História Jelsa - amor congelante - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Origem dos Guardiões, Frozen - Uma Aventura Congelante
Tags Comedia, Jelsa, Romance
Exibições 51
Palavras 1.436
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oie gente estou de volta rsrs espero que gostem do Cap, comentem ai. E o pessoal que acompanha a You are the music in me logo logo vou publicar um novo capítulo. Bjs!

Capítulo 27 - Quem sabe


Quem sabe.

P.O.V Elsa

Os criados prepararam um café e serviram a mesa, me sentei e fiquei olhando tudo sem nem um pouco de animação. Fico pensando em como me meti em tudo isso, todos esse riscos que passei e agora posso acabar passando por mais, posso acabar... perdendo meu filho.


- Elsa? Parece pensativa - Anna entrou acompanhada de Rapunzel.


- Não estou pensando em nada demais - Digo.


- Eu e a Anna estavamos conversando, e no seu casamento quem você vai chamar?


- Alguns lordes e reis e o povo também pode entrar tanto para o casamento quanto para o baile.


- E o seu vestido? - Anna pergunta animada.


- Isso eu vejo depois - digo rindo da cara boba que Anna fazia.


- Não acredito minha irmã vai se casar - ela gritou de algria mas parou rápido e pegou na barriga.


- Anna ta tudo bem? - Pergunto pegando em seu ombro e se reprimiu um momento com cara de dor.


- O bebê vai nascer - ela disse olhando para mim.


- Guardas chamem uma parteira, já! - Grito para os guardas que estavam lá - Vamos para o seu quarto Anna, Rapunzel me ajuda a levar ela porfavor.


Peguei em um dos braços de Anna e Rapunzel pegou o outro e fomos andando devagar até chegar no quarto as criadas já ajeitavam a cama e a bacia com água quente. Deitei Anna na cama e as criadas ja foram a ajeitando - Vai ficar tudo bem Anna eu to aqui com você - Digo e a abraço.


- Não.. Se preo..cupa Elsa - Anna quase não conseguia falar.


- Majestade - Virei-me e vi a parteira fazendo uma reverência - Me perdoe pela demora.


- Tudo bem, faça o seu trabalho por favor - digo e vejo-a se aproximar de Anna.


- Majestade, se não for problema a senhora poderia sair e deixa-la sozinha comigo e as criadas?


- Sim, claro - Saio e passo a rodar de um lado para o outro no castelo, Rapunzel sentou-se próximo a porta e lá ficou. Saí para fora do castelo na esperança de ver Kristoff, vou andando pela ponte que ligava a aldeia ao castelo e os vejo todos logo percebem minha cara de preocupação e se aproximam mais rápido.


- Elsa oque houve - Kristoff desceu de Esven.


- Anna vai dar a luz - digo, Kristoff logo voltou para Esven e correu para o castelo Jack me pegou e me sentou no seu cavalo. Voltamos ao castelo e me sentei em minha cama Jack ajoelhou-se em minha frente e me olhou.


- Elsa, não fica nervosa - Ele tocou em meu rosto e me deu um breve selinho.


- Estou com medo.


- Não tenha medo, vai ficar tudo bem.

P.O.V Jack

Deixei Elsa no quarto dormindo e fui ver se Anna ja havia dado a luz, minha loira estava tão nervosa que adormeceu sem duvidas seria terrível para ela perder sua irmã cheguei ao quarto e a vi segurando seu bebê enquando Kristoff a beijava.


- Então... Menino ou menina? - Pergunto cortando o clima.


- Menina - Kristoff respondeu olhando feito bobo para a pequena.


- Que nome vocês vão dar? - Perguntei me aproximando para vê-la e sem duvida alguma era a cara de Kristoff. Os dois se entreolharam e sorriram.


- Idum - Anna disse sorrindo.


- Idum!? - pergunto achando estranho o nome.


- Sim - Ela ri - era o nome da minha mãe.


- Aaah sim entendo - Digo e Elsa aparece na porta assustada e logo corre para Anna.


- Você esta bem?


- Sim, vou dar o nome de nossa mãe.


- Que maravilha - ela sorri e abraça a irmã.


- Assim que eu me recuperar vamos fazer os preparativos de seu casamento!


- Anna - Elsa a repreende.


- Pense em você um pouco, depois veremos isso.


