História Jikook - Baby ... Daddy - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 358
Palavras 1.164
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Yaoi
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oii gente!! Boa leitura, espero que gostem ✌

Capítulo 21 - Uma criança carregando uma criança


P.O.V Jimin 


Acabou a palhaçada seu traidorzinho de merda! - gritou Sana fazendo Jungkook se encolher ao meu lado. - entra logo nesse avião e some!  Deixa eu ser feliz com o meu namorado!!! 

EX namorado - corrigi-a - acabou Sana,  sayonara. 

Não acabou NADA! você não pode me trocar por esse pirralho esquisito!!!  - Apesar de aliados, Suga também não estava gostando nada do que estava saindo daquela privada que ela chama de boca .

Você não chega nem perto  do  chão que o Jungkook pisa, o dia que você chegar a ser um pouco que seja, parecida com ele vai deixar de ser essa vaca que você é. Nunca . - respondi num tom normal, já bastava essa cena constrangedora, ela gritando absurdos em pleno local público, não preciso fazer o mesmo. 

Ei!  - Suga-alface se pronunciou, revirei  os  olhos - Kookie-ah, não acha que chega disso? Por que ficar com alguém que não terminou com sua irmã mesmo estando com você? Com alguem que te enganou? 

É simples, porque eu pedi para ele não terminar, na verdade tentei me afastar  para  que  eles  ficassem  juntos, pena que tudo isso teve que acontecer pra eu perceber que não consigo  ficar  sem  o  Jimin.  E quanto a enganar , você fez o mesmo, não? - Apesar de Kookie estar se fazendo de forte sabia que ele queria chorar, mas não ali, segurei sua mão. E  do  nada : 

Pronto! Deu, que já está feio - Jin brotou do céu,  só pode - Jimin e Jungkook estão noivos e juntos. Sana minha filha tu levou um pé  na  bunda, agora aceita . E Suga vai pra outro né! Segue em frente. Agora  deem  o  fora! -um silêncio constrangedor se fez presente. 

Isso não vai ficar assim - Sana rosnou ameaçadora. Suga puxou-a pela braço, a mesma não desviou o olhar em nenhum segundo até saírem de vista. 

.

.

.

.

.

.

.


 

Chegando na minha casa, fomos para o meu quarto . Abri o armário, tirei meu casaco pesado e a blusa de manga longa substituindo-a por uma camisa preta. Me voltei para a cama. Kookie estava todo encolhido, que fofo tirando o fato dele estar soluçando, isso não me agrada nem um pouco. Caminhei até ele e sentei colocando-o em meu colo. 

 Amor não fica assim por quem não te merece - dei varios beijinhos em seus olhinhos marejados. Ele acentiu com um biquinho que eu logo desmanchei. 

Mi-nnie... - sua voz saiu insegura .

O que foi  baby? - afastei o rosto para olhá-lo melhor. Ele pôs a mão no bolso e me estendeu algo que não identifiquei de primeira. Peguei o objeto e analisei... Uns instantes  se  passaram  até  eu  processar  o  que  estava  diante  dos  meu  olhos.

Você está...?  - meu sorriso não poderia ser maior. Ele afirmou com a cabeça. Lágrimas de ambos escorriam, abracei-o fortemente , em seguida começamos um beijo carinhoso. Abri o zíper de seu casaco e ergui a blusa branca dele  enquanto  nos  beijavamos, passei a mão por sua barriga sem nenhuma curva, ele sorriu. 

Appa ama esses dois bebês - sussurrei  fazendo  carinho  em  sua  barriga.

O babê  aqui quer atenção - Kookie mordeu meu lábio inferior. 

Certeza...? -eu estava inseguro, afinal ele está grávido. E não quero machucar meu filho apesar de não estar nem formado ainda. 

Sim - retirou sua blusa já levantada. Coloquei-o deitado na cama com cuidado. Subi em cima dele lambendo de seu pescoço até sua barriga onde deixei beijos e mordidinhas. Puxei sua calça para fora e dei beijinhos em seu membro coberto, Kookie arfou em resposta, sorri de lado. Me despi por completo ficando apenas de box também. Voltei-me para ele beijando-o com desejo enquanto isso adentrei sua cueca começando a massegear seu membro. 

