História Júlia,a História de Uma Nerd! - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 96
Palavras 1.041
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 10 - O Encontro perfeito!


Capítulo 10
Entrei e liguei para as meninas,pedi que elas viessem na minha casa,e ficassem pra dormir.
Elas chegaram e eu já fui contando como tinha sido com o Arthur.
Ana:Aaah que fofo! Ele é tão lindo!
Babi:Viu!Nós dissemos que ele está a fim de você.
Eu:inacreditável! Ele é tão lindo!
Ana:hmmmm!
Babi:Tá apaixonada!
Eu:parem!kkk
Ficamos vendo filmes.Eu não gosto muito de comédia romântica,mas acompanhei as meninas.
Fomos dormir já eram 02:00 da madrugada.
NO DIA SEGUINTE...
Acordei com a luz do sol batendo no meu rosto.
Que disposição!Que dia lindo! Pera... O que tá acontecendo?!
Aí meu Deus! To apaixonada!Será que eu devia criar expectativas em relação ao Arthur?!
Desci as escadas e encontrei meus país sentados na sala.
Eu:bom dia!
Pai:bom dia!
Mãe:acordou cedo! Vi que foram dormir tarde!
Eu:É.Na verdade nem olhei as horas ainda.
Pai:Vamos ao parque e depois almoçamos no shopping?
Eu:ok!
Meu pai amava ir o parque,mas que qualquer criança eu acho.Eu não gostava muito,mas ia com ele.
Subi e as meninas já tinham acordado.
Eu:bom dia meninas!
Ana:bom dia!
Babi:apaga a luz Ju!
Eu:haha! Já é dia garota!
Babi:ai já?
Ana:Levanta Babi,temos que ir embora!
Eu:eu vou com meu pai ao parque e depois ir ao shopping almoçar. Eu gosto de fazer programas pai e filha com ele,já que ele passa muito tempo fora de casa.
Ana:Quem dera se meu pai fosse assim...
Babi:relaxa amiga! Um dia ele reconhece a filha que tem 
Eu:como assim?
Ana:Ela é separado da minha mãe,se casou novamente mas não lembra que tem uma filha!
Eu:que chato!Ja conversou com ele?!
Ana:Não adianta!
Babi:Bom, chega de assuntos tristes! Vamos animar porque o dia tá lindo!
Eu:Iih animou rápido!
Todas:hahahaha!
Elas se arrumaram e foram embora.
Eu tomei um banho e me troquei.
Coloquei uma saia soltinha é uma blusa com manguinhas.
Me olhei no espelho e me surpreendi.
Eu:acho que eu não sou tão feia assim.Talvez eu devesse me arrumar mais...
Eu quase nunca vestia roupas que mostrassem meu corpo,pois morria de vergonha.Mas parece que agora achei um motivo.
Um garoto estar supostamente a fim de mim,me deixou tão bem que até sinto vontade de me arrumar!
Pai:você está linda! Devia se vestir assim mais vezes.
Eu:nem vi que estava aí pai!
Pai:tava te olhando! Minha menina cresceu.
Eu:pai...
Pai:ok! Parei! Vamos?!
Eu:sim.
Nos despedimos da minha mãe e saímos. Deixamos o carro numa rua próximo ao parque e fomos andando.
Conversávamos e ríamos muito!Eu amava estar com o meu pai.
Pai:olha filha,tem um pessoal ensaiando ali.
Eu:parece mesmo.
Pai:vamos ver?
Eu:não pai.Vamoa atrapalhar o ensaio.
Meu pai era um amante do teatro e artes cênicas.Então fomos até lá.
De longe vi o Arthur,então deduzi que fosse o grupo da escola.
Ele também me viu e veio até mim recitando:
Arthur:"Ah!Se eu fosse uma luva dessa mão,para tocar naquela face!"
E eu continuei:
Eu:"Vem,noite!Vem Romeu!Tu,noite e dia,pois vais ficar nas asas desta noite,mais branco do que neve sobre um corvo"!
Arthur:Sabia que não iria me decepcionar!
Eu:Não sabia que a peça da escola era Romeu e Julieta!Eu acho muito lindo!
Arthur:Lindo como você!
Não senti meu rosto corar,mas meu sorriso foi automático.
