História Jogando com o Coração (malec) - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Shadowhunters
Personagens Alexander "Alec" Lightwood, Clary Fairchild (Clary Fray), Isabelle Lightwood, Jace Herondale (Jace Wayland), Magnus Bane, Personagens Originais, Raphael Santiago, Simon Lewis, Valentim Morgenstern
Tags Malec, Shadowhunters
Exibições 91
Palavras 1.178
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Bissexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem💜

Capítulo 33 - Você está bem?


Fanfic / Fanfiction Jogando com o Coração (malec) - Capítulo 33 - Você está bem?

— Você está bem? - Perguntou Simon preocupado

— Sim, eu só..... Só....  - Raphael sentiu as palavras fugirem da boca, sentiu o estômago embrulhar com a cena, Camille logo se sentou e ficou a alguns metros de Magnus, que a olhava com desprezo

Raphael logo se tocou que Simon estáva falando com ele

— Você está bem, Raphael? - Perguntou o garoto novamente, mas agora Simon pegou a mão do garoto que o encarou surpreso

— Ou me desculpe - disse Simon constrangido 

— Não, não.... Quer dizer - gaguejou Raphael — Não precisa tirar a mão - Raphael deu um sorriso fraco pra Simon que lhe retribuiu

— Eu sinto muito, sabe sobre seu irmão... - Começou o garoto

— Eu só preciso sair daqui - Raphael soltou a mão de Simon e se levantou sem olhar pra trás - eu...  Você já sabe o que queria saber.

— Rapha...... - Começou Simon

— Eu só....

   Raphael encarou Camille, e logo se retirou da sala, a professora olhou pra Raphael mas não disse nada


*


  Enquanto Raphael e Simon conversavam, Jace e Magnus tentavam ao máximo escutar a conversa

— Você está conseguindo ouvir algo? - perguntou Jace enquanto encarava Simon e Raphael

— Tenho cara de feiticeiro por acaso, não sei fazer magia, Jace - Magnus disse num tom sarcástico 

— Que mal humor, Bane - Jace comentou

— Jace é que eu tô bem.

— O que Ouve? - Perguntou Jace

    Não havia acontecido nada, Magnus só não queria mais olhar pra cara de Camille, ele desejava em silêncio, que um carro atropelasse Camille no fim do dia, Ele só gostaria de ter uma vida normal, os Bane sempre gostaram de ter uma vida louca, mas tortura intensiva, coma e Alec ter matado alguém, tudo isso em menos de um ano era muita coisa.


    Quando Magnus ia responder Jace, ele olhou pra Simon e Raphael, Simon estava apertando a mão de Raphael, os dois se olhavam de uma maneira que fez Magnus pensar em Alec, Magnus abriu um leve sorriso, Algumas coisas ainda eram normais Relacionamentos, bom, Alec e Magnus não eram um exemplo de relacionamento normal, mas mesmo assim o que sentiam era a coisa mais normal do mundo.


   Ele ficou encarando Simon e Raphael, até ele ver Raphael levantar e dizer algo como:


"Você já sabe o que queria saber."


Logo Magnus observou Raphael sair abalado, ele pensou no que poderia fazer a rocha sem coração que era Raphael Santiago, sentir algo.

Magnus não gostava de Raphael por sempre andar com Camille e o meter em confusão,  mas por um momento, Magnus Bane sentiu pena de Raphael Santiago, O asiático viu Simon parado ali,como se ele tivesse perdido algo, Ele estava branco como um vampiro, e Magnus ficou preocupado com o Amigo.

— Você acha que Simon descobriu algo? - Perguntou Jace

— Ahh? - Resmungou Magnus saindo de seus pensamentos. 

— Não escultou nada o que estou falando, a uns 15 minutos, não é? - Disse Jace

— Desculpa, Jace é que eu estou distraído. 

