História Jikook the dawn of darkness [Hiatus] - Capítulo 23


Escrita por: ~ e ~jinkookiev

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Hoseok, Jikook, Jimin, Jungkook, Namjoon, Seokjin, Taehyung, Yoongi
Visualizações 140
Palavras 1.192
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Lemon, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Volteiiiiii <3 acabaram as minhas provas finalmente <3 ja tava com saudades de postar cap novo
Boa leitura <3

PFF LEIAM AS NOTAS FINAIS <3 <3

Capítulo 23 - Medo


Fanfic / Fanfiction Jikook the dawn of darkness [Hiatus] - Capítulo 23 - Medo

<<Jimin pov's>>

 

 Via a imensa escuridão ao meu redor a me consumir aos poucos. Tão vazio… falta ele … o meu Jungkook.

Sabem aquela sensação de acordar em plena segunda feira chuvosa e ter que ir para o colégio? Sim, era a mesma sensação que tinha agora. Uma dor de cabeça tornou-se insoportavel por momentos e sentia os meus olhos pesados. Murmurei algo que nem eu próprio entendi ao sentir uma dor forte no resto do meu corpo.

Olhei para o meu tronco amarrado na cadeira, a minha pele estava mais branca que o normal cheia de hematomas alguns deles profundos, fiz cara feia quando percebi que estava descalço sentindo o ar frio arrepiar me por inteiro nos meus pés nus. Comprimi os meus olhos para obter uma melhor visão por causa do sono que tivera. Apesar da minha vista estar desfocada notei que havia um rapaz de cabelos castanhos na minha frente e encontrava se na mesma posição que eu.

Tinha o queixo apoiado no seu peito deixando cair o cabelo para a frente me impedindo de ver o rosto. O seu peito subia e descia pesadamente, certeza que estaria dormindo. Uma brisa fresca proveniente das fendas abertas na parede invade o local abanando de leve o cabelo do rapaz e de seguida o meu, inalei o cheiro que vinha do ser de cabelos acastanhados.

 J-jungkook? Ele era o Jungkook? Sem dúvida este é o cheiro dele, adocicado e único. Me assustei ao ver a porta ser aberta e involuntariamente fechei os olhos fingindo que ainda dormia. Os passos foram cada vez chegando mais perto e eu sentia me cada vez mais nervoso. Tentei inalar o cheiro da pessoa que agora se encontrava perto de mim, mas se o fizesse talvez, só talvez, ele descobrisse que eu estava acordado. Não posso correr o risco e sair dali morto.

Ele estava silencioso, o que me preocupou internamente por conta do Jungkook estar no mesmo lugar que eu e a única coisa que eu queria era vê lo bem longe dali.

Sabia que ele estava em perigo e tinha que o tirar daqui. Mas a pergunta é: Como eu vou o tirar daqui se nem eu sei como me desamarrar."

Ouvi um xingamento por parte da pessoa e os passos foram se afastando ate que fechou a porta e voltamos a ficar sozinhos. Soltei um suspiro profundo e pesado. Com aquele nervosismo todo, as minhas mãos tremiam e suavam frio. Levantei a cabeça e olhei Jungkook que ainda estava dormindo. Estiquei a minha perna com o objetivo de lhe tocar.

-Jungkook…. -o chamei mais baixo que consegui. -Kookie, acorda! – cotuquei  a perna dele com o meu pé que fez ele estremecer.

- Me deixa dormir omma… - resmungou ainda dormindo

- Jeon Jungkook! - chamei um pouco mais alto.

- Hum? - abriu os olhos - J-Jimin?

- Você ta bem? Machucaram você? Como veio parar aqui? Você esta ferido?- perguntei preocupado vendo uma ferida na sua testa coberta por sangue que já estava seco.

- Calma Hyung! Eu respondo a tudo isso - bocejou - deixa me so recuperar do meu bom sono.

- Voce tá muito calmo para quem foi raptado, Jungkook!

- Eu estou calmo se eu estiver com você, Jiminie. - Sorriu e corou de imediato.

- Como assim? - franzi as sobrancelhas- Estamos num daqueles programas que trolam a gente e somos gravados com câmeras para ainda gozarem com a nossa cara no final? - riu nasalado e negou com a cabeça. Fiz cara de desentendido.

