História Jogos Infernais(interativa) - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bleach, Fairy Tail, High School DxD, Naruto, Noragami, Sword Art Online, The Seven Deadly Sins (Nanatsu no Taizai), Tokyo Ghoul
Personagens Acnologia, Aizen Sousuke, Akeno Himejima, Akira Mado, Ayato Kirishima, Boruto Uzumaki, Brandish μ, Byakuya Kuchiki, Cana Alberona, Carla (Charle), Charlie, Chelia Blendy, Diane, Elaine, Elfman Strauss, Elizabeth Liones, Erza Scarlet, Escanor, Gajeel Redfox, Genryuusai Shigekuni Yamamoto, Gildartz, Gin Ichimaru, Ginshi Shirazu, Gowther, Grandine, Gray Fullbuster, Grimmjow Jaegerjaquez, Hanabi Hyuuga, Happy, Hashirama Senju, Hawk, Hendriksen, Hideyoshi Nagachika, Himawari Uzumaki, Hinami Fueguchi, Hinata Hyuuga, Hirako Shinji, Ichigo Kurosaki, Igneel, Isshin Kurosaki, Itachi Uchiha, Izuru Kira, Jellal Fernandes, Jugram Haschwalth, Juuzou Suzuya, Juvia Lockser, Ken Kaneki, Kenpachi Zaraki, King, Kishou Arima, Koutarou Amon, Kuki Urie, Laxus Dreyar, Layla Heartfilia, Lector, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Madara Uchiha, Makarov Dreyar, Mavis Vermilion, Mayuri, Meliodas, Menma Uzumaki, Merlin, Metalicana, Nemu Kurotsuchi (Nemuri Nanagou), Nishiki Nishio, Obito Uchiha (Tobi), Orihime Inoue, Pakura, Personagens Originais, Rangiku Matsumoto, Renji Abarai, Renji Yomo, Retsu Unohana, Rias Gremory, Rikudou Sennin, Rin Nohara, Rogue Cheney, Rukia Kuchiki, Saiko Yonebayashi, Sajin Komamura, Shunsui Kyouraku, Shuu Tsukiyama, Skiadrum, Toneri Otsutsuki, Tooru Mutsuki, Touka Kirishima, Toushirou Hitsugaya, Ukitake, Ulquiorra Schiffer, Urahara Kisuke, Uryuu Ishida, Uta, Zeref
Tags Drama, Hentai, Linguagem Imprópria, Mortes, Sangue, Terror, Violencia
Visualizações 54
Palavras 2.810
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Seinen, Shounen, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eis o início da história, galera. Esse explica muita coisa. Perdão qualquer erro.

Capítulo 12 - Jogos.


Impacto. Sem cabeça e completamente derrotada, o corpo monstruoso de Rosely cai no chão. Ten suspira e vai até onde estava o corpo e encontra umz Rosely inconsciente, nua.O mesmo mal liga. Liz  chega e dá um tapa em Ten, cobrindo Rosely com um pano negro, a enrolando nele. Ela fala:

Pervertido...-Diz olhado mortalmente para Ten. O mesmo nem liga. Logo depois, ele volta ao normal, porém, tonto. Ele é segurado por Eto, que usava sua Kagune para levar Urie.-Urie-san...-O mesmo estava iinconsciente. Eto fala:

Levaremos ele e você para a enfermaria, Ten.-Diz olhando para Ten. O mesmo olha para Rosely-Ela também.

Não contem pra ninguém... ela me fez soar um pouco... e também...-Ele encara fixamente o rosto de Rosely, agora, nos braços de Liz: Quando lutamos... eu senti solidão vindo dela.. será que tudo isso foi por causa disso...?-Deixa a pergunta no ar e desmaia. Eto e Liz trocam olhares e Eto fala:

Boa pergunta...-Diz encarando o nascer do sol. Eles sequer tinham percebido o quanto tempo havia passado.

24 de Março de 2017, 08:30...

