História Jikook - Baby ... Daddy - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 320
Palavras 948
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Yaoi
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oii gente, mais um capitulo para vocês ai!

Capítulo 20 - Polvilho


P.O.V Jin 


           [ ~ no  dia  seguinte  ]


Acordei  com  uma  ideia  fixa  na  cabeça: falar  com  o  Jimin. Tudo  isso  está  muito  confuso  e  estranho, não  vou  permitir  que  Jungkook  vá  para  Nova  York  se  for  tudo  um  mal  entendido. Daí  a  merda  já  vai  estar  feita. Mas  né, essa  peste  é  mais  teimosa  que  eu , e  isso  é  muito  impressionante. Já  até  fez  as  malas  e  neste  exato  momento  está  no  quarto  ao  lado  vendo  a  passagem. Peguei  meu  celular  e mandei uma mensagem ORDENANDO  que  Park  me  encontrasse  no  café  aqui  perto. Sem  pestanegar  e  enrolar  como  sempre  faz  ele  aceitou. Me  arrumei, sem  rosa  hoje, não  estou  muito  humorado.

Kookie  querido - bati  de  leve  na  porta  recebendo  um "hum?" como resposta. - vou  dar  uma  saída  rápida  .

Okay, mas  meu  voo  é daqui a  pouquinho, não  demore - escutei-o antes de descer e  sair  para  ir ao local marcado. Foi  rápido, em  dez  minutos  já  estava  lá. Sem  demora  avistei  Jimin  e  uau, ele  parecia  péssimo . Seu  olhar  continha  dor. Mas  mesmo  assim  não  tive  dó, meu pequeno também está assim e grávido ainda por cima!

CASAMENTO?!?! PARK JIMIN JUNGKOOK ESTÁ... - me  segurei , se  eu  contasse  nunca  seria  perdoado - AISH. SEU  IRRESPONSAVEL  E  SEM  CORAÇÃO !!!! PRA  QUE  BRINCAR  COM  O  KOOKIE?! PRA  DEPOIS  LARGA-LO  FEITO  LIXO!?

Do  que  você  está  falando  hyung ?! NÃO  FUI  EU  QUE  TRANSEI  COM  OUTRO !!! - uma  lágrima  escorreu  por  sua  bochecha  direita.

Pera  pera  pera - acenei  com  a  mão - o  que?!?

É , ontem  Sana  ligou  para  o  Yoogi e  o  mesmo estava ofegante, logo depois ouvimos Jungkook o chamar de volta para a cama ... - choramingou. Amoleci  totalmente . Sentei-me  ao  seu  lado  envolvendo-o  em  meus  braços. Jimin  novamente  pareceia  uma  criancinha  que  vinha  até  mim  quando  tinha problemas  como  antigamente.

Calma ... Respira . Isso  é  impossivel , assim  que Sana  contou  que  vocês  estavam  noivos  Kookie  me  ligou  para  saber  se  podia  ficar  lá  em  casa  pois  não  aguentaria  mais  te  ver , eu  mesmo o  busquei . - acariciei  seus  fios  claros.

 mas Omma ... - chamou  e  olhei-o  nos  olhos  inchados  e  cheios  de  lágrimas - não  pedi  ninguém em  casamento , a  única  pessoa  com  quem  eu  quero  me  casar  é  o  Jungkook - até  mostrou  as  mãos  que  não  continham  nenhum  anél  de  noivado.

Então  tudo  isso  foi  uma  armação... - cheguei  a conclusão  passando  o  dedo  pelo  queixo - Da  Sana  e  do  Suga. - logo  sua  expressão  mudou  de  triste  para  raiva, segurei-o. -  Não  temos  tempo  para  isso, rapido! Temos  que  ir  para  o  aeroporto!!!



