História Johnny no mundo racional - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Lei e o Crime
Exibições 1
Palavras 492
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem, primeira vez, grato.

Capítulo 1 - Cara ou coroa


Mãe: Johnny, esta na hora do colegio!

Johnny: não precisa gritar mãe

A vida é bem engraçada, as vezes te chuta, as vezes te doa a propia roupa do corpo, somos eternos aprendizes cultuando a dor e o mal mas sempre vamos ter o bem como sobremesa, minha mãe é engraçada, sempre inventando desculpas para não ter outro homem, papai era um cara excelente, sempre disponivel e nunca de mal humor, mas tudo tem seu preço, e ele pagou salvando ela.

------- Act 1 --------

Na escola era tudo conturbado, tinha uma ideia atrás da outra e sempre era negativa, sempre tentei fugir desse lugar, acredite, me jogue aos lobos e eu volto liderando a alcateia, mas essa alcateia era muito tosca e trouxa, acredite novamente, e aqui estou eu, indo mais um dia para um lugar aonde não sou aceito, e se descobrissem quem eu realmente sou, estariam rindo ou me fazendo malicias

Mãe: Johnny o onibus esta buzinando faz 3 minutos e você não escutou, você é surdo assim ou ta precisando de ajuda pra escutar com umas boas chineladas? – riu a mãe de johnny com um sorriso sadico

Johnny: sinceramente eu não sei qual  é o seu problema, deveria ser uma mãe exemplar e não um lixo de pessoa me respondendo assim -  logo johnny sai correndo pra fora e sobe no onibus escolar

Sentando-se em uma cadeira, ele avista da janela sua mãe com uma cara de cão bravo o encarando, logo o onibus começa a dar a partida, logo começo a pensar...

O mundo é tão cruel com pessoas como eu, lixos do tal sistema, com uma mãe sadica e retardada viuva, sou obrigado a aguentar essas coisas mas não sei o motivo de eu não fugir disso, é tão facil fugir – pensou johnny

Logo ao pensamento, o onibus para em uma casa cujo a casa era de seu melhor amigo, Roberto, ele sobe e senta ao lado de johnny, johnny esta distraido pensando sobre o mundo quando roberto da um susto nele e falou:

Roberto: Você é bem avoado Sr.Schiffler

Johnny: Ah, qual é cara...

Johnny volta a se distrair pela janela do onibus

Roberto era um garoto com problemas de se socializar, logo viu johnny com o mesmo problema e viu que tinham algo em comum,  começaram a ser amigos depois de um evento que teve na cidade, logo johnny  começa a dialogar novamente:

Johnny: ultimamente estive pensando sobre oque iria ser, oque iria fazer e tudo isso com um simples pensamento, não é brilhante? Hahaha – Riu Johnny

Roberto: Você sempre tem ideias más, no sentido de fazer algo ruim, eu não quero te ver no fundo do poço, sabe disso amigo

Johnny: meu tio falou comigo, disse algo sobre vender pequenas quantidades de maconha

Roberto: Johnny drogas? Sério? Por favor não se meta nisso..

Johnny:  Relaxa é só um pensamento..

Assim o onibus para e todos começam a descer e ir para a aula


Notas Finais


Me desculpem pelos erros , grato.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...