História Jokes of Destiny - Leyna - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Heróis do Olimpo, Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Annabeth Chase, Calipso, Charles "Charlie" Beckendorf, Frank Zhang, Gleeson Hedge, Grover Underwood, Hazel Levesque, Hefesto, Hylla Ramírez-Arellano, Jason Grace, Leo Valdez, Luke Castellan, Nico di Angelo, Percy Jackson, Personagens Originais, Piper Mclean, Reyna Avila Ramírez-Arellano, Silena Beauregard, Thalia Grace, Will Solace
Tags Charlena, Frazel, Jasiper, Leyna, Percabeth, Solangelo, Universo Alternativo, Wico
Exibições 55
Palavras 700
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


EU NÃO FALEI QUE IA VOLTAR? POIS É NÉ

Well, alguns avisinhos sobre esse capítulo:

- Ele ta muuuuito curtinho, mas é só pra explicar uma coisinha, e até o próximo fim de semana ainda tem outro ;)

- A tradução seria "Oh, acho que estou apaixonado"

- Escutem a música Accidentally in Love, aquela que tem no filme Shrek 2 e que está com o link aí embaixo

Enjoy!

Capítulo 13 - Capítulo 9: Oh, I think I'm in love


"So she said what's the problem baby

 What's the problem I don't know

 Well maybe I'm in love (love) 

 Think about it every time" 

 - Accidentally In Love/Counting Crows 

Leo batia os pés, ansioso. 

Ele só queria saber o que Isabell tanto fazia no quarto que ainda não saíra dali. 

O garoto estava no sofá do dormitório dela, cujo ela divida com Rachel, a menina que se encontrava ao seu lado e um silêncio extremamente desconfortável pairava. 

Leo abriu a boca para tentar puxar assunto, mas ao encarar a ruiva, preferiu ficar calado. Ela o olhava como se quisesse matá-lo. 

- Hãn... 

O moreno foi interrompido. A porta do quarto se abrira e Isa voltara. 

- É... - ela balbuciou e fez um sinal para Rachel se aproximar. Elas cochicharam algumas palavras inaudíveis e, enquanto isso, sacudiam as mãos como se discutissem. 

A de cabelos escuros suspirou, assentiu e estalou um selinho na outra, que relaxou os ombros. 

Leo desviou a visão e tentou esconder a surpresa do rosto. 

Então era por isso que Rachel o olhava esquisito. Ela estava com ciúmes. Ou a irmã de Percy poderia ter ter contado o passado deles à ela. 

Ou os dois. 

- Vamos, Leo - ela clamou. - Temos algumas coisas para resolver. 

(...)

- Então... Há quanto tempo você e a Rachel... 

- Não estamos aqui para falar da minha vida pessoal. E mesmo que estivéssemos, eu espero que mantenha sua boca calada, Leo. Percy não sabe que eu sou... É, você entendeu. 

- Tuuudo bem, Srta. Irritadinha. Não conto para ninguém - mexeu o milkshake com o canudo. - Voltemos ao assunto principal: Reyna. 

- Ah, pelo amor de Deus, vocês têm que casar. Eu nunca shippei algo com tanta força - levantou as sobrancelhas enquanto levava à boca uma colherada de sorvete. 

- Vamos com calma, eu ainda nem beijei ela... 

- Beijou sim! 

- ... Quando estava são! 

Isabell balançou a mão. 

- Tá, tá. Vamos logo com isso. Você tem que chamá-la para sair. 

- Eu vou, só não... 

A música, que Leo não estaria enganado em dizer que era Stitches, do Shawn Mendes, tocou. Isa deu um pulinho. A morena tirou do bolso o smartphone. 

- Tenho que ir. 

- Não! Ainda nem planejamos nada! Nem sei... Espera aí, onde você vai? - Ele indagou. 

- Vou trabalhar, duh - deu de ombros, como se não fosse algo importante. - Já sei onde pode levar a Reyna! 

- Desembucha! - Bateu na mesa, fazendo milkshake escorrer pelo copo de vidro. 

 - Eu trabalho numa casa noturna há uns poucos quilômetros daqui - tirou um cartãozinho do sutiã, se levantando. - É só falar seu nome e o dela e dizer que vocês estão na lista da Isabell Jackson. 

- Ok... Espera aí, o que você faz nessa casa noturna? - Sorriu malicioso. 

Demorou alguns segundos para ela entender. 

- Nada do que você esteja pensando! - Contradisse, por mais que tenha ruborizado. - Caralho, Leo! Eu não faço striptease

 - Lembrando que topless não é considerado striptease... - ele analisou o cartão, sonso. 

- Você... Eu... Ah, merda. Eu só canto lá, cara. 

- Se você diz... 

- Eu tenho mais o que fazer. Falou, Valdez. Dê seu jeito com a Arellano, garanhão - deu um beijo na bochecha do rapaz antes de sair apressada.  

(...)

Reyna estava conversando com Hazel. 

Leo nunca havia percebido o quanto ela podia ser graciosa. E se arrependia por isso. 

A tão clássica trança lhe caía pelo ombro, sempre bem feita. Os olhos cor obsidiana brilhavam quando ela se animava. A boca era meio rosada, contrastando um pouco com a pele. 

Simplesmente linda. 

Ele tocou seu ombro e ela virou para olhá-lo. 

- O que é? 

- Eu... Gostaria... Eu... 

Sua mente criou milhões de possibilidades. 

E se ele tropeçasse? E se Reyna dissesse não? E se ele estivesse com mau hálito? E se houvesse um pedaço de alface em seus dentes e ela começasse a rir? E se seu perfume estivesse vencido e Leo cheirasse mal? 

Eram teorias loucas, mas que poderiam acontecer. 

Ele concluiu, algo que devia ter concluído muito tempo atrás: Leo Valdez estava completamente apaixonado por Reyna Ávila.  


Notas Finais


AAAAEEEN, QUE FOFENHOOOOO

QUEM GOSTOU LEVANTA A MÃOZINHA!

Olha, ta aqui o link: https://youtu.be/ZZ9BD8lD0TQ

Vamos quebrar tudo aqui nos comentários, compartilhar a fic pros migos e arregaçar o botão "favorito"

É isso mesmo, galera!

Beijos sombrios!♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...