História Juntos vamos seguir em frente - Capítulo 23


Escrita por: ~ e ~Dinha1234

Postado
Categorias Fairy Tail
Tags Colegial, Fairy Tail
Exibições 103
Palavras 1.020
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Quem é vivo sempre aparece meus amoresss !!!!! E euzinha voltei e para compensar a demora tenho surpresa.....hj teremos capitulo duplo (era pra ser no dia das crianças mas como sou enrolada saiu hj....td bem antes tarde do que nunca )
Enfim boa leitura e até agorinha !

Capítulo 23 - Hora de seguir em frente!


Fanfic / Fanfiction Juntos vamos seguir em frente - Capítulo 23 - Hora de seguir em frente!

Gray :
Natsu lia a carta atentamente e eu o acompanhava ao seu lado, de repente Natsu parou assim que leu aquilo: "me sinto na obrigação de contar o que realmente aconteceu ". O que elas queriam dizer com aquilo ? Tudo já não havia sido esclarecido ? Nos entreolhamos, nos perguntando se deveriamos continuar com aquilo, mas um estrondo na porta fez com que tomassemos um susto. Olho para Natsu e a carta que estava em suas mãos é tomada rapidamente por alguém 
Olho para frente e vejo Lisanna com um sorrisimho falso enquanto rasgava a carta. Aquilo me deixou com muita raiva. Quem ela pensava que era pra fazer algo assim ? Eu queria voar naquele pescoço branco e pelo visto Natsu queria fazer o mesmo, pois já estava vermelho de raiva
- LISANNA O QUE VOCÊ TÁ FAZENDO AQUI ESCUMUNGADA ?! _ ele gritou totalmente alterado (típico dele )
-  calma....calma, que raiva é essa ? Você iria mesmo dar bola pra duas falsianes ?
- VOCÊ NÃO TEM O DIREITO DE FALAR NADA ! _ eu gritei de volta....aquela menina sempre me deu nos nervos
- claro que tenho! Olha só, vocês deviam era me agradecer, se não fosse por mim, vocês nunca saberiam a verdade
- pode até ser, mas essa carta era o único jeito de sabermos o lado delas !
- vocês ainda tem dúvidas? Vocês não precisam de cartas, até porque palavras bonitas qualquer um é capaz de escrever, então as julguem por suas atitudes, vocês acham mesmo que se tudo fosse mentira elas se esconderiam e fugiriam dessa forma ? _ eu e Natsu ficamos surpresos, por mais que quiséssemos negar, ela estava certa e isso doía em mim 
- você provavelmente está certa Lis _ Natsu falava de uma forma tão calma, que até me assustou....esse é bipolar com força _ mas eu não posso simplesmente acreditar que tudo foi mentira, eu queria ignora -las e sentir ódio, mas algo me diz que eu devo escuta -las e você não vai me impedir
Ele se levantou e eu o segui, demos um jeito de passar pelos guardinhas, pegamos um táxi e fomos o mais rápido possível até o aeroporto.
Invadimos a sala de embarque e ao longe vimos duas pequenas garotas : uma loira e outra azulada, que andavam calmamente pela fila, rumo ao avião. Gritamos como dois retardados, até que as duas se viraram para nós e eu pude jurar ver lágrimas escorrendo por seus rostos, mas elas nada fizeram, simplesmente ignoraram nossa existência e voltaram seu olhar a moça que checava as passagens e caminharam para o avião, nos deixando totalmente arrasados
Então era isso ? Tudo foi uma mentira ? Eu não sabia dizer o que estava sentindo, então voltei para o colégio com Natsu, que estava até mais perdido que eu, porém agora a única coisa que nos restava era seguir em frente .
 
---------- QUEBRA DE TEMPO -----------

Lucy 
Cinco anos se passaram desde que eu e Juvia nos mudamos para o Canadá, e nesse meio tempo muitas coisas aconteceram.
Eu me formei em arquitetura e Juvia em psicologia. Nos tempos livres eu fazia aulas de desenho e ela de violão, não ficavamos nem um minuto si quer atoa (o que ajudava muito no requisito de esquecer aqueles dois ).
Depois desse tempo passamos a curtir mais a vida e o resultado ? Agora ambas estamos namorando de novo, óbvio que não foi fácil, mas eles são uns amores e mesmo com tudo que já aconteceu, eles nos aceitaram e prometeram cuidar de nós.
Meu namorado se chama Rogue, ele é alto, forte e tem cabelos negros lindos, é desenhista e muito carinhoso. Já o namorado da Juvia se chama Lyon, ele também é alto e forte, mas seus cabelos são grosalhos e espetados,ele é escultor e muito brincalhão.
Bom,mas agora depois de tanto tempo, decidimos voltar para Magnólia, pois os rapazes conseguiram bolsas para uma das melhores escolas de artes do mundo, a Saber, que se encontra justamente em Magnólia. Claro que eles aceitaram o convite e nós não deixaríamos eles sozinhos. Óbvio que estou um pouco nervosa, afinal a chance de encontrar com Natsu são grandes, porém não posso me deixar abalar, o passado ficou para trás e agora trilhamos caminhos diferentes

Natsu 
Depois daquele maldito dia, eu e Gray fizemos uma promessa...não deixariamos nos abalar por elas e seguiriamos nossos caminhos, e assim fizemos. Hoje sou formado em Ed. Física e continuo praticando Karatê, enquanto Gray se formou em Direito.
Comecei a namorar a Lis ( até porque depois de nos ajudar tanto, seria injusto não lhe dar uma chance)  e Gray piorou como galinha, todo dia é uma diferente kk.
Compramos dois apartamentos maiores, mas continuamos vizinhos _ esse zé ruela não vive sem mim _ e nesse exato momento estou jogado no sofá no maior tédio até que batem na porta, e o Gray entra parecendo um furacão e se joga no MEU sofá 
- educação mandou lembrança !
- fala que eu devolvo _ folgado _ ou .... bora fazer alguma coisa, afinal é sexta-feira a tarde e eu to com muito tédio 
- então é dois amigo !
- e a Lisanna ?
- ah...parece que ela tinha um jantar familiar hoje a noite
- e tu escapou como ? _ me perguntou desconfiado e eu apenas sorri de canto
- sabe eu to passando muito mal _ disse fingindo cara de dor e Gray caiu na gargalhada 
- safado mentiroso, mas enfim, que tal irmos ao shopping ?
- não tenho nada o que fazer, então vamo !
Fui me trocar e encontrei com Gray na garagem do prédio, ele pegou seu carro esporte Preto e fomos até o shopping, mas aquele retardado foi abdusido, porque assim que eu olho pro lado o infeliz não tá.
Fiquei rondando pelo shopping  olhando algumas lojas de artigos de animes e mangás, até que esbarro em alguém 
- olha por onde anda troço ! _ escutei uma garota dizendo/ gritando .
Me virei para ela e quase tive um infarto...


Notas Finais


Já vou postar o próximo okay ?
Bjsss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...