História Jikook/V-hope/Namjin - Falling in Love. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook
Exibições 201
Palavras 1.633
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi, Yuri
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeong!
Primeiro cap da fic nova... :3
Espero que gostem, boa leitura!

Capítulo 1 - O começo.


Fanfic / Fanfiction Jikook/V-hope/Namjin - Falling in Love. - Capítulo 1 - O começo.

Acordei suando em um dia bem quente no qual o sol que invadia o quarto pela , queimava metade do meu rosto e me sentei na cama. Ao ver o estado da minha camisa branca encharcada eu fui ao banheiro.

JK: Ora ora, Jeon Jungkook, mais um dia! - eu disse encarando meu rosto no espelho.

O silêncio da casa que eu morava sozinho me fazia sentir deprimido, mas eu já estava acostumado, voltei ao quarto e peguei o celular pra ver a hora e eu tinha acordado bem cedo. Mas a campainha toca.

JK: Já vaaaai! - digo indo à porta para abri-lá.

Eram dois de meus melhores amigos, Tae e Jimin.

JK: Ah, oi gente...
V: Que foi, biscoito?
JM: Até parece que não conhece o Jungkook gótico suave.. - ele olha rindo pra Tae.
JK: Cala a boca, Jimin.
JM: Não pode brincar mais, né? - ele diz com os olhos marejados.
V: Iiih... - ele diz indo à cozinha.
JK: Ai, desculpa...
JM: Vem, vamos conversar...

Ele me faz sentar no sofá e ficou bem perto de mim.

JM: Diz...
JK: Eu tô me sentindo muito sozinho aqui.
JM: Hmmmm...hoje eu venho aqui à noite pra te fazer companhia.
V: Eu não vou poder vir porque hoje é dia do meu Hoseok mozão.
JK: Melhor ainda...quer dizer..
V: Oi? AI MEU SHIPP!
JM: Não começa...
V: Jimin, temos que ir pra casa pra nos arrumarmos pra ir trabalhar.
JM: Tá bom, tchau Kookie...fica bem!
JK: Tchau...
V: Vamo logo, bicha
JM: Que apressado!

Subi rápido pra tomar um banho já que estava todo grudento.

JK: O bias vai vir me ver hoje, o bias vai vir me ver hoje! (🎤) - me despi e entrei no box.

O barulho da água era tão leve que eu conseguia ouvir tudo ao meu redor e então eu ouvi meu celular tocar.

JK: Ah, man...tô nem ai.

Logo saí do chuveiro e fui ao quarto, coloquei uma roupa de baixo simples, uma camisa e uma calça preta com rasgos e vi que a ligação era o Jin e então retornei.

-LigaçãoOn-

J: Kookie? Precisa de algo? Já comeu?
JK: Aish...não, Omma! Mas obrigado...
J: Olha, tu sabe que eu me preocupo contigo!
JK: Jinzão, eu sei...
J: Vem aqui em casa.
JK: Pra que?
J: Conversar, Jeon...
JK: OK...

-LigaçãoOff-

Coloquei um chinelo e sai de casa até a do Jin, hoje tava muito sol. De longe eu vi o cabelo cor-de-rosa dele no quintal.

JK: EI!
J: Pra que gritar? Namjoon tá dormindo...
JK: Ele não vai trabalhar hoje?
RM: Para de falar de mim...
J: Ai que menino mais lindo e arrumadinho - ele diz arrumando o uniforme de Namjoon.
RM: Jin, o Jungkook...
JK: Já tô acostumado! E Jin, o que tu queria conversar...?
J: Tu vai me ajudar hoje...
JK: Tenho coisa pra fazer, fio...
J: Vai arrumar tua casa então!
JK: Tá, me fez vir aqui à toa.
J: Amo você também!

Voltei pra casa que era do outro lado da rua.

JK: Lar doce lar...

Me joguei no sofá e nem notei ele ali.

