História Jovens Titãs: A transformação de Ravena - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Novos Titãs (Teen Titans)
Personagens Asa Noturna, Ciborgue, Estelar, Mutano, Ravena
Visualizações 53
Palavras 728
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Magia
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Não demorou para postar esse capítulo,mas se demorar para eu postar o próximo,não estranhem.

Capítulo 2 - A Briga


De noite Robin voltou com Estelar e Cyborg tinha ido para o quarto descansar. Mutano estava sozinho na sala olhando para as paredes naquele silêncio.

-Então Robin, acharam o OVNI? - Mutano perguntou um pouco desanimado.

- Achamos, mas ele não tem ligação com Tamaran - afirmou Robin.

- Então Mutano, como foi com a Ravena? - perguntou Estelar.

- Foi mais ou menos. Ela é legal e tal, mas sei lá , ela é estranha - Mutano falava confuso - A gente ficou um tempo juntos, conversamos, mas depois ela saiu do nada. Estava nervosa e...acho que é minha culpa.

- Porque acha isso? - a tamaraneana perguntou.

- Porque eu perguntei para ela o que ela faz trancada naquele quarto o dia inteiro. Acho que ela se irritou e por isso ficou braba. Ela se irrita com qualquer coisa que eu faço.

Ravena entrou na sala bem na hora. Tinha escutado boa parte das coisas que Mutano tinha acabado de falar. Estava usando luvas para esconder o vermelhão das mãos. Ninguém desconfiou de nada,já que estava meio frio. Ela não falou nada. Apenas abriu a geladeira e pegou uma garrafa de água. Robin se sentou no sofá e não disse nada. Estelar estava flutuando e também estava calada.

- Ravena você está braba comigo? - Mutano perguntou com um peso na consciência.

Ela não respondeu.

- Desculpa se eu te magoei com aquela pergunta idiota. - ele se aproximou de Ravena com calma.

- Não prescisa se preocupar -ela respondeu baixo.

- Ta bom, então o que acha de hoje de tarde nós sairmos? -ele apoiou sua mão no ombro dela.

- NÃO TOQUE EM MIM! - Ravena o empurrou com sua magia em direção á mesa.

Mutano bateu com as costas na mesa e encarou a Ravena com um olhar de ódio.

- PORRA RAVENA! QUAL O SEU PROBLEMA COMIGO? PORQUE VOCÊ FEZ ISSO?

- Não tenho de justificar nada para você.

- VOCÊ ME MACHUCOU E EU NÃO FIZ ABSOLUTAMENTE NADA PARA VOCÊ. PORQUE VOCÊ TEM DE SER TÃO FRIA E RUIM? - Mutano gritou vermelho de raiva.

- Eu não vou discutir com você.

- Dessa vez,você pisou na bola Rae - Robin falou num tom baixo.

- Não se meta nisso Robin. - Ravena o repreendeu tentando não se descontrolar.

- ELE SE METE ONDE ELE QUISER RAVENA, QUE MERDA!! EU TO CANSADO DE VOCÊ! CANSADO DE TODOS OS DIAS TENTAR FAZER VOCÊ RIR! TENTAR FAZER VOCÊ SER MINHA AMIGA MAS VOCÊ NÃO COLABORA!! - o metamorfo gritava  irritado.

- CALE A BOCA, VOCÊ NÃO ME ENTENDE GARFIELD! NUNCA VAI ME ENTENDER! - Rae olhava para Mutano com os olhos vermelhos.

- A ÚNICA COISA QUE EU ENTENDO É QUE VOCÊ NÃO PASSA DE UM MONSTRO SEM CORAÇÃO! É IGUAL AO SEU PAI! CRUEL E FRIA!

- E VOCÊ NÃO PASSA DE UMA ABERRAÇÃO VERDE!

- PELO MENOS O MEU PAI ME SALVOU E SE NÃO FOSSE POR ELE,EU NÃO ESTAVA AQUI,AO CONTRÁRIO DE VOCÊ!

- QUER FALAR DE PATERNIDADE AGORA GARFIELD?

- PORQUE NÃO RACHEL? PORQUE VOCÊ NÃO TEM PAI NEM MÃE E EU TENHO?

- CALE A BOCA! NÃO TEM ARGUMENTOS PARA MIM E TENTA ME JULGAR PELOS MEUS PAIS!

- Porque o único argumento que eu posso usar agora é que você não foi uma filha desejada por ninguém! Ninguem queria que você tivesse nascido!

- JÁ MANDEI CALAR A BOCA - a janela principal da sala da Torre se quebrou e os pequenos cacos caíram para fora da Torre.

- Você não manda em mim Ravena. Não aguenta ouvir verdades e me manda calar a boca. Deixa de ser um bebezinho e vê se cresce! - Mutano se retirou da sala e bateu a porta.

- Que ótimo, agora vamos ter que limpar tudo isso! Obrigado Ravena! - disse Robin,sendo sarcástico.

Ravena estava com a pele completamente vermelha.

- De nada Robin, agora se me der licença, presciso descansar.

- Amiga você está se sentindo bem? - Estelar perguntou se aproximando de Rae.

-EU TO ÓTIMA,OK? NÃO PRESCISA FICAR NA MINHA VOLTA ME PERGUNTANDO SE EU ESTOU BEM!

- Mas a sua pele...

Ravena olhou para suas pernas e arregalou os olhos. Imediatamente ela se teletransportou para seu quarto e se olhou no espelho. Quando viu sua pele completamente vermelha, soltou um grito que,provavelmente a torre inteira escutou.


Notas Finais


Sorry pelos erros!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...