Eu:esse é o meu pai!
Pai:prazer Romeu!
Arthur:Prazer Senhor Capuleto(o pai de Julieta no romance)
Estão passeando?
Eu:sim!
Pai:Vamos continuar?
Eu:Sim! Até mais Arthur!
Arthur:Até! Aah olha, quer sair comigo mais tarde?! Ir naquela sorveteria daquele dia?!
Eu:Aah claro! Tudo bem!
Arthur:ok! Te pego as 19:30
Eu:ok!
Eu e meu pai continuamos caminhando
Pai:Esse é o rapaz?!
Eu:sim! É ele
Pai:Bom,pelo menos gosta de teatro e Sheakspeare! Já é um começo 
Eu:Hahaha!
Continuamos assim,passamos o dia juntos e no fim da tarde fomos pra casa.
Assim que cheguei em casa,liguei paras as meninas e contei que iria sair com o Arthur.
Estava terminando de me arrumar quando minha mãe entrou.
Mãe:Esse garoto está fazendo um ótimo trabalho! Está de vestido!
Eu:Não é só por ele! É por mim também.Descobri que até que sou bonitinha
Mãe:Você é linda! Está gostando mesmo dele?
Eu:aí mãe,to! E ele também gosta de mim.Pelo menos é o que ele demonstra 
Mãe:que bom! mas cuidado tá bom!
Eu:ok!
Mãe:filha,a mãe do Felipe veio aqui hoje procurar você 
Eu:por mim?
Mãe:Sim! Ela queria que você ajudasse o Felipe com umas matérias e...
Eu:Eu já disse que não vou ajudar!Que saco!
Mãe:Eu sei que ele tem sido um babaca!Mas ele precisa de ajuda.E não se pode negar ajuda à ninguém.
Eu:Eu sei mãe,mas ele...
Mãe:filha só pensa tá! Termina de se arrumar.
Não acredito que o Felipe apelou pra mãe dele?! Eu até fiquei com um pouco de dó quando minha mãe falou,mas me manti  firme!
As 19:20 o Arthur chegou,ele ficou na sala conversando com os meus pais enquanto eu terminava de me arrumar.
Desci e o chamei.
Eu:Vamos?!
Arthur:Vamos! Uau! Você tá...
Eu:diferente?
Arthur:Linda!
Nos despedimos de nossos pais e fomos.
A sorveteria não era longe e fomos a pé,a noite estava linda.Estava tudo tão romântico...
Tinham algumas pessoas da escola lá na sorveteria que ficaram nos olhando estranho.Mas o Arthur soube me deixar bem à vontade,fingindo que nem via os olhares acusadores.
Ficamos conversando,trocando experiências,gostos por filmes,séries,músicas,livros,peças de teatro...
Arthur:Você é simplesmente demais!E bem engraçada.Vamos fazer o seguinte,quanto começar a nova temporada de flash vemos juntos,ok?!
Eu:Haha! Sim! 
Arthur:Já são 22:00 vamos?
Eu:nossa nem vi o tempo passar.
Arthur:Nem eu.Dizem que isso só acontece quando estamos com quem gostamos.
Ele disse isso me encarando e eu também não conseguia mais tirar os olhos dele.
Garçom:a conta!
Arthur:obg.
Ele pagou e fomos embora,ficamos contando casos e rindo no caminho pra minha casa.
Arthur:To aqui me perguntando como não te conheci antes?!
Eu:Talvez porque eu viajei muito.A vida toda!
Arthur:Eu ia adorar te conhecer á mais tempo... Apesar,que agora também tá ótimo!
Eu:bobo!rs 
Chegamos na porta da minha casa e ele foi andando comigo até a varanda.
Eu:Muito obrigada por hoje!
Arthur:Imagina... Eu que agradeço! -disse pegando na minha mão e me fazendo prestar mais atenção nele.-
Eu:Pelo o que?
Arthur:Por apenas existir!Por estudar na mesma escola que eu,por ser tão incrível quanto você é.
Ele tocou meu rosto e foi se aproximando,colocou a mão debaixo do meu cabelo,mais especificamente na nuca.
Confesso que arrepiei.
Ele se aproximou mais ainda e quando ia me beijar...

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...