Ahhhh...- gemeu em minha boca. Larguei seus lábios vermelhinhos e tirei sua box. Seu membro pulou para fora, lambi sua glande pulsante em seguida engolindo tudo. Fiz movimentos de vai e vem em quanto ele agarrava o lençol gemendo manhoso.

Da-dady... Eu-u quero vo-você dento ahhhh de mim!  - parei o que estava fazendo e  tirei  minha  ultima  peça  de  roupa, me direcionei a seu buraquinho rosado, chupei meus próprios dedos até que estivessem lubrificados. Penetrei  o  primeiro  e o mesmo arqueou as costas, depois de um tempo movimentando adicionei mais um e depois mais outro. 

Não... Me-e tor..ture - falou. Tirei meus dedos encharcados posicionando meu membro em sua entrada, esfreguei no local e Kookie se impulsionou fazendo com que eu entrasse nele de uma vez só. Esperei e não demorou para ele começar a rebolar em busca de mais contato, comecei a me mover, estocando lento e fundo. 

Mais rápido minie! - pediu pondo as mãos em meus ombros. Obedeci , aumentando a velocidade e masturbando-o.

Eu... Ahhh v-vou - gameu cravando as unhas em mim. 

Goza pra mim amor - falei em seu ouvido , se desfez melando nosso abdomens, mais cinco estocadas e cheguei ao meu ápice dentro  dele. Caí ao seu lado puxando-o para meu peito. 




[ ~ quebra  de  tempo - algumas                                      semanas  depois  ]


P.O.V  Autora


Jungkook  estava  correndo  pela  casa  descalço  enquanto  tentava  convencer  Jimin  a  brincar  com  ele, como  sempre  agindo  feito  criança. Porém  o  mais  velho  já  havia  entrado  na  faculdade  e  tinha  dois  trabalhos  para  serem  entregues  amanhã.


Minieeeeeeeeeeeeeeeeee - balançou  Park  que estava  lendo  um  artigo . Jimin  olhou-o  de  lado  murmurando  um "hum?" em  resposta. - mas  que  saco! Você  não  dá  atenção  pra  mim! Fica  o  dia  todo  na  faculdade  e  depois  quando  chega  fica  nesse  computador , certeza  que  você  está  me  traindo! Voltou  a  falar  com  a  Sana  não  é  Park  Jimin...- o  menor  já dava  soquinhos  no  ombro  dele , por  causa  da  gravidez  Jungkook  tem  seus  ataques  de  bipolaridade. As  vezes  muito  sensível, as  vezes  dá  patadas , entre  outros. Jimin  apenas  suspirou  se  levantando  da  cadeira  e  pegando  a  mão  do  amado.

Desculpe bebê, eu  te amo  - beijou  a  mãozinha  de  Kookie, o  mesmo  virou  a  cabeça  emburrado. - vou  fazer  o  jantar, o  que  você  quer  comer? 

Macarrão com queijo ! - falou  e  Park  assentiu  indo  para  a  cozinha. Assim  que  o  jantar  estava  pronto  serviram-se  e  foram  para  a  mesa.

Meu  Deus  isso  tá  muito  bom,  eu  te amo - Jungkook  sorriu  assim  que  deu  uma  garfada . Jimin  sempre  se  surpreende  como  o  humor  do  mais  novo  muda  tão  rápido. Assim  que  terminaram, Jungkook  lavou  a  louça  e  subiram  para  o  quarto.

Jungkook  o  que já  falei  sobre  andar  descalço? - perguntou  Jimin  colocando  as  meias  nos  pés  de  Kookie.

Desculpa...é  que-e - o  menor  começou  a  chorar  fazendo  drama  por  algo  tão  pequeno.

Não  chore  hum? Só  não  faça  de  novo okay? - o  moreno  concordou  e  Jimin  limpou as lágrimas do mesmo em seguida abraçando-o. Estava cansado e precisava dormir.  Se arrastou deitando-se na cama, Jungkook logo se juntou a ele virando de costas. O loiro passou os braços em volta da cintura do noivo depositando um beijinho em sua nuca depois caindo no sono. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...