História Jornada das letras - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural
Personagens Abaddon, Castiel, Crowley, Dean Winchester, Garth Fitzgerald IV, Personagens Originais, Sam Winchester
Tags Aventura, Dean Winchester, Supernatural
Visualizações 24
Palavras 489
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi! Espero que aproveite e se divirta. Estarei postando sempre que for possível e se for do seu agrado deixe um comentário, ficarei feliz em saber o que acham, como está indo e suspeitas do futuro da história. Será que rola spoilers nas notas finais?

Boa leitura!

Capítulo 1 - Prólogo


 

A estrada até aqui ...

 

     O bunker estava silencioso e fúnebre, o cheiro que pairava no ar era de uísque barato, livros velhos e flores; o ultimo deixado pelo perfume da mulher que saiu a pouco tempo do local. O corpo de Dean estava imóvel e frio em cima de sua cama, a morte o alcançou novamente e atingiram as pessoas ao seu redor. A dor da perda queimava no peito de quem o amava. Seguir em frente com a rebeldia de enfrentar aquela vida, aquelas situações e circunstancias, seria difícil para alcançar o paraíso de ter paz quando tudo aquilo acabar. No momento tudo se resumia a lágrimas e uísque, cada um se confortava com o que podia. Se é que podiam diante daquela situação.

     Silenciosamente, com seu terno negro, o rei do inferno entra no recinto. Crowley puxou uma cadeira de madeira e observou durante alguns segundos o Winchester.

— Seu irmão, que sua alma seja abençoada, está me invocando, enquanto estou falando. Fazer um acordo para trazer você de volta. E aquela mulher, ela também não vai desistir de você... ela tentará de algum modo te ajudar, Dean.—Crowley respirou fundo e cansativo — Era sobre isso que eu falava, não era? Acabou ficando previsível. Você tem que acreditar em mim. Quando sugeri que tomasse a marca de Caim, eu não sabia que isso ocorreria, de verdade. Quero dizer, posso não ter contado toda a verdade, mas nunca menti, nunca menti Dean. Isso é importante. É fundamental. Mas há uma história sobre Caim, que eu posso ter... Me esquecido de contar. Aparentemente ele estava disposto a aceitar a morte, para não se tornar o assassino que a marca queria que ele fosse. Então ele tirou a própria vida com o punhal. Ele morreu. Exceto que, de acordo com os boatos que dizem, que a marca nunca desistiu. Você entende por que eu nunca falei sobre isso.

      O demônio retira do terno a primeira lâmina, analisa-a nas mãos, ele se aproxima de Dean:

— Por que deixar corações aflitos por uma especulação? Foi só quando você me invocou... não, só quando você não comeu aquele cheeseburguer.—Crowley coloca a primeira lâmina na mão direita de Dean e depois junto ao peito do corpo — Que eu comecei a acreditar. Talvez milagres sejam verdade. Ouça Dean Winchester. O que você está sentindo agora não é a morte. É a vida... A vida de um jeito novo. Abra os olhos Dean.Veja o que eu vejo. Sinta o que eu sinto. E vamos uivar para a lua.

     O rosto do defunto parecia estar calmo e sereno, lábios meio pálidos e entre abertos, rosto tão relaxado tal qual o de alguém que tira um cochilo na poltrona da sala, todo esse semblante foi rompido quando os olhos de Dean abriram, se mostrando como duas pedras obsidianas, recheadas de algo novo, uma nova vida, um novo caminho, um novo jeito, um novo Dean Winchester.

Meses antes...


Notas Finais


E ai, gostou? Se não, garanto que vai melhorar não se preocupa, porfavorzinho! Mas vamos por partes pra não perder o mistério ou ficar corrido.
Obs.: Podem dar dicas de narrativa ou outras... Não perca os próximos capítulos que será...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...