História Jikook - Uma nova vida - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook Namjin Vhope
Exibições 21
Palavras 668
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem e Desculpa pela demora😊😊

Capítulo 12 - *Pedido* (Final) #_#


Fanfic / Fanfiction Jikook - Uma nova vida - Capítulo 12 - *Pedido* (Final) #_#

                  Pov's Jungkook 

Lá estava eu dentro do carro do Taetae indo pro restaurante tae disse que eu poderia ir normal bem, estava com uma calça preta colada rasgada nos joelhos e uma blusa de manga curta vermelha estava suando frio não perguntem o porque também não sei 😆.

Estávamos na frente de um jardim lindo com um arco todo iluminado Taehyung desce do carro abre a porta do carro pra mim e fala:

Tae: Vamos já chegamos-Arqueiro a sobrancelha olho em volta e pergunto

Eu: Aqui? Não seria em um restaurante

Tae: Mudanças de planos. Pode ir tem alguém te esperando- Olho pro Taetae e começo a andar estava tudo muito lindo perfeito digamos assim começo à andar pela trilha de pisca-pisca que leva até a ponte sem perceber já estava chorando com todas aquelas frases bonitas ao chegar no final da ponte vejo um coelhinho muito fofo e havia um papel grudado e estava escrito ^Esse coelho me lembra você toda vez que sorri te acho fofo meu coelho^.

Chorei ainda mais com a situação já sabia quem havia tudo isso até porque quando olhei para frente vi o meu amado a pessoa com quem quero ter um maravilhoso começo e um perfeito final isso mesmo PARK JIMIN corro até ele é lhe abraço como se fosse a última vez que o vería estava tudo perfeito nos separamos ele me entrefalou um buque de flores vermelhas e enxuga as milhas lágrimas que ainda estava rolando em meu rosto. Não pude deixar de nota que ele estava lindo de terno esse cara é uma tentação paro de pensar quando ele se ajoelha na minha frente segura na minha mão e olha profundamente em meus olhos era como se ele fosse arrancar a minha alma só com aquele olhar.

Jiminie: Certo já vou avisando que não sou bom com palavras mas pra você vou me esforçar....Bom la vai....... Sabe aquela sensação que toma você quando vê uma pessoa mas não sabe o que é aquele frio na barriga aquele embrulho no estômago você começa a tremer a suar frio um nervosismo misturado com Ânsia toma conta do seu ser como se você estivesse pronto pra partir dessa vida. Prosto foi exatamente isso que eu senti quando eu coloquei meus olhos em você e é isso que eu sempre vou sentir quando eu stover perto de você Jungkook você me deixa totalmente sem jeito me sinto tão feliz perto de você tão completo e quando você cora meu Deus, fica tão fofo que um tomate teria vergonha de você.

Jiminie: Jeon jungkook você aceita eu ter um ataque de ciúmes quando ver você conversando com outra pessoa deixa eu ser possessivo quando alguém se aproximar de você ou quando falarem com você deixá eu participar da sua vida deixe eu me fazer presente na sua vida no seu dia-a-dia você aceita NAMORAR comigo?

Fiquei totalmente sem palavra Jiminie querendo ser possessivo namorar comigo ele já estava ficando louco pois eu permaneci um bom tempo em silêncio.

Jimin: Hey! Você está bem? Não vai me responder?

Eu: Me desculpe eu estava voando em suas palavras.

Sem mais delongas beijo ele meu Deus que beijo as nossas línguas lutavam por espaço até que a falta de ar se faz presente e eu me pronuncio:

Eu: Claro que aceito ser seu namorado e eu deixo você ter um ataque de ciúmes e ser possessivo com a minha pessoa mas promete não me machucar?

Jimin: Não seria capaz de fazer tal ato

Ele coloca o anel no meu dedo e eu no dele as alianças eram linda metade ouro e metade prata e no meu uma predinha, ele me puxar pra sentar no chão e começamos a comer. Ele me explicou quem o ajudou com tudo isso depois de comermos ele se encosta na árvore e eu me sento em meio a suas pernas ficamos Conversando coisas aleatórias e observando aquela cachoeira a luz da lua e ele fazendo carinho em meu cabelo.

Ainda bem que tenho PARK JIMIN na minha vida pois com ele sou feliz e muito.



Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...