História Joshifer Além do Fim! - Capítulo 38


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jennifer Lawrence, Jorge Blanco, Josh Hutcherson, Martina Stoessel
Personagens Jennifer Lawrence, Josh Hutcherson
Tags Joshifer
Exibições 36
Palavras 1.278
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 38 - Capítulo 38 - Bônus


Fanfic / Fanfiction Joshifer Além do Fim! - Capítulo 38 - Capítulo 38 - Bônus

POV Josh (Bônus)

Saio da casa da Jenn e sigo caminho, depois de uns vinte minutos já estou no centro de Los Angeles, paro no semáforo e começo a batucar meus dedos sobre o volante no ritmo de uma música tranquila que está tocando na estação de rádio. Assim que o sinal abre acelero o carro, mas já é tarde demais, só consigo ver uma luz muito forte vinda em minha direção e depois o carro já esta capotando varias vezes. Sinto uma forte dor em minha cabeça e meu último pensamento antes de ser levado pela escuridão é em minha loirinha.

                                                                        +++

Abro os olhos e primeiramente não consigo ver nada, depois de um tempo o foco volta para meus olhos. Estou sentado debaixo de uma enorme árvore, olho ao redor e só consigo ver um enorme campo florido onde uma leve brisa sopra fazendo os galhos de árvore balançarem. Ao longe consigo ver o vislumbre de uma pessoa caminhando em minha direção, aos poucos a silhueta da pessoa vai ganhando forma e quando finalmente ela para a minha frente, vejo que não é uma pessoa, na verdade não sei direito o que é. Tem cabelos loiros como ouro e olhos incrivelmente verdes, pele clara e bochechas rosadas, seu corpo está coberto por uma vértice branca, sua presença me traz uma incrível sensação de conforto e paz.

--- Quem é você? – pergunto erguendo-me e fincando de pé em sua frente.

--- Me chamo Umabel. – diz, sua voz é tão suave e reconfortante que até parece uma melodia.

--- E o que você é? – pergunto e o vejo sorri.

--- Um anjo. Seu anjo da guarda. – diz e abre suas enormes asas brancas, fico o encarando por vários minutos tentando assimilar o que está acontecendo. De duas uma, ou eu estou ficando completamente louco ao ponto de ver anjos, ou eu realmente bati a cabeça muito forte e estou delirando. Mas então outra hipótese vêm em minha mente e arregalo meus olhos com espanto.

--- Eu morri e estou no céu é isso? – pergunto assustado fazendo o anjo gargalhar.

--- Não Josh você não morreu. Você se lembra do que aconteceu? – pergunta e imagens do acidente vêm em forma de fleches em minha mente, assinto com a cabeça e ele continua --- Estamos em outro plano, no espiritual, você sofreu uma pancada muito forte na cabeça, entrou em coma profundo e está correndo risco de morte. É por isso que você está aqui, na maioria dos casos de coma as vitimas não sobrevivem e acabem permanecendo aqui no plano espiritual.

--- Eu não posso morrer, não posso deixar a Jenn, eu prometi a ela que ficaria ao seu lado, sempre! – exclamo passando as mãos no cabelo em um ato extremo de nervosismo. Ele toca em meu braço me fazendo encara-lo novamente.

--- Josh você sabe que a morte é algo inevitável, algo que não se pode prever, quando chega à hora ela leva as almas para o descanso eterno. Você não pode prometer algo que não sabe se pode cumprir. – ele diz de forma terna me olhando nos olhos.

--- Então eu... vou morrer? – pergunto engolindo em seco e ele sorri.

--- Vamos deixar essa resposta para depois, agora siga-me, quero te mostras algumas coisas. – diz e segura em minha mão nos levando para longe da sombra da árvore.

Ele me leva para um lugar que mais parece um túnel, e quando entramos no mesmo, varias imagens de um bebê aparecem por todos os lados, no começo estranho, mas logo em seguida reconheço o bebê, sou eu.