Logo o sinal tocou e todos foram para o treino


*


  Alec e Clary saíram da aula de geografia e foram para o corredor 

— Em que aula os meninos estão? - Perguntou a ruiva

— Eles vão pro treino, temos essa aula vaga, vamos então, Clarissa Fray - Comentou Alec estendendo a mão arrancando um rápido sorriso da ruiva 

— Você tá doido pra beijar o Magnus não é - Clary logo pegou a mão do amigo 

— E você está doida pra ver o Jace sem camisa - comentou Alec 

— Que calúnia,  isso não é verdade - comentou a ruiva entre gargalhadas 

— Oi gente - Isabelle Lightwood logo apareceu no corredor com um olhar triste 

— Ei Izzy,  o que foi? - Perguntou Alec

— É que agora me lembrei... Que Hoje é aniversário do Kaio - Alec viu uma lágrima escorrer do rosto da irmã e logo correu pra abraça-la

— Calma,  Iz, tente não se lembrar do que ouve - Alec ainda abraçava a irmã 


   Clary observava a cena,  ela se lembrava de Kaio, Ele era mais que um amigo pra isabelle ele foi o primeiro amor de Izzy, e deve ter doido muito ver seu melhor amigo, seu primeiro amor, morrendo aos poucos, Isabelle avia contado a Clary, que havia sido ela que deu os comprimidos pra Kaio, ela pensava que Kaio só queria dormir, pois estavam em semana de prova, e quando Isabelle foi pra casa de Kaio, ela viu o garoto morrer, ele morreu no colo de Isabelle.


  Por mais que Isabelle falasse que estava tudo bem, Clary sabia que não estava, As cicatrizes nunca foram apagadas, Isabelle ainda chorava a noite, Clary sabia pois já dormiu na casa da amiga.


— Foi culpa minha - Isabelle não conseguia segurar as lágrimas.

— Não foi culpa sua, Isabelle - Alec apertava a irmã mais e mais, tentando mostrar pra irmã que não estava sozinha

— Eu matei ele e não me perdoou por isso - Chorava Isabelle

— Olha pra mim - Alec já havia começado a chorar e colocou as mãos no rosto da irmã - olha pra mim Izzy - A morena encarou o irmão com os olhos cheio de lágrimas - os comprimidos eram meus, se tem algum culpado sou eu. 


   A menina logo aconchegou a cabeça no pescoço do irmão. 


  Clary logo se irritou com aquela conversa e explodiu

OLHA PRA MIM!!! - Gritou a Ruiva 


  Os dois logos se assustaram com o grito de Clary e encararam a Ruiva, Clary podia ser pequena mas quando se irritava todos tinham medo.


COMO VOCÊS DOIS SE ATREVEM A CULPAR UM AO OUTRO,  NOS TODOS SABEMOS DE QUEM FOI A CULPA!!!! - gritava Clary.


Os dois ainda encaravam a Ruiva

Simon chegou já falando rápido

Eu descobri!!!! - exclamou 

— O que? - Perguntou Clary tentando se acalmar

— Não devia estar no ginásio?  - Perguntou Alec

— Eu vim contar, Raphael tem um irmão, Dylan - contou Simon

— Ele tem um irmão?  - Disse Isabelle

— Iz - Simon percebeu que a namorada estava com os olhos vermelhos 

— Não foi nada,  continua - disse a garota encarando Simon

— Bom Camille usa Dylan pra mater Raphael perto - Continuou Simon

— Espera como? - Perguntou Alec

Logo Simon contou tudo que Raphael havia lhe dito,  e logo viu Clary ficar furiosa 

— Por quanto tempo teremos que ter essa vadia, aqui estragando a vida de todos! - Disse Clary indignada 

— Clary..... - Começou Simon

Nesse momento Isabelle e Clary avistaram Camille andando até elas com um sorriso sinico 

— Olá meninas - Camille deu seu sorriso mais falso possivel, Isabelle e Clary sentiram o sangue ferver

Simon logo apertou Clary em seus braços e Alec vez o mesmo com a irmã. 

  Camille apenas as encarava, Clary se esforçava para não pular no pescoço da Loira

— Não vão cumprimentar? - disse 

— Não comprimentamos, Vadias - Respondeu Isabelle 

— O que Isabelle?,  quer ser torturada novamente? - Sorriu a garota 

— Quer levar uma facada na barriga novamente? - Retrucou Isabelle

Camille lhe deu um sorriso Sinico e sussurou

— Quer falhar novamente?

— Quem sabe agora eu acerto - desafiou Isabelle 


Continua



Notas Finais


Quero fazer um Crossover, o que vocês acham da idéia comentem💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...