História Juntos pelo acaso. - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas, Magcon
Personagens Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Jack Gilinsky, Jack Johnson, Matthew Espinosa, Nash Grier, Personagens Originais, Shawn Mendes, Taylor Caniff
Exibições 255
Palavras 1.296
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Festa, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey Cupcakes aqui vai mais um capítulo,nos vemos lá embaixo....

Capítulo 20 - Se aproveitando.


Me aproximei calada até onde Cameron dormia com Maddie sobre seu peito,pensei em pegar Maddie e levá-la para o quarto deixando Cameron dormir torto no sofá que era grande em comprimento mas definitivamente estreito de mais de modo que se ele se virasse durante a noite cairia no chão,eu suspirei,com cuidado peguei Maddie e a pus no berço dela,liguei a babá eletrônica e sorri vendo a loirinha dormir,desci as escadas suspirando e querendo largar Cameron lá,me inclinei sobre seu rosto e assoprei,ele franziu a testa mas não se mexeu,eu revirei meus olhos.

-Cameron?-chamei baixo e ele franziu de novo a testa,suspirei revirando meus olhos.-Acorda Cameron.

-Não.-ele resmungou mas saiu entrecortado,ele se virou de costas para mim,suas costas eram malhadas e quase escupidas a mão,estava sem camisa e eu mal tinha notado isso até ali,mordi o lábio e toquei seu ombro balançando-o de leve,ele resmungou,bufei começando a ficar irritada e quase desistindo da minha boa ação.

-Se não quer levantar então durma aí.-eu indiquei irritada,virei pronta para ir embora para meu quarto mas senti um puxão na minha blusa e desequilibrei caindo no sofá sentada sobre o abdômen de Cameron,eu olhei irritada de sobrancelhas franzidas,ele sorriu de olhos fechados,uma expressão sonolenta como se dormisse e tivesse um sonho bom,seu cabelo estava despenteado para todas as direções mas incrivelmente ele nunca esteve tão bonito,ele passou o braço pelo meu quadril e se afastou me fazendo cair no sofá de frente a ele que me puxou até estar deitada cara a cara no pequeno espaço e eu sabia que estava quase caindo dali não fosse seu braço firme em minha cintura.

-Oi Estrela.-murmurou baixo sorrindo ainda de olhos fechados.-O que foi?-questionou sussurrando e franzindo a testa,eu observava seu rosto assim de perto tão sereno com o coração descompassado,observei a contragosto o quanto ele era bonito,suspirei e ele abriu os olhos de leve os fechando logo depois os manteve em pequenas fendas que eu mal conseguia ver a cor dos seus olhos.

-Você ia acabar dolorido dormindo no sofá.-confessei entortando os lábios e ele sorriu mais,seu sorriso era leve ainda sonolento como se ele desconfiasse que ainda estava sonhando.

-Estava preocupada comigo?-ele questionou sorrindo e eu revirei meus olhos.

-Não,você não iria cuidar da Maddie com as costas travadas ou dolorido,eu pensei nela.-menti descaradamente e ele soltou uma leve risadinha,eu o empurrei e senti meu corpo sair do sofá eu quase cai,arregalei os olhos desesperada por um momento e me agarrei com força a primeira coisa que estava a frente,respirei fundo tentando passar o susto e então percebi que eu estava aninhada ao peito de Cameron,minhas mãos firmes ao redor dos seus ombros fortes segurando com as unhas cravadas em sua pele mas ele não pareceu se importar,minha testa estava colada ao seu peito com minha respiração forte batendo e voltando a mim,as mãos dele eram como chumbo ao redor da minha cintura,sua respiração balançava alguns dos fios do meu cabelo e senti seu queixo sobre minha cabeça.-Você está se aproveitando de mim.-eu murmurei contra seu peito ainda com a respiração sendo controlada.

-Talvez um pouco.-confirmou e sua voz sugeria um sorriso.-Você não pode reclamar pois está fazendo o mesmo,eu não estou te abraçando sozinho e as marcas de unhas que vão ficar em meus ombros provam isso.-ele murmurou e eu percebi que ainda cravava as unhas,afrouxei o aperto tirando as unhas mas sem soltá-lo.

-Se eu me soltar eu caio.-afirmei e ele concordou a cabeça,o queixo roçando em minha testa.