Elsa me puxa para fora do quarto e me beija - Que bom que ficou tudo bem - Ela disse me beijando de novo e ficando cada vez mais próxima de mim.


- Você esta me excitando - Digo pegando em sua cintura.


- Essa é a ideia - Elsa sorri com malícia e quando ela vem se aproximando escutamos uma explosão vindo ao leste do castelo, saimos correndo e de repente a babá surge correndo com John nos braços Elsa a para e a mesma estava mais do que assustada estava horrorizada.


- Oque esta acontecendo? - pergunto para ela que logo aponta para um ser negro que vinha em nossa direção coloco Elsa para trás de mim e a mesma fica abraçada com a babá protegendo John - Elsa... Corre!


Quando Elsa começou a correr junto com a babá comecei a jogar rajadas de gelo naquela criatura que logo se mostrou ser uma mulher ela possuia dentes afiados e um longo cabelo negro e liso sua pele era um pálido quase cinza e tinha também olhos vermelhos.


- Quem é você? - Pergunto quando ela desvia do gelo.


- Meu nome é Dark e eu vim aqui pegar sua mulher e seu filho, Jack Frost ela jogou raizes de felo negro em mim mas eu desviei rápido.


- Vai ter que me matar pra conseguir fazer isso - Digo e começo a jogar mais e mais gelo sem para até que em um certo ponto os olhos dela passaram a brilhar mais ainda e me prenderam contra o ar, fiquei sem forças após tanto ficar me mechendo.


- Não vai ser difícil te matar você é tão impulsivo que perde as forças muito rápido.


- Oque você é!?


- Então que dizer que você não sabe oque eu sou!? - Ela pressionou seu punho e começou a me esmagar deu um grito alto ao sentir meus ossos serem esmagados - Sou a filha daquele que você matou - Ela sussurrou em meu ouvido. Sinto um certo ar frio aproximando-se e sorrio para ela - Porque esta rindo.


- Porque você vai se fuder - Digo e vejo minha loira chegando e a cada pisada congelava um pouco do castelo, Elsa logo criou chicotes de gelo e puxou Dark para longe de mim me fazendo cair no chão sem forças.


- Amor me desculpa a demora - Elsa sorri e volta sua atenção para Dark - Deixe meu noivo e meu filho em paz!


Elsa criou um monstro de neve e começou a bates em Dark a deixando sem forças e com medo - Vá embora ou eu te mato! - Elsa disse.


- Isso ainda não acabou - Ela disse sumindo em uma areia negra parecida com a de Breu.


- Quem era ela? - Elsa perguntou me ajudando a levantar.


- Acho que era filha de Breu - olho para Elsa e quase desmaio por conta da fraqueza que me deu. Elsa me deixou no quarto e foi olhar como todos estavam, retirei o colete e a blusa e vi um corte em minha barriga precionei minha blusa contra o corte e logo vi a loira com uma bolcinha entrando no quarto.


- Peguei umas coisas pra limpar seus cortes - ela disse e me fez deitar ficando sentada em cima de mim, e limpando o corte de minha barriga - Não é tão profundo.


Segurei sua bunda e comecei a derreter seu vestido de gelo - Sabe oque eu mais gosto nas suas roupas? - Ela negou por não saber - São totalmente feitas de gelo.


Comecei a beijar seus seios e a morder passei a tocar em sua intimidade e a penetrar com os dedos a fazendo cair de desejo em cima de mim, aumentei o ritimo de meus dedos e logo tirei - Você me quer? - Pergunto e ela fala que sim em um tom de desejo.


- E como voce me quer? - pergunto cheirando seu cabelo e seu pescoço.


- Dentro de mim! - ela diz sentando-se novamente em cima mim e começa a retirar minha calça e sem aviso algum pôs meu membro dentro de sua boca fazendo movimento para cima e para baixo gemi alto com aquela sensação deliciosa e a puxei para cima de novo e dessa a penetrei com força a joguei na cama e voltei a penetrar com muita velocidade comecei a chupar seus seios e a morder com uma certa "força" fazendo seus mamilos ficarem vermelhos. Elsa arranhava meu peito com suas unhas e gemia alto meu nome. Cheguei ao ápice e me deitei ao seu lado e fiquei observando sua face rosada sorrindo.

Continua....^·^





Notas Finais


Comentem ai ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...