Rosely acorda e se vê em uma espécie de enfermaria. Ela faz um reconhecimento visual, vendo apenas um homem velho de cabelos curtos arrumando algumas coisas. Só havia ela e ele na sala. O médico se vira e vê Rosely acordada. O mesmo vai até ela e fala:

Bom dia...-Diz sorrindo para Rosely. Ele tinha feições marcantes, como um avô.-Meu nome é Akihiro Kanou, o médico que cuidou de você, Rosely-kun.-Diz sorrindo.-Você é fascinante. Assimilar as células Rc, ainda naquela situação, é esplêndido. Infelizmente, as células Rc não podem ser retiradas de seu corpo, antes que me pergunte...-Diz ainda sorrindo, vendo para Rosely. A mesma mantém-se atenta a tudo: Mas não se preocupe... você poderá assimilar nutrientes. Em outras palavras, comer e beber. Entretanto, se deseja controlar a sua Kagune, recomendo que devore humanos...-Diz friamente, clmo se aquilo fosse nada. Rosely fica apavorada.-A decisão é sua. Eu apenas consegui estabilizar as células Rc em seu corpo. Elas estavam intensas... e teve sequelas...-Diz ficando com hma expressão triste, preocupando Rosely.-Seus braços... para conseguirem se regenerar, as células Rc acabaram por aflorar, deixando um sintoma externo.-Diz e Rosely tenta vê seus braços, mas estavam enfaixados. Ela tenta tirar as ataduras, mas Kanou a impede.-Recomendo que os deixe assim... por um tempo.-Diz se retirando da sala.-Avisarei que acordou. Vá até o setor 5, sala 3, dois andares abaixo.-Diz já longe, sumindo de vista, deixando uma Rosely vaga e confusa. Ela, então, sai da cama e da sala. O corredor era como os de uma prisão, mas sem celas. Eram corredores que davam um pouco mais acima e mais abaixo, através de escadas de ferro. Rosely fica no corrimão da escada opara ter noção de profundidade. Aquilo tinha mais de 7 andares, sem contar acima. 13 andares, no máximo. Rosely desce aa escadas, a procura do tal setor. Depois de dois andares abaixo, ela encontra o setor e a tal sala e adentra.

 A sala era bem grande. Toda revestida de metal, tinha 15 metros de ddistância da porta até um portão de 3 metros, no fim da sala. Maa Rosely pouco se importava com aquilo. O que realmente importava era que várias pessoas estavam ajoelhadas, 13, na contabilidade de Rosely, sendo vigiadas por vários guardas, que vestiam armaduras de ferro cibernética,com uma máscara de vidro. Não havia como escapar. Então, um guarda puxa Rosely e a joga no círculo. Todos aparentavam não ter mais de 30 anos. Ela, então, vê Ten e o homem de dois dias atrás no círculo. Então, logo depois de 15 minutos infernais, chega ele, Nimura Furuta, pela mesma porta que Rosely entrou. O mesmo usava um chapéu negro. Ele o tira e observa todos ali presentes. Ele fala:

Bom... todos, enfim, chegaram!-Diz sorrindo.-Vou lhes explicar porquê estão aqui... em 2016, mais especificamente, no réveillon, cada um de vocês se inscreveu para os jogos, seguido de mais mil pessoas. Por questão de segurança, realizamos uma lavagem cerebral sobre tal feito. Vocês poderiam ter falado demais. Isso causaria um enorme risco para nós. Nosso Diretor é um homem extraordinário. Ele reuniu tantas realidades em uma... com a esperança de realizar um espetáculo. Um espetáculo com risco de mortalidade diários.-Diz andando na frente de cada um.-Alguns escolhemos ao acaso... outros, nós tivemos que dar im empurrão. Os Jogos Infernais, nesta bela e magnífica prisão, o "Hell's Prison.", é uma forma de entretenimento para mim, Eto e o Diretor. Acreditem, existem vaaaaarias organizações que desejam nos exterminar. Vocês terão "tarefas" em datas inderterminadas. Sejam para o nosso entretenimento, ou para eliminar nossas ameaças. Cada um fará vocês quererem se suicidar. Vocês não ganharam luxo. Ficarão em celas separadas, a fim de cortar o contato e enlouquecer vocês mais depressa.