-Eu lembrei Jiminie. - arregalei os olhos.

- O-o que? - gaguejei e um aperto acertou no meu peito.

- De tudo. - afirmou.

- Como assim tudo?- perguntei mesmo sabendo a sua resposta.

- As minhas memórias voltaram- sorriu - desculpa Jiminie - abaixou a cabeça - eu te ignorei e te tratei mal não era a minha intenção, eu nem sei porque fiz isso realmente. Eu te amo tanto … -abaixou o tom de voz por último.

Juro que surtei mentalmente pela aquela declaraçao repentina. Gente… o meu crush disse que me ama! Sim.. "Meu crush"! Nao me julguem!

- Kookie eu também te amo… -sorri envergonhado, pois também não era qualquer um que admitia uma coisa destas. Vi os seus olhos brilharem com as minhas palavras o que me deixou mais a vontade, aquele sim era o meu Jungkook. Ele olhava para um ponto fixo no chão enquanto balançava as suas pernas num ato envergonhado e *bastante fofo* -pensei. - Eu vou te tirar daqui - finalizei.

O barulho de palmas ecoaram pelo cômodo, o nervosismo atingiu me como um tiro.

- Que cena romântica... - Do hyung, como queria ve lo morto neste momento.

O Jungkook que estava de costas para ele arregalou os olhos e com certeza pensou o mesmo que eu - estamos fudidos - A possiblidade de o Do hyung querer fazer mal ao meu amor aumentou depois de o seguir com os olhos, observando cada passo que dava ao se aproximar do kookie que estava neste momento indefeso, amarrado e assustado. Estreitei os olhos fazendo com o que o meu olhar de raiva pesasse em si proprio ao ver que ele passava a mão pelo  braço do Jeon que agora encolhia com o toque do outro, tremendo.

-Nao toque nele! - falei com um impulso me surpreendendo pelo meu tom elevado. Talvez porque ele esteja tocando no que é meu por direito né. O meu rosto ja transbordava raiva ao ver aquela mão atrevida passando do ombro para a zona peitoral. -PARA! - gritei tão alto que a minha garganta ardeu. O mesmo sorriu cínico e veio até mim. Segurou no meu queixo erguendo o meu rosto para o olhar.

-E se eu brincasse um pouco com o Jimin, Jeon Jungkook? - inclinou a cabeça olhando o Jungkook com o mesmo sorriso de antes. O outro arregalou os olhos negando com a cabeça, abriu a boca e fechou a varias vezes como se estivesse a pensar muito bem em proferir as palavras certas.

 

<<narradora pov's>>

 

"Medo" era a unica palavra que vinha à cabeça de Jungkook, o medo de o mesmo homem que tentou matar Jimin, tentasse agora o mesmo mas ainda pior. Algo dizia pelo sorriso cínico do outro que aquilo nao ia acabar bem para ambos. Do Hyung era um rapaz alto, um pouco magro, tinha os seus cabelos lisos tingidos de verde claro e nas pontas um azul meio desbotado. Digamos que era um tanto belo pela sua pele branca que parecia delicada ao tocar. Um físico totalmente diferente para quem tem uma personalidade louca e maldosa. E é nestes momentos que o Jungkook pensa que nem tudo o que as pessoas são por fora também são por dentro.

Jimin estremeceu ao ver que o esverdiado tirava uma faca do seu bolso e passou a admirar ela como se fosse um brinquedo nas mãos de uma criança. Ambos tinham medo, o outro por ver em perigo a ultima pessoa que queria ver machucado e o outro por saber que o seu amado iria ver o episódio mais traumatizante da sua vida.


Notas Finais


Desculpem por ter acabado assim ;-; prometo que vou recompensar para o proximo <3
Quem ainda nao viu eu tenho outra fic, to trabalhando nela neste momento e tambem é a razao por demorar tanto tempo para atualizar esta
Da uma olhada la <3 <3
https://spiritfanfics.com/historia/jikook-talvez-o-amor-seja-pecado-6251780
-Pergunta: A quanto tempo entraram no mundo do k-pop e qual é o vosso utt? <3
Vou deixando perguntas em cada cap que postar eu gosto de interagir com vcs <3 #BEIJONABUNDA <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...