JK: Jimin, tu não vai trabalhar? O que tu tá fazendo aqui?
JM: Aconteceu uns bagui com meu patrão e ele nos dispensou...
JK: Ah tá, então cê vai me ajudar a arrumar a casa!
JM: Af, OK...

Fui à área de serviços pegar materiais de limpeza.

JK: Eu arrumo o banheiro e você meu quarto...
JM: Tudo bem

Subimos e eu fui limpar o banheiro.

-JiminOn-

Tinha umas camisas do Kookie na cama dele, e eu tive a necessidade de fazer aquilo.

JM: Aigoo, tão cheiroso...
JK: J-Jimin?
JM: Eu não fiz nada! - disse largando a camisa no chão.
JK: Eu vi, Jimin...
JM: Finge que isso não aconteceu
JK: Uhum...

Ele volta ao banheiro e eu pego suas roupas para guardar.

JK: Jimin, me ajuda aqui...
JM: Me esquece um pouco!
JK: Impossível, querido
JM: O que tu quer? - digo indo ao banheiro e vendo a cena de Jungkook sem a camisa.
JK: Enche esse balde aqui pra mim - ele entrega o balde pra mim e eu encho na pia do banheiro mesmo.

Eu sendo esperto que sou resolvi ser um amigo da onça.

JM: Jeeeoon, toma essa lindinho - jogo a água nele.
JK: JIMIN, SEU TROUXA - ele me empurra na parede.

Ficamos muito perto um do outro.

JK: A gente deve terminar isso logo, por isso, eu não me vingo...
JM: Frouxo.... - dou risada e ele volta ao seu trabalho.

~QuebraDeTempo~

-JungkookOn-

Acabamos aquilo e sentamos no sofá, ou melhor, nos jogamos nele.

JK: Jimin, que horas são?
JM: 14:37
JK: Caramba, tá com fome?
JM: Não...cê tá?
JK: Não...ou sim...sei lá.
JM: Já venho

Ele vai à cozinha e fica lá um tempo e eu só ouvia os barulhos.

JM: Voltei. - ele volta com uma bandeja na mão.
JK: Uau, Kimchi...
JM: Coma.

Começamos a comer e estava realmente bom demais.

JK: Por que nunca me contou que cozinha tão bem?
JM: Sei lá, não gosto muito de expor minhas qualidades.
JK: Mas devia...

Acabamos de comer e ele levou os pratos pra cozinha.

JM: Vou pra casa, OK?
JK: - fiz cara de cão sem dono.
JM: Jungkook...não...tá..eu..fico...
JK: Uhuuul, vamos ver TV!

Coloquei um filme de terror e Jimin parecia incomodado. Quando sentei ao seu lado, ele ficou mais perto de mim e eu nem ousei perguntar porque já sabia que era medo.

JM: Aaah, merda!
JK: Calma, Jimin..eu tô aqui

Ele se abraçou em mim escondendo o rosto em meu abdômen e eu acariciava seus cabelos.

JM: Jungkook, tira isso...
JK: O filme? Não.

Ouvi o choro dele e pausei o filme.

JK: Jimin, calma...
JM: J-Jungkook...tira... - ele diz em meio à soluços.
JK: Venha aqui, se levante.

Ele levantou e seu rosto estava todo vermelho, e eu sequei suas lágrimas.

JK: Eu tiro o filme...

Tirei o filme e coloquei num desenho qualquer que passava na TV.

JK: Está mais calmo...?
JM: Um pouco...mas por que me fez cafuné..?

Jimin não sabia que eu gostava dele, tipo, eu acho...