"Passado, presente e futuro... nada disso importa. O que importa para vocês e apenas isso... é sobreviver. Podem se apaixonar, realizar o ato do coito, pouco importa... alguém ao seu lado pode muito bem morrer amanhã. Não há escapatória... o fim... isto terão que descobrir sozinhos. Vocês terão um público observando seus atos de sobrevivência... Aqui. E na Tv. Será exibido e transmitido para o entretenimento dos outros e para conhecer nosso poder, no caso, vocês. Algumas pessoas os auxiliaram. No fim, haverá uma nova geração de Survivors, pronto para assumir o manto de quem não aguentar. É bem simples assim. No fim, vocês realmente entenderam o que isto tudo simboliza."

"Vocês formarão esquadrões. Deveram realizar missões, importar com o companheiro para que ele os auxiliem para o sucesso até o fim. Para vocês, agora, não há bem ou mal. Não há causa justa. Apenas ordem. E a ordem vem através da dor. Estejam pra dor."

Eis as palavras do nosso diretor...-Diz sorrindo.-Vocês formarão equipes de 4 pessoas. Vocês e um líder de esquadrão. Quando ouvirem um alarme em suas celas, deverão se reunir com os membros. Não irei perder meu tempo e apresetar cada um. Vocês que se virem.-Diz ficando sério. -Alguma pergunta?-Uma mão é levantada. Era um "homem" de 1, 84 de altura, cabelos loiros lambidos e belos olhos verdes: Venha.-Diz apontando para o homem. Ele se ergue e vai até Furuta: O que é?-O homem fala:

Desejo ser líder de esquadrão.-Diz firme e forte. Furuta fica surpreso.-Você acha que esses merdinhas dariam conta de alguma coisa sem um líder bom?-Diz orgulhoso e arrogante.

Sinto muito... não aceito voluntários. Já definimos tudo detalhadamente, Jenji Tenkake, não...?-Diz sério para o tal de Jenji. Jenji fica indignado e fala:

Eu quero ajudar! Eu quero mostrarqie sou forte!-Diz firme e ferozmente para Furuta, acabando por cuspir nele.-Quero provar que sou o melhor. Por fora, Fututa estava calmo, mas, por dentro furioso. Então, sele saca uma faca. Jenji não compreende. Furuta fala:

Sabe... tem um problema.-Diz e logo em seguida dá uma facada no estômago de Jenji, que simplesmente paralisa: É que você não tem estômago pra isso, sabe.-Diz abrindo a barriga de Jenji, fazendo o mesmo gemer cair lentamente no chão, com o estômago em mãos, engolindo o próprio sangue e urinando nas calças. O mesmo depois de engolir muito sangue, morre. Furuta ri e fala: Olha só isso! Tava dentro de você o tempo todo! Mas é tão sensível que nem aguenta.-Diz com o queixo melado com o sangue de Jenji. Ele sorri olha para sua plateia e fala: Quem quer ser o próximo...?-Diz sorrindo. Uma bela mulher de longos cabelos ruivos, vestindo um kimono amarelo com um dragão negro se pronúncia, seu nome é Rias, e a característica mais notável é sua invejável aparência. Com um corpo extremante belo, e seios grandes:

Seu maníaco! Ele era idiota mas--Ela é interrompiada por Furuta, que enfia a faca no cérebro de Rias, matando-a sem ela perceber. Furuta volta a falar:

Mais alguém?-Diz sorridente para todos. Ninguém faz um único movimento. Furuta prossegue: Foi o que imaginei... bom... hora de formar os esquadrões!-Diz sorrindo "amigavelmente" para todos: Vamos... lá! Devido a este incidente recente... teremos mudanças!-Diz pegando uma prancheta:

"Esquadrão 1: Ten, Rosely e Sebastian. Líder de Esquadrão:  Coyotte Stark... Esquadrão 2: Yukino, Sasory, Karma... Líder de Esquadrão: Hanabi Hyuuga... Esquadrão 3, após modificações: Liz, Yumi, Alice... Líder de Esquadrão: Juuzou Suzuya... Esquadrão 4: Urie, Kozoe, Shiro... Líder de Esquadrão: Kaneki Ken... Esquadrão 5: Kane, Gray, Erza... Líder de Esquadrão: Asuna" 

Pronto...-Diz enguanto um guarda Ghoul chama sua atenção: Hmm?-Diz curioso. O guarda fala sobre os cadáveres de Jenji e Rias, Furuta ri e fala: Queime eles. Pronto. Agora... os líderes de Esquadrão!!-Grita enquanto um enorme portão é abertado, revelabdo cada líder de seus respectivos esquadrões. Kaneki, um homem pálido de altura média e de cabelos brancos, vestindo um enorme casaco negro, botas negras e luvas vermelhas e um característico tapa-olho negro. Hanabi, uma mulher jovem de pele branca, olhos pérolas, longos cabelos castanhos, vestindo um kimono marrom com detalhes vermelhos. Stark, um homem de queixo barubudo e bochechas profundas,  com cabelos bagunçados negros, vestindo seu habitual uniforme Arrancar, uma camisa de manga longa e calça completamente branca, com seu burraco Hollow a mostra. Juuzou, um homem com aparência peculiar de uma adolescente, com médios cabelos negros, uma camisa negra desabotoada, com tom de fivelas amarelas e vermelhas. Tudo em Juuzou era negro, exceto sua pele, que tinha peculiares "suturas" abaixo do lábio inferior. Asuna, uma bela mulher de cabelos marrom claro, de altura média,  vestindo um kimono vermelho em tons negros. O curioso é quando Asuna observa Ten e deixa uma lágrima cair. Ten não compreende. Furuta pergunta: Algum problema?-Pergunta confuso. Asuna limpa a lágrima e fala:

Nada...-Diz friamente para Furuta, sem olhá-lo. O mesmo se incomoda e desfere um tapa em Asuna, fazendo ela cair no chão. Ten, indignado, tenta ajudá-la, mas a mesma acena para Ten, simbolizando que ela não queria ajuda. Furuta aperta com força o rosto de Asuna, após fazê-la levantar bruscamente: 

Repita, se tiver coragem. E fale direito.-Diz com a voz claramente irritada. Asuna, com esforço, fala:

Per...Perdoe-me... Furuta-sama. Não foi nada.-Diz fraca e depois firme para Furuta. O mesmo sorri e sela os lábios em Asuna. A mesma, mesmo enojada e com muito ódio, acaba aceitando, apenas para que aquilo logo acabasse. Ela não podia fazer nada. Desde que fora capturada, há tempos atrás, ela e outras garotas até mulheres mais que ela eram escravas sexuais de Furuta. Suas "Esposas", segundo ele. Furuta conecta a língua com a de Asuna. A mesma, fingindo gostar daquilo, corresponde. Então, Ten deixa escapar:

...Monstro nefasto...-Diz baixo, mas alto o suficiente para Furuta escutar e parar de beijar Asuna. O mesmo, então, sorri, se aproxima de Ten, se agaixa, para ficar igualado a Ten. Furuta fala:

Como é...?-Diz com um sorriso cínico no rosto para Ten: Não deu pra ouvir... fala alto.-Diz ainda sorrindo.  Ten toma um tempo para tomar fôlego e fala:

Monstro nefasto.-Repete, mas alto para todos ouvirem. Ele continua: Quando isso tudo acabar... uma lâmina negra. É isto o que estará fincado em seu coração. E eu terei o prazer de usá-la.-Diz sério e com um olhar firme e forte para Furuta, que ainda sorria. Passou-se um tempo, Furuta fala:

Interessante... Espera...-Diz pegando a faca usando para matar Jenji e Rias. Ele encara a faca e a guarda no terno novamente. Ele olha para Eto e fala: Tem um facão e uma corda, hein?-Pergunta sorrindo. Eto logo compreende o que Furuta queria fazer e fala:

Sim...-Diz estralando os dedos e um guarda indo até ela com um facão e uma corda. Entregando ambos para Eto: Qual deles?-Diz fria para Furuta, o mesmo ri:

Você vai ver.-Diz enquanto Eto chega até ele e lhe entrega o facão e a corda. Furuta olha para Ten e fala: Você é destro?-Pergunta animado para Ten. O mesmo ergue a sobrancelha esquerda e fala:

Sim.-Diz firme, sem demonstrar medo algum.

Ainda bem.-Diz feliz, com um sorriso sádico no rosto. O mesmo amarra a corda no braço de Ten e o joga bruscamente no chão. Furuta faz um reconhecimento de todos os presentes. Ele fala: Rosely... pegue.-Diz entregando o facão para Rosely. Ela o pega e não compreende. O mesmo ri e fala: Corte o braço dele.-Todos ficam chocados, exceto Eto, com a ordem de Furuta. Rosely começa a tremer de desespero: Eu sei, eu sei. Difícil. Claro... mas veja como se fosse corta um salame. Aqui, você deve cortar com força, de única vez. A corda está amarrada no bíceps dele... corte no ponto que a corda acaba, no caso, na parte mais fácil de desmembrar. Você corta e não corre muito risco de atingir o pulso. Não se preocupe, nós temos ótimos médicos. Todas esposas minhas, é claro. Ele ficará bem... provavelmente.-Diz com um sorriso sádico no rosto. Rosely começa a tremer loucamente de desespero, repetindo "Não, por favor..." sem parar, com a voz em total desespero. Por quê justo ela? Por quê fazer isso? Tais pensamentos a assombravam por dentro. Ela olha desesperada para todos, todos estavam com medo. Furuta fala: Vamos lá, garotinha! Nada difícil! O nojento vai ser o sangue, só isso.-Diz animado, tentando obrigar Rosely a fazer aquilo. Ela continua pedindo por piedade e tremendo de desespero. Liz se pronúncia:

Não faça isso, você não--Ela se levanta protestante, mas é interrompida bruscamente por Furuta que berra de raiva:

EU JÁ DISSE, ELA CORTA A PORRA DO BRAÇO DELE E PRONTO, CARALHO! OU QUER QUE EU MATE ELE DE VEZ, HEIN?! É ISSO?! NÃO??!! ENTÃO, SENTA O RABO NO CHÃO, AGORA, OU TODO MUNDO MORRE!!!!-Berra sem um pingo de paciência, com o Kakugan ativado. Liz volta a se ajoelhar no chão frio da enorme sala. Furuta respira fundo, recuperando a paciência. Ele se agaixa e olha cara a cara Rosely: Faça, agora.-Rosely em completo desespero fala:

Não... não ...! Não... por favor, não!  Por favor!-Diz já em lágrimas para Furuta. O mesmo bufa e fala:

 10 segundos! É o máximo! Quer que eu mate todo mundo aqui?!-Pergunta se irritando novamente. Rosely não move: O Diretor que me perdoe... Dez!-Nada-Nove!-Nada-Oito!-Nada-Sete!-Nada.-Seis!-Nada. Dessa vez, Furuta mete um soco em Rosely, fazendo ela colidir no chão, cuspindo sangue, não sem ouvir a contagem de Furuta.

"Cinco...!"

"Quatro...!"

"Três!"

