisa que ele conseguiu dizer. Em seguida, ele caiu e nunca mais se levantou.

( Nightmare Ally Narrando )

Sentia uma enorme falta daquele sorriso, aqueles doces lábios, aqueles braços ao meu redor, como sentia falta daqueles pequenos detalhes...

Apesar de tudo isto que sou hoje, ele conseguiu enxergar algo diferente em mim, e por causa disso eu o amei imensamente....

Depois que ele foi embora e nunca mais tive notícias, minha vida virou um inferno e agora estou eu observando a porcaria desse espelho sem saber que decisão tomar.

Eyeless havia me convidado para morar com ele e outras creepys em sua mansão, eu pensei diversas vezes e cheguei a conclusão que seria bom pra mim esquecer o passado e focar no presente.

Sinceramente, não sei como Eyeless nos aguenta, afinal, foi por causa dele que somos esta grande " familia da discórdia " mas, todos tendo o mesmo pecado e o mesmo destino ao inferno....


Notas Finais


Espero que tenham gostado, não deixem de comentar, pq assim possp saber de vocês o que estão achando da obra!
Bjos e até o próximo capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...