-Só um minuto.-ele respondeu para mim que franzi a testa,ele fez esforço com os braços em minha cintura e senti meu corpo se erguer,dei um leve grito estrangulado até perceber que ele me fez deitar sobre seu peito,meu corpo jogado sobre o seu,só o dele ocupava o sofá agora,o meu corpo ocupava  o dele,ergui o rosto hesitando,o queixo sobre seu peito,ele estava me encarando com um leve sorriso,as sobrancelhas arqueadas,não parecia estar com tanto sono agora.-Pronto,agora você pode se levantar.-ele anunciou caso ela não tivesse percebido,o problema é que algo dentro de mim não queria que eu levantasse dali mas que eu me aconchegasse mais,eu limpei a garganta e ergui pondo as mãos em seu peito e me erguendo,eu ia sair dali finalmente mas ele segurou minhas mãos.-Boa noite Estrela.-ele murmurou de pé atrás de mim,seu hálito bateu em minha orelha e me causou um arrepio.

-Boa noite Cam.-eu disse baixo e me separei dele quase correndo,subi as escadas e fui para meu quarto,não troquei de roupa apenas arranquei a parte de baixo ficando de blusa e calcinha apenas,suspirei me jogando de costas na cama de olho no espelho em formato de estrela,franzi o rosto para o meu reflexo escuro que eram só sombras,fechei os olhos e torci para dormir logo.No dia seguinte eu acordei com a porta se abrindo,ouvi um leve afegar surpreso e franzi o rosto entre o sono e acordar de vez.

-Estrela?-a voz de Cameron chamou e eu me ergui rápido assustada puxando o lençol da cama para cobrir meu corpo da cintura para baixo,ele mordia o lábio e me olhou divertido.

-Será que dá para bater na porta antes de entrar?-perguntei irritada e ele riu com expressão maliciosa.-Seu idiota,tarado,criatura das trevas..-resmunguei pouco alegre com meu comum mal-humor matinal.

-Eu também amo você Estrela,bom dia.-ele disse sorrindo abertamente.

-O que você quer afinal?-questionei e ele riu.

-Eu tenho uma seção de fotos hoje então vou passar o dia fora,Shawn está em turnê.-ele disse e olhou de cara feia para mim como se ainda não tivesse superado eu ter ido ao show.-Nash vai sair com a namorada e Lize está de folga,você pode ficar aqui com Maddie sozinha ou ir comigo..você escolhe.-ele disse por fim se recostando no batente da porta,eu ainda sonolenta agora que a irritação passara cocei os olhos bocejando.

-Então é ficar sozinha ou com você?-questionei irônica e ele sorriu.

-Eu não sou tão ruim assim.-ele murmurou sorrindo malicioso e eu revirei os olhos para ele.

-Não vou ficar nessa casa imensa sozinha com a Maddie.-eu disse por fim e ele deu de ombros.-Eu posso acabar me perdendo.-completei.

-Deixe de ser exagerada.-afirmou rindo de leve.-Vou arrumar a Maddie,você pode se arrumar enquanto isso,depois do café a gente pode ir.-ele disse dando de ombros para mim que concordei com a cabeça,ele saiu dali e eu fui tomar banho,vesti uma calça jeans de barra dobrada que ficava na altura das minhas panturrilhas logo abaixo dos joelhos,coloquei uma camiseta preta lisa e uma camisa xadrez de flanela vermelha e preta por cima,nos pés coloquei um tênis confortável de cor vermelho,passei um gloss sabor melancia e sai do quarto bocejando,desci e encontrei Cameron dando mamadeira a Maddie,peguei um suco de melancia o que achei bastante coincidência com o gloss e tomei logo o suco enquanto Cameron acabava de alimentar Maddie.

-Quando a gente vai?-eu questionei colocando o copo sobre a pia,ele fazia Maddie arrotar e franziu a testa me olhando.

-Agora?-respondeu perguntando e eu dei de ombros,ele me entregou Maddie e pegou a bolsa de tamanho pequeno dela na mão,parecia cheia e talvez por isso tenha me dado Maddie ao invés de entregar a bolsa.-Vamos lá.-chamou,ele entrou no carro enquanto eu colocava Maddie no carro em sua cadeirinha,contornei e entrei no carro,ele dirigiu até uma casa,estava cheio de gente a frente dela com pessoas entrando e saindo da tal casa,ergui uma sobrancelha.-É uma confusão enorme então não se assuste.-ele avisou inseguro e eu dei de ombros.

-Nada muito diferente do que já estou acostumada.-eu disse e ele sorriu para mim balançando a cabeça em negação,saiu do carro e começou a tirar Maddie dali,colocou ela no carrinho e empurrou até mim,ela estava acordada e olhava tudo com atenção,peguei sua mãozinha e sorri.

-Vamos entrar.-ele indicou e logo uma moça e um rapaz correram até nós dois me assustando.


Notas Finais


Espero que tenham gostado do capítulo,como me sai?
Até mais Cupcakes!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...