História Jungkook, The Serial Killer - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtanboys, Bangtansonyondan, Bts, Chimchim, Hobi, Horror, Hoseok, Jeon, Jhope, Jimin, Jin, Junghoseok, Jungkook, Killerjungkook, Kim, Kook, Monnie, Nam, Namjoon, Parkjimin, Psicopata, Rapmonster, Seokjin, Serialkiller, Sobrenatural, Suga, Tae, Taehyung, Terror, Yoongi
Visualizações 114
Palavras 623
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OieeeHaseyo
Olha só quem apareceu depois de 9380 anos, eu mesma.
Sem mais delongas, vamos ao capítulo

Boa leitura amores ♥😘

Capítulo 9 - T o g e t h e r


Fanfic / Fanfiction Jungkook, The Serial Killer - Capítulo 9 - T o g e t h e r

*Taehyung On*

  Jungkook estava pegando um copo de água para mim depois de ter feito uma cara feia antes de sair. Eu sabia que ele queria me matar mas acima de tudo eu ainda o considero como amigo e estamos juntos nessa...

-Toma a porra da água e fala logo o que caralho tá acontecendo.

-Jungkook eu juro que se não fosse importante eu nem entraria em contato o com você cara. Você vai ter que confiar em mim.

-... -ele fica calado dando a entender que queria que eu continuasse. 

-Então Jungkook...

-Ja disse para me chamar de Jungho idiota.

-Jungho... Então a morte da Sun foi só um pretexto para chamar a nossa antenção, tem algo bem maior envolvido em toda essa merda cara. Você se lembra daquele milionário que era chefão da maior quadrilha daqui de Seul? E deve se lembrar do filho dele, aquele que nos viu matar o pai dele a mando do Kim Seojin maior exportador de droga da Coréia? -ele força um pouco a mente para se lembrar mas não demora muito para fazer uma cara de surpresa. 

-Não me diz que...

-Sim cara, o filho dele agora comandando a quadrilha e matou o Seojin. E agora tá atrás de nós, isso vai dar muita merda a gente tem que se unir e acabar com ele -Jungkook ri sarcasticamente- já faz seis meses que ele matou a Sun e eu consegui reunir pessoas e descubro do paradeiro desse filho da puta mas ele sempre some, eu não vou conseguir fazer isso sem você...

-Depois de tudo que você fez... VOCÊ VEM ATE MIM PEDIR PARA TRABALHAR JUNTOS?

-VAI SE FUDER JUNGKOOK, TODO ESSE TEMPO EU LIVREI SUA PELE DAS GARRAS DESSE MALDITO E VOCÊ AINDA VEM COM ESSA MERDA DO PASSADO? VOCÊ NEM AO MENOS ESCUTOU NO DIA O QUE EU TINHA PARA TE FALAR, TIROU AS CONCLUSÕES DA SUA PROPRIA CABEÇA DOENTIA E NÃO ME ESCUTOU SEU FILHA DA MÃE QUASE ME MATOU. E EU AINDA VENHO AQUI, CORRO RISCO DE VIDA PARA TENTAR NÓS PROTEGER.

-AH É? ENTAO QUAL É SUA DESCULPA? TU NÃO QUERIA FUDER COM A MULHER QUE EU AMAVA? NÃO QUERIA TER TRAIDO NOSSA AMIZADE?

-SEU DESGRAÇADO NO DIA QUE EU FIZ ISSO EU ESTAVA BÊBADO, E A SUN FALOU QUE TINHA ACABADO COM VOCÊ, É A UNICA COISA QUE EU ME LEMBRO É DEPOIS DO DIA SEGUINTE COM VOCÊ ME COMFRONTANDO COM TODA AQUELA MERDA. EU NUNCA FARIA ISSO SE ESTIVESSS LÚCIDO. DEPOIS DO DIA QUE VOCÊ FOI EMBORA EU NUNCA TIVE UM RELACIONAMENTO COM ELA A NAO SER AMIZADE, NÃO TEVE UM DIA SE QUER QUE EU NÃO DORMI PENSANDO NA MERDA QUE EU TINHA FEITO -antes que eu podesse fazer algo sinto um soco sendo depositado no meu rosto e revido contra o Jungkook.

Ele me batia com tanta força que eu cai no chão e ele ficou por cima de mim dando socos no meu rosto e eu consegui inverte a situação e descontar toda a raiva que eu tinha guardado todos esses anos, fazendo seu rosto sangrar e o sangue que saia do meu nariz escorria e pingava no seu rosto em meio a briga

Em uma certa hora nós paramos e sentamos no chão encostados no sofá um do lado do outro ofegantes pela briga.

-Eu senti sua falta seu filha da puta -Jungkook fala olhando para mim e sorrindo.

-Eu também seu idiota psicopata -nós dois rimos.

-Vamos acabar com esse desgraçado, nós voltamos a ativa.

Eu sabia que a partir desse momento, toda raiva que sentíamos um pelo outro havia passado, e que nós iríamos voltar mais fortes do que nunca para mostrar que ninguém brinca conosco não sai vivo.

-Agora você não bate como uma mulherzinha igual a antigamente Taehyung, agora parece um homem.

-Vai se fuder Jungkook 

Nós rimos.


Notas Finais


Aaah gente eu sei que foi pequeno, mas eu escrevi rápido para não deixar vocês sem nada, o próximo capítulo não demora, já está escrito pela metade ^^
Espero muito que estejam gostando
See you later♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...