--- Isso aqui é uma espécie de caixa onde todas as suas memórias são guardadas desde o seu nascimento até sua morte. – responde-me antes mesmo de eu perguntar. Continuamos andando e mais imagens minhas aparecem, eu e minha mãe, eu e meu pai, o nascimento de Connor, minha primeira viagem com Jorge, meu começo de namoro com a Vanessa. Todas as minhas lembranças estão aqui, então às imagens do dia em que conheci minha loirinha aparecem, nós nos esbarrando no corredor da universidade, no parque de diversões, na praia, nas viagens de feria, o pedido de casamento, tudo. Todos os nossos sorrisos, beijos, abraços e noites de amor. De repente tudo fica escuro como em uma noite sem estrelas, então novas imagens aparecem e agora estamos em um hospital, vejo um corpo cheiro de aparelhos ligados a uma maquina. Aproximo-me devagar para saber quem é, e abro minha boca, mas nenhum som é emitido. Sou eu, é meu corpo que está deitado naquela cama cheio de aparelhos. Antes que eu pergunte alguma coisa a Umabel, Jenn entra no quarto e senta-se ao meu lado. Logo ela engata uma conversa comigo sobre um sonho que teve em que estávamos casados e com filhos, sorrio ouvindo a história.

--- Por que você me mostrou tudo isso? – pergunto encarando Umabel, ele aproxima-se e fica ao meu lado olhando na direção da Jenn e de meu corpo inerte em uma cama.

--- Você havia me perguntado se iria morrer e essa é a resposta. – fala e o encaro confuso --- Você viu todos os momentos de sua vida, todas as alegrias, tristezas, conflitos, lágrimas, sorrisos, tudo. Josh, cada ser que existe na terra foi enviado por Deus com um único propósito, uma missão, e quando completam essa missão a morte vem e os leva. Sua missão, desde o seu nascimento sempre foi entrar na vida da Jennifer e fazê-la feliz, mostra-la que a morte nada mais é do que só uma mera passagem de um plano para outro. Não devemos temer a morte e sim as consequências de nossas escolhas. Você completou sua missão, você a fez feliz e agora está na hora de partir.

--- Partir? Partir! Você diz que minha missão era fazê-la feliz e que agora que eu a cumpri devo morrer?! Do que adianta fazê-la feliz se quando eu partir ela vai sofrer, ela vai voltar para aquele lugar obscuro e solitário em que ela estava quando o pai dela morreu? – pergunto em completo desespero. Isso não faz sentido, do que adianta fazer uma pessoa feliz sabendo que você também pode ser o causador da sua dor?

--- Eu sei que vai ser doloroso pra ela e é por isso que estou aqui Josh. A Jennifer já sofreu muito, tanto nesta vida, como em outras. Vocês sempre foram destinados um ao outro, mas sempre que sua missão era concretizada você morria e ela, não aguentando a dor de sua perda virava uma pessoa sem vida. Mas desta vez é diferente, Deus te deu uma nova chance, uma segunda chance de viver, mas pra isso você vai ter que ter muita força, determinação e fé para poder voltar para seu corpo, e se você voltar eu vou está aqui te protegendo sempre, afinal de contas é isso que os anjos da guarda fazem, certo? – ele diz sorrindo enquanto põe a mão direita em meu ombro esquerdo, olho para minha loirinha que agora está chorando. Deus me deu o poder da escolha, viver agora é minha escolha, eu escolho se quero continuar ou não...

--- Você nunca quebra uma promessa não é mesmo? – pergunta-me Umabel dando uma pequena risada, sorrio pra ele.

--- Nunca. – digo com convicção.

--- Não desiste amor, volta pra mim, por favor. – pede Jenn sussurrando ao pé do meu ouvido --- Você disse que não ia me deixar. Que ficaríamos juntos. Sempre. – diz fechando os olhos e apoiando sua testa na de meu corpo que está imóvel na cama. Eu prometo Jenn, vou fazer de tudo para voltar pra você...

--- Sempre. – sussurro antes de seguir caminho com Umabel.


Notas Finais


Esse foi um capítulo bônus na visão de Josh enquanto está em coma.
Estamos na reta final da fic, o próximo capítulo será o penúltimo...
Espero que gostem, boa leitura, bjs.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...