Rosely se ergue e volta a ficar  calma. Ela então pega a faca no dois e, quando estava prestes a cortar:

Chega.-Diz Furuta, observando o desespero de Ten e Rosely: Acho que você aprendeu, hein, Ten? A sentir medo.-Externamente, Ten estava seguro e confiante. Por dentro, desesperado. Furuta encara para Rosely, com os olhos em lágrimas de desespero. O mesmo sorri e fala: Você também, não?-Ele pergunta, Rosely acena com a cabeça loucamente que sim. O sorriso desaparece do rosto de Furuta. O mesmo agarra Rosely pelas bochechas, apertando com força e grita: RESPONDE QUANDO FALAREM COM VOCÊ!!!! QUE TAL A PORRA DE UM "OBRIGADO POR NÃO SEGUIR ADIANTE"????!!!! HEIN???!!! É DIFÍCIL????!!!-Berra na cara de Rosely, a mesma fala:

O-Obrigado... obrigado... obrigado... obrigado..obrigado!-Fala tremendo loucamente. Furuta sorri novamente. Ele se levanta e fala:

Bem... eis a primeira tarefa dos jogos!-Ele sorri e todos ficam confuso: Optar por cortar o braço de um companheiro ou deixar que todos morram, a partir de  muita pressão psicológica. Bem... tá aí o resultado.-Diz apontando para Rosely: Os jogos serão divididos em tarefas e torneios... entederam em breve. Vamos, Eto.-Diz acenando para Eto. A mesma acena e vai com ele, junto com os guardas. Alice acha estranho o fato de Eto fazer tudo que ele diz sem exitar: Asuna, Hanabi.-Furuta diz e ambas vão junto. 10 minutos se passaram e o barulho no recinto era zero. Ten e Rosely permaneceram imóveis. Então, como em um fio de esperança, Liz se aproxima de Rosely, tocando a mão em seu ombro. Liz fala:

Ei... tá tudo bem... relaxa.-Diz confortante. Rosely abaixa a cabeça, olhando vagamente pro chão e fala:

... Está...?-Diz baixinho, como em um sussuro. Liz escuta, assim cimo Ten. Ten, então, se levanta devagar. Rosely o observa: Ten-san...-Diz mais uma vez baixinho. O mesmo troca um olhar com ela e fala:

Tudo bem... eu faria o mesmo.-Diz sério e firme: Eu... perdi tudo... amigos, companheiros, família... tudo.-Diz sério e observando ambas, que estão prestando atenção atentamente: Eu pertenci a uma guilda... uma família... eu amava tudo neles... as brincadeiras, as missões, o carinho, até as brigas... eu vivi pra ver tudo isso em chamas.-Diz fazendo Rosely ficar surpresa, enquanto Liz lembra do dia em que seu pai e mãe, até o irmão foram mortos... mortos por um demônio e ela mesma: Nós éramos ligados, nos amávamos... eu tratava todo mundo mais importante que minha própria vida... e o que aconteceu me mostrou que posso confiar em vocês duas.-Diz deixando ambas surpresas. Rosely se levanta, ficando os três observando as feições um do outro. Ten fala: Vamos realizar um juramento.-Diz sério e firme. Ambas    escaram Ten: Vamos fugir deste pesadelo, liberar todo mundo que está condenado ou preso, matar o filho da puta do Furuta e o tal Diretor.-Diz estendo a palma da mão no ar.-Aceitam?-Mal termina de falar e Liz faz o mesmo, colocando a mão emcima da de Ten. Ambos olham para Rosely. A mesma acente e coloca a mão: Seremos a "Esperança" pra eles.




Notas Finais


Mais dois foram pro saco kkkkk O que acharam? Eu achei fraco e ruim. Mas esse é só o inicio da história. As coisas vão melhorar mais pra frente. Pessoal, o próximo capítulo terá foco no Esquadrão 3, o do Juuzou. Haverá capítulos com foco em apenas um esquadrão. Exemplo: O próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...