P.O.V  Jimin


Meu  coração  se  aliviou : Jungkook  não  havia  sido  tocado  por  outra  pessoa,  mas  logo  depois  senti  uma  raiva  enorme  daquele  fela  da  puta  e  daquela  garota   e  em  seguida  medo : medo  dele  embarcar  naquele avião. Assim  que  Jin  me  contou  o  plano  de  Jungkook  durante  o  trajeto  no  carro  tudo  que  eu  sabia  fazer  era  roer  as  unhas  e  rezar, Jin  me  deu  um  pacote  de  polvilho  para  me  distrair e  ir  comendo. Depois  do  que  pareceu  uma  eternidade  chegamos  no  aeroporto. Corri  feito  um  louco, Jin  mal  tinha  estacionado  e  saí  do  carro  não  me  importando  com  qualquer  coisa  que  estivesse  na  frente .



P.O.V  Suga


ATENDE  PORRA!!! - gritei  impaciente, cinco  toques  depois  e  meu pedido  foi  concedido.

Alô - estava  calma  e  satisfeita, mal  sabe  ela - ja  estava  saindo  para  ir  ver  o  Jimin...

Eu vi o Jimin com o Jin agora pouco aqui no café que eu trabalho - disparei - temos que ir ao aeroporto. 



P.O.V  Jungkook



Estava  um  tanto  indeciso   quanto  entrar  no  avião, o  teste  de  gravidez  em  meu  bolso  estava  me  acanhando . Esperei  mas  um  pouco    pensativo , e  imagens  dos  dois  sorrindo  e  felizes  vieram  em  minha  cabeça , levantei  do  banco  de  madeira  em  que estava  sentando  e  comecei  a  andar  em  direção  a  minha  nova  vida  e  é  claro, não  pareceia  nada  tentadora. Quando  estava  perto , tão  perto, uma  mão  puxou  a  minha  .

Ji-Jimin? - ele  estava  ofegante  e  um  pouco  suado , tão  lindo  e queria  poder  dizer  tão  meu. Não  fez  nada  mais  do  que  me  puxar  para  si  colando  nossos  lábios. Ai  como  eu  queria  empurrá-lo! mas  a  cada  dia  que  se  passa  prova-se  mais  o  quanto  não  resisto  a  esse  homem.

Não  vai  amor , fica  comigo - sussurrou  com  os  lábios  ainda  nos  meus roçando-os  um  no  outro, fechei  os  olhos.

Eu-eu ... Vou e e e parabéns  pelo  no-ivado -  segurei  o  choro  afastando  meu  rosto  do  dele.

Kookie  não  tem  casamento  nenhum, pelo  menos  ainda  não - me  deu  varios  selinhos.

Como  assim? - perguntei  ainda  com  medo  de  ser  iludido.

Bem ... - suspirou  rente ao meu  pescoço me  arrepiando   - Sua  irmã  e  seu  amiguinho  deram  um  jeito  de  nos  enganar.

E  a  aliança... ? - perguntei  choroso .

Falsa , até  porque a verdadeira  em  breve  vai  estar  no  seu  dedo  bae - sorriu  e  não  contive  um  sorriso  bobo  também - claro  se  você  aceitar . Eu  te  amo  Jeon  Jungkook - se  ajoelhou  em  pleno  aeroporto, algumas  pessoas  pararam  para  olhar. Levei  minhas  mãos  a  boca, as  lagrimas de  emoção ja desciam - você aceita se casar comigo? 

Sim , eu aceito  Park  Jimin - se  levantou  colocando  um  pouvilho  em meu  dedo  anelar, dei  risada . As  palmas  logo  ecoaram  fazendo  minhas  bochechas corarem . 

Desculpe  bebê , prometo  que  mais  tarde  vou  te  dar  uma  aliança  linda, é  que  eu não  podia  mais  esperar  - beijei-o  amorosamente, suas  mãos  rodearam  minha  cintura  e  as  minhas  foram  até  sua  nuca.


Licença - desgrudei do meu, agora, noivo. Sana e Yoongi  matavam-nos  com  os olhos.




Notas Finais


Espero que tenham gostado 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...