JM: Jungkook!? - ele diz me tirando de meus pensamentos.
JK: Ah, sei lá... Eu tipo, queria acalmar você.
JM: Nós nos conhecemos à tanto tempo...eu sei quando está mentindo.
JK: Você venceu...
JM: Diz a verdade
JK: Você vai rir de mim...
JM: Jamais, Jungkook - ele revira os olhos.
JK: OK...eu..gosto de você...
JM: Claro, né! Somos amigos
JK: Não, Jimin...não é e sentido de amizade, também, mas eu gosto de você...
JM: Wow, sério?
JK: Pois é...
JM: E eu achava que meu amor por você não era recíproco...
JK: A-ah... Então, você...
JM: Sinto o mesmo, Jungkook..

Nós paramos de olhar um pro outro, senti minhas bochechas arderem e sabia que ele estava assim também.

JM: Já posso ir?
JK: Tchau!

Ele tava com tanta vergonha que voltou correndo pra casa dele.

JH: OXE...Jeon, por que o Jimin saiu correndo daqui?
JK: HYUNG, TU NÃO SABE!
JH: Eita, conta...
JK: Tu sabe que eu gosto do Jimin faz um teeempo já, ai hoje ele veio aqui, me ajudou a arrumar as coisas, cozinhou pra mim e vimos filme de terror, só que ele ficou com medo ai eu acalmei ele e no fim ele disse que gosta de mim também...
JH: Ai, eu shippo...
JK: Que foi?
JH: Nada, é que com esse assunto de gostar, eu lembro do Tae...
JK: Ah, mas vocês já namoram..
JH: Sim, mas ainda não rolou nada entre nós...
JK: Tipo...
JH: É...
JK: Pode acontecer hoje...
JH: É, mas na casa do Tae é difícil...
JK: Jimin vai vir aqui hoje de noite, rosolvido
JH: Hmmmmm...
JK: Tu para, viu!
JH: Enfim, vou lá...
JK: Tchau!

Ele saiu e eu peguei meu celular e fiquei mexendo.

JK: Ai que tédio...

A campainha tocou e MEU DEUS, ESSE POVO ME AMA!

JK: Não vou atender, se quiser entre...

A pessoa só chegou perto e beijou meu pescoço de leve.

JM: Podia ter atendido, né Jungkook? - ele fala em meu ouvido me fazendo arrepiar.
JK: A-ah é, desculpa...

Ele senta no sofá e encosta perto de mim, eu tava quase tremendo.

JK: Veio cedo, né?
JM: Fiquei com saudades do meu amigo...
JK: Bobo!

Ele levantou e ficou na minha frente.

JM: De que você me chamou?
JK: BO-BO - disse rindo.
JM: Agora, você me paga... - ele começa a fazer cócegas em mim.
JK: PELO AMOR DE DEUS, PARA KKKKKKK

Ele para e fica me encarando.

JM: Você é chato! - ele senta no sofá.
JK: Cala essa boca...
JM: Cala você - ele faz cara de deboche.

Eu puxei ele e o beijei calmamente, se tornou intenso, eu senti uma sensação tão boa pois já queria aquilo há tanto tempo...

JK: Nunca duvide de mim! - disse mordendo o lábio dele.

Nós voltamos ao beijo e ele que começou dessa vez.

JK: H-Hyung... - arfei.
JM: O que foi?
JK: Estamos indo longe demais...
JM: Ah, desculpa.. - ele sorri e segura minha mão.

Ficamos assim por um tempo até Taehyung chegar.
V: E ai, moços! Chegue... - ele para ao ver a cena - NUM TÔ CRENO NO QUEU TÔ VENO!
JM: É, pois é...
JK: Tae, você não viu nada demais!
V: Só vi que vocês se gostam e que se beijaram...
JK: Como você sabe?
V: Só suposição...
JM: Sei...
V: Enfim, já é de noite e o povo tá perguntando se vocês querem ir numa baladinha que vai ter....
JK: Pode ser...

Só subi e troquei de roupa, nós fomos à casa de Jin e todos estavam lá, até Yoongi, nosso outro amigo e nós fomos pro lugar.

~ChegandoLá...~

...







Notas Finais


Até o próximo ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...